Dissertações/Teses

Clique aqui para acessar os arquivos diretamente da Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da UFBA

2024
Dissertações
1
  • JULIANO DOURADO SANTANA
  • PRINCÍPIOS DE PLANEJAMENTO PARA O ENSINO DE EVOLUÇÃO HUMANA NO ENSINO MÉDIO DE HISTÓRIA: O problema do negacionismo científico

  • Orientador : CLAUDIA DE ALENCAR SERRA E SEPULVEDA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CLAUDIA DE ALENCAR SERRA E SEPULVEDA
  • CHARBEL NINO EL HANI
  • PEDRO PINHEIRO TEIXEIRA
  • Data: 05/06/2024

  • Mostrar Resumo
  • Esse trabalho tematiza a origem humana, em um estudo de desenvolvimento educacional. O ensino da evolução humana também precisa ser crítico, pois diretamente relacionado aos problemas do negacionismo científico e da colonialidade do tempo. Em uma perspectiva teórico-metodológica da Pesquisa de Design Educacional (Design Research), com o objetivo de investigar quais características uma sequência didática deve possuir para favorecer a abordagem do ensino de evolução humana (EEH) no contexto do Ensino Médio, e no intuito de promover uma visão equilibrada sobre a ciência, em tempos de negacionismo científico, e a partir da valorização cultural patrimonial, proponho o desenvolvimento de intervenções contextualizadas e a construção de uma sequência didática (SD) sobre temas referentes à origem humana, no contexto da formação de alunos de História no semiárido baiano. Este trabalho é parte de um estudo de desenvolvimento de inovação educacional, caracterizado pela iteratividade das suas sucessivas fases de planejamento, implementação e avaliação de intervenções educacionais. A etapa preliminar da pesquisa consiste na análise do contexto educacional, revisão da literatura e desenvolvimento de uma estrutura teórica e conceitual. Os resultados obtidos na primeira fase fundamentaram a sistematização de quatro princípios de design e, a partir deles, o desenvolvimento da fase de prototipagem, tendo como produto a elaboração de uma sequência didática sobre evolução humana. Esperamos que nossa pesquisa abranja no futuro o estudo minucioso e sistemático de sucessivos ciclos de aplicação, análise, avaliação e validação, e que contribua para uma educação que favoreça a educação patrimonial, de valorização cultural local, em transversalidade com o respeito ao meio ambiente e à diversidade de culturas humanas. 


  • Mostrar Abstract
  • This work focuses on human origins, in a study of educational development. The teaching of human evolution also needs to be critical, as it is directly related to the problems of scientific denialism and the coloniality of time. In a theoretical-methodological perspective of Educational Design Research, with the aim of investigating what characteristics a didactic sequence must have to favor the approach to teaching human evolution in the context of high school, and with the intention of promoting a balanced view of science, in times of scientific denialism, and based on cultural heritage appreciation, I propose the development of contextualized interventions and the construction of a didactic sequence on topics relating to human origin, in the context of instruction students of History in the semi-arid region of Bahia. This work is part of a study of the development of educational innovation, characterized by the iterative nature of its successive phases of planning, implementation and evaluation of educational interventions. The preliminary stage of the research consists of analyzing the educational context, reviewing the literature and developing a theoretical and conceptual framework. The results obtained in the first phase supported the systematization of four design principles and based on them the development of the prototyping phase, resulting in the elaboration of a didactic sequence on human evolution. We hope that our research will encompass in the future the detailed and systematic study of successive cycles of application, analysis, evaluation and validation, and that it will contribute to an education that favors heritage education, local cultural appreciation, in transversality with respect for the environment and to the diversity of human cultures.

2
  • ROSELY CRISTINA LIRA DA SILVA
  • COBRAS CRIADAS – MULHERES NAS CIÊNCIAS: O PIONEIRISMO DE MARIE PHISALIX (1861-1946) NA PESQUISA, NO ENSINO E NA DIVULGAÇÃO CIENTÍFICA SOBRE ANIMAIS PEÇONHENTOS

  • Orientador : ROSILEIA OLIVEIRA DE ALMEIDA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIANA DE CARVALHO DOLCI
  • MOEMA DE REZENDE VERGARA
  • ROSILEIA OLIVEIRA DE ALMEIDA
  • Data: 28/06/2024

  • Mostrar Resumo
  • A pesquisa traz um estudo biográfico sobre a professora, médica, cientista e feminista francesa, Marie Phisalix (1861-1946), com foco nos processos de legitimação, controvérsias e consensos, destacando sua principal obra, o Livro Animaux Venimeux et Venins (Animais Venenosos e Venenos), de 1922. Estudamos esse Livro como objeto histórico singular através de um exemplar original, que cruzou o Atlântico e pertenceu ao Professor Eduardo Lins Ferreira de Araújo (1890-1970), da Faculdade de Medicina, até ser depositado, em 1988, na biblioteca do Núcleo de Ofiologia e Animais Peçonhentos da Bahia do Instituto de Biologia da Universidade Federal da Bahia. Foi conduzida por meio da triangulação de métodos qualitativos (estudo biográfico, análise documental e pesquisa on-line e de campo), totalizando cinco acervos digitais e quinze presenciais, consultados entre 23/01 e 14/02/2023, percorrendo as cidades de Besançon, Roscoff, Paris, Burg-en-Bresse e Mouthier-Houte-Pierre. Marie Phisalix nasceu em Besançon (1861), em família abastada, o que lhe permitiu uma educação diferenciada e a construção de base científica sólida. Estudou na École Normale Supérieure de Sèvres de Paris (1882-1884) e no Lycée de Jeunes Filles em Besançon (1885), onde obteve o título de Professora (Ciências). Em 1888 foi nomeada Professora em Cambrai, depois em Bourg-en-Bresse e Besançon (cidade onde iniciou seus estudos em Medicina) e foi aluna de Césaire Phisalix (1852-1906), com quem se casou em 1895. Conheceram-se na Station Biologique de Roscoff, quando Césaire Phisalix se recuperava de sequelas de uma batalha de guerra na Tunísia (1881). Em 1894, Césaire Phisalix foi reconhecido como um dos descobridores da soroterapia antiveneno, juntamente com Bertrand (1867-1962) e Calmette (1863-1933). Em 1900, Marie Phisalix obteve o doutoramento em medicina na Faculté de Médecine de Paris, com a Tese Recherches histologiques et physiologiques sur les glandes à venin de la salamandre terrestre, premiada com Medalha de Prata pela excelência do trabalho. O casal Phisalix desenvolveu pesquisas sobre animais venenosos, venenos, envenenamentos e venenoterapia no Muséum National d'Histoire Naturelle de Paris até o falecimento dele em 1906. Marie Phisalix permaneceu neste Museu até a sua morte (1946), onde construiu sólida carreira, com a publicação de quatro livros, cerca de 275 artigos e dezenas de matérias de divulgação científica em diversos meios de comunicação franceses da época. Em homenagem a Césaire Phisalix, Marie Phisalix criou a École Césaire Phisalix e o Muséum d'Histoire Naturelle em Mouthier-Houte-Pierre, em 1907, hoje Musée Phisalix d'Histoire Naturelle, com rico acervo. Marie Phisalix se interessou pelas serpentes desde cedo, enfrentou todos os desafios de uma mulher cientista de sua época, esposa de cientista famoso, arriscando sua vida, vítima de quatro acidentes por suas apaixonantes serpentes: ninguém se aventura a entrar para ver as últimas espécies exóticas do Jardin des Plantes que resistiram aos últimos cinco invernos de guerra em Paris. A única pessoa que vai todos os dias para o encontro... com as víboras é ela, uma mulher pequena, de 85 anos, cabelos curtos, olhos vivos... e que tem na sua trajetória 50 anos de intimidade com essas espécies classificadas como nojentas e perigosas (Jornal Ambiance, 1945).


  • Mostrar Abstract
  • The research presents a biographical study on the French professor, doctor, scientist and feminist, Marie Phisalix (1861-1946), focusing on the processes of legitimation, controversies and consensus, highlighting her main work, the Book Animaux Venimeux et Venins (Poisonous Animals and Poisons), from 1922. We study this Book as a unique historical object through an original copy, which crossed the Atlantic and belonged to Professor Eduardo Lins Ferreira de Araújo (1890-1970), from the Faculty of Medicine, until it was deposited in 1988, in the library of the Center for Ophiology and Venomous Animals of Bahia at the Institute of Biology at the Federal University of Bahia. It was conducted through the triangulation of qualitative methods (biographical study, documentary analysis and online and field research), totaling five digital and fifteen in-person collections, consulted between 23/01 and 14/02/2023, traveling through the cities of Besançon, Roscoff, Paris, Burg-en-Bresse and Mouthier-Houte-Pierre. Marie Phisalix was born in Besançon (1861), into a wealthy family, which allowed her a differentiated education and the construction of a solid scientific base. She studied at the École Normale Supérieure de Sèvres in Paris (1882-1884) and at the Lycée de Jeunes Filles in Besançon (1885), where she obtained the title of Professor (Sciences). In 1888 she was appointed Professor in Cambrai, then in Bourg-en-Bresse and Besançon (the city where she began her studies in Medicine) and was a student of Césaire Phisalix (1852-1906), whom she married in 1895. They met at the Station Roscoff's Biologique, when Césaire Phisalix was recovering from the after-effects of a war battle in Tunisia (1881). In 1894, Césaire Phisalix was recognized as one of the discoverers of antivenom serum therapy, together with Bertrand (1867-1962) and Calmette (1863-1933). In 1900, Marie Phisalix obtained her doctorate in medicine at the Faculté de Médecine in Paris, with the Thesis Recherches histologiques et physiologiques sur les glandes à venin de la salamandre terrestrial, awarded a Silver Medal for the excellence of her work. The Phisalix couple carried out research on poisonous animals, venoms, poisonings and poison therapy at the Muséum National d'Histoire Naturelle in Paris until his death in 1906. Marie Phisalix remained at this Museum until her death (1946), where she built a solid career, with the publication of four books, around 275 articles and dozens of scientific popularization articles in various French media outlets at the time. In honor of Césaire Phisalix, Marie Phisalix created the École Césaire Phisalix and the Muséum d'Histoire Naturelle in Mouthier-Houte-Pierre, in 1907, today the Musée Phisalix d'Histoire Naturelle, with a rich collection. Marie Phisalix was interested in snakes from an early age, she faced all the challenges of a woman scientist of her time, wife of a famous scientist, risking her life, victim of four accidents for her fascinating snakes: no one dares to go in to see the latest exotic species of the Jardin des Plantes that have withstood the last five winters of war in Paris. The only person who goes every day to meet... with the vipers is her, a small woman, 85 years old, short hair, lively eyes... and who has 50 years of intimacy with these classified species as disgusting and dangerous (Journal Ambiance, 1945).

Teses
1
  • POLIANA SCHETTINI SILVA
  • OS SABERES DOCENTES NA FORMAÇÃO DO PROFESSOR DE FÍSICA: UMA ANÁLISE DO PLANEJAMENTO À EXECUÇÃO DE UMA SEQUÊNCIA DIDÁTICA

  • Orientador : INDIANARA LIMA SILVA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ALESSANDRO FREDERICO DA SILVEIRA
  • ANA CRISTINA SANTOS DUARTE
  • ELDER SALES TEIXEIRA
  • INDIANARA LIMA SILVA
  • SERGIO LUIZ BRAGATTO BOSS
  • Data: 06/02/2024

  • Mostrar Resumo
  • Esta pesquisa, de natureza fenomenológica, teve como ponto de partida a nossa insatisfação com modo que se encontra o Ensino de Física na Educação Básica, atrelada a nossa concepção de que a busca pela melhoria do mesmo passa, obrigatoriamente, pela melhoria da formação de professores. Acreditamos que a formação de professores precisa estar alinhada com a concepção de professor que queremos atuando na Educação Básica e por conta disso, nos debruçamos, inicialmente, em entender como o professor de física está sendo formado, analisando e discutindo sobre os modelos de formação docente que estruturam os cursos de licenciatura do país, além de olharmos sistematicamente para o desenvolvimento dos saberes docente que compõe a base de conhecimentos do professor. Assim, focamos nossas atenções no Estágio Supervisionado, por entendermos as potencialidades formativas que o mesmo tem, pois é durante esse momento que o aluno se depara com todas as variáveis do trabalho docente, ocupando o espaço de professor pela primeira vez. Dessa forma, ao longo da pesquisa objetivamos: i) compreender os significados atribuídos, pelos licenciandos em Física, aos saberes docentes relacionados ao planejamento e execução de uma Sequência Didática, elaborada com base na Teoria da Aprendizagem Significativa; e ii) analisar a composição do Conhecimento Pedagógico de Conteúdo (PCK) dos licenciandos em diferentes momentos. Para alcançar tais objetivos, desenvolvemos uma pesquisa qualitativa tendo a observação participante como técnica de pesquisa. Os dados foram coletados junto à uma turma de Estágio Supervisionado do curso de Licenciatura em Física da universidade Federal do Recôncavo da Bahia, no Centro de Formação de Professores. Os resultados foram analisados à luz da Analise de Conteúdo e mostraram que os licenciandos conseguiram desenvolver um conjunto de saberes docentes relacionados às habilidades de ensino, no entanto nenhum saber foi desenvolvido sobre o uso da Teoria da Aprendizagem Significativa. Além disso, foi possível inferir que o houve um movimento do PCK dos licenciandos, quando confrontamos a composição do mesmo em diferentes momentos. Por fim, identificamos que enquanto o PPC do curso apresenta traços da racionalidade técnica, a disciplina de estágio supervisionado foi estruturada nos mols da racionalidade crítica, contribuindo para o desenvolvimento de uma postura crítico-reflexiva nos licenciandos.


  • Mostrar Abstract
  • This research, of a phenomenological nature, had as its starting point our dissatisfaction with the way Physics Teaching is found in Basic Education, linked to our conception that the search for improving it necessarily involves improving teacher training. We believe that teacher training needs to be aligned with the conception of teacher we want working in Basic Education and because of this, we initially focused on understanding how physics teachers are being trained, analyzing and discussing the models of teacher training that structure the country's undergraduate courses, in addition to systematically looking at the development of teaching knowledge that makes up the teacher's knowledge base. Therefore, we focus our attention on the Supervised practicum in initial teachers education, as we understand the training potential it has, as it is during this moment that the student is faced with all the variables of teaching work, occupying the role of teacher for the first time. Therefore, throughout the research we aimed to: i) understand the meanings attributed, by Physics graduates, to teaching knowledge related to the planning and execution of a Didactic Sequence, prepared based on the Theory of Meaningful Learning; and ii) analyze the composition of the Pedagogical Content Knowledge (PCK) of graduates at different times. To achieve these objectives, we developed qualitative research using participant observation as a research technique. The data were collected from a Supervised pre-services class of the Physics Degree course at the Federal University of Recôncavo da Bahia, at the Teacher Education Center. The results were analyzed in the light of Content Analysis and showed that the undergraduates managed to develop a set of teaching knowledge related to teaching skills, however no knowledge was developed regarding the use of Meaningful Learning Theory. Furthermore, it was possible to infer that there was a movement in the PCK of undergraduate students, when we compared its composition at different moments. Finally, we identified that while the course's PPC presents traces of technical rationality, the supervised internship discipline was structured along the lines of critical rationality, contributing to the development of a critical-reflective stance in undergraduates.

2
  • UILIAN DOS SANTOS SANTANA
  • PROBLEMATIZAÇÃO NA EDUCAÇÃO INTERCULTURAL: CONTRIBUIÇÕES NECESSÁRIAS AO ENSINO DE CIÊNCIAS

  • Orientador : GEILSA COSTA SANTOS BAPTISTA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ROGÉRIO SOARES CORDEIRO
  • Eraldo Medeiros Costa Neto
  • FABIO PESSOA VIEIRA
  • GEILSA COSTA SANTOS BAPTISTA
  • RAFAEL MOREIRA SIQUEIRA
  • Data: 26/02/2024

  • Mostrar Resumo
  • Diante da realidade e da diversidade educacional brasileira, torna-se importante compreender e traçar caminhos pelos quais o ensino de ciências possa valorizar as diferentes culturas. Nesse sentido, a educação intercultural torna-se interessante e ainda mais relevante, sobretudo para fazer com que os estudantes oriundos de comunidades tradicionais tenham seus conhecimentos valorizados. Além disso, torna-se necessário fazer com que o ensino seja problematizador, de modo que haja o questionamento acerca da ciência Ocidental hegemônica nas aulas de ciências, compreendendo que existem conhecimentos tradicionais. Para isso, pensar acerca dos questionamentos e perguntas podem trazer contribuições significativas. A presente pesquisa, em vista disso, possui um formato multipaper, e tem como objetivo geral analisar as contribuições da problematização por meio de perguntas e questionamentos para fomentar o diálogo intercultural no ensino de ciências em comunidades tradicionais. Os objetivos específicos são: a) investigar as contribuições das perspectivas freireana e bakhtiniana com a educação científica intercultural por problematização; b) refletir as potencialidades das Pedagogias Locais de uma comunidade tradicional na problematização por meio de perguntas e questionamentos no contexto do ensino de ciências intercultural; c) analisar como a construção de uma sequência de ensino por problematização com base nas realidades socioculturais dos estudantes pode favorecer a formação docente culturalmente sensível na prática pedagógica em Biologia. Para cumprir o primeiro objetivo específico, foi construído o primeiro capítulo, sendo um estudo teórico articulando a pedagogia da pergunta e o ensino problematizador de Paulo Freire com a perspectiva da linguagem na construção de enunciados e interações baseada no Círculo de Bakhtin, em conjunto com questionamentos e perguntas visando a educação científica intercultural. Destacamos a importância de promover o equilíbrio epistêmico dialógico para compreensão do papel da ciência e o planejamento de enunciados problematizadores interculturais, que são estruturas que visam fomentar o diálogo intercultural nas aulas, a fim de promover a educação científica intercultural. No segundo capítulo, que visa cumprir o segundo objetivo específico, foi realizado um estudo com uma turma de uma escola pública de ensino médio na comunidade do Retiro, em Coração de Maria/BA. Neste estudo, foi utilizada uma síntese de um bate-papo com os estudantes, a professora de biologia dessa turma e o pesquisador, além de diário de campo, para analisar as Pedagogias Locais desta comunidade, entendendo os conhecimentos tradicionais dos estudantes e apresentando enunciados problematizadores interculturais que possam ser utilizados nas aulas de ciências. O terceiro objetivo específico origina o terceiro capítulo, em que foi analisada a construção colaborativa de uma Sequência de Ensino Problematizador Intercultural (SEPI) entre o pesquisador e uma professora de Biologia. Como resultado, houve um enriquecimento do perfil culturalmente sensível, bem como a pertinência do conhecimento da comunidade e o desenvolvimento de atividades que estejam relacionadas ao contexto local. Assim, compreendemos a importância de que o ensino seja problematizador, que valorize os conhecimentos dos estudantes oriundos de comunidades tradicionais e que as perguntas e questionamentos, quando planejados e organizados em enunciados problematizadores interculturais, podem suscitar interações e diálogos nas aulas, favorecendo a compreensão da ciência como uma cultura dentre outras e aprofundando o processo da educação científica intercultural.


  • Mostrar Abstract
  • In light of the diverse educational landscape in Brazil, it becomes imperative to comprehend and chart pathways through which science education can acknowledge and celebrate diverse cultures. In this context, intercultural education becomes not only compelling but also essential, particularly in ensuring that students from traditional communities have their knowledge duly recognized. Furthermore, it is crucial to imbue the teaching process with a problematizing approach, fostering a critical examination of the hegemonic influence of Western science in science classrooms, acknowledging the existence of traditional knowledge. Delving into questions and inquiries emerges as a necessary avenue for significant contributions. This research, structured as a multipaper format, aims to analyze the contributions of problematization through questions and inquiries in fostering intercultural dialogue in the teaching of science within traditional communities. The specific objectives include: a) investigating the contribuitions between the Freirean and Bakhtinian perspectives within intercultural scientific education through problematization; b) reflecting on the potential of local pedagogies in traditional communities to engage in problematization through questions and inquiries in the context of intercultural science teaching; c) analyzing how construction of a teaching sequence through problematization based on the sociocultural realities of students can favor culturally sensitive teacher training, particularly in the field of Biology. To address the first specific objective, the first chapter presents a theoretical study that connects the pedagogy of questioning and the problematizing teaching of Paulo Freire with the perspective of language construction of statements and interactions based on Bakhtin's Circle. This is complemented by the inclusion of questions and inquiries aimed at fostering intercultural scientific education. Emphasis is placed on promoting dialogical epistemic balance to comprehend the role of science and to plan intercultural problematizing statements, structures intended to encourage intercultural dialogue in classrooms, thereby promoting intercultural scientific education. In the second chapter, designed to fulfill the second specific objective, involves a study with a class from a public high school in the Retiro community in Coração de Maria/BA. Through a synthesis of conversations with students, the biology teacher, and the researcher, along with field notes, the study aims to analyze local pedagogies in this community, understand the traditional knowledge of students, and present intercultural problematizing statements applicable in science classrooms. The third specific objective originates the third chapter, in which the collaborative construction of an Intercultural Problematizing Teaching Sequence (IPTS) between the researcher and a Biology teacher was analyzed. As a result, there was an enrichment of the culturally sensitive profile, as well the relevance of community knowledge and the development of activities that are related to the local context. Thus, we underscore the importance of imbuing teaching with a problematizing approach that values the knowledge of students from traditional communities. The intentional planning of inquiries and questions, when planned and organized in intercultural problematizing statements, serves to provoke interactions and dialogues in classrooms, enhancing the comprehension of science as a culture among others and deepening the process of intercultural scientific education.

3
  • JACQUELINE MARCIA LEAL DA SILVA
  •  

     DESVELANDO PRINCÍPIOS DA CULTURA HACKER: OS(AS) LICENCIANDOS(AS) EM PEDAGOGIA E A RELAÇÃO DE CUIDADO COM A NATUREZA 

  • Orientador : LYNN ROSALINA GAMA ALVES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANDREIA MARIA PEREIRA DE OLIVEIRA
  • CAMILA LIMA SANTANA E SANTANA
  • CARLA VERONICA ALBUQUERQUE ALMEIDA
  • FABIANA ROBERTA GONCALVES E SILVA HUSSEIN
  • LYNN ROSALINA GAMA ALVES
  • Data: 24/04/2024

  • Mostrar Resumo
  • A presente tese de doutorado toma como ponto de partida a análise da cultura hacker para investigar suas contribuições no fortalecimento da relação do(a) licenciando(a) em pedagogia com a natureza. Dentro desta perspectiva, tornou-se importante investigar como a cultura hacker pode contribuir pedagogicamente para o componente curricular Referenciais Teóricos e Metodológicos das Ciências Naturais (RTMCN) promover o fortalecimento da relação de cuidado dos(as) licenciandos(as) com a natureza. Em sintonia com esta questão, o objetivo geral proposto foi compreender os princípios constitutivos da cultura hacker na perspectiva de contribuírem para uma relação de cuidado dos licenciandos com a natureza, construída no âmbito dos estudos no componente curricular RTMCN. Para tanto realizamos um Estudo de Caso qualitativo, em uma turma do referido componente na licenciatura em pedagogia no Campus I da UNEB (Universidade do Estado da Bahia). Utilizamos as técnicas de produção de dados: observação direta e participada, entrevista e análise documental, envolvendo tanto os discentes quanto as professoras da turma. Um estudo bibliográfico sobre a cultura hacker foi realizado para fins de delinear seus fundamentos políticos e filosóficos e identificar as categorias inerentes a esta cultura: democratização da informação; cultura livre e o Commons, etapas relevantes para o embasamento teórico da pesquisa. Foram definidos princípios fundamentais das comunidades hackers os quais demonstram e estabelecem condições favoráveis à convivência respeitosa em coletividade: predisposição ao compartilhamento de informações e conhecimentos; postura naturalmente colaborativa e exercício respeitoso da liberdade. Os estudos que envolvem a relação ser humano e natureza partiram das reflexões acerca da trajetória dos movimentos e organizações civis mundiais para a preservação do meio ambiente, que concedem importantes informações à população e possibilitam uma tomada de consciência sobre os riscos da degradação da natureza para a humanidade, se constituindo em um posicionamento utilitarista, além de não promover resultados significativos ao longo de várias décadas. Ademais, são discutidos na perspectiva pedagógica, as concepções de ecopedagogia, pedagogia da terra, alfabetização ecológica e a essência do cuidado como ethos fundamental do ser humano, referenciando-se na racionalidade ambiental e no saber ambiental. Os resultados da pesquisa apontam a necessidade de criação de estratégias metodológicas em espaços formativos dos pedagogos, em especial as salas de aula dos componentes curriculares que “ensinam-aprendem-ensinam” ciências da natureza, fundamentadas nos princípios da cultura hacker delineados nesta pesquisa, os quais deverão proporcionar experiências didático-pedagógica promotoras de valores constitutivos de uma relação ética de respeito e de cuidado entre futuros professores da Educação Infantil/anos iniciais do EF e a natureza. 


  • Mostrar Abstract
  • This doctoral thesis takes as its starting point the analysis of hacker culture to investigate its contributions to strengthening the relationship between pedagogy students and nature. Within this perspective, it became important to investigate how hacker culture can pedagogically contribute to the curriculum component Theoretical and Methodological References of Natural Sciences (RTMCN) to promote the strengthening of students' care relationship with nature. In line with this question, the proposed general objective was to understand the constitutive principles of hacker culture from the perspective of contributing to a caring relationship between students and nature, constructed within the studies in the RTMCN curriculum component. To do so, we conducted a qualitative Case Study in a class of the aforementioned component in the pedagogy course at UNEB's Campus I (State University of Bahia). We used data production techniques: direct and participatory observation, interviews, and documentary analysis, involving both students and teachers of the class. A bibliographic study on hacker culture was conducted to delineate its political and philosophical foundations and identify the categories inherent to this culture: information democratization; free culture and the Commons, relevant stages for the theoretical basis of the research. Fundamental principles of hacker communities were defined, demonstrating and establishing favorable conditions for respectful coexistence in collectivity: predisposition to share information and knowledge; naturally collaborative posture, and respectful exercise of freedom. Studies involving the human-nature relationship stemmed from reflections on the trajectory of global civil movements and organizations for environmental preservation, which provide important information to the population and enable awareness of the risks of nature degradation for humanity, constituting a utilitarian position, and failing to promote significant results over several decades. Furthermore, pedagogical perspectives such as ecopedagogy, earth pedagogy, ecological literacy, and the essence of care as a fundamental ethos of human beings are discussed, referencing environmental rationality and environmental knowledge. The research results point to the need for the creation of methodological strategies in pedagogical training spaces, especially in classrooms of curriculum components that "teach-learn-teach" natural sciences, based on the hacker culture principles outlined in this research, which should provide didactic-pedagogical experiences promoting values constituting an ethical relationship of respect and care between future teachers of Early Childhood Education/Initial Years of Elementary Education and nature. 

4
  • SHAYANA BUSSON DOS SANTOS
  • Ciência e Violência na História da Obstetrícia na Bahia (1850-1940)

  • Orientador : LUIZ CARLOS SOARES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • GISELE PORTO SANGLARD
  • EDSON O DWYER JUNIOR
  • INDIANARA LIMA SILVA
  • LUIZ CARLOS SOARES
  • MARIA RENILDA NERY BARRETO
  • Data: 03/05/2024

  • Mostrar Resumo
  • (a completar)


  • Mostrar Abstract
  • (a completar)

2023
Dissertações
1
  • PEDRO VINÍCIUS CASTRO MAGALHÃES DO AMPARO
  • Bases anticoloniais para o ensino histórico-crítico de química: primeiras incinerações

  • Orientador : HELIO DA SILVA MESSEDER NETO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CAROLINA PICCHETTI NASCIMENTO
  • HELIO DA SILVA MESSEDER NETO
  • KATEMARI DIOGO DA ROSA
  • PALOMA NASCIMENTO DOS SANTOS
  • Data: 27/02/2023

  • Mostrar Resumo
  • A dificuldade de docentes em química com a implementação do ensino obrigatório de história e cultura africana e afro-brasileira tem sido frequentemente relatada na literatura, suscitando a necessidade do desenvolvimento de teorias pedagógicas que sirvam ao trabalho docente. Nesse sentido, objetivamos, aqui, elaborar princípios pedagógicos com vias de orientar o trabalho de docentes em química no referido ensino nas aulas de química, tentando dar conta dessa necessidade concreta que tem sido relatada na literatura. A produção destes princípios se deu por via de uma pesquisa teórica ancorada no materialismo histórico dialético, lançando mão da história de lutas e os respectivos acúmulos teóricos do movimento negro brasileiro e de uma análise teórica da literatura especializada. Os três princípios são: i) A dimensão histórico-sociológica dos sujeitos concretos do trabalho pedagógico; ii) A forma dos elementos didáticos no ensino de história e cultura africana e afro-brasileira nas aulas de química e iii) O ensino concreto de história e cultura africana e afro-brasileira nas aulas de química como produtor de uma concepção revolucionária de mundo. Eles se ancoram teórico-metodologicamente na pedagogia histórico-crítica e dão encaminhamentos para pensar os sujeitos concretos do trabalho pedagógico a partir de sua história, a contribuição do ensino de química para a formação de um sujeito revolucionário e como consolidar as articulações entre química e história e cultura africana e afro-brasileira na sala de aula. O trabalho suscita um debate para a pedagogia histórico crítica e o campo da educação das relações étnico-raciais, tensionando a multitude de proposições didáticas presentes no segundo, como também a ausência de investigações deste tema no primeiro.


