Banca de DEFESA: CAROLINA BARBOSA DE LIRA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : CAROLINA BARBOSA DE LIRA
DATA : 20/12/2019
HORA: 09:00
LOCAL: NEIM/UFBA
TÍTULO:

“MEU CORPO AINDA TEM MUITO O QUE DIZER”: O ENVELHECIMENTO NA PERSPECTIVA DE MULHERES BAILARINAS


PALAVRAS-CHAVES:

Gênero; geração; envelhecimento; bailarina; corpo


PÁGINAS: 99
RESUMO:

Inserida na linha de pesquisa Gênero, desigualdades e alteridades do Programa de Pós-graduação em Estudos Interdisciplinares sobre Mulheres, Gênero e Feminismo da Universidade Federal da Bahia, essa dissertação se debruça sobre as temáticas de gênero e geração, buscando compreender como o envelhecimento é vivenciado segundo a perspectiva de mulheres bailarinas. A pesquisa foi desenvolvida em uma abordagem interdisciplinar, visto que nenhuma disciplina detém o monopólio do estudo do envelhecimento. O referencial teórico foi pautado principalmente em estudos sociológicos e antropológicos. A metodologia adotada para construção da pesquisa da pesquisa, além da pesquisa bibliográfica, tomou como base uma abordagem qualitativa, mediante um processo de triangulação metodológica, através uso de pesquisa documental, entrevistas semi-estruradas e observação participante. Ao todo, vinte e duas bailarinas – com idades de 28 até 65 anos – foram entrevistadas e acompanhadas em seu ambiente de trabalho, descortinando para a pesquisadora uma enorme diversidade de experiências, percepções e sentimentos diante do desdobrar de cada curso de vida. Entendendo a vida como processo e partindo do pressuposto de que esse processo não é vivenciado da mesma forma por todas as pessoas, o campo e análise de dados revelaram as múltiplas possibilidades sociais e culturais que permeiam a experiência de envelhecer dançando.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 002.354.075-34 - ALDA BRITTO DA MOTTA - UFBA
Externo à Instituição - LIA DA ROCHA LORDELO - UFRB
Interno - 1674210 - MARCIA DOS SANTOS MACEDO
Notícia cadastrada em: 20/12/2019 08:55
SIGAA | STI/SUPAC - - | Copyright © 2006-2022 - UFBA