  • Mostrar Abstract
  • The literature has reported an increasing difficulty of chemistry teachers implementing the mandatory teaching of African and Afro-Brazilian History and Culture. Herein we propose pedagogical principles to guide chemistry educators’ practice of teaching African and Afro-Brazilian History and Culture. This dissertation reports a theoretical investigation anchored on historical-dialectic materialism. The history of the black movement struggle and the contributions from the specialized literature are objects of analysis in this work. Historical-critical pedagogy is the pedagogical construct we adopted. The three principles are i) The historical-sociological dimension of concrete subjects of the pedagogical work; ii) The form of didactic elements on the teaching of African and Afro-Brazilian History and Culture in Chemistry classes and iii) The concrete teaching of African and Afro-Brazilian History and Culture in Chemistry classes as a productor of a revolutionary worldview. They offer insights into understanding the concrete subjects of the educational process, the contribution of chemical education to the formation of a revolutionary individual, and how to articulate Chemistry and African and Afro-Brazilian History and Culture. This research generates a debate for both the historical-critical pedagogy and the education of race and ethnic relations, problematizing the multitude of didactic propositions in the latter as well as the absence of investigations of the topic in the former. 

2
  • ANTONIO ALFA CANDÉ
  • EDUCAÇÃO CIENTÍFICA, EDUCAÇÃO AMBIENTAL E COMUNIDADES TRADICIONAIS: UM ESTUDO DE PRÁTICAS SUSTENTÁVEIS NO USO DE PLANTAS CABACEIRAS (BAOBÁS) PELA ETNIA FULA EM GUINÉ- BISSAU

  • Orientador : ROSILEIA OLIVEIRA DE ALMEIDA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • FABIO PESSOA VIEIRA
  • JAMILE BORGES DA SILVA
  • ROSILEIA OLIVEIRA DE ALMEIDA
  • Data: 06/07/2023

  • Mostrar Resumo
  • O contexto da educação em Guiné-Bissau e principalmente na aldeia de Québo explicita as falhas ocorridas ao longo do tempo no que tange ao ensino de Ciências e à abordagem sobre educação ambiental, sendo recorrente a não inclusão do diálogo de saberes tradicionais oriundos dos grupos étnicos, como os Fulas. Nesse sentido, é necessário focar nos aspectos que ultrapassam os saberes baseados somente no eurocentrismo, que torna o conhecimento científico como detentor da verdade absoluta. Ao longo dos anos surgiram questionamentos quanto a esse tipo de pensamento, a partir do reconhecimento de que há várias formas de saberes, todas elas legítimas. Essa bandeira é defendida pela corrente decolonial, que se posiciona contra essa visão universalista na educação e nas relações humanas pautadas na hierarquização, que é fruto da colonização europeia. Ademais, o mundo se depara com problemas ambientais graves, cujas consequências são alterações climáticas, secas extremas, ventos e chuvas anormais e são originadas pela ação dos seres humanos e em decorrência do capitalismo, que visa somente o lucro. É necessário promover uma educação científica e uma educação ambiental que visem à inclusão de ideias e vozes de populações tradicionais e os seus saberes nesse debate, com compromisso em superar a colonialidade, marcada pela discriminação e superioridade de conhecimentos. Nesse contexto, para os africanos, a oralidade, como uma forma de transmissão de conhecimentos, é uma resistência, na qual os mais velhos e anciões preservam um modo de vida e transmitem conhecimentos para gerações vindouras. Nesse sentido, este trabalho visa compreender as práticas sustentáveis no uso das plantas cabaceiras, transmitidas pela oralidade, construídas pelos membros da etnia fula, residentes na cidade do Québo em Guiné-Bissau como referência para o diálogo crítico e decolonial de saberes na educação escolar e discutir a necessidade de rever o currículo escolar na Guiné-Bissau, que traz influências externas e está distante da realidade social que abrange diversas culturas africanas, incluindo a dos Fulas, residentes na aldeia de Québo, onde este trabalho foi desenvolvido com metodologia de Djumbai, valorizando a oralidade e os saberes ancestrais. A consideração no currículo dos saberes tradicionais sobre a planta baobá é apresentada como uma proposta compromissada com a construção de um currículo decolonial para as escolas locais.


  • Mostrar Abstract
  • The context of education in Guinea-Bissau and especially in the village of Québo explains the failures committed over a period of time regarding the approach to environmental education, the non-inclusion of the dialogue of traditional knowledge from ethnic groups, such as the Fula of Guinea-Bissau, is recurrent. In that regard, it is necessary to focus on the aspects that exceed the knowledge based only on eurocentrism, which makes scientific knowledge the only holder of absolute truth. Over the years, questions have arisen about this type of thinking, based on the recognition that there are various forms of knowledge, all of them legitimate. This flag is defended by the decolonial current that stands against this universalist vision in education and in human relations based on hierarchization, which is the result of European colonization. Furthermore, the world is faced with serious environmental problems, whose consequences are climate change, extreme droughts, abnormal winds and rains and those are caused by the action of human beings and as a result of capitalism, which only seeks profit. It is necessary to promote scientific education and environmental education that including the ideas and voices of traditional populations and their knowledge in this debate, with a commitment to overcoming coloniality, marked by discrimination and superiority of knowledge. In this context, for Africans, orality as a form of transmission of knowledge is a resistance, in which the elders preserve a way of life and transmit knowledge to future generations. In this sense, this work aims to understand the sustainable practices in the use of gourd plants, transmitted orally, constructed by members of the Fula ethnic group, residing in the city of Québo in Guinea-Bissau as a reference for the critical and decolonial. In this sense, this research aims to discuss the need to review the school curriculum in Guinea-Bissau, which brings external influences, and it is far from the social reality that encompasses several African cultures, including that of the Fulas, who residing in the village of Québo, where this work was carried out, developed with Djumbai methodology. THE consideration in the curriculum of traditional knowledge about the baobab plant is presented as a proposal committed to the construction of a decolonial curriculum for local schools.

3
  • Kessia Leilicia Almeida dos Santos
  • UMA ANÁLISE DE LIVROS DIDÁTICOS SOBRE O MODELO ATÔMICO DE DALTON EM RELAÇÃO À ARGUMENTAÇÃO E AO USO DA HISTÓRIA E FILOSOFIA DA CIÊNCIA

  • Orientador : ELDER SALES TEIXEIRA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ELDER SALES TEIXEIRA
  • LETICIA DOS SANTOS PEREIRA
  • JOSE LUIS DE PAULA BARROS SILVA
  • Stefannie de Sá Ibraim
  • Data: 18/07/2023

  • Mostrar Resumo
  • O presente trabalho teve como objetivo analisar como o modelo atômico de Dalton tem sido abordado nos livros didáticos de ciências da natureza do ensino médio, aprovados pelo PNLD 2021, em relação aos aspectos históricos e argumentativos. A metodologia para análise dos livros didáticos foi feita de forma qualitativa e em duas etapas: a primeira, sobre os aspectos históricos apresentados nos livros para abordar o assunto, usando um instrumento de análise adaptado de Leite (2002); a segunda, sobre os aspectos argumentativos dos livros, usando o padrão de argumentação de Toulmin (2006). Concluiu-se que apesar do PNLD exigir que os livros didáticos utilizem a história da ciência, as informações históricas encontradas nesses livros didáticos analisados pouco contribuem para auxiliar na construção de conceitos pelos estudantes. Em relação a argumentação, os livros didáticos podem ser agrupados em três categorias: (A) aqueles que apresentam argumentação satisfatória do ponto de vista do PAT e do conteúdo do MAD; (B) aqueles que não apresentam argumentação satisfatória do ponto de vista do PAT e do conteúdo do MAD; (C) aqueles que apresentam argumentação satisfatória do ponto de vista do PAT, mas não, do conteúdo do MAD


  • Mostrar Abstract
  • The present work aimed to analyze how Dalton's atomic model has been approached in natural science textbooks for high school, approved by PNLD 2021, in relation to historical and argumentative aspects. The methodology for analyzing the textbooks was carried out qualitatively and in two stages: the first, on the historical aspects presented in the books to approach the subject, using an analysis instrument adapted from Leite (2002); the second, on the argumentative aspects of the books, using Toulmin's argumentation pattern (2006). It was concluded that although the PNLD requires that textbooks use the history of science, the historical information found in these analyzed textbooks does little to help students construct concepts. Regarding argumentation, textbooks can be grouped into three categories: (A) those that present satisfactory argumentation from the point of view of the PAT and the content of the MAD; (B) those who do not present a satisfactory argument from the point of view of the PAT and the content of the MAD; (C) those who present a satisfactory argument from the point of view of the PAT, but not from the content of the MAD.

4
  • IGOR OLIVEIRA TAVARES
  • A QUE SERVE OS MODELOS PARA A QUÍMICA? Primeiras aproximações a partir da psicologia histórico-cultural e Vasili V. Davidov

  • Orientador : HELIO DA SILVA MESSEDER NETO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • HELIO DA SILVA MESSEDER NETO
  • EDILSON FORTUNA DE MORADILLO
  • CAROLINA PICCHETTI NASCIMENTO
  • Data: 31/07/2023

  • Mostrar Resumo
  • Os modelos são centrais para o Ensino de Química! Não podemos deixar de destacar
    esse ponto, visto que a elaboração do seu ensino perpassa, de uma forma ou de outra,
    o trabalho com modelos. Contudo, percebe-se que ainda não há uma constituição
    sólida de um Ensino de Química que utilize dos modelos que estabeleçam relações
    essenciais ao desenvolvimento do pensamento a partir do seu ensino e,
    consequentemente, a uma maior apropriação do seu conteúdo. Pensando nisso,
    tomando como base teórica o psicólogo soviético Vasili Vasilovich Davidov, a
    Psicologia Histórico-Cultural e o Materialismo Histórico-Dialético; objetivamos nesta
    dissertação investigar as [possíveis] contribuições da ideia do pensamento teórico em
    Davidov para se pensar os modelos para o Ensino de Química. Entendemos que
    Davidov, em sua elaboração sobre a Atividade de Estudo, fornece elementos que nos
    permitem uma aproximação com a química, ainda não elaborados na área de Ensino
    de Ciências. Portanto, diante do investigado, os resultados deste trabalho estão
    sistematizados e expostos em forma de teses. Escolhemos trazer nossos resultados
    dessa forma, pois a tese apresenta um caráter mais geral e diretivo, o que está de
    acordo com as questões que nos propusermos a tratar aqui. Serão duas teses
    centrais: I) A química não precisa dos modelos porque é abstrata; II) Todo modelo é
    uma representação, mas nem toda representação é um modelo. Adicionalmente,
    trazemos um ponto de síntese entre essas duas teses: Um caminho para a síntese: O
    modelo é conteúdo, ao mesmo tempo que também é forma.


  • Mostrar Abstract
  • Models are central to teaching chemistry! We cannot fail to highlight this point, as the
    elaboration of his teaching pervades, in one way or another, the work with models.
    However, it is perceived that there is still no solid constitution of a teaching of chemistry
    that uses models that establish essential relationships to the development of thought
    from its teaching and, consequently, to a greater appropriation of its content. With that
    in mind, taking the Soviet psychologist Vasili Vasilovich Davidov as a theoretical basis,
    Historical-Cultural Psychology and Historical-Dialectical Materialism; In this
    dissertation, we aimed to investigate the [possible] contributions of the idea of
    theoretical thinking in Davidov to think about models for teaching chemistry. We
    understand that Davidov, in his elaboration on the Study Activity, provides elements
    that allow us to approach chemistry, not yet elaborated in Science Teaching.
    Therefore, in view of the investigation, the results of this work are systematized and
    exposed in the form of theses. We chose to bring our results in this way, because the
    thesis presents a more general and directive character, which is in accordance with
    the questions that we propose to address here. There will be two central theses: I)
    Chemistry does not need models because it is abstract; II) Every model is a
    representation, but not every representation is a model. Additionally, we bring a point
    of synthesis between these two theses: A path to synthesis: The model is content while
    it is form.

5
  • Laíza Ribeiro Pinheiro
  • AS NOVAS POLÍTICAS CURRICULARES NACIONAIS PARA A FORMAÇÃO INICIAL DE PROFESSORES: UMA ANÁLISE A PARTIR DA PEDAGOGIA HISTÓRICO-CRÍTICA

  • Orientador : RAFAEL MOREIRA SIQUEIRA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • EDILSON FORTUNA DE MORADILLO
  • MARA APARECIDA ALVES DA SILVA
  • RAFAEL MOREIRA SIQUEIRA
  • Data: 03/08/2023

  • Mostrar Resumo
  • Esta pesquisa caracteriza-se como uma investigação científica no campo do currículo, da formação de professores e da nova política curricular nacional, denominada de BNC-Formação Inicial, sob a luz da Pedagogia Histórico-Crítica (PHC) e dos fundamentos filosóficos do materialismo histórico-dialético. Consideramos a abordagem histórica, crítica e dialética como o princípio teórico-metodológico do nosso trabalho, porque acreditamos que a educação deve ser pensada como um processo humanizador, comprometido com a transformação social, bem como o desenvolvimento de um pensamento crítico e emancipador dos sujeitos. No que concerne ao arcabouço teórico deste estudo, organizamos a discussão sobre o currículo, analisando as teorias tradicionais, críticas e pós-críticas e as principais contribuições da PHC para esta temática. Na formação de professores, focamos o nosso debate na formação inicial e nas principais políticas curriculares que surgiram entre o período histórico de 1549 a 2019. Ademais, discutimos sobre a formação inicial de professores diante da Pedagogia HistóricoCrítica. Na BNC-Formação inicial, caracterizamos o seu contexto de formulação, sua estrutura, seu conteúdo e suas exigências normativas. Diante deste viés, esse trabalho pretende analisar a BNC-Formação Inicial e seus componentes, na perspectiva histórico-crítica, a partir da categoria do trabalho como um princípio educativo da organização e articulação do currículo para formação inicial de professores. Para atingi-los, utilizamos o método materialista dialético como base teórico-metodológica deste estudo, em uma pesquisa de caráter documental, analisando trechos da BNC-Formação Inicial e compreendendo seus possíveis impactos na formação inicial de professores. Para analisar o nosso objeto de estudo, utilizamos como categoria central “o trabalho como um princípio educativo da organização e articulação do currículo para formação inicial de professores” e, como subcategorias, “a educação como atividade intencional de produção de humanidade” e “a práxis pedagógica na formação inicial de professores”. Por meio da categoria da educação como atividade intencional de produção de humanidade, discutimos a educação como instrumento de humanização a partir da análise da inserção da história, da cultura e do saber sistematizado na BNC-Formação Inicial. Já por meio da categoria da práxis pedagógica, discorremos sobre o esvaziamento teórico da BNCFormação Inicial e o exacerbado viés prático, técnico e profissional encontrado na sobredita base. Por fim, concluímos que os princípios apresentados na BNC-Formação Inicial vão totalmente contra os fundamentos da Pedagogia Histórico-Crítica e do materialismo históricodialético, porque o processo formativo docente e a educação são utilizados como campo estratégico para manter o sistema capitalista e a lógica do capital em formar mão de obra barata, com perfil instrumental, prático e eficiente.


  • Mostrar Abstract
  • This research is characterized as a scientific investigation in the field of curriculum, teacher education, and the new national curricular policy, called BNC-Initial Education, under the light of Historical-Critical Pedagogy (HCP) and the philosophical foundations of historicaldialectical materialism. We consider the historical, critical, and dialectical approach as the theoretical-methodological principle of our work because we believe that education should be seen as a humanizing process, committed to social transformation, as well as the development of critical and emancipatory thinking of individuals. Regarding the theoretical framework of this study, we organized the discussion on curriculum by analyzing traditional, critical, and post-critical theories, as well as the main contributions of HCP to this subject. In teacher education, we focused our debate on initial education and the main curricular policies that emerged between the historical period from 1549 to 2019. Furthermore, we discussed initial teacher education in the context of Historical-Critical Pedagogy. In BNC-Initial Education, we characterized its formulation context, structure, content, and normative requirements. From this perspective, this work aims to analyze BNC-Initial Education and its components from a historical-critical perspective, starting from the category of work as an educational principle for the organization and articulation of the curriculum for initial teacher education. To achieve this, we used the dialectical materialist method as the theoretical-methodological basis of this study, in a documentary research, analyzing excerpts from BNC-Initial Education and understanding its possible impacts on initial teacher education. To analyze our object of study, we used "work as an educational principle for the organization and articulation of the curriculum for initial teacher education" as the central category, and as subcategories, "education as an intentional activity of human production" and "pedagogical praxis in initial teacher education." Through the category of education as an intentional activity of human production, we discussed education as an instrument of humanization based on the analysis of the insertion of history, culture, and systematized knowledge in BNC-Initial Education. Through the category of pedagogical praxis, we discussed the theoretical emptiness of BNC-Initial Education and the exaggerated practical, technical, and professional bias found in the aforementioned framework. Finally, we conclude that the principles presented in BNC-Initial Education are completely contrary to the foundations of Historical-Critical Pedagogy and historical-dialectical materialism because the teacher training process and education are used as a strategic field to maintain the capitalist system and the logic of capital in forming cheap labor with an instrumental, practical, and efficient profile.

6
  • JACKELINE DA SILVA GOMES
  • “SER MULHER”: PROCRIAÇÃO E CUIDADO PARENTAL? O CORPO DA MULHER COMO OBJETO DE ESTUDO NA FAMEB (1870-1879)

  • Orientador : CLAUDIA DE ALENCAR SERRA E SEPULVEDA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CLAUDIA DE ALENCAR SERRA E SEPULVEDA
  • Carolina Queiroz Santana
  • INDIANARA LIMA SILVA
  • JUAN MANUEL SANCHEZ ARTEAGA
  • MARIA FERNANDA VASQUEZ VALENCIA
  • Data: 29/08/2023

  • Mostrar Resumo
  • Esta pesquisa consiste na análise da construção histórica do corpo da mulher como objeto de estudo na Faculdade de Medicina da Bahia (FAMEB) da década de 70 do século XIX, partindo da seguinte pergunta: Como o corpo da mulher é construído como objeto de estudo no contexto dos estudos sobre órgãos do sistema reprodutor nas teses inaugurais da Faculdade de Medicina da Bahia na década de 1870, e as relações deste corpo com o desempenho das funções reprodutoras e exercício da maternidade ? Assim, realizamos uma investigação geral dos títulos das teses inaugurais produzidas na década de 70 do século XIX e que encontram-se catalogadas no acervo virtual da Biblioteca Gonçalo Moniz (BMG/FAMEB). Bem como, realizamos uma análise mais profunda das teses de João Gualberto Ferreira Santos Reis (1870) e José Leôncio de Medeiros (1871), que se tratam especificamente de estudos sobre órgãos do sistema reprodutor feminino, e a relação com o desempenho das funções reprodutoras. Por fim consideramos acerca dos resultados encontrados e significado histórico dos textos médicos, identificando suas contribuições, produções ou reproduções de conhecimentos acerca dos corpos das mulheres, bem como, as contribuições deste conhecimento na construção da representação de feminilidade ideal a partir dos estudos do corpo da mulher para a reprodução e exercício da maternidade.


  • Mostrar Abstract
  • This research consists of analyzing the historical construction of the woman's
    body as an object of study at the Faculdade de Medicina da Bahia (FAMEB) in
    the 1970s, starting from the following question: How is the woman's body
    constructed as an object of study in the context of studies on organs of the
    reproductive system in the inaugural theses of the Faculdade de Medicina da
    Bahia in the 1870s, and the relationships between this body and the performance
    of reproductive functions and motherhood? Thus, we carried out a general
    investigation of the titles of the inaugural theses produced in the 1970s and which
    are cataloged in the virtual collection of the Gonçalo Moniz Library
    (BMG/FAMEB). As well as, we carried out a deeper analysis of the theses of João
    Gualberto Ferreira Santos Reis (1870) and José Leôncio de Medeiros (1871),
    which are specifically about studies on organs of the female reproductive system,
    and the relationship with the performance of reproductive functions . Finally, we
    consider the results found and the historical significance of medical texts,
    identifying their contributions, productions or reproductions of knowledge about
    women's bodies, as well as the contributions of this knowledge in the construction
    of the representation of ideal femininity from studies of women's bodies. woman
    for reproduction and the exercise of motherhood.

7
  • TALITA DE JESUS DA SILVA
  • QUESTIONAMENTOS PROMOVIDOS POR PROFESSORES EM AULAS DE MATEMÁTICA E A PARTICIPAÇÃO VERBAL DE ESTUDANTES

  • Orientador : JONEI CERQUEIRA BARBOSA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JONEI CERQUEIRA BARBOSA
  • ANDREIA MARIA PEREIRA DE OLIVEIRA
  • RAQUEL MILANI
  • Data: 22/09/2023

  • Mostrar Resumo
  • Esta dissertação de mestrado teve como foco contribuir para o avanço da compreensão do papel da comunicação no ensino da Matemática. Foi composta por dois objetivos independentes que orientaram o desenvolvimento de estudos empíricos correlatos na mesma área de investigação, culminando em uma dissertação no formato multipaper. Ambos os artigos abordam pesquisas empíricas com abordagem qualitativa, guiados respectivamente pelos seguintes objetivos: identificar e caracterizar os propósitos das perguntas feitas por professores em aulas de matemática; e compreender de que maneira as perguntas dos professores de Matemática em suas aulas requerem a participação verbal dos estudantes. Para viabilizar a realização dos objetivos em ambos os estudos, contamos com a participação de dois professores de Matemática do Ensino Fundamental II da cidade de Amargosa, Bahia. As análises apontam que, em relação aos estudantes, as perguntas dos professores em aulas de matemática possuem diferentes propósitos, tais como: verificar e avaliar seu conhecimento; estimular sua reflexão e pensamento; obter informações que garantam o bom funcionamento da aula ou fazer pedidos e solicitações; direcionar a atenção para determinados aspectos do conteúdo e ajudá-los a chegar às respostas; obter sua concordância com as ideias apresentadas e exercer o controle disciplinar. Ao analisar a relação entre as perguntas dos professores e a participação verbal dos alunos, percebemos que a comunicação estabelecida em sala de aula está diretamente condicionada ao ambiente de aprendizagem adotado. Os resultados da análise dos dados indicam que os padrões de comunicação estabelecidos por meio das perguntas feitas pelos professores em aulas de matemática foram: o padrão "sanduíche", o padrão "jogo-de-perguntas" e a ausência de participação verbal.


  • Mostrar Abstract
  • This master's thesis focused on contributing to the advancement of understanding the role of communication in Mathematics education. It was composed of two independent objectives that guided the development of related empirical studies in the same research area, culminating in a dissertation in a multipaper format. Both articles address empirical research with a qualitative approach, guided respectively by the following objectives: to identify and characterize the purposes of questions posed by teachers in mathematics classes; and to understand how the questions from Mathematics teachers in their classes require verbal participation from students. To facilitate the realization of the objectives in both studies, we relied on the participation of two Mathematics teachers from the Middle School level in the city of Amargosa, Bahia. The analyses indicate that in relation to the students, the questions from the teachers in math classes have different purposes, such as: to verify and evaluate their knowledge; to stimulate their reflection and thinking; to obtain information that ensures the smooth running of the class or to make requests; to direct attention to certain aspects of the content and help them arrive at answers; to obtain their agreement with the ideas presented and to exercise disciplinary control. When analyzing the relationship between the teachers' questions and the students' verbal participation, we noticed that the communication established in the classroom is directly conditioned to the adopted learning environment. The results of the data analysis indicate that the communication patterns established through the questions posed by teachers in math classes were: the "sandwich" pattern, the "question-game" pattern, and the absence of verbal participation.

8
  • Meiriane Conceição de Souza
  • O ENSINO NÃO COTIDIANO NÃO BASTA: CONTRIBUIÇÕES A PARTIR DE AGNES HELLER PARA PENSAR O ENSINO DE CIÊNCIAS NA PERSPECTIVA DA PEDAGOGIA HISTÓRICO-CRÍTICA

  • Orientador : HELIO DA SILVA MESSEDER NETO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ABRAAO FELIX DA PENHA
  • HELIO DA SILVA MESSEDER NETO
  • RAFAEL MOREIRA SIQUEIRA
  • Data: 29/09/2023

  • Mostrar Resumo
  • Esta pesquisa teve o objetivo de investigar a Teoria de Agnes Heller na perspectiva
    histórico-crítica. A relação entre o cotidiano e o ato pedagógico tem sido cenário de
    muitas discussões na área de Ensino de Ciências, principalmente por meio do
    pressuposto da valorização dos conhecimentos que se revelam no cotidiano. Muitas
    dessas discussões se fundamentam no estudo desenvolvido por Heller sobre o
    cotidiano e o não cotidiano. A filósofa marxista desenvolveu a sua teoria alicerçando
    os seus estudos a partir do método de investigação denominado Materialismo
    Histórico-Dialético (MHD) e enfatiza que o sentido atribuído ao termo cotidiano é
    relacionado com atividades voltadas para a reprodução do sujeito, portanto, nessa
    teoria, a concepção empregada à expressão cotidiano não é de dia a dia. No entanto,
    apesar dos trabalhos que analisamos se fundamentarem no estudo desenvolvido por
    Heller, não percebemos uma reflexão profunda quanto à concepção de cotidiano
    empregada por esses autores. Por conseguinte, procuramos conhecer qual o sentido
    atribuído ao termo cotidiano nos trabalhos consultados e, simultaneamente,
    analisamos como as características que compõem as categorias do estudo de Heller
    têm se manifestado nestes trabalhos. Disto, elaboramos três categorias de análise:
    equivalência entre o cotidiano e a temporalidade; ausências conceituais dos termos
    que compõem a teoria do cotidiano; e fragilidades do conceito de alienação. Mas não
    nos pareceu suficiente apenas divulgar os resultados dessas análises sem oferecer
    maiores contribuições acerca da temática. Dessa forma, com o intuito de contribuir
    para um ensino que corrobora com a Pedagogia Histórico-Crítica (PHC), elaboramos
    as seguintes sínteses: o ensino não deve se pautar no cotidiano, mas cotidiano não é
    dia a dia; e o ensino deve ser humanizado e contrário à alienação.


  • Mostrar Abstract
  • This research aimed to investigate Agnes Heller's Theory from a historical-critical
    perspective. The relationship between everyday life and the pedagogical act has been
    the subject of many discussions in the field of science education, especially based on
    the assumption of valuing the knowledge that emerges in everyday life. Many of these
    discussions are grounded in Heller's study of the everyday life and the non-everyday.
    The Marxist philosopher developed this theory based on the research method called
    historical dialectical materialism and emphasized that the term "everyday life" in this
    theory refers to activities aimed at the subject's reproduction, so in this theory, the
    concept of "everyday life" is not synonymous with "day-to-day." However, despite the
    works we analyzed being based on Heller's study, we did not find a deep reflection on
    the conception of the everyday life employed by these authors. Therefore, we sought
    to understand the meaning attributed to the term "everyday life" in the consulted works
    and simultaneously analyzed how the characteristics that make up Heller's study
    categories have been manifested in these works. Based on this, we developed three
    categories of analysis: equivalence between the everyday life and temporality,
    conceptual absences of the terms that make up the theory of the everyday life, and
    weaknesses in the concept of alienation. However, it did not seem sufficient to us to
    disseminate the results of these analyses without offering further contributions on the

    subject. Thus, with the aim of contributing to an education that aligns with historical-
    critical pedagogy, we formulated the following summaries: education should not be

    based on the everyday life, but the everyday life is not the same as day-to-day; and
    education should be humanized and opposed to alienation.

9
  • CAROLINA MOURA SANTOS
  • Além do escurinho do cinema: Contribuições do Cinema para o Ensino de Química na Perspectiva da Pedagogia
    Histórico-Crítica e da Psicologia Histórico-Cultural

  • Orientador : HELIO DA SILVA MESSEDER NETO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CAMILA SILVEIRA DA SILVA
  • HELIO DA SILVA MESSEDER NETO
  • LYNN ROSALINA GAMA ALVES
  • Data: 26/10/2023

  • Mostrar Resumo
  • Não podemos negar que as obras cinematográficas estão presentes na vida de
    muitas pessoas, elas representam uma forma de manifestação artística, ao mesmo
    tempo em que são entretenimento. As produções cinematográficas podem também
    servir como um meio para se promover o ensino de conceitos científicos, e essas já
    são colocadas há um longo tempo como tal recurso. Para isso, educação escolar deve
    ter como objetivo desenvolver o pensamento empírico, buscando superá-lo no sentido
    de se chegar ao pensamento teórico, indo para além daquilo que é imediatamente
    percebido. No entanto, o desenvolvimento desse pensamento não é espontâneo, e
    por isso requer a apropriação dos conceitos científicos. Assim, esta pesquisa tem
    como objetivo apresentar contribuições teóricas para que o professor possa pensar o
    cinema em seu trabalho pedagógico. Para isso, temos como embasamento a
    pedagogia histórico-crítica e a psicologia histórico cultural. Assim, chegamos a quatro
    categorias em que discutimos aspectos mais gerais, partindo do macro até o
    específico na sala de aula, colocadas da seguinte forma: I) Debate sobre o
    envolvimento do professor nas políticas públicas de cinema; II) Debate sobre o
    professor e sua relação com a indústria cultural; III) Pensar a dimensão afetiva e
    emotiva na formação do professor de química e na sua vivência em sala de aula; IV)
    Contribuições teóricas para se pensar o cinema e a didática para o ensino de química.


  • Mostrar Abstract
  • We cannot deny that cinematographic works are present in many people's lives, they
    represent a form of artistic manifestation, at the same time that they are entertainment.
    Cinematographic productions can also serve as a means to promote the teaching of
    scientific concepts, and these have been used for a long time as such a resource. For
    that, School education should aim to develop empirical thinking, seeking to overcome
    it in order to reach theoretical thinking, going beyond what is immediately perceived.
    However, the development of this thought is not spontaneous, and therefore requires
    the appropriation of scientific concepts. Thus, this research aims to present theoretical
    contributions so that teachers can think about cinema in their pedagogical work. For
    this, we base ourselves on historical-critical pedagogy and historical-cultural
    psychology. Thus, we arrive at four categories in which we discuss more general
    aspects, starting from the macro to the specific in the classroom.class, placed as
    follows: I) Debate on the teacher's involvement in public cinema policies; II) Debate on
    the teacher and his relationship with the industry cultural; III) Think about the affective
    and emotional dimension in the training of chemistry teachers and in their experience
    in the classroom; IV) Theoretical contributions to think about cinema and didactics for
    teaching chemistry.

10
  • MARCOS VINICIUS DOS SANTOS SOUZA
  • ESTILHAÇANDO AS MÁSCARAS EPISTEMOLÓGICAS DAS ANASTÁCIAS DA ATUALIDADE: COMPREENDENDO OS IMPACTOS DAS PRODUÇÕES DE MULHERES AFRICANAS PARA A MATEMÁTICA NO SÉCULO XX E XXI

  • Orientador : BARBARA CARINE SOARES PINHEIRO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • BARBARA CARINE SOARES PINHEIRO
  • ANDREIA MARIA PEREIRA DE OLIVEIRA
  • ANETE OTILIA CARDOSO DE SANTANA CRUZ
  • Data: 30/10/2023

  • Mostrar Resumo
  • O campo da matemática é um ambiente assenhoreado por homens brancos. Indubitavelmente, nos últimos anos, houve um pequeno crescimento nas produções científicas de mulheres na matemática, particularmente, de pesquisadoras pretas em África e diáspora. Não obstante, a invisibilidade dessas produções e contribuições nos meios acadêmicos brasileiros tem sido perpetuada pelo colonialismo que, fez da ubiquidade sua principal característica e da retórica sua via precípua, passando por uma metamorfose com o desígnio da ressignificação, visando uma adaptação aos tempos vigentes. Nesse contexto, a presente pesquisa tem como foco apresentar, investigar, discutir essas produções e contribuições. De maneira mais geral, investigaremos como as produções de mulheres africanas para a matemática no século XX e XXI colaboram com a desconstrução de metanarrativas eurocêntricas. Desta forma, a cosmopercepção escolhida denomina-se Afrocentricidade que, metodologicamente associada à historiografia africana, guiarão a dissertação. Em decorrência do enorme quantitativo de produções científicas, seria inviável, para um projeto de mestrado, uma análise com todas, assim, um recorte foi preciso. Dessarte, optamos investigar as contribuições de alguns membros – todos os membros são mulheres - da African Women In Mathematics Association (AWMA). A antelação se deu em decorrência de dois critérios: diversidades culturais das integrantes, pois, estão espalhadas por todo o continente africano; a existência de um documento no sítio web da associação contendo uma entrevista escrita concedida por diversas associadas comentando sobre a família, carreira, área de pesquisa, projetos, educação, sonhos, desafios, dentre outras informações. A dissertação está dividida em quatro capítulos. O primeiro apresenta o escopo da pesquisa. O segundo vai trazer um resumo historiográfico africano na perspectiva endógena, desconstruindo a versão eurocêntrica imposta, desde o século XVI, mostrando que o continente africano é o berço da civilização, avançando para os séculos XX e XXI que é o período delimitado na pesquisa, preparando o palco para nossas estrelas. A seguir, faremos uma discussão sobre as questões relativas às mulheres no continente africano, tais como: Matrilinearidade, feminismos, acesso e permanência no sistema educacional, o desenvolvimento de pesquisa nas áreas de ciências em África. O último capítulo traz uma análise dessas contribuições à luz das características mínimas, exigidas em qualquer projeto de cunho afrocêntrico, apontadas por Molefi Kete Asante, a saber: interesse pela localização psicológica; compromisso com a descoberta do lugar do africano como sujeito; defesa dos elementos culturais africanos; compromisso com o refinamento léxico; compromisso com uma nova narrativa da história da África.


  • Mostrar Abstract
  • The field of mathematics is an environment dominated by white men. Undoubtedly, in recent years there has been a small increase in production scientific studies of women in mathematics, particularly black researchers in Africa and diaspora. However, the invisibility of these productions and contributions in Brazilian academic circles has been perpetuated by colonialism, which made ubiquity is its main characteristic and rhetoric is its main path, passing through a metamorphosis with the aim of resignification, aiming at adapting to the current times. In this context, this research focuses on presenting, investigate, discuss these productions and contributions. More generally, we will investigate how the productions of African women for mathematics in 20th and 21st centuries collaborate with the deconstruction of Eurocentric metanarratives. In this way, the chosen cosmoperception is called Afrocentricity, which, methodologically associated with African historiography, will guide the dissertation. In due to the enormous quantity of scientific productions, it would be unfeasible, for a master's project, an analysis with all of them, so an outline was necessary. Therefore, we chose to investigate the contributions of some members – all members are women - from the African Women In Mathematics Association (AWMA). A anticipation was due to two criteria: cultural diversities of members, therefore, are spread across the entire African continent; the existence of a document on the association's website containing a written interview granted by several associates commenting on their family, career, area of research, projects, education, dreams, challenges, among other information. A dissertation is divided into four chapters. The first presents the scope of the search. The second will bring an African historiographical summary from the perspective endogenous, deconstructing the Eurocentric version imposed since the 16th century, showing that the African continent is the cradle of civilization, advancing towards the 20th and 21st centuries, which is the period delimited in research, setting the stage for our stars.
11
  • JACSON OLIVEIRA DOS SANTOS
  • O conceito de racismo ambiental como plataforma para formação docente  em educação ambiental e direitos humanos.

  • Orientador : CLAUDIA DE ALENCAR SERRA E SEPULVEDA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CLAUDIA DE ALENCAR SERRA E SEPULVEDA
  • FABIO PESSOA VIEIRA
  • AYANE DE SOUZA PAIVA
  • MARCO ANTONIO LEANDRO BARZANO
  • Data: 12/12/2023

  • Mostrar Resumo
  • Esta pesquisa aborda a discussão sobre o potencial do conceito de racismo ambiental na formação de professores/as em educação ambiental e educação em direitos humanos. Dessa forma, partimos do pressuposto que a Educação em Ciências deve dialogar com a agenda de lutas por direito a terra e um ambiente saudável de comunidades vulneráveis, que por vezes tem suas lutas invisibilizadas. Assim, essa pesquisa apresenta resultados que buscou responder a seguinte questão: Quais características uma proposta pedagógica em educação ambiental, baseada no racismo ambiental, deve ter para promover educação em direitos humanos na formação de professores/as? Mais especificamente, objetivamos: 1) Analisar a presença da temática racismo ambiental e justiça ambiental nas publicações de educação. 2) Analisar o potencial pedagógico do conceito de racismo ambiental na articulação entre educação ambiental e direitos humanos. 3) desenvolver princípios de design para elaboração de propostas pedagógicas sobre racismo ambiental que promovam formação em educação ambiental e direitos humanos no contexto da formação docente. Esses objetivos abrangem a etapa inicial de uma Pesquisa de Design Educacional, a metodologia escolhida para este estudo. Durante essa fase, realizamos uma revisão de literatura nas bases de dados Eric e Scielo e também em alguns periódicos de educação, também desenvolvemos uma estrutura conceitual que analisa as interseções entre direitos humanos e educação ambiental tendo o racismo ambiental com plataforma. Ademais construímos princípios de design que orientam a abordagem do racismo ambiental em propostas pedagógicas para formação docente, o que se configura o início da segunda fase da pesquisa em design, na qual são elaborados e testados empiricamente protótipos de inovações educacionais. A revisão de literatura apontou para uma ausência de abordagens sobre racismo ambiental nas práticas escolares e na formação de professores/as. A análise do conceito de racismo ambiental demonstrou potencial para a formação de professores e professoras em educação ambiental e direitos humanos por trazer na sua gênese a luta de comunidades vulneráveis por direito a terra e a um ambiente livre de poluição. Como produto educacional – um dos resultados esperados em um estudo de design – foi desenvolvida uma QSC com questões orientadoras (e os respectivos objetivos de aprendizagem) Esperamos que este estudo contribua para a formação docente nos cursos de licenciatura em ciências biológicas como também em outras áreas da educação, no sentido de promover formação integral e emancipatória dos sujeitos comprometidos com a transformação social positiva no contexto em que estão inseridos.


  • Mostrar Abstract
  • This research aims to discuss the potential of the concept of environmental racism in the training of teachers in environmental education and human rights. The study is grounded on the premise that Science Education must advocate for the right to land and a healthy environment for vulnerable communities, which are often overlooked. The research question is: What are the key features of a pedagogical proposal in environmental education, based on environmental racism, that could foster human rights education in teacher training? The study has three specific objectives: 1) Analyzing the presence of environmental racism and environmental justice in education publications. 2) Evaluating the pedagogical potential of the concept of environmental racism in the connection between environmental education and human rights. 3) Developing design principles for the creation of pedagogical proposals on environmental racism that stimulate training in environmental education and human rights in teacher education. To achieve these objectives, the study begins with a literature review of Eric and Scielo databases and education journals, constructing a conceptual framework that analyzes the intersections between human rights, environmental education, and environmental racism. The research also develops design principles to guide the approach to environmental racism in pedagogical proposals for teacher education, marking the beginning of the second phase of Educational Design Research. In this stage, prototypes of educational innovations are elaborated and empirically tested. The literature review reveals the lack of approaches to environmental racism in school practices and teacher training. The analysis of the environmental racism concept highlights its potential for teacher training in environmental education and human rights by incorporating the struggle of vulnerable communities for the right to land and an environment free from pollution. As an educational output, a Socioscientific Question (SSQ) is developed, which includes guiding questions and learning objectives. This study is intended to contribute to teacher training in undergraduate courses in biological sciences and other areas of education, promoting comprehensive and emancipatory training for individuals committed to positive social transformation in their context.

12
  • YNGRID LIZANDRA MEDEIROS DE CARVALHO
  • ATELIÊS DE INSURGÊNCIA PARA O ENSINO DE CIÊNCIAS: Ideias para uma reconciliação com a natureza A PARTIR DE DANIEL MUNDURUKU

  • Orientador : FABIO PESSOA VIEIRA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • THIAGO EMMANUEL ARAÚJO SEVERO
  • FABIO PESSOA VIEIRA
  • ROSILEIA OLIVEIRA DE ALMEIDA
  • Data: 13/12/2023

  • Mostrar Resumo
  • Entendo as relações humano-natureza na atualidade embebidas por utilitarismo e antropocentrismo que fomentam formas de ser e estar no mundo desligadas da dinâmica natural. O Ensino de Ciências, nessa perspectiva, tem somado com o afastamento do humano da natureza, uma vez que se aprisiona em narrativas e discursos monolíticos e hegemônicos das ciências modernas pautadas no cientificismo e reducionismo dos processos, fenômenos e seres naturais. Contudo, há culturas e povos que não deixaram se permitir esse afastamento, uma vez que suas ontologias mais próximas de uma lógica relacional compreendem e se percebem como pertencidos à natureza, impossibilitando qualquer construção epistêmica e prática dissociada dessa. Por isso, reflito se não seria possível aprender e dialogar no Ensino de Ciências junto a essas ontologias acerca de compreensões sobre natureza mais imbricada com o humano. Para isso, traço como objetivo de pesquisa criar ateliês de insurgência, espaços de diálogos horizontais entre Ciências e Saberes Tradicionais, a partir dos conhecimentos de Daniel Munduruku, como espaços formativos plurais para o Ensino de Ciências. Para responder esse objetivo, assumo como caminho metodológico a pesquisa do tipo qualitativa de abordagem narrativa, fundamentada a partir das matrizes paradigmáticas, epistêmicas e políticas dos estudos decoloniais.


  • Mostrar Abstract
  • I understand human-nature relations today as being imbued with utilitarianism and anthropocentric that foster ways of being in the world that are disconnected from natural dynamics. Science Teaching, from this perspective, has combined with the distancing of humans from nature, as they are trapped in monolithic and hegemonic narratives and discourses of modern sciences based on scientism and reductionism of natural processes, phenomena and beings. However, there are cultures and people that have not allowed this distancing, since their ontologies closest to a relational logic understand and perceive themselves as belonging to nature, making any epistemic construction and practice dissociated from this impossible. Therefore, I reflect on whether it would be possible to learn and dialogue in Science Teaching with these ontologies about understandings about nature that are more intertwined with the human. To this end, my research objective is to create insurgency workshops, spaces for horizontal dialogues between Sciences and Traditional Knowledge, based on the knowledge of Daniel Munduruku, as plural training spaces for Science Teaching. To answer this objective, I adopt qualitative research with a narrative approach as a methodological path based on the paradigmatic, epistemic and political matrices of decolonial studies.

13
  • Taisa Maria Sacramento Said
  • A PRIMEIRA DOUTORA NEGRA EM QUÍMICA NA BAHIA:DJANE SANTIAGO DE JESUS

  • Orientador : BARBARA CARINE SOARES PINHEIRO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • BARBARA CARINE SOARES PINHEIRO
  • INDIANARA LIMA SILVA
  • PALOMA NASCIMENTO DOS SANTOS
  • CARLOS DANIEL SILVA DA SILVA
  • Data: 14/12/2023

  • Mostrar Resumo
  • A pesquisa sobre a história das mulheres negras nas ciências é uma parte fundamental da História das Mulheres e da própria História das Ciências. Hoje, além de buscar contar e inserir na academia narrativas históricas de negras pioneiras, existe também um interesse em pesquisar as mulheres negras cientistas contemporâneas, suas vidas e suas trajetórias. Essa dissertação trata-se de uma pesquisa histórica e biográfico-narrativa, que tem como objetivo apresentar a trajetória acadêmica da primeira mulher negra a tornar-se doutora em Química na Bahia, Djane Santiago de Jesus, e relacionar possíveis entrelaçamentos narrativos com a trajetória acadêmica de outra mulher negra em momentos históricos diferentes, mas que se cruzam em espelhamento. Nesse sentido, essa pesquisa estabelece-se a partir da metodologia de narrativas e história de vida, utilizando a escrevivência como dispositivo para articular as vidas pesquisadora-pesquisada. São utilizadas também fontes documentais e entrevistas, com a finalidade de identificar atravessamentos da colonialidade relacionados a raça, gênero e classe que possam estar presentes na história de vida de Djane Santiago de Jesus e que sirvam para compreender a vida de uma mulher negra pioneira como um marco histórico. Essa dissertação utiliza sua biografia como elemento fundante para pensar as Ciências, a formação de cientistas negras, a história da educação de mulheres negras, a formação para o Ensino Superior e a Educação em Ciências.


  • Mostrar Abstract
  • This research about a scientist’s black women in science is a fundamental part of women history and the science history. Today, beyond seek to talk and insert on university speeches about the history of pioneer black women, there is a interest in contemporaneous search of scientist’s black women, your life’s and trajectory. This dissertation it’s about history research and biography narrative, with a purpose of show the black woman and your academic path to becomes a PhD on chemistry from Bahia, Djane Santiago de Jesus and relate possibles interlacement narratives with a other black woman academic path on different history moments but, that intersect each other. In this context that research provides as of a methodologic speeches and life story, using a escrevivência living as a device to articulated the lives of researcher – researched. Will be used documental sources and interviews as an objective of identify colonialities related to breed, gender and stratum that can be present on life story of Djane Santiago de Jesus and serves for understand the life of this forerunner black woman like a milestone. This dissertation using your history as a fondant element to think about sciences, training of black scientists, the history education of black women, training for college and science education.

14
  • HUGO LUIZ OLIVEIRA DA SILVA
  • PRINCÍPIOS DIDÁTICOS HISTÓRICO-CRÍTICOS PARA O ENSINO DE ELETROQUÍMICA

  • Orientador : RAFAEL MOREIRA SIQUEIRA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • LETICIA DOS SANTOS PEREIRA
  • LUCIANA MASSI
  • RAFAEL MOREIRA SIQUEIRA
  • Data: 21/12/2023

  • Mostrar Resumo
  • Pensar em princípios didáticos para o ensino potencializa a prática docente, uma vez que viabiliza a superação de práticas de ensino que focalizam unicamente o passo a passo de um aprendizado. O uso de princípios permite ao docente pensar sobre o quê ensinar, como ensinar e a quem ensinar. Nesse sentido, tomando como base o Materialismo Histórico-Dialético (MHD) e a Pedagogia Histórico-Crítica (PHC), objetivamos, nesta dissertação, elaborar e discutir princípios didáticos que podem nortear o ensino de eletroquímica em uma perspectiva histórico-crítica. Trata-se de uma pesquisa teórica fundamentada do MHD e na PHC, com algumas contribuições da Psicologia Histórico-Cultural. Desse modo, foi realizada uma análise histórica referente à constituição moderna da eletroquímica, para que, por meio da análise das necessidades históricas apontadas e com base nos fundamentos teóricos adotados, pudéssemos elucidar aquilo que é essencial para o ensino de eletroquímica, contribuindo para uma formação humana omnilateral do estudante. Dessa maneira, formulamos dois princípios didáticos: o primeiro refere-se aos conceitos de oxidação e redução como estruturante para a compreensão das reações de oxirredução, os quais são base para o entendimento dos fenômenos eletroquímicos. O segundo aborda os dispositivos eletroquímicos e suas representações, discutindo a importância da representação e de seus diversos modos para o ensino de eletroquímica. Por fim, ressaltamos que esses princípios tem como função principal nortear o trabalho pedagógico sem se propor a apresentar receitas de como ensinar, uma vez que as formas de ensino variam de acordo com as singularidades de cada estudante, sala de aula e escola.


  • Mostrar Abstract
  • To think about didactic principles for teaching enhances teaching practices, as it makes it possible to overcome teaching practices that focus solely on the step-by-step learning. The use of principles allows the teacher to think about what to teach, how to teach and who to teach. In this sense, based on Historical-Dialetic Materialism (MHD) and Historical-Critical Pedagogy (PHC), we intend, in this dissertation, to develop and discuss didactic principles that can guide the teaching of electrochemistry from a historical-critical perspective. This is a theoretical research based on MHD and PHC, with some contributions from Historical-Cultural Psychology. In this way, a historical analysis was made, regarding the modern constitution of electrochemistry, so that, through the analysis of the historical needs highlighted and based on the theoretical foundations adopted, we could elucidate what is essential for the teaching of electrochemistry, contributing to a training omnilateral human aspect of the student. In this way, we formulated two didactic principles. the first refers to the concepts of oxidation and reduction as a framework for understanding redox reactions, which are the basis for understanding electrochemical phenomena. The second approaches electrochemical devices and their representations, discussing the importance of representation and its different modes for teaching electrochemistry. At the conclusion, we emphasize that these principles have the main function of guiding pedagogical work without proposing to present recipes on how to teach, since teaching methods vary
    according to the singularities of each student, classroom and school.

15
  • MYRLA DUARTE DE ALMEIDA
  • CURSO DE LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO DO CAMPO - ÁREA DAS CIÊNCIAS DA NATUREZA NA UFBA: CONTRIBUIÇÕES DA PEDAGOGIA HISTÓRICO-CRÍTICA.

  • Orientador : EDILSON FORTUNA DE MORADILLO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • EDILSON FORTUNA DE MORADILLO
  • RAFAEL MOREIRA SIQUEIRA
  • MARIZE SOUZA CARVALHO
  • CELI NELZA ZULKE TAFFAREL
  • MAGNO DA CONCEIÇÃO PENELUC
  • Data: 22/12/2023

  • Mostrar Resumo
  • O presente estudo, que tem como objeto de investigação o curso de Licenciatura do Campo/UFBA-2008 e o novo curso de Licenciatura em Educação do Campo que está sendo proposto para funcionar de forma regular a partir de 2024. Foi levantada a seguinte hipótese: com a vitória de um governo federal popular nas eleições de 2022, após 6 anos de retrocessos nas políticas educacionais, será possível apresentar uma nova proposta concreta de um curso de Licenciatura em Educação do Campo na área de Ciências da Natureza, que avance na perspectiva de uma formação ominilateral de cunho crítico-dialética, contando com apoio institucional da Ufba e da Secadi/MEC/FNDE. Tivemos como objetivo apresentar uma proposta de currículo para um novo Curso de Licenciatura em Educação do Campo da Ufba, área de Ciências da Natureza, a partir dos fundamentos do materialismo histórico-dialético, respaldado da pedagogia histórico-crítica. Para alcançar o objetivo proposto foram analisados os pressupostos teóricos-metodológicos da experiência piloto da Ufba-2008, as contradições e desafios a serem superados cujo o resultado foi sistematizado em uma proposta de currículo para o curso de Licenciatura em Educação do Campo com concentração na área de Ciências da Natureza (Química, Física e Biologia). A pesquisa se desenvolveu pela investigação e exposição tendo como fio condutor a filosofia materialista para a compreensão dialética do mundo e da correlação de forças subjacente a realidade educacional do campo, e as reivindicações para elevação da escolaridade e formação de professores que atendam aos interesses dos trabalhadores do campo. Para isso nos valemos da pesquisa bibliográfica, entrevistas semiestruturadas, análise de conteúdo das aulas da disciplina QUI A 43 do curso de graduação de Licenciatura em Química da Ufba – que tratou do exame crítico das concepções do professor e de química vinculado por documentos oficiais e sindicais e de estudo empírico desses documentos sobre a realidade das escolas e da formação do professor de Ciências da Natureza. Também como coparticipante do grupo de pesquisa em Educação do Campo ( GEPEC/UFBA) a partir de estudos do banco de dados (teses e dissertações) que podem inferir no conjunto teórico-metodológico para superar formação de professores empírico -analítica e avançar para uma formação sócio- histórica (crítico – superadora) para o novo projeto do curso regular.


  • Mostrar Abstract
  • The present study, which has as its object of investigation the Rural Education Degree course/UFBA-2008 and the new Rural Education Degree course that is being proposed to operate regularly from 2024. The following hypothesis was raised: with the victory of a popular federal government in the 2022 elections, after 6 years of setbacks in educational policies, it will be possible to present a new concrete proposal for a Degree course in Rural Education in the area of Natural Sciences, which advances from the perspective of an omnilateral training with a critical-dialectical nature, with institutional support from Ufba and Secadi/MEC/FNDE. We aimed to present a curriculum proposal for a new Degree Course in Field Education at Ufba, in the area of Natural Sciences, based on the foundations of historical-dialectic materialism, supported by historical-critical pedagogy. To achieve the proposed objective, the theoretical-methodological assumptions of the Ufba-2008 pilot experience were analyzed, the contradictions and challenges to be overcome, the result of which was systematized in a curriculum proposal for the Degree in Rural Education course with a concentration in the area Natural Sciences (Chemistry, Physics and Biology). The research was developed through investigation and exposition with materialist philosophy as its guiding thread for the dialectical understanding of the world and the correlation of forces underlying the educational reality of the countryside, and the demands for increasing schooling and teacher training that meet the interests of workers. from Camp. To do this, we used bibliographical research, semi-structured interviews, content analysis of classes in the subject QUI A 43 of the undergraduate course in Chemistry at Ufba - which dealt with the critical examination of the teacher's and chemistry concepts linked by official and union documents. and empirical study of these documents on the reality of schools and the training of Natural Sciences teachers. Also as a co-participant of the research group on Rural Education (GEPEC/UFBA) based on database studies (theses and dissertations) that can infer in the theoretical-methodological set to overcome empirical-analytical teacher training and advance towards a socio-historical (critical – overcoming) for the new regular course project.

Teses
1
  • RAFAELA DOS SANTOS LIMA
  • MULHERES NEGRAS NAS CIÊNCIAS: DISCUSSÕES SOBRE GÊNERO, CURRÍCULO E (IN)VISIBILIDADE

  • Orientador : GUSTAVO RODRIGUES ROCHA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • YSMAILYN SIQUEIRA COSTA
  • FRANKLIN KAIC DUTRA-PEREIRA
  • ALUSKA DA SILVA MATIAS
  • GUSTAVO RODRIGUES ROCHA
  • LETICIA DOS SANTOS PEREIRA
  • Data: 28/02/2023

  • Mostrar Resumo
  • O currículo deve atender às transformações da sociedade para que, por meio dele, práticas educativas que visibilizem povos tradicionalmente invisibilizados transitem pela escola. A percepção de que a escola tem reproduzido práticas que excluem os demarcadores de gênero e raça nos seus processos educativos nos leva a questionar o documento orientador do currículo na esfera da Educação Básica, assim como a formação de professores da área de Ciências da Natureza, Física e Química. Diante disso, este estudo se organizou de modo a responder as seguintes inquietações: i) a BNCC serve de orientação e direcionamento para quem? Quais currículos serão pensados a partir de uma base que negligencia gênero? ii) Como as relações raciais estão presentes nas raízes curriculares? Estamos preparando professores para que dialoguem sobre o combate ao racismo ou para manutenção de práticas racistas e excludentes nas aulas de Química? iii) Como os processos de escravização deixam marcas que (in)visibilizam mulheres negras nas Ciências? Como os currículos da formação de professores operam para (in)visibilizar mulheres negras como epistemológas das Ciências? Para responder a essas perguntas, estabelecemos como objetivo: investigar como as relações de gênero e raça se organizam no contexto educativo por meio da BNCC e dos currículos da formação de professores de Física e Química da UFRB”. Os resultados estão apresentados nesta tese, organizada em formato multipaper, dividida em três estudos: i) analisamos como as discussões de gênero se entrelaçam com a Base Nacional Comum Curricular, documento norteador para a elaboração dos currículos na esfera da Educação Básica; ii) propomo-nos a pensar a Educação Antirracista como uma possibilidade para a eliminação da cultura racista no território brasileiro, para isso, debruçamo-nos na compreensão do racismo como um problema estrutural da nossa sociedade e em como a escola contribui para a manutenção de práticas racistas; iii) buscamos dialogar sobre o lugar da mulher-cientista-negra nos currículos da formação de professores de Ciências da Natureza (Licenciatura em Física e Química) da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.


  • Mostrar Abstract
  • The curriculum must respond to the transformations of society so that through it educational practices that make people traditionally invisible pass through the school. The perception that the school has reproduced practices that exclude gender and race in its educational processes, leads us to question the guiding document of the curriculum in the sphere of Basic Education, as well as the training of teachers in the area of Natural Sciences, Physics and Chemistry. In view of this, this study was organized in order to answer the following concerns: i) does the BNCC serve as guidance, direction for whom? Which curricula will be designed from a base that neglects gender? ii) How are racial relations present in the curricular roots? Are we preparing teachers so that in Chemistry classes they can discuss the fight against racism or maintain racist and exclusionary practices? iii) How do the processes of enslavement leave marks that (in)disable black women in science? How do teacher training curricula operate to (in)visibilize black women as epistemologists of Science? To answer these questions, we established the objective of “investigating how gender and race relations are organized in the educational context through the BNCC and the curricula for the training of Physics and Chemistry teachers at the UFRB”. The results are presented in this thesis, organized in multipaper format, divided into three studies: i) how gender discussions are intertwined with the National Common Curricular Base, a guiding document for the elaboration of curricula in the sphere of Basic Education; ii) we propose to think of Anti-Racist Education as a possibility to eliminate the racist culture in the Brazilian territory, for this we focus on understanding racism as a structural problem of our society, on how the school contributes to the maintenance of racist practices; iii) we seek to dialogue about the place of the black woman-scientist in the training curricula for teachers of Natural Sciences (Degree in Physics and Chemistry) at the Federal University of Recôncavo da Bahia.

2
  • Victor Montalvao Moreno
  • Imaginando um Ideal Profissional: Identidade de Professores de Ciências

  • Orientador : CHARBEL NINO EL HANI
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CHARBEL NINO EL HANI
  • ROSILEIA OLIVEIRA DE ALMEIDA
  • LUCA TATEO
  • ANDREIA MARIA PEREIRA DE OLIVEIRA
  • Frederik Moreira dos Santos
  • PEDRO GUILHERME ROCHA REIS
  • Data: 01/03/2023

  • Mostrar Resumo
  • Tendo como horizonte uma contribuição para a formação de professores de ciências, a presente tese se debruça sobre a constituição da docência ideal. Num percurso teórico exploratório passeando por diferentes campos, do estudo de filmes escolares, pela expectativa de docentes e discentes e pela educação estética, o construto de identidade docente de professores de ciências emerge como central para a constituição de um (ou qualquer) ideal profissional. O campo específico que pesquisa a respeito da identidade docente de professores de ciências, entretanto, é um campo recente, de baixa coesão teórica. Analisando os diferentes arcabouços teóricos utilizados, foi possível notar uma raiz arqueológica comum a partir dos trabalhos de Lev Vygotsky. Apesar deste elo comum, os principais referenciais teóricos apresentam forte divergência e pontos de partida e chegada diferentes. Além disso, é corriqueiro o uso de más traduções de Vygotsky, que prejudicam a unidade epistêmica da área. A fim de oferecer soluções, dois conceitos de da doutrina teórica vygotskyana são mobilizados, a imaginação e a perejivânie, construtos que oferecem uma comunicação transversal entre os arcabouços e podem facilitar a comunicação e integração entre pesquisas de origens diferentes. Numa pesquisa pluralista epistemológica, busca-se, portanto, fomentar o networking de teorias, para contribuir com a maturidade teórica da pesquisa em identidades profissionais de professores de ciências.


  • Mostrar Abstract
  • This thesis focuses on the constitution of ideal teaching as a horizon of contribution to training of science teachers. In an exploratory theoretical path, it passes by different fields, from the study of school films to the expectations of teachers and students and to aesthetic education. The construct of the teaching identity of science teachers emerges as central to the constitution of a (or any) professional ideal. However, the specific field that researches the teaching identity of science teachers, is recent, with low theoretical cohesion. Analyzing the different theoretical frameworks used, it was possible to notice a common archeological root in the works of Lev Vygotsky. Despite this common link, the main theoretical references show strong divergence and different starting and ending points. Furthermore, the use of poor translations of Vygotsky is a commonplace, which undermines the epistemic unity of the area. To offer solutions, two concepts of Vygotsky's theoretical doctrine are mobilized, imagination and perezhivanie, constructs that offer transversal communication between frameworks and can facilitate communication and integration between researches from different sources. In epistemological pluralist perspective, it is sought, therefore, to foster the networking of theories, and to contribute to the theoretical maturity of research into the professional identities of science teachers.

3
  • ROSILEIA SANTANA DA SILVA
  • A DUNIYA SÒ DIAGNI

    PROPOSTAS PARA A DESCOLONIZAÇÃO DO DIDÁTICO NO ENSINO DE HISTÓRIA, CIÊNCIAS DA NATUREZA E MATEMÁTICA NO 1º ANO DO ENSINO MÉDIO: UM SENTIDO PARA A ORIGEM DO MUNDO E DA VIDA A PARTIR DA ASTRONOMIA DOGON

  • Orientador : LUIZ MARCIO SANTOS FARIAS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ALESSANDRA PIO SILVA
  • MARCILENE GARCIA DE SOUZA
  • ALAN ALVES-BRITO
  • JUAN MANUEL SANCHEZ ARTEAGA
  • KATEMARI DIOGO DA ROSA
  • LUIZ MARCIO SANTOS FARIAS
  • SADDO AG ALMOULOUD
  • Data: 06/03/2023

  • Mostrar Resumo
  • Frente aos fenômenos sócio-históricos brasileiros, demarcados pela colonialidade, a presente tese objetivou analisar um Percurso de Estudo e Pesquisa (PEP), que integra a Astronomia Dogon, centrado em propostas didáticas descolonizadas para o ensino de História, Química, Física, Biologia e Matemática do 1º Ano do Ensino Médio. O percurso investigativo é uma perspectiva negra-decolonial que busca promover diálogos e construções para o cumprimento e aplicabilidade do artigo 26 - A da Lei de Diretrizes e Bases da Educação brasileira 9394/1996 na Educação Básica. Apesar do vasto repertório em pesquisas e produções pautadas na educação das relações étnico-raciais, estudos anteriores revelam a persistência das praxeologias colonizadas e restrições ecológicas, fruto do racismo epistêmico e científico, resultando no vazio didático em sala de aula. Deste modo, a pesquisa apoia-se na Teoria Antropológica do Didático, sob a infraestrutura metodológica do Percurso de Estudo e Pesquisa para Formação de Professoras(es). O desenho metodológico alinha estudos decoloniais, pautados nas perspectivas afrorreferenciadas, utilizando a Astronomia Dogon (Mali) enquanto saber científico escolar. A construção foi permeada a partir da ferramenta didática do PEP, para a descolonização, com formações continuadas em dois momentos:  primeiro, curso A TAD para uma integração das contribuições africanas e dos povos da diáspora às práticas de docentes de história, matemática e ciências da natureza, que promoveu estudos didáticos integrados às perspectivas históricas das ciências africanas no ensino; e, segundo, Bojuwo Awòn Irawò: A Astronomia Ancestral como um caminho para a descolonização da prática de ensino, que modelizou propostas didáticas  tendo a astronomia ancestral como caminho didático para (re)construção e transposição de saberes escolares de forma a reconhecer, potencializar e divulgar a razão de ser a origem do universo e da vida nas aulas de história, química, física, biologia e matemática. Os resultados revelaram: o desconhecimento das diversas ciências africanas na educação superior/básica - a exemplo do povo e ciências Dogon, a ausência de epistemologias africanas na formação inicial de professoras(es), as dificuldades em atrelar as histórias das ciências africanas aos conteúdos escolares, ditos oficiais, do ensino da ciências (exatas, natureza e humanas). Foi revelado, também, como a produção autoral do vídeo didático “A Criação do Mundo Dogon” potencializou e possibilitou outras construções nos sistemas didáticos a serem aplicados nas respectivas aulas.O PEP, portanto, fomentou reflexões e mudanças de comportamentos, entre as(os) docentes, onde a vigilância epistêmica e didática tornam-se posturas que fazem emergir fenômenos decoloniais a serem implementados em suas propostas didáticas no chão da sala de aula.


  • Mostrar Abstract
  •   Facing the Brazilian socio-historical phenomena, demarcated by coloniality, this thesis aimed to analyze a Study and Research Path (PEP), which integrates Dogon Astronomy, centered on decolonized didactic proposals for the teaching of History, Chemistry, Physics, Biology and Mathematics of the 1st Year of High School. The investigative route is a black-decolonial perspective that seeks to promote dialogues and constructions for the fulfillment and applicability of article 26 - A of the Brazilian Education Guidelines and Bases Law 9394/1996 in Basic Education. Despite the vast repertoire of research and productions based on the education of ethnic-racial relations, previous studies reveal the persistence of colonized praxeologies and ecological restrictions, the result of epistemic and scientific racism, resulting in a didactic void in the classroom. In this way, the research is based on the Anthropological Theory of Didactics, under the methodological infrastructure of the Path of Study and Research for Teacher Training. The methodological design aligns decolonial studies, based on Afro-referenced perspectives, using Dogon Astronomy (Mali) as scientific school knowledge. The construction was permeated from the didactic tool of the PEP, for decolonization, with continued formations in two moments: first, the course A TAD for an integration of the African contributions and the peoples of the diaspora to the practices of professors of history, mathematics and sciences of nature, which promoted didactic studies integrated with the historical perspectives of African sciences in teaching; and, second, Bojuwo Awòn Irawò: Ancestral Astronomy as a path to the decolonization of teaching practice, which modeled didactic proposals using ancestral astronomy as a didactic path for the (re)construction and transposition of school knowledge in order to recognize, enhance and disseminate the reason for the origin of the universe and life in history, chemistry, physics, biology and mathematics classes. The results revealed: the lack of knowledge of the various African sciences in higher/basic education - like the Dogon people and sciences, the absence of African epistemologies in the initial training of teachers(s), the difficulties in linking the stories of African sciences to school contents , official sayings, of science teaching (exact, nature and humanities). It was also revealed how the authorial production of the didactic video “The Creation of the Dogon World” potentiated and made possible other constructions in the didactic systems to be applied in the respective classes. ) teachers, where epistemic and didactic vigilance become postures that give rise to decolonial phenomena to be implemented in their didactic proposals on the classroom floor.

4
  • Silvana Maria Lima de Oliveira
  • ENSINO DE CIÊNCIAS: ATIVIDADE DOCENTE E CONSCIÊNCIA CRÍTICA

  • Orientador : JOSE LUIS DE PAULA BARROS SILVA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • EDILSON FORTUNA DE MORADILLO
  • ISADORA MELO GONZALEZ
  • JOSE LUIS DE PAULA BARROS SILVA
  • MARIA BERNADETE DE MELO CUNHA
  • RENATA ROSA DOTTO BELLAS
  • Data: 10/03/2023

  • Mostrar Resumo
  • Esta tese apresenta um estudo inspirado na experiência da pesquisadora em sala de aula e suas reflexões durante a pós-graduação, tendo como objetivo compreender de que modo o profissional docente de ciências constrói suas práticas pedagógicas/atividades para a formação de um estudante com consciência crítica. Considerando a importância do conceito de consciência crítica de Paulo Freire nos processos formativos docentes, o acolhemos como referencial teórico em conjunto com seu desenvolvimento psicológico, segundo Luria. Os dados consistiram em atividades produzidas por docentes da rede municipal de ensino da cidade Catu - BA para turmas do 8º ano do Ensino Fundamental. As análises ocorreram de forma qualitativa e sob as perspectivas da análise do conteúdo visando identificar características que poderiam direcionar os estudantes ao desenvolvimento da consciência crítica. As análises mostraram que, apesar das suas limitações, as atividades: (a) trataram de temas relevantes e contextualizados na realidade dos discentes; (b) estimularam a curiosidade, a percepção, a atenção, a memória e a atividade intelectual como um todo; (c) possibilitaram aos estudantes ir além das aparências dos fatos, refletir sobre sua realidade profunda e elaborar opiniões. Os textos e as questões propostas são contextualizados, baseadas no conhecimento científico e dialógicas. Entendemos que o mediador ideal nesse processo de construção da consciência crítica é a leitura, pois movimenta aspectos cognitivos que elevam a capacidade de raciocínio crítico individual. Concluímos que os professores se mostraram comprometidos com a atividades docente, construíram material de ensino com qualidade e que trazem características que podem possibilitar a construção e desenvolvimento de uma consciência crítica por seus estudantes. Propomos, por fim, que seja dada ênfase ao processo de conscientização na formação inicial de professores ao longo de todo o percurso curricular, o que refletiria em protagonismo nas produções e segurança em suas práticas pedagógicas.


  • Mostrar Abstract
  • This thesis presents a study inspired by the researcher's experience in the classroom and her reflections during graduate program, with the objective of to comprehend how professional science teachers construct their pedagogical practices/activities for the formation of students with critical awareness. Assuming the importance of Paulo Freire's concept of critical awareness in teacher training processes, we welcome it as a theoretical reference together with his psychological development, according to Luria. The data consisted of activities produced by teachers from the municipal education network in the city of Catu - BA for classes in the 8th year of Elementary School. The analyzes took place in a qualitative way and from the perspective of content analysis, aiming to identify characteristics that could direct students to the development of critical awareness. The analyzes showed that, despite their limitations, the activities: (a) dealt with relevant themes and contextualized in the students' reality; (b) stimulated curiosity, perception, attention, memory and intellectual activity as a whole; (c) enabled students to go beyond the appearance of facts, reflect on their deep reality and elaborate opinions. The texts and proposed questions are contextualized, based on scientific knowledge and dialogic. We understand that the ideal mediator in this process of building critical awareness is reading, as it moves cognitive aspects that enhance the individual's critical thinking capacity. We concluded that the teachers were committed to the teaching activities, built quality teaching material and that they bring characteristics that can enable the construction and development of a critical conscience by their students. Finally, we propose that emphasis should be given to the awareness process in the initial training of teachers throughout the entire curriculum, which would reflect on criticism of productions and safety in their pedagogical practices.

5
  • Mauricio Cavalcante Rios
  • O PROGRAMA FORTE E O RELATIVISMO EPISTÊMICO

  • Orientador : WALDOMIRO JOSE DA SILVA FILHO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • WALDOMIRO JOSE DA SILVA FILHO
  • OSVALDO FROTA PESSOA JUNIOR
  • ANDRE LUIS MATTEDI DIAS
  • DEIVIDE GARCIA DA SILVA OLIVEIRA
  • SAULO MORAES DE ASSIS
  • LEANDRO GIRI
  • Data: 04/04/2023

  • Mostrar Resumo
  • Esta tese compreende uma variante do Relativismo: o Relativismo Epistêmico sobre o Conhecimento Científico. Esta tese defende que o Relativismo do Programa Forte endossa o Relativismo Epistêmico porque se compromete filosoficamente com conceitos epistemológicos e ontológicos, destacando que ambas as formas de relativismo podem fornecer uma base para reflexões sobre a Educação Multicultural. O Relativismo Epistêmico é uma tese segundo a qual as crenças, a justificação e o conhecimento dependem de um conjunto de condições, como épocas, culturas, sociedades etc. O Relativismo do Programa Forte é uma forma de Relativismo Metodológico aplicado ao conhecimento científico. Para o Programa Forte, o conhecimento científico é uma forma de adaptação coletiva da humanidade à natureza. David Bloor, em sua obra Conhecimento e Imaginário Social, fornece um conjunto de conceitos importantes para a reflexão da aplicação da Sociologia do Conhecimento Científico sobre a ciência. Esta obra, além de destacar autores importantes, como Durkheim e Mannheim, dentre outros, apresenta princípios que podem sustentar uma forma diferenciada do Relativismo Epistêmico: um Relativismo localizado aos padrões cognitivos de uma comunidade em uma época. Suas descrições sobre a relação entre os modelos sociais e modelos científicos levantam a possibilidade de se defender o Relativismo. Além de Bloor, há uma crítica ao Relativismo do Programa Forte que é discutido por epistemólogos como Bruno Latour e Paul Boghossian. Deve-se destacar que o Programa Forte tem inspiração nas obras de Kuhn, especialmente a Estrutura das Revoluções Científicas. Críticas mais recentes surgiram, como as de Harvey Siegel, Markus Seidel, Maria Baghramian e Richard Schantz, procurando examinar o Programa Forte e o Relativismo a fim de apresentar suas dificuldades. David Bloor rejeita essas críticas, lançando um lema: o Relativismo é oposto do Absolutismo. Esta tese apoia-se em campos disciplinares como a Antropologia, Sociologia do Conhecimento Científico, Filosofia das Ciências, História das Ciências e campos interdisciplinares como Ciência, Tecnologia e Sociedade e Estudos Sociais sobre a Ciência. Para o Ensino de Ciências, o conceito do Relativismo tornou-se um tema contemporâneo que pode se envolver com a Educação Multicultural em torno de temáticas como a tolerância epistêmica e cognitiva, respeito a grupos minoritários e culturas diferentes, além do bem cívico. O termo relativismo é encontrado não só nos debates acadêmicos, mas também em informações que circulam nos meios de comunicação, em especial na internet, em sites, blogs e redes sociais e, inclusive, nas práticas discursivas cotidianas. Nesses contextos de comunicação, distorções conceituais são comuns, relacionando o relativismo, por exemplo, a uma espécie de “vale-tudo”. Pretende-se também mostrar, nesta tese, a importância de autores clássicos, com pensadores, conceitos e debates ainda presentes e atualizados. Por fim, algumas teses, como Relativismo Construcionista Social, Subdeterminação da Teoria pelos Dados, Holismo Confirmacional, Carga Teórica sobre a Observação e Incomensurabilidade, são revistas.


  • Mostrar Abstract
  • This thesis understands a variant of Relativism: Epistemic Relativism about Scientific Knowledge. This thesis defends that the Strong Program Relativism endorses Epistemic Relativism because it is philosophically committed to epistemological and ontological concepts, noting that both forms of relativism can provide a basis for reflections on multicultural education. The Epistemic Relativism is a thesis according to which beliefs, justification and knowledge depend of a set of conditions such as times, cultures, societies etc. The Relativism of the Strong Program is a form of Methodological Relativism applied to scientific knowledge. For Strong Program, scientific knowledge is a form of collective adaptation of humanity to nature. David Bloor in his work, Knowledge and Social Imaginary, offers a set of important concepts for reflecting the application of the Sociology of Scientific Knowledge on science. This work, in addition to highlighting important authors such as Durkheim and Mannheim, among others, presents principles that can sustain a different form of Epistemic Relativism: Relativism located to the cognitive patterns of a community at a time. His case studies and descriptions of the relationship between social models and scientific models raise the possibility of defending Relativism. Beyond Bloor, there is a critique to Strong Program Relativism that is discussed by epistemologists and thinkers like Bruno Latour and Paul Boghossian. It should be noted that the Strong Program is inspired by Kuhn's works especially the Structure of Scientific Revolutions. More recent criticisms have emerged, such as Harvey Siegel, Markus Seidel, Maria Baghramian, and Richard Schantz, seeking to examine the Strong Program and Relativism in order to present their difficulties. David Bloor rejects these criticisms, launching a lemma: Relativism is the opposite of Absolutism. This thesis is based on disciplinary fields such as Anthropology, Sociology of Scientific Knowledge, Philosophy of Science, and History of Sciences and interdisciplinary fields such as Science, Technology, and Society and Social Studies on Science. For Science Education, the concept of Relativism has become a contemporary theme that can be involved with Multicultural Education around themes such as epistemic and cognitive tolerance, respect for minority groups and different cultures in addition to civic good. The term Relativism is found not only in academic debates but also in information that circulates in the media especially on the internet, on websites, blogs, and social networks, and even in everyday discursive practices. In these communication contexts, conceptual distortions are common, relating relativism, for example, with the “anything goes”. It is also intended to show, in this thesis, the importance of classic authors with thinkers, concepts and debates still present and updated. Finally, some theses, such as Social Constructionist Relativism, Underdetermination of Theory by Data, Confirmacional Holism, Theory-ladenness of Observation and Incommensurability are reviewed.

6
  • Carolina Queiroz Santana
  • CONTRIBUIÇÕES DA CIENTISTA LUCÍA TOSI PARA OS ESTUDOS DE GÊNERO E CIÊNCIA NO BRASIL


  • Orientador : INDIANARA LIMA SILVA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • INDIANARA LIMA SILVA
  • CLAUDIA DE ALENCAR SERRA E SEPULVEDA
  • LETICIA DOS SANTOS PEREIRA
  • RAFAELA DOS SANTOS LIMA
  • FRANKLIN KAIC DUTRA-PEREIRA
  • GIULIA ENGEL ACCORSI
  • Data: 19/05/2023

  • Mostrar Resumo
  • Lucía Piave Tosi foi uma cientista, historiadora das ciências e feminista que deu uma vasta contribuição a esses campos no Brasil. Ela nasceu na cidade de Buenos Aires, Argentina, onde graduou-se em Química e obteve o título de Doutora em Química. Lucia Tosi Trabalhou em inúmeras universidades e laboratórios de química, tais como; o Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas (CBPF) e o Centre national de la recherche scientifique (CNRS). Após o golpe militar de 1964, Lucia Tosi, então casada com o economista brasileiro Celso Furtado, foi exilada do país em decorrência de violências e ameaças políticas vivenciadas pelo seu marido. Durante seu exílio na França, Tosi foi uma das fundadoras do Grupo Latinoamericano de Mujeres en París, organizado por Danda Prado, que reunia principalmente mulheres brasileiras exiladas. O grupo acabou aderindo mulheres de outros países da América Latina, estabelecendo-se para discutir questões sobre gênero, feminismo, as agendas políticas latino-americanas e passando a publicar o boletim Nosotras. Em decorrência a sua formação em química, e seu interesse pelo movimento feminista, Lucia Tosi se tornou uma das pioneiras nos estudos de gênero e ciência no Brasil. Nesse sentido, esta tese, apresentada em formato multipaper, se desdobra em torno do seguinte questionamento: quais as contribuições da cientista Lucia Tosi para o desenvolvimento dos estudos de Gênero e Ciência no Brasil? Para responder tal pergunta, apresentamos três artigos que enfatizam diferentes elementos que compõem essa resposta: Primeiramente apresentamos uma breve biografia de Lucía Tosi. Em seguida, discutimos a importância do periódico Nosotras e o papel de Lucía Tosi para essa publicação. Por fim, apresentamos um panorama dos trabalhos sobre Gênero e Ciência escritos por Lucía Tosi no Brasil. Para isso, exploramos fontes primárias, por exemplo, os arquivos pessoais da cientista, as publicações do periódico Nosotras, suas publicações sobre gênero e ciências em revistas acadêmicas, e também fontes secundárias que tratam da temática. Em uma perpectiva biografica feminista, optamos pela utilização de gênero como uma categoria de análise histórica, o que nos permitiu mapear os obstáculos e estratégias de Lucía Tosi para alcançar sucesso em uma ciência aculturada por perspectivas misóginas como a química. Por fim, percebemos que se por um lado ela custou a alcançar uma carreira estável tendo sua carreira encaixada a do seu marido, por outro ela tornou-se reconhecida internacionalmente atuando em importantes centros de pesquisas. Nesse sentido, percebemos a importância que o feminismo teve na vida de Lucía e na sua proeminência na atividade científica. Assim, dialeticamente, o pessoal, privado e doméstico de quem foi Lucía Tosi, encontra-se com o político, científico e acadêmico em uma verdadeira catarse intelectual. Lucía foi problematizadora, questionadora e ativista de histórias de outras que a antecederam, mas também criou espaços, estratégias e ferramentas para que hoje sua história pudesse ser narrada.



  • Mostrar Abstract
  • Lucía Piave Tosi was a chemist, scientist, historian of science, and feminist who contributed significantly to these areas in Brazil. She was born in Buenos Aires, Argentina, where she graduated in Chemistry and obtained a Ph.D. in chemistry. Lucia Tosi worked at several universities and chemistry labs, such as; the Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas (CBPF) and the Centre National de la Recherche Scientifique (CNRS). After the Brazilian military coup in 1964, Lucia Tosi and her husband, the Brazilian economist Celso Furtado, were exiled due to violence and political threats in Brazil. During her exile in France, Tosi founded with Danda Prado the Grupo Latinoamericano de Mujeres en París, bringing together mainly exiled Brazilian women. The group ended up joining women from other Latin American countries, establishing itself to discuss issues about gender, feminism, and Latin American political agendas and starting to publish the bulletin Nosotras. As a result of her background in chemistry and interest in the feminist movement, Lucia Tosi became one of the pioneers in gender and science studies in Brazil. In this sense, this multi-paper thesis develops around the following question: what are the contributions of the scientist Lucia Tosi to developing Gender and Science studies in Brazil? Three papers concerning different elements are presented here to elaborate an answer to this question: Firstly, we present a biographical sketch of Lucía Tosi. We also discuss the relevance of Nosotras bulletin and Lucía Tosi’s role in its publication. Finally, we present an overview of Lucia Tosi’s writings on gender and science published in Brazil. For this, we explored primary sources, for example, the scientist's files, the publications of the bulletin Nosotras, her publications on gender and science in academic journals, as well as secondary sources that deal with the subject. From a feminist biographical perspective, we chose gender as a historical analysis category, allowing us to draw Lucía Tosi's obstacles and strategies to succeed in a science acculturated by misogynistic perspectives such as chemistry. Finally, we realized that if, on the one hand, it took her a long time to reach a stable career, with her career matching that of her husband, on the other hand, she became internationally recognized, working in important research centers. In this sense, we perceive the importance that feminism had in Lucía's life and her prominence in scientific activity. Thus, dialectically, the personal, private, and domestic of who Lucía Tosi was, meet the political, scientific, and academic in an actual intellectual catharsis. Lucía was problematizing, questioning, and an activist in the stories of others who preceded her. Still, she also created spaces, strategies, and tools so that her story could be told today.

7
  • Alexandre Rodrigues Barbosa
  • DIVULGAÇÃO CIENTÍFICA NA INTERNET: CRIATIVIDADE E (RE)PRODUÇÃO DIDÁTICA NO TRABALHO DE CRIADORES DE CONTEÚDO ONLINE’ DE FÍSICA PARA YOUTUBE E TIKTOK

  • Orientador : HELIO DA SILVA MESSEDER NETO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • HELIO DA SILVA MESSEDER NETO
  • LYNN ROSALINA GAMA ALVES
  • SANDRA LIMONTA
  • MARIA DE FÁTIMA RODRIGUES MAKIUCHI
  • RAFAELLE DA SILVA SOUZA
  • Data: 12/06/2023

  • Mostrar Resumo
  • Entre formas e formatos, a divulgação científica tem a sua importância tanto no campo educacional quanto no campo político; isto porque ela aparece como um movimento que visa democratizar a ciência levando o conhecimento científico ao público não especializado. A história da divulgação científica nos confirma que diferentes mídias já foram (e têm sido) utilizadas com a finalidade de divulgar a ciência para a população. Atualmente, novos formatos de mídia para divulgação científica têm surgido, podemos citar como exemplo os podcasts e os canais em diferentes plataformas digitais, como YouTube e TikTok. Tal movimento complementa a história da divulgação científica e supera por incorporação outras dinâmicas já estabelecidas nesse sentido. Independentemente da escala temporal, a divulgação científica sempre teve um propósito bem evidente: compartilhar o saber científico a partir de uma linguagem popular. Entretanto, esta popularização da linguagem não deve ocorrer de qualquer maneira, justamente por ser a divulgação científica um ato político e de produção de humanidade. Levar conhecimento científico para o público que não participa diretamente da atividade científica é nutrir essas pessoas com as máximas abstrações já realizadas pelo gênero humano, no que se refere ao conhecimento da realidade, pois a apropriação de conceitos científicos nos aproxima do conhecimento da realidade. Entretanto – especialmente nos tempos atuais em que o fluxo de informações é enorme –, algumas informações podem nos afastar dela. Com o advento das redes de entretenimento, a atividade de divulgação científica se tornou descentralizada, de modo a haver uma mudança no polo de emissão da mensagem. Hoje, qualquer pessoa pode falar sobre ciência na internet, assim, o que, em sua aparência, é extremamente positivo, na verdade, é bastante perigoso, principalmente porque a internet é um terreno dominado pelas grandes empresas do Vale do Silício. Localizadas nos Estados Unidos da América, essas grandes empresas, por meio de regulações, influenciam a atividade de Divulgação Científica de modo que ela passe a ter formas e conteúdos que atendam às exigências dessas plataformas, ou seja, formas de abordagem e conteúdos específicos que “engajam” nas redes sociais e de streaming. Buscando analisar esse movimento autônomo de criadores de conteúdo de divulgação científica para a internet, no âmbito da Física, investigamos o processo criativo de cinco criadores de conteúdo com formação específica em Física. Nesse sentido, buscamos conhecer como tem se dado a dinâmica do movimento de divulgação científica na internet para além do que se aparenta, conhecendo, sobretudo, suas contradições. Tal investigação, portanto, tem suas bases no Materialismo Histórico-Dialético, na Pedagogia Histórico-Crítica e na Psicologia Histórico-Cultural, e perpassa a análise de vídeos produzidos e a análise da entrevista com cada criador de conteúdo. Olhamos, em tal análise, o fenômeno de divulgação científica quanto à forma (como se divulga) e quanto ao conteúdo (o que se divulga). A análise dos dados nos permitiu identificar que os processos de produção de conteúdo de divulgação científica na internet têm apontado para uma tendência hegemônica de Divulgação Científica pautada no entretenimento, o qual nomeamos de Divulgação Científica de Entretenimento, um projeto perigoso que, em sua aparência, é lúdico, prazeroso, interessante e informativo. Todavia, em sua essência, é um movimento alinhado à agenda neoliberal do capitalismo tecnológico pautada na exploração criativa. Esse movimento, no âmbito da Física, ora tende a edificar a Física como entretenimento, ora tende a edificar a (pseudo)ciência como entretenimento, repercutindo, assim, em duas tendências marcantes de Divulgação Científica na internet, as quais são discutidas detalhadamente neste trabalho. Por assim dizer, constatamos que a Divulgação Científica de Entretenimento é mais um mecanismo que serve aos interesses do capitalismo, fazendo com que criadores de conteúdo online de Física (re)produzam didáticas e emblemas que acabam prejudicando o projeto de educação científica do público não especializado.


  • Mostrar Abstract
  • Among forms and formats, scientific dissemination has its importance both in the educational and political fields; this is because it appears as a movement that aims to democratize science by bringing scientific knowledge to the non-specialized public. The history of scientific dissemination confirms that different media have already been (and have been) used with the aim of disseminating science to the population. Currently, new media formats for scientific dissemination have emerged, such as podcasts and channels on different digital platforms, such as YouTube and TikTok. Such a movement complements the history of scientific dissemination and surpasses other dynamics already established in this regard by incorporating them. Regardless of the time scale, scientific dissemination has always had a very clear purpose: to share scientific knowledge based on popular language. However, this popularization of the language should not happen anyway, precisely because Scientific Dissemination is a political act and a production of humanity. Bringing scientific knowledge to the public that does not directly participate in scientific activity is to nourish these people with the maximum abstractions ever performed by mankind in terms of knowledge of reality, as the appropriation of scientific concepts brings us closer to knowledge of reality. However – especially in current times when the flow of information is enormous – some information can keep us away from it. With the advent of entertainment networks, the activity of science communication became decentralized, so that there was a change in the pole of message issuance – today, anyone can talk about science on the internet; what, in appearance, is extremely positive, is actually quite dangerous, mainly because the internet is a terrain dominated by large companies from Silicon Valley. Located in the United States of America, those companies, through regulations, influence the Science Dissemination activity so that it has forms and contents that meet the requirements of these platforms, that is, forms of approach and specific contents that “engage” in social and streaming networks. Seeking to analyze this autonomous movement of science communication content creators for the internet, in the field of Physics, we investigated the creative process of five content creators with specific training in Physics. In this sense, we seek to know how the dynamics of the scientific dissemination movement on the internet has been going beyond what it appears, knowing, above all, its contradictions. Such investigation, therefore, has its bases in historical-dialectical materialism, in historical-critical pedagogy and in historical-cultural psychology, and permeates the analysis of videos produced and the analysis of the interview with each content creator. In this analysis, we look at the phenomenon of scientific dissemination in terms of form (how it is disseminated) and content (what is disseminated). Data analysis allowed us to identify that the production processes of scientific dissemination content on the internet have pointed to a hegemonic trend of Scientific Dissemination based on entertainment, which we named Scientific Dissemination of Entertainment, a dangerous project that, in its appearance, is ludic, pleasant, interesting and informative. However, in essence it is a movement aligned with the neoliberal agenda of technological capitalism based on creative exploration. This movement, within the scope of Physics, sometimes tends to build Physics as entertainment, sometimes tends to build (pseudo)science as entertainment, thus having repercussions on two striking trends of Science Dissemination on the internet, which are discussed in detail in this work So to speak, we found that the Scientific Dissemination of Entertainment is yet another mechanism that serves the interests of capitalism, causing online Physics content creators to (re)produce didactics and emblems that end up harming the science education project of the non-specialized public

8
  • CÁSSIA REGINA REIS MUNIZ
  • INVESTIGANDO O VALOR HEURÍSTICO DE UMA

    FERRAMENTA DE ANÁLISE DA PERSPECTIVA DE ONTOLOGIA MORAL

  • Orientador : NEI DE FREITAS NUNES NETO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • GIULIANO REIS
  • ANA PAULA MIRANDA GUIMARÃES
  • CHARBEL NINO EL HANI
  • FABIANA ROBERTA GONCALVES E SILVA HUSSEIN
  • NEI DE FREITAS NUNES NETO
  • PEDRO GUILHERME ROCHA REIS
  • Data: 19/06/2023

  • Mostrar Resumo
  • A crise socioambiental vivenciada nos dias atuais, a exemplo do aquecimento global, exige mudanças no sistema educacional que vislumbrem ações sociopolíticas em seus currículos. Abordagens integradas CTSA/HFC que usem QSCs como estratégia de ensino para promoção de ações sociopolíticas têm sido utilizadas, mesmo que em pequena escala, a fim de formar cidadãos mais responsáveis socioambientalmente. Para tanto, apenas o conteúdo conceitual de ciência e tecnologia não é suficiente, sendo necessário considerar, também, as dimensões procedimentais e atitudinais dos conteúdos a serem ensinados na educação básica. Os valores morais e éticos (contemplados na dimensão atitudinal dos conteúdos) que apoiam ações sociopolíticas podem ser ensinados e expressos por meio da linguagem verbal e não verbal, sendo ressignificados pelos estudantes à medida que são aprendidos. Então, faz todo sentido usar ferramentas que analisem o discurso para avaliar o posicionamento ético dos estudantes nas pesquisas em ensino de ciências com vistas a promoção de ações sociopolítica. O presente estudo visa, então, propor ferramentas que permitam analisar, por meio da linguagem, as tendências com relação a tendência ética de ontologia moral dos estudantes. Para tanto, foi elaborada a Ferramenta de Análise do Posicionamento de Ontologia Moral (FAPCOM) que reúne elementos da Análise Crítica do Discurso e da Ferramenta de Análise da Apropriação da Linguagem Social da Ciência Escolar (FAALSCE). Esta ferramenta esta dividida em três partes: a análise da prática social, a análise do discurso e a análise do texto. Na primeira parte, analisa-se a quais os temas foram levados em consideração no posicionamento do estudante, avaliando se eles são condizentes com discurso hegemônico ou não-hegemônico, qual o tipo de valor é dado a natureza (intrínseco ou instrumental) e qual a tendência ética de ontologia moral apresentada pelo estudante. Para analisar o valor heurístico da FAPCOM, foram analisados as repostas dadas por estudantes, do primeiro ano do ensino médio, para um caso aplicado durante a sequência sobre aquecimento global (Sarmento, 2021). Os resultados, analisados indicam que a maioria dos estudantes atribuem a natureza valor intrínseco, tendendo ao senciocentrismo e/ou ecocentrismo. È importante salientar que na maioria dos discurso encontramos mais de uma tendência de consideração moral. Acreditamos que este é um bom resultado, pois o que vale é que a educação consiga promover a ampliação da consideração moral. Concluimos que a FAPCOM é passível de ser usada para analisar a tendência da ontologia moral dos estudantes


  • Mostrar Abstract
  • The socio-environmental crisis experienced today, such as global warming, requires changes in the educational system that envision socio-political actions in their curricula. Integrated CTSA/HFC approaches that use QSCs as a teaching strategy to promote socio-political actions have been used, even on a small scale, in order to educate more socio-environmentally responsible citizens. Therefore, only the conceptual content of science and technology is not enough, and it is also necessary to consider the procedural and attitudinal dimensions of the contents to be taught in basic education. The moral and ethical values (contemplated in the attitudinal dimension of the contents) that support socio-political actions can be taught and expressed through verbal and non-verbal language, being re-signified by students as they are learned. So, it makes perfect sense to use tools that analyze discourse to assess the ethical position of students in science teaching research with a view to promoting socio-political actions. The present study therefore aims to propose tools that allow the analysis, through language, of trends in relation to the ethical tendency of the students' moral ontology. For this purpose, the Moral Ontology Positioning Analysis Tool (FAPCom) was developed, which brings together elements of Critical Discourse Analysis and the Analysis Tool of Social Language Appropriation of School Science (FAALSCE). This tool is divided into three parts: social practice analysis, discourse analysis and text analysis. In the first part, it analyzes which themes were taken into account in the student's positioning, assessing whether they are consistent with a hegemonic or non-hegemonic discourse, what type of value is given to nature (intrinsic or instrumental) and what is the ethical tendency of moral ontology presented by the student. To analyze the heuristic value of the FAPCom the responses given by students, in the first year of high school, were analyzed for a case applied during the sequence on global warming (Sarmento, 2021). The results, analyzed, indicate that most students attribute intrinsic value to nature, tending towards senciocentrism and/or ecocentrism. It is important to point out that in most speeches we find more than one trend of moral consideration. We believe that this is a good result, because what counts is that education manages to promote the expansion of moral consideration. We conclude that FAPCom can be used to analyze the tendency of students' moral ontology

9
  • David Santana Lopes
  • PLATAFORMIZAÇÃO E A FORMAÇÃO DE PROFESSORES DAS CIÊNCIAS DA NATUREZA: INTERFACES COM AS MÍDIAS AUDIOVISUAIS E SONORAS

     
  • Orientador : REJANE MARIA LIRA DA SILVA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ROSILEIA OLIVEIRA DE ALMEIDA
  • REJANE MARIA LIRA DA SILVA
  • LYNN ROSALINA GAMA ALVES
  • FABIANA ROBERTA GONCALVES E SILVA HUSSEIN
  • DEISE JULIANA FRANCISCO
  • ROMERO MENDES FREIRE DE MOURA JÚNIOR
  • Data: 01/07/2023

  • Mostrar Resumo
  • Na Cultura Digital, as produções audiovisuais e sonoras são clássicos artefatos pedagógicos adotados na prática em sala de aula. Em síntese, o processo de mediação desses artefatos digitais nos ambientes educativos perpassa uma articulação entre a formação inicial/continuada de professores frente as crescentes demandas formativas de uma sociedade plataformizada e dependente de serviços disponibilizados por tais meios digitais. Neste sentido, questiona-se de que forma as mídias audiovisuais e sonoras, podem figurar, de maneira segura e não instrumental, na formação inicial de professores das Ciências da Natureza frente aos mecanismos engendrados na dinâmica da Plataformização? Para isso, a presente pesquisa objetivou analisar como os diferentes campos de força interferem na formação de licenciandos em Biologia, Química e Física ao interagirem com mídias audiovisuais e sonoras plataformizadas. Para isso, esse estudo seguiu a Teoria do Agir-Comunicativo de Habermas, dialogando com as novas estruturas infocomunicacionais impulsionadas pelas Plataformas Digitais. Nesse sentido, este estudo multipaper seguiu o método qualitativo, com a presença de 30 participantes formados por professores (4) e estudantes (11) das Licenciaturas em Biologia, Química e Física da Universidade Federal da Bahia (UFBA), além de criadores de conteúdo digital (15) de podcasts de divulgação científica. Os procedimentos metodológicos adotados foram do tipo bibliográfico (uma revisão sistemática; uma análise documental e um estudo teórico) e do tipo empírico (a partir de entrevistas semiestruturadas) totalizando cinco Artigos. Para a sistematização das informações produzidas, foi utilizado o software IRaMuTeQ que auxiliou no processo da Análise Crítica do Discurso proposta por Norman Fairclough. No que tange os aspectos éticos é válido apontar ainda que o presente estudo orientou-se através dos princípios éticos da pesquisa, tendo aprovação deferida pelo CEPEE da UFBA (Parecer n° 4248666). Em suma, o conjunto de produções presentes nesta tese suscitaram discussões e críticas em torno do caráter essencialmente instrumentalizador ainda presente na literatura científica de Biologia, Química e Física diante da interação com tecnologias digitais; do foco exacerbado em torno de abordagens como a Steam e a CTSA; estruturas curriculares das licenciaturas das Ciências da Natureza (das principais universidades do Brasil, além da própria UFBA), deficitárias em componentes voltados às demandas digitais de seus discentes, além dos desafios formativos de licenciandos durante o Ensino Remoto, como no caso de bolsistas do Residência Pedagógica. Tais obstáculos significaram direcionar o processo de ensino para outros artefatos digitais, como os podcasts voltados à divulgação científica, juntamente com novas formas de avaliação do contexto formativo em questão e na elaboração de projetos ou planos de ensino adaptados ao fenômeno da Plataformização, sistematizados aqui através das relações e elementos sugeridos no Modelo de Construção de Identidades Digitais Aparentes (MCIDA). Portanto, as características plataformizadas da sociedade contemporânea contaminam o campo educacional tanto no pensar como no fazer docente, contudo ainda é preciso cautela ao dialogar com tais meios digitais dataficantes e que performatizam seus usuários finais, como professores já em atuação e de futuros docentes, incluindo, neste caso, àqueles da área das Ciências da Natureza.

     

  • Mostrar Abstract
  • In Digital Culture, audiovisual and sound productions are classic pedagogical artifacts adopted in practice in the classroom. Immersed in this context is the process of mediation of these digital artifacts in educational environments permeates an articulation between the initial/continued training of teachers in the face of the growing training demands of a platform society dependent on services made available by such digital means. In this sense, the question is: how can audiovisual and sound media figure, in a safe and non-instrumental way, in the initial training of Natural Sciences teachers in view of the mechanisms engendered in the dynamics of Platformization? For this, the present research aimed to analyze how the different fields of force interfere in the formation of undergraduate students in Biology, Chemistry and Physics when interacting with platformized audiovisual and sound media. For this, this study followed Habermas' Acting-Communicative Theory, dialoguing with the new infocommunicational structures driven by Digital Platforms. In this sense, this multipaper study followed the qualitative method, with the participation of 30 participants formed by professors (4) and students (11) of the Degrees in Biology, Chemistry and Physics of the Federal University of Bahia (UFBA), in addition to content creators digital (15) of science communication podcasts. The methodological procedures adopted were of the bibliographic type (a systematic review; a documental analysis and a theoretical study) and of the empirical type (with the other two articles based on semi-structured interviews), totaling five articles. For the systematization of the information produced, the IRaMuTeQ software was used, which helped in the process of Critical Discourse Analysis proposed by Norman Fairclough. With regard to ethical aspects, it is also worth pointing out that the present study was guided by the ethical principles of research, with approval granted by CEPEE of UFBA (Opinion No. 4248666). In this way, the set of productions present in this thesis raised discussions and criticisms around the essentially instrumentalizing character still present in the scientific literature of Biology, Chemistry and Physics in the face of the interaction with digital technologies; the heightened focus around approaches like Steam and CTSA; curricular structures of the undergraduate degrees in Nature Sciences (from the main universities in Brazil, in addition to UFBA itself), lacking in components aimed at the digital demands of their students, in addition to the training challenges of undergraduates during Remote Teaching, as in the case of fellows from the Residency Pedagogical. Such obstacles meant directing the teaching process to other digital artifacts, such as podcasts aimed at scientific dissemination, along with new forms of evaluation of the training context in question and the elaboration of projects or teaching plans adapted to the phenomenon of Platformization, systematized here through of the relations and elements suggested in the Construction Model of Apparent Digital Identities (MCIDA). Therefore, the platformized characteristics of contemporary society contaminate the educational field both in thinking and in teaching, however caution is still needed when dialoguing with such digital means that dataficate and performatize their end users, as teachers already in action and future teachers, including, in this case, those in the field of Natural Sciences.

     
10
  • EMANUELE MARIA LEITE SUZART
  • Formação inicial de professores de biologia e educação científica sensível ao diálogo intercultural: possibilidades e limites a partir de uma abordagem etnoecológica associada à agroecologia.

  • Orientador : GEILSA COSTA SANTOS BAPTISTA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANA PAULA INÁCIO DIORIO
  • FABIO PESSOA VIEIRA
  • GEILSA COSTA SANTOS BAPTISTA
  • HENRIQUE COSTA HERMENEGILDO DA SILVA
  • RAFAEL MOREIRA SIQUEIRA
  • Data: 03/07/2023

  • Mostrar Resumo
  • Esta tese tem como objetivo geral analisar as possibilidades e limitações de uma abordagem da Etnoecologia associada à Agroecologia na formação inicial de professores de Biologia para uma educação científica sensível ao diálogo intercultural, após a aplicação de uma sequência didática (SD) no componente obrigatório curricular do curso de licenciatura em Ciências Biológicas. Para isso, foram desenvolvidas investigações que correspondem aos três capítulos desta tese, que tem formato de coleções de artigos (ou multipaper). O primeiro capítulo é uma pesquisa bibliográfica do tipo revisão sistemática de literatura, com o objetivo de mapear as produções científicas brasileiras referentes às experiências de ensino e formação de professores de Biologia na interface com a Etnoecologia e Agroecologia. Para tanto, foram realizadas buscas de trabalhos científicos e artigos em bancos de dados, periódicos e anais dos eventos científicos referentes à temática da tese. Para fins de análise dos dados, foi adotada a proposta de Análise de Conteúdo de Bardin por meio da categorização a posteriori. A partir dos resultados da revisão, destaca-se a lacuna das produções científicas em explicitar as relações entre os conhecimentos científicos e dos estudantes a partir de abordagens da Agroecologia e da Etnoecologia na educação científica e na formação de professores. O segundo capítulo é uma investigação empírica qualitativa que buscou analisar as possibilidades de uma abordagem para o diálogo intercultural em contos e planos de aula elaborados por licenciandos em formação, após a aplicação da SD. Para isso, foram realizadas análises das elaborações a partir da Análise de Conteúdo de Bardin por meio da categorização a priori e a posteriori. O terceiro capítulo é uma pesquisa empírica qualitativa, cujo objetivo é analisar a compreensão dos licenciandos acerca da construção de proposições de contos e de planos aulas para fins do diálogo intercultural entre os conhecimentos ecológicos locais e científicos escolar de Biologia. Para tal propósito, foram realizadas entrevistas semiestruturadas, de modo online, com os grupos focais. Os dados foram analisados baseados na análise indutiva dos dados e em diálogos com a literatura referente à área de ensino de ciências e educação. A partir dos resultados da análise dos contos e dos planos de aula e dos relatos dos licenciandos sobre suas produções, conclui-se que as discussões e reflexões proporcionados pela SD podem contribuir para a formação dos licenciandos no que se refere a importância em desenvolver proposições de ensino para fins do diálogo intercultural em suas futuras práticas.


  • Mostrar Abstract
  • This thesis has the general objective of analyzing the possibilities and limitations of an approach of Ethnoecology associated with Agroecology in the initial training of Biology teachers for a scientific education sensitive to intercultural dialogue, after the application of a didactic sequence (SD) in the mandatory curricular component of the degree course in Biological Sciences. For this, investigations were developed that correspond to the three chapters of this thesis, which have the format of collections of articles (or multipaper). The first chapter is a bibliographic research of the systematic literature review type, with the objective of mapping the Brazilian scientific productions referring to the experiences of teaching and training Biology teachers in the interface with Ethnoecology and Agroecology. To this end, searches were carried out for scientific works and articles in databases, journals and annals of scientific events related to the theme of the thesis. For data analysis purposes, Bardin's Content Analysis proposal was adopted through posterior categorization. From the results of the review, the lack of scientific productions in explaining the relationships between scientific knowledge and that of students based on Agroecology and Ethnoecology approaches in science education and teacher training stands out. The second chapter is a qualitative empirical investigation that sought to analyze the possibilities of an approach to intercultural dialogue in short stories and lesson plans prepared by undergraduate students, after applying the SD. For this, analyzes of the elaborations were carried out from Bardin's Content Analysis through a priori and a posteriori categorization. The third chapter is a qualitative empirical research, whose objective is to analyze the understanding of undergraduates about the construction of propositions of stories and lesson plans for the purpose of intercultural dialogue between local ecological knowledge and scientific school Biology. For this purpose, semi-structured interviews were conducted online with the focus groups. Data were analyzed based on inductive data analysis and dialogues with the literature related to science teaching and education. From the results of the analysis of the stories and the lesson plans and the reports of the undergraduate students about their productions, it is concluded that the discussions and reflections provided by the SD can contribute to the training of the undergraduate students regarding the importance of developing propositions of teaching for purposes of intercultural dialogue in their future practices.

11
  • Grégory Alves Dionor
  • Educação CTS/CTSA: uma análise a partir das contribuições de Imre Lakatos e Hugh Lacey

     

     

  • Orientador : NEI DE FREITAS NUNES NETO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ALEXANDRE BAGDONAS HENRIQUE
  • CLAUDIO RICARDO MARTINS DOS REIS
  • DALIA MELISSA CONRADO
  • LIZIANE MARTINS
  • NEI DE FREITAS NUNES NETO
  • PAULO MARCELO MARINI TEIXEIRA
  • ROSILEIA OLIVEIRA DE ALMEIDA
  • Data: 24/07/2023

  • Mostrar Resumo
  • Entre as décadas de 1960 e 1970, inflama a preocupação em problematizar e pensar criticamente a atividade científica, principalmente observando os impactos sociais da mesma, dadas as consequências socioambientais de eventos/situações como a percepção dos efeitos da degradação ambiental provenientes da industrialização, das bombas atômicas e da guerra do Vietnã. Surgem, assim, os estudos que seriam denominados posteriormente de Movimento CTSA (Ciência-Tecnologia-Sociedade-Ambiente). Dentre as frentes de atuação deste movimento, há uma voltada para estruturar uma educação na perspectiva de mobilização das esferas CTSA – a Educação CTSA. A partir disso, percebemos lacunas ainda pouco exploradas nas reflexões teórico-epistemológicas nos estudos da Educação CTSA dentro do contexto mais amplo do campo de pesquisa em educação científica. Quando falamos em “contexto mais amplo de pesquisa”, variadas são as interpretações, pois, a depender do aporte teórico no qual se embasa, a constituição dele se modifica. Uma das possibilidades de entendermos as bases fundamentais de um campo de pesquisa é através de análises epistemológicas a partir de construtos de áreas como a História e a Filosofia da Ciência, por meio de autores tais quais Imre Lakatos e Hugh Lacey. A escolha de Lakatos enquanto um dos autores centrais para a análise aqui se dá pela potencialidade que percebemos em sua obra para compreensão das teorias científicas e, assim, nos servir como norteador do nosso olhar sobre a pesquisa em Educação CTSA. Porém, devido a uma das limitações que encontramos em Lakatos – a não discussão da relação entre valores e ciência – recorremos a Lacey como o outro autor central da nossa análise, já que ele tensiona justamente essa problemática nos estudos metacientíficos. Dessa forma, essa tese objetiva: (i) Compreender as contribuições teórico-epistemológicas de dois autores da filosofia da ciência – Imre Lakatos e Hugh Lacey – e como seus construtos podem se complementar na construção de uma visão mais abrangente de compreensão da ciência, sobretudo centrada em valores; (ii) Analisar, através de revisão integrativa da literatura, se e como publicações do campo da pesquisa em Ensino de Ciências acerca da Educação CTSA apresentam em seus fundamentos contribuições epistemológicas características dos estudos de Lakatos e Lacey. Esta tese apresenta-se em formato de coletânea de artigos, sendo que, em cada artigo-capítulo, buscamos contemplar cada um dos objetivos elencados.


  • Mostrar Abstract
  • Between the 1960s and 1970s, there was a concern to problematize and think critically about scientific activity, mainly observing its social impacts, given the socio-environmental consequences of events/situations such as the perception of the effects of environmental degradation resulting from industrialization, atomic bombs and the Vietnam War. Thus, the studies that would later be called the CTSA Movement (Science-Technology-Society-Environment) emerged. Among the action fronts of this movement, there is one aimed at structuring an education in the perspective of mobilization of the CTSA spheres – the CTSA Education. From this, we noticed gaps still little explored in the theoretical-epistemological reflections in the studies of CTSA Education within the broader context of the field of research in science education. When we talk about “broader research context”, there are several interpretations, because, depending on the theoretical support on which it is based, its constitution changes. One of the possibilities for understanding the fundamental bases of a field of research is through epistemological analyzes based on constructs from areas such as the History and Philosophy of Science, through authors such as Imre Lakatos and Hugh Lacey. The choice of Lakatos as one of the central authors for the analysis here is due to the potential that we perceive in his work to understand scientific theories and, thus, serve as a guide for our view on research in CTSA Education. However, due to one of the limitations we found in Lakatos – the non-discussion of the relationship between values and science – we resorted to Lacey as the other central author of our analysis, since he stresses precisely this issue in meta-scientific studies. Thus, this thesis aims to: (i) Understand the theoretical-epistemological contributions of two authors in the philosophy of science – Imre Lakatos and Hugh Lacey – and how their constructs can complement each other in building a broader view of understanding science, especially centered on values; (ii) Analyze, through an integrative literature review, if and how publications in the field of research in Science Teaching about CTSA Education present in their foundations epistemological contributions characteristic of the studies of Lakatos and Lacey. This thesis is presented in the form of a collection of articles, and, in each article-chapter, we seek to contemplate each of the objectives listed.

12
  • Ana Caroline Maia Barboza
  • A formação de professores de ciências com foco no diálogo com os conhecimentos bíblicos: limites e possibilidades.

  • Orientador : GEILSA COSTA SANTOS BAPTISTA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • NADENKA BEATRIZ MELO BRITO
  • LIN CHAU MING
  • ANA PAULA MIRANDA GUIMARÃES
  • GEILSA COSTA SANTOS BAPTISTA
  • ROSILEIA OLIVEIRA DE ALMEIDA
  • Data: 28/07/2023

  • Mostrar Resumo
  • O presente trabalho apresenta os resultados de uma pesquisa qualitativa que teve por objetivo geral investigar os limites e possibilidades que podemos estabelecer em um curso de formação continuada de professores de ciências tendo como foco o diálogo entre os conhecimentos científicos e bíblicos. Três artigos foram propostos, cada um visando alcançar um dos objetivos específicos que são: 1. contextualizar brevemente a natureza do conhecimento científico e o conhecimento bíblico, enfatizando a importância do diálogo na formação de professores para o ensino de ciências intercultural; 2. interpretar as relações que são apresentadas por professores de ciências entre os conhecimentos etnobiológicas presentes na bíblia e os científicos. Com base nisto, apontar implicações e proposições para o ensino de ciências que seja sensível a diversidade cultural, isto é, que respeita e considera a diversidade cultural, incluindo aí o cristianismo; 3. avaliar recursos e sequências didáticas produzidos como trabalho final de um curso de formação de professores de ciências sensível à diversidade cultural afim de perceber se há indícios de abertura para o diálogo entre conhecimento científico e conhecimentos bíblicos nos materiais produzidos. Os dados foram coletados durante o desenvolvimento de um componente optativo do Programa de Pós-Graduação em Ensino, Filosofia e História das Ciências (UFBA/UEFS), tendo como principais referenciais teóricos de análise o construtivismo contextual, o pluralismo epistemológico e diálogo intercultural. Consideramos que ocorrem limites relacionados à aplicação de um curso de formação de professores que promova a inclusão dos conhecimentos bíblicos para o diálogo intercultural nas salas de aula de ciências, pois existem barreiras importantes que influenciam o saber e o fazer pedagógico, a dimensão teoria e prática. São barreiras que podem estar relacionadas à formação inicial dos professores de ciências e às visões de mundo desses profissionais. Apontamos como grande desafio a continuidade de novos estudos no que tange à elaboração e promoção de cursos de formação de professores que visem combater o cientificismo, considerando que as sociedades atuais são genuinamente plurais, incluindo os contextos das salas de aula, nas quais diversos modos de conhecer estão presentes e podem coexistir, incluindo aí os conhecimentos bíblicos, bem como aqueles provenientes de outras religiões além do cristianismo. Defendemos que o professor de ciências precisa reconhecer a diversidade de saberes presentes nas salas de aula e buscar investigar e compreender esses saberes para a inclusão no diálogo que possa estabelecer com a ciência.


  • Mostrar Abstract
  • The present work presents the results of a qualitative research Which the general objective was to investigate the limits and possibilities that we can establish in a course of continuing education for science teachers, focusing on the dialogue between scientific and biblical knowledge. Three articles were proposed, each one aiming to achieve one of the specific objectives which are: 1. Briefly contextualize the nature of scientific knowledge and biblical knowledge, emphasizing the importance of dialogue in teacher training for intercultural science teaching; 2. interpret the relationships that are presented by science teachers between the ethnobiological knowledge present in the bible and the scientific ones. Based on this, point out implications and propositions for science teaching that is sensitive to cultural diversity, that is, that respects and considers cultural diversity, including Christianity; 3. Evaluate didactic resources and sequences produced as the final work of a training course for science teachers sensitive to cultural diversity in order to see if there are signs of openness to dialogue between scientific knowledge and biblical knowledge in the materials produced. Data were collected during the development of an optional component of the Graduate Program in Teaching, Philosophy and History of Sciences (UFBA/UEFS), having as main theoretical references of analysis contextual constructivism, epistemological pluralism and intercultural dialogue. We consider that there are limits related to the application of a teacher training course that promotes the inclusion of biblical knowledge for intercultural dialogue in science classrooms, as there are important barriers that influence pedagogical knowledge and practice, the theory and practice dimension. These are barriers that may be related to the initial training of science teachers and the worldviews of these professionals. We point out as a great challenge the continuity of new studies regarding the elaboration and promotion of teacher training courses that aim to combat scientism, considering that current societies are genuinely plural, including the contexts of classrooms, in which different modes of knowledge are present and can coexist, including biblical knowledge, as well as knowledge from religions other than Christianity. We argue that science teachers need to recognize the diversity of knowledge present in classrooms and seek to investigate and understand this knowledge for inclusion in the dialogue they can establish with science.

13
  • DIRLANE GOMES E SILVA
  • Agrobiodiversidade: uma via para a promoção do diálogo intercultural no ensino de Ciências

  • Orientador : GEILSA COSTA SANTOS BAPTISTA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • RUBINSTEN HERNÁNDEZ BARBOSA
  • ANA PAULA INÁCIO DIORIO
  • ANA PAULA MIRANDA GUIMARÃES
  • GEILSA COSTA SANTOS BAPTISTA
  • RAFAEL MOREIRA SIQUEIRA
  • Data: 01/08/2023

  • Mostrar Resumo
  • Apresentamos os resultados de uma pesquisa que teve por objetivo geral analisar como a agrobiodiversidade pode constituir uma via para a promoção do diálogo intercultural no ensino de ciências para estudantes agricultores de Ipecaetá, Bahia, Brasil. Nesse sentido, percorremos os seguintes objetivos específicos: a) investigar através de revisão sistemática na literatura existente, se, e como a agrobiodiversidade está relacionada ao ensino de ciências. b) problematizar os documentos educacionais: Plano Municipal de Educação do Município, Referencial Curricular Municipal e Planos Político Pedagógicos no que tange a agrobiodiversidade para a promoção do diálogo intercultural no ensino de ciências. c) identificar as concepções dos professores da área de ciências acerca da agrobiodiversidade e possibilidades da sua consideração no diálogo intercultural. Tratase de pesquisa qualitativa descritiva, com foco de atenção aos significados atribuídos pelos sujeitos e objetos de investigação. Nesta perspectiva, foi realizada revisão sistemática de literatura, análise de documentos e pesquisa empírica, através da entrevista semiestruturada. Com relação à revisão sistemática de literatura, não foram encontradas pesquisas que relacionem de forma direta agrobiodiversidade como via para o ensino de ciências. Todavia, verifica-se que a agrobiodiversidade tem sido tema de numerosas investigações voltadas para sua identificação, usos, consumo, abrangendo múltiplas áreas do conhecimento: saúde, alimentação, direito, meio ambiente, biodiversidade e cultura, dentre outros. Há indicativo de que o meio acadêmico possui interesses diversos nas investigações acerca da agrobiodiversidade. Entretanto, é possível afirmar que há um longo caminho a ser seguido na direção de registrar, valorizar e abordar amplamente a agrobiodiversidade, sobretudo no âmbito de sua aplicabilidade ao ensino de ciências intercultural. Os principais resultados derivados da análise de documentos apontam que não há indicação de um currículo específico para o ensino de ciências para estudantes agricultores com abordagem da agrobiodiversidade. Há indicação implícita da agrobiodiversidade como temática no âmbito do planejamento da educação; há reconhecimento da consideração pelas realidades agrícolas e da cultura dos estudantes, de forma explícita. A pesquisa aponta na direção de que são necessários maiores esforços e empenho no atendimento às especificidades dos estudantes agricultores e aos seus contextos, para a formulação de planejamentos pedagógicos que direcione para estratégias mais aproximadas, com via em inserir de forma explícita a abordagem da agrobiodiversidade e assim construir caminhos para preenchimento desta lacuna no ensino de ciências. Destarte, o estudo poderá contribuir na construção de documentos curriculares para o ensino de ciências na proposição de planejamentos futuros. Acerca da pesquisa empírica, observa-se que os professores se empenham e possuem interesse em atender necessidades educacionais do contexto dos estudantes agricultores, porém estes apontam a falta de arcabouço documental pedagógico e formativo para sua efetividade. Possivelmente, práticas pedagógicas estão sendo encaminhadas de forma simplista, priorizando-se ensino hegemônico como ponto de partida. É necessário ampliar a imersão e inclusão da cultura local enquanto arcabouço pedagógico, considerando os pontos de convergência entre ciência e os aspectos socioculturais alinhados a agrobiodiversidade.


  • Mostrar Abstract
  • We present the results of a research whose general objective was to analyze how agrobiodiversity can be a way to promote intercultural dialogue in science teaching for agricultural students in Ipecaetá, Bahia, Brazil. In this sense, we covered the following specific objectives: a) to investigate, through a systematic review of the existing literature, whether and how agrobiodiversity is related to science teaching. b) problematize the educational documents: Municipal Education Plan of the Municipality, Municipal Curriculum Reference and Pedagogical Political Plans regarding agrobiodiversity for the promotion of intercultural dialogue in science teaching. c) identify science teachers' conceptions about agrobiodiversity and possibilities for its consideration in intercultural dialogue. This is a descriptive qualitative research, with a focus on the meanings attributed by the subjects and objects of investigation. In this perspective, a systematic literature review, document analysis and empirical research were carried out through semi-structured interviews. With regard to the systematic literature review, no studies were found that directly relate agrobiodiversity as a way to teach science. However, it appears that agrobiodiversity has been the subject of numerous investigations focused on its identification, uses, consumption, covering multiple areas of knowledge: health, food, law, environment, biodiversity and culture, among others. There is an indication that the academic environment has different interests in investigations about agrobiodiversity. However, it is possible to state that there is a long way to go in the direction of recording, valuing and broadly addressing agrobiodiversity, especially in the scope of its applicability to intercultural science teaching. The main results derived from the analysis of documents indicate that there is no indication of a specific curriculum for teaching science to agricultural students with an agrobiodiversity approach. There is an implicit indication of agrobiodiversity as a theme within the scope of education planning; there is explicit recognition of the consideration for the agricultural realities and culture of the students. The research points towards the need for greater efforts and commitment in meeting the specificities of agricultural students and their contexts, for the formulation of pedagogical plans that direct towards closer strategies, with a view to explicitly inserting the approach to agrobiodiversity and thus build ways to fill this gap in science teaching. Thus, the study may contribute to the construction of curriculum documents for science teaching in proposing future plans. About the empirical research, it is observed that the teachers are committed and interested in meeting the educational needs of the context of the agricultural students, but they point out the lack of pedagogical and formative documental framework for its effectiveness. Possibly, pedagogical practices are being forwarded in a simplistic way, prioritizing hegemonic teaching as a starting point. It is necessary to expand the immersion and inclusion of the local culture as a pedagogical framework, considering the points of convergence between science and sociocultural aspects aligned with agrobiodiversity.

14
  • Carine Alves dos Santos Peixoto
  • Educação CTS na Formação Inicial de Professores: Experiências de Egressos do PIBID/Biologia da UFBA

     
  • Orientador : REJANE MARIA LIRA DA SILVA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • REJANE MARIA LIRA DA SILVA
  • EDILSON FORTUNA DE MORADILLO
  • FABIANA ROBERTA GONCALVES E SILVA HUSSEIN
  • RAQUEL NERY GOMES LIMA
  • PAULO MARCELO MARINI TEIXEIRA
  • Data: 04/08/2023

  • Mostrar Resumo
  • Esta tese parte das nossas inquietações diante das vivências de egressos do curso de licenciatura em Ciências Biológicas da Universidade Federal da Bahia com a abordagem Ciência, Tecnologia e Sociedade (CTS) no contexto formativo do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (PIBID/Biologia/UFBA). A educação CTS busca promover a formação científica e tecnológica dos sujeitos, capacitando-os para a tomada de decisão com vistas à formação da cidadania. O PIBID, por sua vez, surgiu como uma política pública de incentivo e valorização ao magistério, possibilitando aos estudantes dos cursos de licenciatura a atuação em seu futuro ambiente de trabalho desde o início da graduação. Nesse sentido, esta tese busca compreender como egressos do curso de licenciatura em Ciências Biológicas da UFBA experienciaram o CTS no contexto do PIBID. Para melhor compreender o conceito de experiência, utilizamos a definição de Larrosa (2002), em que define experiência como um acontecimento capaz de transformar o sujeito da experiência. Para tanto, foi conduzida uma pesquisa qualitativa empírica, baseada em narrativas de 16 egressos do PIBID/Biologia/UFBA participantes do Subprojeto 2010-2014, o qual teve o CTS como eixo norteador da Iniciação à Docência. Metodologicamente, este estudo está dividido em duas etapas principais: i) grupo focal, baseado na socialização e possíveis tensionamentos das experiências e ii) entrevista, a qual objetivou compreender como os egressos experienciaram o CTS no contexto do PIBID. Os discursos obtidos foram organizados, categorizados, analisados e descritos ao longo da investigação por meio da Análise Textual Discursiva. A análise do corpus nos rendeu quatro categorias emergentes: 1) Percepção dos egressos sobre o processo de adaptação e incorporação do CTS no PIBID/Biologia/UFBA; 2) A ciência como agente de (trans)formação social; 3) O PIBID como potencial espaço formativo e; 4) pontos de estrangulamento do CTS no Ensino de Ciências e Biologia. A análise dos dados revelou que os egressos vivenciaram o CTS de modo tenso e ao mesmo tempo muito formativo, afinal um dos objetivos da Iniciação à Docência foi integrar os estudantes com as escolas, a fim de subsidiar o conhecimento técnico, científico e pedagógico na área do ensino de Biologia. O estudo desse tensionamento entre a formação em CTS da Iniciação à Docência e a formação tradicional da graduação revelou a posição dos egressos sobre a necessidade de uma reformulação pedagógica e metodológica nos cursos de formação inicial de professores. Dessa maneira, as experiências e saberes adquiridos durante o processo formativo podem se relacionar diretamente com a realidade da escola e da sociedade em que atuarão profissionalmente. O PIBID se mostrou como um espaço formativo com grandes potencialidades para a inserção do CTS, capaz de mobilizar saberes, conhecimentos, atitudes e valores que potencializam a dimensão política, crítica e reflexiva da formação docente.

     

  • Mostrar Abstract
  •  

     
15
  • Carine Alves dos Santos Peixoto
  • Educação CTS na Formação Inicial de Professores: Experiências de Egressos do PIBID/Biologia da UFBA

     
  • Orientador : REJANE MARIA LIRA DA SILVA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • REJANE MARIA LIRA DA SILVA
  • FABIANA ROBERTA GONCALVES E SILVA HUSSEIN
  • EDILSON FORTUNA DE MORADILLO
  • RAQUEL NERY GOMES LIMA
  • PAULO MARCELO MARINI TEIXEIRA
  • Data: 04/08/2023

  • Mostrar Resumo
  • Esta tese parte das nossas inquietações diante das vivências de egressos do curso de licenciatura em Ciências Biológicas da Universidade Federal da Bahia com a abordagem Ciência, Tecnologia e Sociedade (CTS) no contexto formativo do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (PIBID/Biologia/UFBA). A educação CTS busca promover a formação científica e tecnológica dos sujeitos, capacitando-os para a tomada de decisão com vistas à formação da cidadania. O PIBID, por sua vez, surgiu como uma política pública de incentivo e valorização ao magistério, possibilitando aos estudantes dos cursos de licenciatura a atuação em seu futuro ambiente de trabalho desde o início da graduação. Nesse sentido, esta tese busca compreender como egressos do curso de licenciatura em Ciências Biológicas da UFBA experienciaram o CTS no contexto do PIBID. Para melhor compreender o conceito de experiência, utilizamos a definição de Larrosa (2002), em que define experiência como um acontecimento capaz de transformar o sujeito da experiência. Para tanto, foi conduzida uma pesquisa qualitativa empírica, baseada em narrativas de 16 egressos do PIBID/Biologia/UFBA participantes do Subprojeto 2010-2014, o qual teve o CTS como eixo norteador da Iniciação à Docência. Metodologicamente, este estudo está dividido em duas etapas principais: i) grupo focal, baseado na socialização e possíveis tensionamentos das experiências e ii) entrevista, a qual objetivou compreender como os egressos experienciaram o CTS no contexto do PIBID. Os discursos obtidos foram organizados, categorizados, analisados e descritos ao longo da investigação por meio da Análise Textual Discursiva. A análise do corpus nos rendeu quatro categorias emergentes: 1) Percepção dos egressos sobre o processo de adaptação e incorporação do CTS no PIBID/Biologia/UFBA; 2) A ciência como agente de (trans)formação social; 3) O PIBID como potencial espaço formativo e; 4) pontos de estrangulamento do CTS no Ensino de Ciências e Biologia. A análise dos dados revelou que os egressos vivenciaram o CTS de modo tenso e ao mesmo tempo muito formativo, afinal um dos objetivos da Iniciação à Docência foi integrar os estudantes com as escolas, a fim de subsidiar o conhecimento técnico, científico e pedagógico na área do ensino de Biologia. O estudo desse tensionamento entre a formação em CTS da Iniciação à Docência e a formação tradicional da graduação revelou a posição dos egressos sobre a necessidade de uma reformulação pedagógica e metodológica nos cursos de formação inicial de professores. Dessa maneira, as experiências e saberes adquiridos durante o processo formativo podem se relacionar diretamente com a realidade da escola e da sociedade em que atuarão profissionalmente. O PIBID se mostrou como um espaço formativo com grandes potencialidades para a inserção do CTS, capaz de mobilizar saberes, conhecimentos, atitudes e valores que potencializam a dimensão política, crítica e reflexiva da formação docente.

     

  • Mostrar Abstract
  •  This thesis is based on our concerns regarding the experiences of graduates of the Biological Sciences degree course at the Federal University of Bahia with the Science, Technology and Society (CTS) approach in the training context of the Institutional Teaching Initiation Scholarship Program (PIBID/Biology /UFBA). CTS education seeks to promote the scientific and technological training of subjects, enabling them to make decisions with a view to forming citizenship. PIBID, in turn, emerged as a public policy to encourage and value teaching, enabling undergraduate students to work in their future work environment from the beginning of their degree.  In this sense, this thesis seeks to understand how graduates of the Biological Sciences degree course at UFBA experienced CTS in the context of PIBID. To better understand the concept of experience, we use the definition of Larrosa (2002), in which he defines experience as an event capable of transforming the subject of the experience. To this end, an empirical qualitative research was conducted, based on narratives from 16 PIBID/Biology/UFBA graduates participating in the 2010-2014 Subproject, which had the CTS as the guiding axis of the Initiation to Teaching. Methodologically, this study is divided into two main stages: i) focus group, based on socialization and possible tensions in experiences and ii) interview, which aimed to understand how graduates experienced CTS in the context of PIBID. The speeches obtained were organized, categorized, analyzed and described throughout the investigation using Discursive Textual Analysis. The corpus analysis yielded four emerging categories: 1) Graduates' perception of the process of adapting and incorporating the CTS into PIBID/Biology/UFBA; 2) Science as an agent of social (trans)formation; 3) PIBID as a potential training space and; 4) CTS bottlenecks in Science and Biology Teaching. Data analysis revealed that graduates experienced CTS in a tense and at the same time very formative way, after all, one of the objectives of the Initiation to Teaching was to integrate students with schools, in order to support technical, scientific and pedagogical knowledge in the area. of Biology teaching. The study of this tension between STS training in Teaching Initiation and traditional undergraduate training revealed the position of graduates on the need for a pedagogical and methodological reformulation in initial teacher training courses.

     

16
  • Domingos Arcanjo António Nhampinga
  • CONTRIBUIÇÃO PARA O ESTUDO DAS POTENCIALIDADES DO JOGO NTXUVA NO ENSINO DA MATEMÁTICA: UMA PROPOSTA PARA O ENRIQUECIMENTO DO CURRÍCULO LOCAL NO NÍVEL MÉDIO DO SNE EM MOÇAMBIQUE.

  • Orientador : LUIZ MARCIO SANTOS FARIAS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIANNA BOSCH
  • DANIEL NIVAGARA
  • AVENILDE ROMO VÁZQUEZ
  • CORINE CASTELA
  • KABENGELE MUNANGA
  • LUIZ MARCIO SANTOS FARIAS
  • PIERRE JOB
  • ROSILEIA OLIVEIRA DE ALMEIDA
  • SADDO AG ALMOULOUD
  • Data: 25/08/2023

  • Mostrar Resumo
  • A prática de ensino em vários países tem sido dominada pela pedagogia da visita as obras, em que os saberes são colocados aos alunos de forma única e linear, sem que sejam questionados a partir da realidade. Essa pedagogia para além de não privilegiar uma prática de ensino libertadora e problematizadora, ela coloca os educadores (matemáticos) numa posição de dependência epistemológica, ao naturalizarem as epistemologias do pensamento moderno eurocêntrico-colonial na produção do conhecimento acadêmico. Essa dependência que é fruto da dominação cultural é consequência da dominação econômica, política e social de umas culturas que se consideram hegemônicas em relação as outras, o que se configura na colonialidade (epistemológica). A presente tese que leva o título “contribuição para o estudo das potencialidades do jogo Ntxuva no ensino da matemática”, apresenta-se como uma proposta de pesquisa que visa contribuir para a desconstrução dessa ideia universal de ciência, propondo discutir possibilidades de construção do conhecimento acadêmico através da integração de práticas culturais (dominadas) de povos originários ao ensino (da matemática). Essa discussão que se insere no campo da decolonialidade (didáctica), encontra na TAD elementos teóricos essências para, primeiramente, problematizar e investigar como a colonialidade está instaurada no currículo (da matemática), segundo discutir as possibilidades de circulação de praxeologias entre instituições socioculturais de povos originários a instituição de ensino (da matemática). Para isso, a pesquisa se debruça em dois objetivos fundamentais, “OBG1 – Analisar as contribuições e mostrar as potencialidades da TAD na análise da manutenção e questionamento das epistemologias dominantes no ensino e, da circulação de praxeologias entre instituições produtoras de saberes contra-hegemônicos a instituição de ensino da matemática e OBG2 – Conceber um modelo didáctico de referência que integre o jogo Ntxuva ao ensino da matemática”. Esse dialogo TAD e decolonialidade alimenta na tese a ideia da “decolonialidade didática” como uma posição política-epistêmica que permite o investigador em didática assumir o compromisso de alteridade, como ponto de partida para emancipação e pensar no processo de difusão e acesso ao saber a partir do outro. A pesquisa é desenvolvida por meio da metodologia da engenharia didáctica e como sujeitos de pesquisa conta com anciões com os quais visamos investigar o Ntxuva a partir do seu contexto sociocultural e alunos a quem implementamos a experimentação didáctica. Os resultados da pesquisa apontam que a TAD é uma teoria potencial para estudo dos problemas levantados no campo da decolonialidade. Que a manutenção da colonialidade nas sociedades de países outrora colonizados deve-se ao fato de se pretender alcançar o modelo de vida ocidental, com seus valores baseados no crescimento, no consumo de bens materiais, no desenvolvimento industrial, etc. Que os documentos oficiais do SNE em Moçambique orientam a integração de saberes locais no ensino, mas as propostas metodológicas apresentadas nos programas de ensino da matemática não apresentam propostas concretas para integração de saberes locais. Que o jogo Ntxuva agrega várias potencialidades matemáticas no campo da aritmética básica e álgebra. A experimentação didáctica possibilitou comprovar a tese de que praxeologias oriundas de práticas socioculturais de povos originários podem ser exportadas para acessar saberes acadêmicos. Assim, a partir das praxeologias do sistema de jogo Ntxuva foi possível fazer emergir e acessar conhecimentos relativo à contagem, adição, subtração, sucessão numérica, divisão euclidiana, sistema de equação, acima de tudo, de potenciar os alunos em capacidades de formulação ou modelização matemática de um problema real. Ainda que a organização didáctica tenha se revelado boa, constatamos que necessitará de ajustes, sobretudo nas tarefas 1 e 2. Futuros trabalhos podem ser desenvolvidos utilizando outros contextos socioculturais para comprovar o funcionamento do modelo de circulação de praxeologia entre instituições proposto na tese, mas também, um estudo que integra a formação de professores deverá ser considerado para que se possa potencializar os professores em estratégias de integração de saberes locais no ensino, ao mesmo te que, se consciencializam da importante de pautar por uma prática de ensino libertadora e problematizadora a partir da realidade dos alunos.


  • Mostrar Abstract
  • Teaching practice in several countries has been dominated by the pedagogy of the visit to the works, in which knowledge is placed to students in a single and linear way, without being questioned from reality. In addition to not favouring a liberating and problematising teaching practice, this pedagogy places (mathematical) educators in a position of epistemological dependence, by naturalising the epistemologies of modern Eurocentric-colonial thinking in the production of academic knowledge. This dependence, which is the result of cultural domination, is a consequence of the economic, political and social domination of some cultures that consider themselves hegemonic in relation to others, which is configured in (epistemological) coloniality. The present thesis, which bears the title "contribution to the study of the potential of the Ntxuva game in the teaching of mathematics", is presented as a research proposal that aims to contribute to the deconstruction of this universal idea of science, proposing to discuss possibilities for the construction of academic knowledge through the integration of (dominated) cultural practices of native peoples into teaching (mathematics). This discussion, which is part of the field of (didactic) decoloniality, finds in the TAD essential theoretical elements to, firstly, problematise and investigate how coloniality is established in the (mathematics) curriculum, secondly, to discuss the possibilities of circulation of praxeologies between sociocultural institutions of native peoples and the (mathematics) teaching institution. To this end, the research focuses on two fundamental objectives, "OBG1 - To analyse the contributions and show the potential of TAD in the analysis of the maintenance and questioning of dominant epistemologies in teaching and, of the circulation of praxeologies between institutions producing counter-hegemonic knowledge and the institution of mathematics teaching and OBG2 - To design a didactic reference model that integrates the Ntxuva game into mathematics teaching". This dialogue between TAD and decoloniality feeds into the thesis the idea of "didactic decoloniality" as a political-epistemic position that allows the researcher in didactics to assume the commitment to alterity, as a starting point for emancipation and to think about the process of dissemination and access to knowledge from the other. The research is developed through the methodology of didactic engineering and as research subjects it counts on elders with whom we aim to investigate the Ntxuva from their sociocultural context and students to whom we implement didactic experimentation. The results of the research indicate that TAD is a potential theory for studying the problems raised in the field of decoloniality. That the maintenance of coloniality in the societies of formerly colonised countries is due to the fact that it is intended to achieve the Western model of life, with its values based on growth, consumption of material goods, industrial development, etc. That the official documents of the SNE in Mozambique guide the integration of local knowledge in teaching, but the methodological proposals presented in the mathematics teaching programmes do not present concrete proposals for the integration of local knowledge. That the Ntxuva game adds several mathematical potentialities in the field of basic arithmetic and algebra. The didactic experimentation made it possible to prove the thesis that praxeologies originating from sociocultural practices of native peoples can be exported to access academic knowledge. Thus, from the praxeologies of the Ntxuva game system, it was possible to bring out and access knowledge related to counting, addition, subtraction, numerical succession, Euclidean division, equation system, above all, to empower students in capacities of formulation or mathematical modelling of a real problem. Although the didactic organisation has proved to be good, we note that it will require adjustments, especially in tasks 1 and 2. Future work can be developed using other socio-cultural contexts to prove the functioning of the praxeology circulation model between institutions proposed in the thesis, but also, a study that integrates teacher training should be considered so that teachers can be empowered in strategies for integrating local knowledge into teaching, while becoming aware of the importance of guiding a liberating and problematising teaching practice based on the students' reality.

17
  • JULIANA SANTANA MOURA
  • PRODUÇÃO DE NARRATIVAS DIGIMÁTICAS EM JOGO DE MUNDO ABERTO 

  • Orientador : JONEI CERQUEIRA BARBOSA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARCIO ROBERTO DE LIMA
  • CLODIS BOSCARIOLI
  • ANDREIA MARIA PEREIRA DE OLIVEIRA
  • ECIVALDO DE SOUZA MATOS
  • JONEI CERQUEIRA BARBOSA
  • LYNN ROSALINA GAMA ALVES
  • Data: 05/10/2023

  • Mostrar Resumo
  • Esta tese de doutorado focaliza a produção de Narrativas Matemáticas Digitais no mundo aberto Minecraft. Apresenta-se este trabalho no formato multipaper, que compreende três estudos norteados respectivamente pelos seguintes objetivos: identificar as contribuições da Teoria Ator-Rede para o estudo dos jogos digitais na Educação Matemática; descrever que Narrativas Matemáticas são produzidas por humanos e não humanos no Minecraft; identificar e explicar as tensões e agenciamentos que emergem da produção das Narrativas Matemáticas no Minecraft. Para viabilizar os dois últimos estudos, de natureza empírica, utiliza-se dados secundários construídos durante a realização de uma oficina de extensão universitária, no ano de 2018, em uma escola pública municipal com alunos do quinto ano do Ensino Fundamental. Para o estudo teórico, o primeiro, procedeu-se com um exercício de reanálise para apresentar os deslocamentos teóricos que a Teoria Ator-Rede traz ao campo da Educação Matemática. As análises apontam que as Narrativas Digimáticas são produto de uma rede sociotécnica alimentada por entraves que tensionam as relações e os processos de ensino e aprendizagem da Matemática. A tese que ora se defende é a de que o Minecraft, jogo do tipo mundo aberto, configura-se como actante com poder de agenciamento no processo de ensinar e aprender Matemática e a de que as crianças, ao associarem-se com o Minecraft e o conhecimento matemático, produzem Narrativas Digimáticas. 


  • Mostrar Abstract
  • This thesis is the result of a doctoral research, which focuses on the production of digital mathematical narratives in the Minecraft. We present this work in the multipaper format, which comprises three studies guided by the following objectives: Identify the contributions of Actor- Network Theory to the study of digital games in Mathematics Education; Describe which mathematical narratives are produced by humans and non-humans in Minecraft; Identify and describe the tensions and assemblages that emerge from the production of mathematical narratives in Minecraft. To enable empirical studies, we used secondary data produced during a University Extension Workshop, in 2018, in a Municipal Public School with students in the 5th year of Fundamental School. For the theoretical study, a reanalysis exercise was carried out to present the theoretical displacements that the Actor-Network Theory brings to the field of Mathematics Education. We base methodological route in the theoretical and methodological contributions of the Actor-Network Theory. Our analyzes point out that digimatics narratives are the product of a socio-technical network fed by obstacles that strain the relationships and processes of teaching and learning mathematics. The thesis that we defend is that Minecraft, sandbox game, are configured as actants with agency power in the process of teaching and learning mathematics. And that child, by associating themselves with Minecraft, and mathematical knowledge, produce Digimatic Narratives. 

18
  • YACI MARIA MARCONDES FARIAS
  • EDUCAÇÃO ANTIOPRESSIVA NO ENSINO DE EVOLUÇÃO: UMA SEQUÊNCIA DIDÁTICA BASEADA EM CLÉMENCE ROYER

  • Orientador : CLAUDIA DE ALENCAR SERRA E SEPULVEDA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CLAUDIA DE ALENCAR SERRA E SEPULVEDA
  • INDIANARA LIMA SILVA
  • ROSILEIA OLIVEIRA DE ALMEIDA
  • SUZANI CASSIANI
  • ANDREIA GUERRA DE MORAES
  • Data: 09/10/2023

  • Mostrar Resumo
  • A despeito de um relativo aumento, nas últimas décadas, de pesquisas que têm como foco um ensino de biologia que vai além de uma abordagem cientificista e conteudista, ainda notamos uma lacuna importante na proposição de estratégias educacionais que abarquem as questões sociopolíticas e culturais que nos cercam e impactam. Esse viés apolítico ou acrítico do ensino de biologia contribui para perpetuação de visões ultrapassadas e estereotipadas (da ciência, da produção de conhecimento, do ser humano, de grupos sociais, etc.) que podem reforçar padrões opressivos. Nesse sentido, é relevante chamar a atenção para a importância da formação docente em biologia, voltada para a preparação de sujeitos que atuem de forma crítica e engajada na sociedade, principalmente se levarmos em conta o contexto sociopolítico que vivemos nos últimos anos e da crescente onda fascista que experienciamos no Brasil. Sendo assim, amparada pelas demandas sociais e legais que dizem respeito a promoção de ações educativas voltadas para o combate as opressões, em especial o racismo e sexismo, fundamentada pela perspectiva teórica da pedagogia freire-hookiana e pelo referencial teórico-metodológico da pesquisa em Design Educacional, essa pesquisa objetivou elaborar uma sequência didática (SD), no âmbito do ensino de evolução biológica, baseada na trajetória intelectual da francesa Clémence Royer  a ser implementada em uma turma do curso de licenciatura em ciências biológicas da Universidade Estadual de Feira de Santana – UEFS. De maneira mais específica, objetivamos: (1) investigar a trajetória intelectual da francesa e mulher das ciências Clémence Royer, como recurso para a articulação entre história da ciência (neste caso, história das mulheres na ciência) e o ensino de ciências; (2) desenvolver e validar princípios de design para uma SD sobre o ensino de evolução biológica baseada em Clémence Royer com a intenção de promover uma formação crítica às dinâmicas de opressão na licenciatura em biologia, principalmente em relação as opressões de gênero e raça; (3) validar a sequência didática por pares e movimento social feminista. A partir de uma abordagem qualitativa, iniciamos esta investigação buscando contemplar a fase preliminar das pesquisas em design, no qual procedemos com a análise do contexto que culminou com a elaboração de um quadro conceitual baseado na literatura e no conhecimento docente que orientou toda a pesquisa. Em seguida, prosseguimos para a fase de prototipagem, momento em que houve a elaboração da intervenção didática, e os processos de validação por pares e movimento feminista, além da investigação dos princípios de design, testados empiricamente no contexto real de sala de aula. Realizou-se um ciclo de prototipagem com avaliação formativa que sinalizou para a reelaboração de estratégias com a finalidade de aperfeiçoamento da intervenção. Os resultados empíricos apontaram para a validação dos princípios investigados e para a potencialidade da SD como um todo. Quanto ao uso da trajetória intelectual de Clémence Royer, constatamos grande potencial da história desta mulher da ciência na promoção de debates relacionados as implicações sociais do evolucionismo, no caminho do desenvolvimento de pensamento crítico às dinâmicas de opressão pelos(as) educandos(as), resultados que demonstram as contribuições teóricas educacionais e para a área da história das ciências desta tese. Com base nestes resultados, elaboramos um material curricular educativo (MCE) baseado nos produtos educacionais deste estudo: os princípios, a SD e a biblioteca pública de educação antiopressiva. Ademais, esperamos que esta pesquisa contribua com a literatura do ensino de biologia e inspire o desenvolvimento de novas pesquisas que apresentem inovações educacionais que buscam articular os conteúdos específicos da biologia com temáticas socialmente relevantes, com o objetivo de fomentar uma educação contextualizada, problematizadora e antiopressiva.


  • Mostrar Abstract
  • Despite a relative increase, in recent decades, of research that focuses on teaching biology that goes beyond a scientism and an excessive emphasis on concepts, we still notice an important gap in the proposition of educational strategies that cover the socio-political and cultural issues that surround and impact us. This apolitical or uncritical bias in biology teaching contributes to the perpetuation of outdated and stereotyped views (of science, knowledge production, human beings, social groups, etc.) that can reinforce oppressive patterns. In this sense, it is important to draw attention to the importance of teacher training in biology, aimed at preparing subjects who act critically and engaged in society, especially if we take into account the socio-political context we have been living in in recent years and the growing fascist wave that we have been experiencing in Brazil. Therefore, supported by social and legal demands regarding the promotion of educational actions aimed at combating oppression, especially racism and sexism, based on the theoretical perspective of Freire-hookian pedagogy and the theoretical-methodological framework of research in Design Educational, This research aimed to elaborate a didactic sequence (SD), in the context of teaching biological evolution, inspired by the intellectual trajectory of the Frenchwoman Clémence Royer to be implemented in a class of the degree course in biological sciences at the State University of Feira de Santana - UEFS. More specifically, we aim to: (1) get to know the history and intellectual trajectory of the Frenchwoman and woman of science, Clémence Royer, as a resource for articulating the history of science (in this case, the history of women in science) and science teaching; (2) to develop and validate design principles for a SD on teaching biological evolution based by Clémence Royer with the intention of promoting critical training on the dynamics of oppression in the degree in biology, mainly in relation to gender and racial oppression; (3) validate the didactic sequence by peers and social movement. From a qualitative approach, we started this investigation seeking to contemplate the preliminary phase, in which we proceeded with the analysis of the context that culminated in the elaboration of a conceptual framework based on the literature and teaching knowledge that guided the entire research. Then, we proceeded to the prototyping phase, when the didactic intervention was elaborated, and the validation processes by peers and the feminist movement, in addition to the investigation of design principles, empirically tested in the real context of the classroom. A cycle of prototyping with formative evaluation was carried out, which signaled the need to re-elaborate strategies with the aim of improving the intervention, mainly in relation to the limits of design principles. The empirical results point to the validation of the investigated principles and to the potential of the DS as a whole. As for the use of Clémence Royer's intellectual trajectory, we found great potential in the history of this woman of science in promoting debates related to the social implications of evolutionism, in the path of developing critical thinking to the dynamics of oppression by students, results that demonstrate the educational theoretical contributions and to the history of science area of this thesis. Based on these results, we developed an educative curriculum material (ECM) as an educational resource based on the educational products of this study: the principles, the DS and the public library of anti-oppressive education. In addition, we hope that this research will contribute to the biology teaching literature and inspire the development of new research that will present educational innovations that seek to articulate the specific contents of biology with socially relevant themes, with the objective of promoting a contextualized, problematizing and anti-oppressive education.

19
  • LAURA SUED BRANDÃO SANTOS
  • AS CONTRIBUIÇÕES DE ELISA FROTA-PESSÔA E NEUSA AMATO PARA AS PESQUISAS EM RAIOS CÓSMICOS NO BRASIL E SUAS IMPLICAÇÕES PARA O ENSINO DE FÍSICA

  • Orientador : INDIANARA LIMA SILVA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • SERGIO LUIZ BRAGATTO BOSS
  • CLAUDIA DE ALENCAR SERRA E SEPULVEDA
  • INDIANARA LIMA SILVA
  • JOSE EDUARDO FERRAZ CLEMENTE
  • LETICIA DOS SANTOS PEREIRA
  • Data: 20/10/2023

  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho se dedica a apresentar contribuições de mulheres cientistas, especificamente duas mulheres brasileiras, a compor uma possível rede de especialistas na área de Raios Cósmicos. Além disso, discutimos sobre de que maneira o trabalho desempenhado por elas nos laboratórios do Brasil trouxe significativos avanços científicos para a Física Experimental no Brasil. Para isso, esta tese divide-se em três estudos paralelos e complementares. O primeiro estudo visa contribuir para uma nova história da institucionalização da física no Brasil a partir das contribuições e da biografia da física Elisa Frota-Pessôa; o segundo, seguindo o mesmo compromisso de visibilizar a História das mulheres na física brasileira, tem como objetivo apresentar a trajetória e as colaborações de Neusa Amato para as pesquisas físicas e experimentais realizadas nos laboratórios de emulsões nucleares no Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas (CBPF). O terceiro e último artigo, finalmente, explora uma perspectiva epistemológica feminista para, a partir das trajetórias de Elisa e Neusa, identificar e teorizar acerca do fenômeno do apagamento histórico de mulheres nos currículos escolares brasileiros de fisica, o qual passamos a nomear Efeito Elisa. Como uma possível forma de minimizar este efeito, foram propostos Princípios de Design para a criação de Sequências Didáticas de Raios Cósmicos no Ensino Médio, visando incorporar diversidade social e promover equidade de gênero aos currículos do Ensino Médio. Esperamos que esta pesquisa preencha lacunas nas temáticas de Gênero e História das Ciências no Brasil, destacando o papel das mulheres na construção científica e, especificamente, na física de Raios Cósmicos.


  • Mostrar Abstract
  • This work is dedicated to presenting contributions from women scientists, specifically two Brazilian women, to compose a possible network of specialists in the area of Cosmic Rays. In addition, we discussed how the work performed by them in laboratories in Brazil brought significant scientific advances in Physics and other areas of Science. For this, this thesis is divided into three parallel and complementary studies. The first study aims to contribute to a new history of the institutionalization of Physics in Brazil, based on the contributions and biography of the physicist Elisa Frota-Pêssoa; the second, following the same commitment to make visible the History of women in Brazilian physics, aims to present the trajectory and collaborations of Neusa Amato for the physical and experimental research carried out in the nuclear emulsions laboratories at the Brazilian Center for Physical Research (CBPF) . The third and last article, finally, explores a feminist epistemological perspective to, from the trajectories of Elisa and Neusa, identify and theorize about the phenomenon of the historical erasure of women in Brazilian science school curricula, which we have come to name Elisa Effect. As a possible way to minimize this effect, Design Principles were proposed for the creation of Didactic Sequences of Cosmic Rays in High School, aiming to incorporate social diversity and promote gender equity in High School curricula. We hope that this research fills gaps in the themes of Gender and History of Science in Brazil, highlighting the role of women in scientific construction, especially in Cosmic Rays.

20
  • CAMILA CUNHA
  • QUESTÕES SOCIOCIENTÍFICAS NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES: CAMINHOS PARA UMA EDUCAÇÃO CIENTÍFICA INTERCULTURAL.

  • Orientador : GEILSA COSTA SANTOS BAPTISTA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • GEILSA COSTA SANTOS BAPTISTA
  • NEI DE FREITAS NUNES NETO
  • ROSILEIA OLIVEIRA DE ALMEIDA
  • ALICE ALEXANDRE PAGAN
  • NADENKA BEATRIZ MELO BRITO
  • Data: 22/12/2023

  • Mostrar Resumo
  • Considerando a perspectiva da educação científica intercultural, desenvolvemos uma pesquisa que se propõe a pensar as possibilidades para a formação de professores sensíveis a diversidade cultural. A educação científica intercultural faz uma leitura da realidade escolar sob a ótica cultural e nos coloca frente ao entendimento da ciência enquanto uma dentre as tantas culturas existentes. Aborda a escola como espaço de encontro cultural, que comumente reverbera em conflitos e convergência, quando em diálogo com as culturas dos estudantes. Ensinar ciências é, portanto, ensinar outra cultura e a maneira como ensinamos essa cultura faz toda diferença na aprendizagem. Defendemos um ensino de ciências que seja capaz de estabelecer diálogos capazes de negociar significados e ampliar as visões de mundo dos estudantes. Pautar um ensino assim pressupõe também o desenvolvimento de uma formação de professores interculturais, ou mesmo, culturalmente sensíveis. Nossa pesquisa se insere no contexto da formação inicial de professores de ciências sensíveis à diversidade cultural e se desenvolveu partindo do seguinte objetivo geral: investigar os caminhos teóricos e metodológicos para as questões sociocientíficas no contexto da formação de professores de Biologia sensíveis à diversidade cultural. Para alcançar esses objetivos, julgamos produtivos os seguintes objetivos específicos: 1) Delimitar um entendimento sobre a educação científica intercultural e a formação de professores sensíveis à diversidade cultural; 2) Discutir a natureza das questões sociocientíficas, seus direcionamentos pedagógicos e usos didáticos em diálogo com a formação de professores sensíveis à diversidade cultural; 3) Desenvolver princípios de design e uma intervenção educacional na formação de Biologia envolvendo questões sociocientíficas e o desenvolvimento da sensibilidade à diversidade cultural; e 4) Avaliar a validade e adequação de princípios de design a partir da análise de uma intervenção educacional. Na convergência entre esses dois locus de pesquisa, surge princípios de design e uma proposta de intervenção construídos a partir do percurso metodológico empreendido pela Pesquisa de Design. Foram elaborados quatro princípios de design que juntos estruturaram um curso de curta duração aplicado entre os meses de agosto de outubro de 2021 no contexto do Programa Residência Pedagógica da Universidade Estadual de Santana. A elaboração dos princípios de design foi baseada na revisão de literatura acerca da educação científica intercultural, sua formação docente e das questões sociocientíficas. Foram validados três dos quatro princípios de design a partir da análise de episódios de ensino e do diário de campo da pesquisadora. Os princípios de design receberam nomeações que sintetizam suas finalidades frente à formação de professores sensíveis à diversidade cultural, são eles: 1) Pluralidade de razões; 2) Reflexões epistemológicas e negociação de significados; 3) Diálogo intercultural. Além da validação desses princípios tivemos como resultado a indicação da ampliação do tempo da intervenção a fim de contemplar o quarto princípio de design – Sensibilidade Intercultural. Consideramos, por fim, que nossos princípios de design e nossa intervenção, podem fazer avançar aspectos cognitivos, afetivos e comportamentais de professores de ciências e que estejam orientados para o respeito e consideração das diversas culturas que se encontram nas salas de aula.


  • Mostrar Abstract
  • Considering the perspective of intercultural scientific education, we developed research that aims to think about the possibilities for training teachers sensitive to cultural diversity. Intercultural scientific education reads school reality from a cultural perspective and confronts us with an understanding of science as one among many existing cultures. It approaches the school as a cultural meeting space, which commonly reverberates in conflicts and convergence, when in dialogue with the students' cultures. Teaching science is, therefore, teaching another culture and the way we teach that culture makes all the difference in learning. We defend science teaching that is capable of establishing dialogues capable of negotiating meanings and expanding students' world views. Guiding teaching like this also presupposes the development of intercultural, or even culturally sensitive, teacher training. Our research is inserted in the context of the initial training of science teachers sensitive to cultural diversity and was developed based on the following general objective: to investigate the theoretical and methodological paths for socio-scientific issues in the context of the training of Biology teachers sensitive to cultural diversity. To achieve these objectives, we consider the following specific objectives to be productive: 1) Define an understanding of intercultural scientific education and the training of teachers sensitive to cultural diversity; 2) Discuss the nature of socio-scientific issues, their pedagogical directions and didactic uses in dialogue with the training of teachers sensitive to cultural diversity; 3) Develop design principles and an educational intervention in Biology training involving socio-scientific issues and the development of sensitivity to cultural diversity; and 4) Evaluate the validity and adequacy of design principles based on the analysis of an educational intervention. In the convergence between these two-research locus, design principles and an intervention proposal emerge built from the methodological path undertaken by Design Research. Four design principles were developed that together structured a short course applied between the months of August and October 2021 in the context of the Pedagogical Residency Program at the Universidade Estadual de Feira de Santana. The elaboration of the design principles was based on a literature review about intercultural scientific education, teacher training and socio-scientific issues. Three of the four design principles were validated based on the analysis of teaching episodes and the researcher's field diary. The design principles received names that summarize their purposes regarding the training of teachers sensitive to cultural diversity, they are: 1) Plurality of reasons; 2) Epistemological reflections and negotiation of meanings; 3) Intercultural dialogue. In addition to validating these principles, the result was the indication of an extension of the intervention time in order to contemplate the fourth design principle – Intercultural Sensitivity. Finally, we consider that our design principles and our intervention can advance cognitive, affective and behavioral aspects of science teachers and that are oriented towards respect and consideration of the different cultures that are found in classrooms.

2022
Dissertações
1
  • DOUGLAS CASTRO DE JESUS
  • Injustiças, opressões epistêmica e educação

  • Orientador : WALDOMIRO JOSE DA SILVA FILHO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • BRENO RICARDO GUIMARÃES SANTOS
  • CLAUDIA DE ALENCAR SERRA E SEPULVEDA
  • JOSÉ LEONARDO ANNUNZIATO RUIVO
  • PATRICIA KETZER
  • WALDOMIRO JOSE DA SILVA FILHO
  • Data: 25/02/2022

  • Mostrar Resumo
  • O objetivo dessa pesquisa é investigar possíveis relações entre os conceitos de “injustiça epistêmica”, “opressão epistêmica”, da maneira como são definidos na literatura em Epistemologia Social, e a educação. As perguntas que pretendo responder são as seguintes: o que são injustiças e opressões epistêmicas? Há alguma relação entre essas injustiças e opressões epistêmicas e a educação? O que é uma educação epistemicamente justa? Para responder a essas questões, dividirei essa dissertação em três capítulos, cada um dedicado a uma das perguntas. No capítulo 1, apresentarei os conceitos de injustiça e opressão epistêmica, atentando para possíveis divergências conceituais e horizontes interpretativos. No capítulo 2, tentarei identificar a relação dessas injustiças e opressões epistêmicas na educação, a partir da literatura recente em Epistemologia Social. Por último, no Capítulo 3, pretendo retornar as autoras e autores apresentados no primeiro capítulo para investigar se eles e elas oferecem alguma noção de justiça aplicável ao contexto educacional.


  • Mostrar Abstract
  • This research aims to investigate possible relations between the concepts of “epistemic injustice”, “epistemic oppression”, as Social Epistemology’s literature defines, and the education. I intend to answer the following questions: what are epistemic injustices and oppressions? Are there some relations between these epistemic injustices, oppressions, and the education? What is a just education, epistemically speaking? To answer it, I divided the dissertation into three chapters, each dedicated to one of these issues. In the first chapter, I will introduce the concepts of epistemic injustice and epistemic oppression, paying attention to possible conceptual divergences and interpretative horizons. In the second chapter, I will try to identify the relation between epistemic injustice, oppression, and education, from the Social Epistemology point of view. Finally, in the third chapter, I intend to return to the authors presented in the first chapter to investigate available concepts of justice applicable to the educational context.

2
  • ADIELLE DE ALMEIDA SILVA
  • Educação intercultural e diálogo entre diferentes saberes: Desafios e possibilidades no ensino de ciências da escola básica

  • Orientador : ROSILEIA OLIVEIRA DE ALMEIDA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANA IVENICKI
  • BARBARA CARINE SOARES PINHEIRO
  • CHARBEL NINO EL HANI
  • FABIO PESSOA VIEIRA
  • IRLAN VON LINSINGEN
  • Data: 05/05/2022

  • Mostrar Resumo
  • O campo da educação intercultural é hoje fonte de inúmeros debates, entre eles, discussões acerca da ideia de diálogo de saberes. Vivemos em uma sociedade diversa, composta por diferentes etnias, culturas, modos de produção de conhecimento, porém, ainda composta por instituições educativas que não abarcam essas diversidades e reproduzem uma educação descontextualizada, homogeneizante, que privilegia determinados saberes e conhecimentos, assumidos como únicos, válidos e superiores, em detrimento de outros. Esse trabalho parte do pressuposto de que, por meio da educação intercultural, é possível construir escolas que fomentem o respeito à diversidade, formem cidadãos e cidadãs capazes de reivindicar o direito das diferentes formas de produção de conhecimentos e, consequentemente, contribuam para uma sociedade que respeite a pluralidade de existências. Nesse contexto, esse trabalho buscou dar conta de dois objetivos: (1) Analisar experiências dentro da área de interculturalidade e ensino de ciências, refletindo criticamente sobre os desafios e potencialidades relacionados à praxis educativa. Nesta análise, perseguimos a seguinte questão: Quais limitações, desafios, motivações e potencialidades para a realização de atividades/intervenções envolvendo diálogo de saberes e educação intercultural no ensino de ciências da escola básica? A partir dos resultados, foram indicados eixos de atuação que podem orientar a criação de novas propostas voltadas à educação intercultural, fomentando práticas que trabalhem com a diversidade na construção do conhecimento nas ciências da natureza na escola básica. (2) Analisar uma atividade realizada no contexto de duas comunidades comunidade pesqueiras artesanais do litoral norte da Bahia, na qual foi desenvolvida, de maneira colaborativa, uma sequência didática envolvendo diálogo de saberes em séries iniciais do ensino fundamental. A atividade foi realizada em duas escolas: Escola Municipal Sagrada Família, localizada na comunidade de Siribinha, e Escola Municipal Brazilina Eugênia de Oliveira, localizada da comunidade de Poças. As duas comunidades fazem parte do Município de Conde-Ba. Foram analisados aspectos referentes à construção colaborativa da sequência didática por pesquisadores/pesquisadoras e professoras da escola básica, visando fomentar a desconstrução de posições hierarquizadas geralmente presentes nessa relação, bem como os resultados da intervenção em relação à inserção de conhecimentos locais nos processos de ensino e aprendizagem.


  • Mostrar Abstract
  • The field of intercultural education is currently the source of numerous debates, including discussions about the idea of knowledge dialogue. We live in a diverse society, composed of different ethnicities, cultures, and ways of knowledge production, but still composed of educational institutions that do not embrace these diversities and reproduce a decontextualized, homogenizing education, which privileges certain knowledge and wisdoms, assumed as unique, valid and superior, to the detriment of others. This work is based on the assumption that, by means of intercultural education, it is possible to build schools that promote respect for diversity, train citizens capable of claiming the right to different forms of knowledge production and, consequently, contribute to a society that respects the plurality of existences. In this context, this paper sought to achieve two objectives: (1) To analyze experiences within the area of interculturality and science teaching, critically reflecting on the challenges and potentialities related to educational practice. In this analysis, we pursued the following question: What are the limitations, challenges, motivations and potentialities for the realization of activities/interventions involving knowledge dialogue and intercultural education in science teaching in basic school? From the results, we indicated axes of action that can guide the creation of new proposals aimed at intercultural education, fostering practices that work with diversity in the construction of knowledge in the natural sciences in elementary school. (2) To analyze an activity carried out in the context of two artisanal fishing communities in the northern coast of Bahia, in which a didactic sequence involving the dialogue of knowledge was collaboratively developed in the early grades of elementary school. The activity was carried out in two schools: Sagrada Família Municipal School, located in the Siribinha community, and Brazilina Eugênia de Oliveira Municipal School, located in the Poças community. Both communities are part of the Conde-Ba municipality. Aspects concerning the collaborative construction of the didactic sequence by researchers/researchers and elementary school teachers were analyzed, aiming to foster the deconstruction of hierarchical positions usually present in this relationship, as well as the results of the intervention regarding the insertion of local knowledge in the teaching and learning processes.

3
  • BARBARA SIMOES BARRETO DE ARAUJO
  • REINTERPRETANDO O MULTICULTURALISMO PARA O ENSINO DE CIÊNCIAS

  • Orientador : FABIO PESSOA VIEIRA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • PAULO HENRIQUE FERNANDES SILVEIRA
  • EDUARDO CHAGAS OLIVEIRA
  • FABIO PESSOA VIEIRA
  • Data: 27/06/2022

  • Mostrar Resumo
  • Uma teoria bastante pensada para o campo educacional com o intuito de valorizar a diversidade é o multiculturalismo. Sob diferentes perspectivas e interpretações, teóricos têm se debruçado para conceituar e aplicá-la. Porém, a crítica à teoria em questão alega que, além de não resolver os problemas a que se propôs, o multiculturalismo teria criado novos problemas, como a formação de guetos isolados em si mesmos. Além disso, as discussões, num viés mais pragmático, acerca de como tornar a sala de aula um local de aprendizagem democrático e plural, ainda não são suficientes. Assim, a partir de uma metodologia teórico-filosófica, a qual busca propor novas teorias ou preencher lacunas existentes entre elas, o objetivo desta pesquisa é propor uma reinterpretação do multiculturalismo para viabilizar a sua realização no ensino de ciências tomando como base uma visão mais pluralista do processo educativo, apresentando um caminho metodológico inspirado na poesia Eu-mulher de Conceição Evaristo para sua realização. Espera-se, com isso, que a proposta se torne fecunda e sirva de inspiração para docentes, não apenas do ensino de ciências, a buscarem caminhos para tornar a sala de aula mais plural e democrática.


  • Mostrar Abstract
  • A theory well thought out for the educational field in order to value diversity is multiculturalism. Under different perspectives and interpretations, theorists have focused on conceptualizing and applying it. However, the criticism of the theory in question alleges that, in addition to not solving the problems it proposed, multiculturalism would have created new problems, such as the formation of isolated ghettos in themselves. In addition, discussions, in a more pragmatic way, about how to make the classroom a place of democratic and plural learning, are still not enough. Thus, from a theoretical-philosophical methodology, which seeks to propose new theories or fill gaps between them, the objective of this research is to propose a reinterpretation of multiculturalism to enable its realization in science teaching based on a more pluralistic view. of the educational process, presenting a methodological path inspired by the poetry Eu-mulher by Conceição Evaristo for its realization. It is hoped, therefore, that the proposal becomes fruitful and serves as an inspiration for teachers, not only in science education, to seek ways to make the classroom more plural and democratic.

4
  • DAVI MAIA ROCHA
  • EDUCAÇÃO AMBIENTAL DECOLONIAL:  PERSPECTIVA PARA CONSTRUÇÃO DECOLONIAL EM TERRITÓRIO PARADIGMÁTICO DE HEGEMONIA COLONIAL

  • Orientador : FABIO PESSOA VIEIRA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARCILEIA OLIVEIRA BISPO
  • FABIO PESSOA VIEIRA
  • MARCO ANTONIO LEANDRO BARZANO
  • Data: 28/06/2022

  • Mostrar Resumo
  • A educação ambiental como um produto da nossa sociedade moderna, apresenta uma serie de caminhos enviesados em termos paradigmáticos. Assim, alguns pesquisadores da decolonialidade vão tecer críticas fervorosas sobre a necessidade de buscarmos alternativas aos paradigmas sociais hegemónicos que direciona epistemologicamente e teoricamente a educação ambiental, principalmente quanto as objetificações capitalistas de desenvolvimento e sustentabilidade. Dessa forma, a pesquisa aqui apresentada, buscou encontrar caminhos alternativos pela decolonialidade, com referência em estudos de campo e pesquisas que se debruçaram sobre a experiência de povos originários, para desenvolver repertórios educacionais à educação ambiental, propondo que mesmo dentro dos territórios de hegemonia colonialista é possível a elaboração de caminhos decoloniais como será apresentado principalmente no terceiro artigo da dissertação, com a transcrição do relato de experiência como voluntário de uma ONG socioambientalista em trocas com povos originários. Trata-se de um texto elaborado em formato multipaper, tendo como resultado três artigos que seguem uma logica sistemática para alcançar os objetivos e dissertar sobre o tema proposto.


  • Mostrar Abstract
  • Environmental education, as a product of our modern society, presents a series of biased paths in paradigmatic terms. Thus, some researchers of decoloniality will fervently criticize the need to seek alternatives to the hegemonic social paradigms that epistemologically and theoretically directs the environmental education, especially regarding the capitalist objectifications of development and sustainability. Therefore, the research presented here sought to find alternative paths through decoloniality, with reference to field studies and research that focused on the experience of native people, to develop educational repertoires on environmental education, proposing that even within the territories of colonialist hegemony the elaboration of decolonial paths is possible, as will be presented mainly in the third article of the dissertation, with the transcription of the experience report as a volunteer of a socio-environmental NGO in exchanges with native people. It is a text prepared in multipaper format, resulting in three articles that follow a systematic logic to achieve the objectives and discuss the proposed theme.

5
  • BRENDA SANTOS DE SOUSA
  • EDUCAÇÃO CIENTÍFICA DO CAMPO: COMPREENDENDO AS IMPLICAÇÕES DA DIVERSIDADE CULTURAL NO TRABALHO PEDAGÓGICO PARA A PROMOÇÃO DO DIÁLOGO INTERCULTURAL

  • Orientador : GEILSA COSTA SANTOS BAPTISTA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • GEILSA COSTA SANTOS BAPTISTA
  • FABIO PESSOA VIEIRA
  • Ana Paula Diorio
  • Data: 22/08/2022
    Ata de defesa assinada:

  • Mostrar Resumo
  • A presente pesquisa teve como objetivo central discutir as implicações da diversidade cultural para a promoção do diálogo intercultural na educação científica do campo, a qual emergiu do seguinte questionamento: Como a área da Educação Científica e da Educação do Campo tem se articulado no que tange a abordagem da diversidade cultural no trabalho pedagógico e quais são as possíveis implicações para a caracterização do diálogo intercultural nesse contexto? O relatório de pesquisa foi organizado no formato de coleção de artigos, orientado por três objetivos específicos, a saber: analisar o modo como o trabalho pedagógico em ciências nos espaços escolares tem sido caracterizado em periódicos da área de educação e ensino, nas dimensões sócio-histórica e epistemológica acerca da diversidade cultural do campo; caracterizar epistemologicamente as condições de possibilidade de estabelecimento do diálogo intercultural na educação científica do campo; compreender as condições de possibilidade para o estabelecimento do diálogo intercultural a partir de narrativas de professores de ciências de escolas situadas no campo. Neste estudo, foi possível discutir e inferir que a percepção sobre as implicações da diversidade cultural do campo no processo de ensino e aprendizagem das ciências tem se efetivado, embora ainda exista a necessidade de novos estudos que se enveredem a discutir mais profundamente as relações entre ensino de ciências e realidade no cenário da diversidade cultural do campo, principalmente quando tratamos das relações entre conhecimento tradicional/ancestral e científico, os silenciamentos e os conflitos inter-epistêmicos. Tendo isso em vista, outro resultado que emerge deste estudo
    foi à caracterização epistemológica das condições de possibilidade de estabelecimento do diálogo intercultural na educação científica do campo, por meio da aproximação entre as teorias de Ludwig Fleck e Mikhail Bakhtin. A partir daí, apresentamos alguns aspectos filosóficos acerca do diálogo intercultural, que a nosso ver estão amparados em reflexões teóricas que servem de base para construção e desenvolvimento de propostas pedagógicas e didáticas que objetivem romper com o silenciamento das vozes das tradições marginalizadas na sala de aula por meio do enfrentamento a certos dilemas que se impõem a uma postura sensível a diversidade cultural. Por fim, ao analisar narrativas de professoras de ciências de escolas situadas no campo, constatamos que em faces do diálogo entre diferentes coletivos de pensamento sempre haverá espaço para negociação de significados, por meio do estabelecimento das relações de semelhanças e diferenças. Nesse processo, é natural que os sentimentos gerados possam dar lugar a conflitos, pois não existe diálogo neutro, portanto não encaramos que um conflito é necessariamente desnecessário e improdutivo nas aulas de ciências, pois a partir de uma mediação intercultural conduzida pelo professor(a), poderá ganhar contornos com potencial educativo desde que estes fujam das posturas absolutistas, relativistas ou totalitárias. Na educação científica do campo esse quadro poderá favorecer
    na ampliação de conhecimento, dominando a ciência a tal ponto de saber usá-la ao seu próprio favor e das sociedades onde vivem, contribuindo com o letramento científico e, portanto, na autonomia dos sujeitos em sua tomada de decisões e na defesa de seus territórios.


  • Mostrar Abstract
  • The main objective of this research was to discuss the implications of cultural diversity for the promotion of intercultural dialogue in scientific education in the countryside, which emerged from the following question: How has the area of Scientific Education and Rural Education been articulated in terms of approach to cultural diversity in pedagogical work and what are the possible implications for the characterization of intercultural dialogue in this context? The research report was organized in the format of a collection of articles, guided by three specific objectives, namely: to analyze the way in which the pedagogical work in science in school spaces has been characterized in journals in the area of education and teaching, in the sociocultural dimensions. historical and epistemological about the cultural diversity of the field; to characterize epistemologically the conditions of possibility of establishing intercultural dialogue in scientific education in the countryside; understand the conditions of possibility for the establishment of intercultural dialogue from the narratives of science teachers from schools located in the countryside. In this study, it was possible to discuss and infer that the perception about the implications of the cultural diversity of the field in the teaching and learning process of science has been effective, although there is still a need for new studies that aim to discuss more deeply the relationships between teaching and learning. of science and reality in the cultural diversity scenario of the field, mainly when we deal with the relations between traditional/ancestral and scientific knowledge, the silencing and the interepistemic conflicts. With this in mind, another result that emerges from this study was the epistemological characterization of the conditions of possibility of establishing intercultural dialogue in scientific education in the field, through the approximation between the theories of Ludwig Fleck and Mikhail Bakhtin. From there, we present some philosophical aspects about intercultural dialogue, which in our view are supported by theoretical reflections that serve as a basis for the construction and development of pedagogical and didactic proposals that aim to break with the silencing of the voices of marginalized traditions in the classroom. through facing certain dilemmas that are imposed on a posture sensitive to cultural diversity. Finally, when analyzing the narratives of science teachers from schools located in the countryside, we found that in the face of the dialogue between different collectives of thought, there will always be room for negotiation of meanings, through the establishment of relationships of similarities and differences. In this process, it is natural that the feelings generated can give rise to conflicts, as there is no neutral dialogue, so we do not see that a conflict is necessarily unnecessary and unproductive in science classes, because from an intercultural mediation conducted by the teacher , it can gain contours with educational potential as long as they flee from absolutist, relativist or totalitarian positions. In scientific education in the countryside, this framework may favor the expansion of knowledge, dominating science to the point of knowing how to use it for their own benefit and for the societies where they live, contributing to scientific literacy and, therefore, to the autonomy of subjects in their own lives. decision-making and defense of their territories.

6
  • MARJORIE CARLA DOS SANTOS MACEDO DANTAS
  • AS CONTRIBUIÇÕES DAS MULHERES PARA A CONSTRUÇÃO DA TABELA PERIÓDICA DOS ELEMENTOS QUÍMICOS

  • Orientador : INDIANARA LIMA SILVA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • FABIANA ROBERTA GONCALVES E SILVA HUSSEIN
  • INDIANARA LIMA SILVA
  • LETICIA DOS SANTOS PEREIRA
  • MARIA HELENA ROXO BELTRAN
  • Data: 29/08/2022

  • Mostrar Resumo
  • O presente trabalho discute as contribuições das mulheres cientistas para a construção
    da tabela periódica e preenche lacunas existentes na História das Ciências no que diz
    respeito à visibilidade e reconhecimento das descobertas realizadas por elas. O ano de
    2019 foi escolhido pela Organização das Nações Unidas – ONU como o ano
    internacional da tabela periódica, coincidindo com 150 anos da descoberta da
    periodicidade dos elementos por Dmitri Mendeleev (1834-1907). Com isso, periódicos
    se dedicaram a publicar a história do desenvolvimento da tabela periódica. No entanto,
    percebe-se que muitos cientistas homens são citados como colaboradores, mas, as
    contribuições das mulheres são pouco exploradas. De acordo com o levantamento
    bibliográfico realizado, mais de quarenta mulheres cientistas contribuíram para o
    processo de construção da tabela periódica a partir da descoberta de novos elementos
    e/ou suas propriedades. Abordaremos neste trabalho as contribuições de quatro
    cientistas: Lise Meitner (1878-1968), Ida Noddack (1896-1978), Berta Karlik (1904-
    1990) e Marguerite Perey (1909-1975). A partir de uma biografia coletiva pautada na
    história de vida dessas mulheres, considerando o gênero com uma categoria de análise,
    pretende-se dar visibilidade às suas trajetórias acadêmicas e contribuições para a
    construção da tabela periódica. Por fim, por meio das histórias cruzadas dessas
    cientistas foi possível identificar e refletir sobre as diversas opressões sofridas por elas
    que consequentemente tornaram-se obstáculos ao longo de suas carreiras, como, por
    exemplo, discriminação racial e de gênero, efeito Matilda, segregação territorial,
    hierárquica e institucional.


  • Mostrar Abstract
  • The present work discusses the contributions of women scientists to the construction of
    the periodic table. It fills existing gaps in the History of Science concerning the
    visibility and recognition of their discoveries. The year 2019 was chosen by the United
    Nations - UN as the international year of the periodic table, coinciding with 150 years
    of the discovery of the periodicity of the elements by Dmitri Mendeleev (1834-1907).
    With this, periodicals dedicated themselves to publishing the history of the development
    of the periodic table. However, it is clear that many male scientists are cited as
    collaborators, but the contributions of women are little explored. According to the
    bibliographic survey, more than forty women scientists contributed to building the
    periodic table by discovering new elements and/or their properties. We will approach in
    this work the contributions of four scientists: Lise Meitner (1878-1968), Ida Noddack
    (1896-1978), Berta Karlik (1904-1990), and Marguerite Perey (1909-1975). A
    collective biography based on the life history of these women, considering gender as a
    category of analysis, is intended to give visibility to their academic trajectories and
    contributions to the construction of the periodic table. Finally, through the crossed
    histories of these scientists, it was possible to identify and reflect on the various
    oppressions they suffered that consequently became obstacles throughout their careers,
    such as racial and gender discrimination, the Matilda effect, territorial, hierarchical, and
    institutional segregation.

7
  • Bianca dos Santos Cunha
  • AS CONTRIBUIÇÕES DE BACON PARA UM RACIOCÍNIO CRÍTICO DA RELAÇÃO HOMEM-NATUREZA ATRAVÉS DA
    CIÊNCIA

  • Orientador : OLIVAL FREIRE JUNIOR
  • MEMBROS DA BANCA :
  • OLIVAL FREIRE JUNIOR
  • OSVALDO FROTA PESSOA JUNIOR
  • LETICIA DOS SANTOS PEREIRA
  • LUCIANA ZATERKA
  • Data: 29/08/2022

  • Mostrar Resumo
  • Neste início de século XXI a relação dos seres humanos com a natureza é uma pauta que tem ganhado constante destaque, cada vez mais fica evidente a necessidade da elaboração de novas técnicas de uso dos recursos naturais com uma maior ênfase numa visão ética do meio ambiente. Observar como a relação humano-natureza se deu ao longo da história, além de nos permitir refletir sobre a gênese da ciência e de seus objetivos iniciais, faz com que nos questionemos se a evolução científica moderna resultou nos ideais sociais que os pensadores da modernidade imaginavam. Um dos primeiros filósofos a conceber a ideia de dominação da natureza pelo homem através da ciência foi o inglês Francis Bacon, em sua mais famosa obra Novum Organum (1620) ele escreve claramente: “Ciência e poder do homem coincidem, uma vez que, sendo a causa ignorada, frustra- se o efeito, pois a natureza não se vence, senão quando se lhe obedece” (BACON, 1979, p. 13). Porém, observando os desastres naturais das últimas décadas, vemos que o poder da ciência e suas criações tem se chocado com os limites suportados pelo mundo natural. Desta forma, à luz de Bacon, podemos nos perguntar: qual o limite da ciência e sua ação em relação ao meio ambiente? Em suas obras Bacon sempre traz a ética para o processo de conhecimento, produção técnico-científica e interpretação da natureza, assim analisando especificamente as obras O progresso do conhecimento (1605), A sabedoria dos antigos (1609), Novum Organum (1620) e Nova Atlântida (1627) pretendo abordar as contribuições de Bacon para um raciocínio crítico da relação homem-natureza através da ciência.


  • Mostrar Abstract
  • At the beginning of the 21st century, the relationship between human beings and nature is an agenda that has gained constant prominence, it is increasingly evident the need to develop new techniques for the use of natural resources with a greater emphasis on an ethical view of the environment. Observing how the human-nature relationship took place throughout history, in addition to allowing us to reflect on the genesis of science and its initial goals, makes us question whether modern scientific evolution resulted in the social ideals that modern thinkers imagined. One of the first philosophers to conceive the idea of the domination of nature by man through science was the Englishman Francis Bacon, in his most famous work Novum Organum (1620) he clearly writes: “Science and the power of man coincide, since, being the cause is ignored, the effect is frustrated, because nature is not defeated, except when it is obeyed” (BACON, 1979, p. 13). However, looking at the natural disasters of the last decades, we see that the power of science and its creations has been colliding with the limits supported by the natural world. Thus, in the light of Bacon, we can ask ourselves: what is the limit of science and its action in relation to the environment? In his works Bacon always brings ethics to the process of knowledge, technical- scientific production and interpretation of nature, thus analyzing specifically the works The Progress of Knowledge (1605), The Wisdom of the Ancients (1609), Novum Organum (1620) and New Atlantis (1627) I intend to address Bacon's contributions to a critical reasoning of the man- nature relationship through science.

8
  • INGRID SILVA DE ANDRADE
  • "Não se pode ensinar sobre resistência": o que dizem os professores sobre o ensino de ciências em espaço de privação de liberdade

  • Orientador : HELIO DA SILVA MESSEDER NETO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • HELIO DA SILVA MESSEDER NETO
  • RAFAEL MOREIRA SIQUEIRA
  • CLARISSA RODRIGUES
  • Data: 30/08/2022

  • Mostrar Resumo
  • É sabido que a educação no sistema penitenciário apresenta dificuldades. Apesar de um instrumento importante, a educação no sistema prisional é pouco assistida e ainda dificultada por quem trabalha lá dentro. É importante entender as dificuldades e desafios desses professores para, a partir daí, elaborar propostas de atuação.  Os professores de ciências costumam utilizar recursos para estimular o interesse do conhecimento científico pelos alunos, além de auxiliar na aprendizagem. Entre esses recursos estão o lúdico, experimentos em laboratórios, feiras de ciências, entre outros. Porém, com as limitações existentes nas escolas dentro dos presídios, como será que os professores conseguem realizar seu trabalho, ou melhor, como ensinam ciências num ambiente limitador das práticas do professor? Como será que poderia se dar a formação continuada para os professores de ciências que atuam nas escolas do presídio ou a metodologia de ensino adotada nas escolas comuns podem ser transferidas fielmente para o sistema prisional?  Desse modo, esse estudo propõe investigar o que dizem os pprofessores de ciências que atuam em espaços de privação de liberdade sobre sua ação pedagógica. Se existem limitações, caso sim, quais são elas; quais as diferenças entre ensinar dentro e fora do contexto prisional; a percepção dos participantes com relação ao comportamento dos alunos em sala. Para chegarmos aos resultados desejados, optou-se a princípio, por realização de entrevista semiestruturada. A pesquisa foi realizada com cinco participantes que atuam ou atuaram em escolas que atendem a população carcerária. Foram duas as seções de entrevista realizadas com cada participante. Na primeira, foram abordados os seguintes pontos presentes no roteiro de entrevista: a) o dia-a-dia do professor na escola; b) diferenças entre ensino em escolas dentro e fora do sistema prisional; c) diferença do ensino de ciências naturais para outras disciplinas; d) desafios/possibilidades no ensino de ciências; e) limites da atuação profissional dentro do sistema prisional; f) estratégias para facilitar o ensino. Na segunda entrevista foram abordados temas como: a) a importância do ensino de ciências no sistema prisional; b) percepção que o professore tem de si mesmo enquanto profissional da educação; c) formação continuada; e d) comportamento dos alunos em sala de aula, avaliando o nível de interesse e comprometimento. A análise e a discussão dos dados foram realizadas a partir da articulação entre os relatos dos participantes e os resultados e discussões encontradas na literatura. Foram formadas categorias com base na proximidade entre os elementos trazidos pelos participantes. Foram elas: conteúdos encarcerados, trata-se de conteúdos que não podem ser ensinados nas escolas em que os participantes lecionam; a segunda categoria se refere à disciplina dos alunos em sala de aula. Os professores relatam que precisam lidar com regras específicas impostas pela instituição, que vão além das restrições nas escolas fora dos presídios; a terceira categoria fala sobre os recursos materiais utilizados pelos professores para ensinar e principalmente, das dificuldades devido à escassez desses materiais. A análise dos dados se apoiou ainda nos objetivos do estudo e nos fundamentos da Pedagogia Histórico-Crítica, teoria desenvolvida pelo filósofo e educador Dermeval Saviani.


  • Mostrar Abstract
  • It is well known that education in the penitentiary system presents difficulties. Despite being an important instrument, education in the prison system is poorly attended and still made difficult by those who work there. It is important to understand the difficulties and challenges of these teachers to, from there, develop operational proposals. Science teachers often use resources to stimulate students' interest in scientific knowledge, in addition to assisting in learning. Among these resources are lucidity, laboratory experiments, science fairs, among others. However, with the limitations that exist in schools within prisons, how can teachers perform their work, or rather, how do they teach science in an environment that limits their practices? How could continuing education be given to science teachers who work in prison schools, or can the teaching methodology adopted in ordinary schools be faithfully transferred to the prison system? Thus, this study proposes to investigate the pedagogical actions adopted by science teachers who work in spaces of deprivation of liberty. If there are limitations, if so, what are they? what are the differences between teaching inside and outside the prison context; the perception of the participants in relation to the behavior of the students in the classroom. In order to reach the desired results, it was initially decided to carry out a semi-structured interview. The research was carried out with five participants who work or worked in schools that serve the prison population. There were two interview sessions carried out with each participant. In the first, the following points present in the interview script were addressed: a) the day-to-day of the teacher at school; b) differences between teaching in schools inside and outside the prison system; c) difference between teaching natural sciences and other subjects; d) challenges/possibilities in science teaching; e) limits of professional activity within the prison system; f) strategies to facilitate teaching. In the second interview, the following topics were addressed to the interviewed: a) the importance of science teaching in the prison system; b) perception that the teacher has of himself as an education professional; c) continuing education; and d) behavior of students in the classroom, assessing the level of interest and commitment. Data analysis and discussion were performed based on the articulation between the participants' reports and the results and discussions found in the literature. Categories, as follow, were formed based on the proximity between the elements brought by the participants: the first one was the incarcerated content, which is the content that cannot be taught in the schools where the participants teach; the second category refers to the discipline of students in the classroom, teachers report that they have to deal with specific rules imposed by the institution, which go beyond restrictions in schools outside prisons; the third category talks about the material resources used by teachers to teach and, mainly, the difficulties due to the scarcity of these materials. Data analysis was also supported by the study objectives and the foundations of Historical-Critical Pedagogy, a theory developed by the philosopher and educator Dermeval Saviani.

9
  • BIANCA DA SILVA BRANDÃO
  • O ENSINO DE CIÊNCIAS ATRAVÉS DA ATIVIDADE INVESTIGATIVA:ANALISANDO O ENTENDIMENTO CONCEITUAL E PROCEDIMENTAL DE PROFESSORES DOS ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL

  • Orientador : AMANDA AMANTES NEIVA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • AMANDA AMANTES NEIVA
  • FABIANA ROBERTA GONCALVES E SILVA HUSSEIN
  • RAFAEL MOREIRA SIQUEIRA
  • GEIDE ROSA COELHO
  • TAMILA MARQUES SILVEIRA
  • Data: 24/10/2022

  • Mostrar Resumo
  • Essa pesquisa teve como objeto de estudo, o mapeamento do entendimento de professores dos anos iniciais do Ensino Fundamental sobre atividade investigativa para o ensino de Ciências tendo como base a seguinte questão norteadora: Como se configura o entendimento de professores sobre a definição e aplicação de atividades investigativas no ensino de Ciências?
    Por ser um traço latente, o mapeamento do entendimento reques a construção de um modelo estrutural bem definido com lentes teóricas específicas, que subsidiou a construção de dois bancos de itens, que após o processo de validação para refinamento, originou em um instrumento de coleta dados.Por meio da metodologia mista,realizamos análise das respostas de 24 professores sobre o entendimento da atividade investigativa por meio de um questionário, em termos de definição(conceito) e ações (procedimentos). Houve indicações de que o conhecimento sobre atividade investigativa dos professores é limitado, pois em termos gerais demonstram saber os princípios mais divulgados da abordagem, como protagonismo dos estudantes, o papel mediador do professor, e a proposta de desafios para o ensino. No entanto, quando especificações da abordagem são colocadas em pauta, como a própria condução da atividade, o aspecto avaliativo e a organização do tempo e espaço, o entendimento é restrito e as respostas carregam elementos que se confundem com a perspectiva tradicional de ensino no laboratório estruturado. No geral a pesquisa apresenta base para estudos futuros e para pensarmos no aspecto formativo dos professores dos anos iniciais do Ensino Fundamental para Ensino de Ciências.

     


  • Mostrar Abstract
  • This research had as its object of study, the mapping of the understanding of teachers in the early years of Elementary School about investigative activity for the teaching of Sciences, based on the following guiding question: How is the understanding of teachers about the definition and application of activities configured? investigations in science teaching? As it is a latent trait, the mapping of understanding requires the construction of a well-defined structural model with specific theoretical lenses, which supported the construction of two item banks, which, after the validation process for refinement, resulted in a data collection instrument. . Through
    the mixed methodology, we analyzed the answers of 24 professors about the understanding of investigative activity through a questionnaire, in terms of definition (concept) and actions (procedures). There were indications that the knowledge about the investigative activity of teachers is limited, as in general terms they demonstrate knowledge of the most publicized principles of the approach, such as student protagonism, the mediating role of the teacher, and the proposal of challenges for teaching. However, when specifications of the approach are put on the agenda, such as the conduct of the activity itself, the evaluative aspect and the
    organization of time and space, understanding is restricted and the answers carry elements that are confused with the traditional perspective of teaching in the laboratory. structured. In general, the research presents a basis for future studies and for thinking about the formative aspect of teachers in the early years of Elementary School in Science Teaching.

10
  • MARCO ANTÔNIO SILVA MIRANDA
  • UM ESTUDO SOBRE O PROBLEMA DA NORMATIVIDADE À LUZ DA OBRA DE WITTGENSTEIN.

  • Orientador : EDUARDO CHAGAS OLIVEIRA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • EDUARDO CHAGAS OLIVEIRA
  • FABIO PESSOA VIEIRA
  • WAGNER TELES DE OLIVEIRA
  • Data: 07/12/2022

  • Mostrar Resumo
  • O agir humano é engendrado por regras. Nos mais diversos campos da conduta humana, as regras se fazem presentes como indicadoras de direção. O problema da normatividade, ou dito de outra forma, o problema a respeito de como seguimos regras é foco de análises na filosofia. Neste trabalho, de natureza de revisão bibliográfica, o seu escopo consiste em investigar as possibilidades de respostas à indagação de como nos guiamos por regras. Para tanto, o corte teórico empregado é a obra de Ludwig Wittgenstein, em especial aquela intitulada Investigações Filosóficas, na qual o filósofo austríaco dedicou grande atenção sobre o ato de seguir regras. Wittgenstein, a partir do seu método filosófico alcunhado por comentadores como terapêutico, insere-se em diversas interlocuções com debatedores que sustentam perspectivas acerca do funcionamento das regras, correntes marcadas pela forma de fazer filosofia dogmatizante e da apresentação de respostas unívocas. Recorrendo a imagens e metáforas, Wittgenstein apresenta os contornos das correntes filosóficas que se debruçam sobre o problema da normatividade, demonstrando os pontos de incompreensões de cada uma das teses, as quais têm por elo a perspectiva da analiticidade, ou seja, de que as regras devem conter, previamente, independentemente da prática, todas as possibilidades de sua ocorrência. Para além de analisar as tensões envoltas em cada corrente com a qual Wittgenstein dialoga, o objetivo final do presente trabalho é identificar na obra do filósofo austríaco o complexo de conceitos e noções que integram a ideia maior de gramática do uso, ideia esta que se apresenta como uma das possibilidades de dissolução das incompreensões que gravitam o problema da normatividade, ao mesmo tempo em que sinaliza uma possibilidade ao entendimento de como nos guiamos por regras.


  • Mostrar Abstract
  • Human behavior is guided by rules. In the most diverse fields of human conduct, rules are present as indicators of direction. The problem of normativity, or in other words, the problem of how to follow rules is the focus of analysis in philosophy. In this work, which is a literature review, its scope is to investigate the possibilities of answers to the question of how we are guided by rules. Therefore, the theoretical approach used is the work of Ludwig Wittgenstein, especially the one entitled Philosophical Investigations, in which the Austrian philosopher devoted great attention to the act of following rules. Wittgenstein, based on his philosophical method nicknamed by commentators as therapeutic, enters into several dialogues with debaters who support perspectives on the functioning of rules, trends marked by the way of doing dogmatizing philosophy and the presentation of univocal answers. Using images and metaphors, Wittgenstein presents the contours of the philosophical currents that focus on the problem of normativity, demonstrating the points of incomprehension of each of the theses, which are linked to the perspective of analyticity, that is, that the rules they must contain, in advance, regardless of the practice, all the possibilities of their occurrence. In addition to analyzing the tensions involved in each current with which Wittgenstein dialogues, the final objective of the present work is to identify in the work of the Austrian philosopher the complex of concepts and notions that integrate the greater idea of grammar of use, an idea that presents itself as one of the possibilities of dissolving the misunderstandings that gravitate the problem of normativity, at the same time that it signals a possibility for the understanding of how we are guided by rules.

11
  • WANDER SANTANA PRADO RIBEIRO
  • Um exemplo centenário de educação e popularização da ciência no Brasil: os Postos Anti-Ophidicos de Vital Brazil na Bahia

  • Orientador : REJANE MARIA LIRA DA SILVA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIANA DE CARVALHO DOLCI
  • ROSANY BOCHNER
  • MOEMA DE REZENDE VERGARA
  • OLIVAL FREIRE JUNIOR
  • REJANE MARIA LIRA DA SILVA
  • Data: 09/12/2022

  • Mostrar Resumo
  • A educação em saúde sobre animais peçonhentos começou no Brasil por Vital Brazil Mineiro da Campanha, no começo do século XX, através de seu “Plano de Vulgarização das Descobertas” voltado para especialistas e não especialistas no estado de São Paulo. Seu objetivo era divulgar a sua recente descoberta, a soroterapia específica (1901), único tratamento realmente eficaz contra o ofidismo, assim como as formas de conhecer as serpentes e prevenir os acidentes. Para tal, criou uma série de atividades educativas planejadas para comunicar aspectos biológicos, médicos e culturais sobre as serpentes. Porém, sua atuação esteve limitada ao estado de São Paulo, onde criou um Sistema de Permuta de serpentes por soros antivenenos e seringas para a sua aplicação, além da publicação do livro A Defesa Contra o Ofidismo (1911), tudo isso para obter o veneno necessário para a fabricação dos soros. Entendendo que o ofidismo era um problema de saúde pública e que atingia especialmente a população rural, Vital Brazil começou em 1918 a executar sua proposta de instalação de Postos Anti-Ophidicos em diversos estados brasileiros, entre eles a Bahia. Nossa hipótese é que esses Postos, assim como os institutos produtores de soro criados por Vital Brazil, o Instituto Butantan – 1899 (São Paulo) e o Instituto Vital Brazil – 1919 (Niterói), atuaram enquanto espaços museais de ensino de ciências e educação em saúde de forma pioneira no Brasil. Isso significa que apesar de não se terem se compreendido enquanto museus, esse Postos desenvolveram diversas atividades que permitem usar os conhecimentos da Museologia, em especial da Educação Museal, para compreender seu funcionamento. Essa é uma pesquisa História das Ciências que transversaliza com o Ensino de Ciências, tendo como base o levantamento e discussão de fontes históricas com o olhar da Educação Museal e da Museologia. Nosso objetivo é discutir o papel dos Postos Anti-Ophidicos da Bahia, em Salvador (1921), Senhor do Bonfim (1926) e Vitória da Conquista (1929), enquanto espaços museais singulares de ensino não formal de ciências para populações vulneráveis aos acidentes ofídicos durante a década de 1920. Foi conduzida através de revisão de literatura e pesquisa documental, produzidas entre 1860 e 1932, incluindo fontes primárias e secundárias de 17 acervos, 12 históricos presenciais e 5 acervos documentais digitais. Os Postos AntiOphidicos da Bahia participaram de uma estrutura complexa com a implantação de serpentários, envio de serpentes e venenos para o Instituto Butantan e Instituto Vital Brazil, colaborando na produção dos soros antivenenos de serpentes, divulgando a soroterapia específica e contribuindo para o conhecimento herpetológico produzido no Brasil. As atividades dos Postos Anti-Ophidicos envolveram instituições e personagens como eminente cientista Manuel Augusto Pirajá da Silva (1873-1961), responsável pelo Posto do Instituto Butantan em Salvador (1921-1925), na Faculdade de Medicina da Bahia; e o casal Francisco Borges (1875-) e Esmeralda Borges, responsáveis pela implantação dos Postos do Instituto Vital Brazil nas cidades de Senhor do Bonfim (1926-1932) e Vitória da Conquista (1929- 1932). Dentre as contribuições desses Postos da Bahia para a Herpetologia no Brasil, destacamos a descrição de duas novas espécies de jararacas, endêmicas da região Nordeste, a Bothrops erythromelas (Amaral, 1923) e Bothrops pirajai (Amaral, 1923), através das correspondências trocadas e animais enviados por Pirajá da Silva para Afrânio do Amaral (1894-1982), herpetólogo do Instituto Butantan. Finalmente os Postos funcionaram como verdadeiros espaços de educação, através de palestras, entrega de cartilhas, visitas aos serpentários e extrações públicas de veneno, capazes de mobilizar as populações locais para observar as serpentes em um ambiente expositivo e educativo e incentivar a sua captura e identificação, além de disponibilizar tratamento gratuito para os acidentes ofídicos, registrado a partir de 1915 no Hospital Santa Izabel em Salvador. Consideramos que os Postos AntiOphidicos consolidaram-se como espaços de educação informal de ciências, produção de conhecimento científico e acesso ao tratamento gratuito do ofidismo nas regiões mais remotas da Bahia, inclusive para as pessoas mais vulneráveis, expondo animais vivos e os utilizando em atividades educativas de forma similar ao descrito na literatura.


  • Mostrar Abstract
  • Health education on venomous animals was started in by Brazil by Vital Brazil Mineiro da Campanha, in the early 20th century, with his “Plano de Vulgarização das Descobertas” aimed for specialists and non-specialists in the state of São Paulo. His objective was to spread the new discovered, the specific serum therapy (1901), the only treatment that truly worked against snakebite, as well as the ways of knowing the snakes and prevent the accidents. With that in mind, he created a series of educative activities planned to communicate biological, medial and cultural aspects about the snakes. However, his field of action was limited to the state of São Paulo, where he created a system for trading snakes for antivenom serum or syringes, plus the shipping copies of the book Defesa Contra o Ofidismo (1911), all of that to receive the necessary venom for serum production. Understanding that snakebite was a public health problem that affects specifically the countryside, in 1918 Vital Brazil set on track his project of installing Antiophidic Centers in many brazillian states, between them. Our hypothesis is that these Centers, as well as the serum producing institutes founded by, the Butantan Institute – 1899 (São Paulo) and the Vital Brazil Institute – 1919 (Niterói), acted as pioneers museums for science and health education in Brazil. This is a qualitatve research that combines History and Teaching of Sciences, based on the gathering and discussion of historical material through the lenses of Museum Education and Museology. Our objective is to discuss the role of those Antiophidic Centers from Bahia, Salvador (1921), Senhor do Bonfim (1926) and Vitória da Conquista (1929), as singular museum spaces for the teaching of science to the snakebite vulnerable populations during the decade of 1920. It’s a hybrid research that works directly with the Teaching and History of Sciences. It was conducted via Literature Review and Document Research, between 1860 and 1932, including primary and secondary sources from 17 different archives, 12 brick and mortar and 5 digital. The Antiophidic Centers of Bahia were part of a complex structure that included the installation of snake terrariums, shipping of venom and snakes to Butantan and Vital Brazil Institutes, collaborating on the production of venom, necessary for the production of antivenom serum. They involve characters and institutions, among them the notorious scientist Manoel Augusto Pirajá da Silva (1873- 1961), director of the Butantan’s Antiophidic Center in Salvador (1921- 1925), in the Medicine College of Bahia; and the couple Francisco Borges (1875-) and Esmeralda Borges, responsible for the Vital Brazil’s Institute Antiophidic Centers of Senhor do Bonfim (1926-1932) and Vitória da Conquista (1929-1932). These Centers actions represented an important leap to the Herpetology in Brazil, resulting in the description of two new endemic species of lanceheads in Brazil’s Northeast, Bothrops erythromelas (Amaral, 1923) e Bothrops pirajai (Amaral, 1923), through the letters exchanged between Pirajá da Silva and Afrânio do Amaral (1894-1982), herpetologist from Butantan. Finally, these Centers worked as spaces of education, elaborating lectures, handing out flyers, organizing visits to the snakes open terrariums and public venom extraction sections, capable of mobilizing the local communities to deal with their fear of snakes and stimulate them to capture, identify and exchange those animals for antivenom serum, registered at first in Salvador on 1915, in the “Hospital Santa Izabel”. We consider that the Antiophidic Centers were consolidated as spaces of non-formal science education, production of scientific knowledge and free access for the snakebite treatment in the most remote regions of Bahia, working in favor of the most vulnerable communities.

12
  • ELTON BERNARDO SANTOS DA SILVA
  • Identidades Encruzilhadas: o cruzo entre as identidades raciais e docentes de professores e professoras de química da cidade de Salvador-Bahia.

  • Orientador : KATEMARI DIOGO DA ROSA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CLAUDIA DE ALENCAR SERRA E SEPULVEDA
  • CLAUDILENE MARIA DA SILVA
  • KATEMARI DIOGO DA ROSA
  • PALOMA NASCIMENTO DOS SANTOS
  • Data: 14/12/2022

  • Mostrar Resumo
  • O espaço educacional, especificamente, o(s) ambiente(es) escolar(es), apresenta(m) múltiplos contextos férteis para compreendermos alguns dos problemas sociais presentes e (re)produzidos nesse(s) lugar(es). As problemáticas raciais são bons exemplos ilustradores desse contexto, que quando cruzadas às próprias dinâmicas da profissão docente, também dotadas de inúmeros problemas, questionamentos e descontentamentos, produzem afetações, violências e profundas implicações na prática profissional de
    professores e professoras. Esta pesquisa, comprometida com as vidas, em especial, de professores e professoras de química, compreende a importância do registro, da escuta e da multiplicidade de sensações e de conhecimentos que podem emergir a partir das histórias de vida de docentes. As inspirações para o desenvolvimento dessa pesquisa surgem a partir das minhas próprias experiências profissionais como professor (negro) de química marcadas por (não) reconhecimentos e por inúmeros processos de (des)identificação profissional. Desse modo, o objetivo da pesquisa é compreender os cruzamentos entre as identidades raciais e as identidades docentes de professores e professoras de química atuantes na educação básica na cidade de Salvador-Bahia. Esta investigação se insere no campo da pesquisa qualitativa, sendo utilizado o método biográfico-narrativo, particularmente, a metodologia das Histórias de Vida. Considerando os últimos dados censitários do IBGE, segundo o critério raça/cor, a população de Salvador se autoclassifica em cerca de 82% como negra e 17% branca. Assim, convidamos quatro docentes de química, sendo dois docentes autodeclarados como negros/as, um pertencente ao gênero masculino e uma ao gênero feminino, e dois autodeclarados como brancos/as, cada um(a) pertencente ao gênero masculino e feminino. Os dados foram produzidos a partir do compartilhamento e da escuta das histórias de vida desses profissionais, por meio da realização de entrevistas semiestruturadas realizadas virtualmente. Após esses encontros foram feitas as
    transcrições e, posteriormente com o auxílio do método da análise temática, os dados biográficos foram interpretados. Os resultados demonstram que os corpos racializados fundamentam as identidades raciais negras e brancas. Existem relações de abebelidade nos modos como os docentes negros significam suas identidades raciais e entre as docentes brancas há reprodução de aspectos da branquitude crítica. As características das
    identidades docentes são identificadas no contínuo processo que demarcam o trabalho e atuação docente, que é o tornar-se professor/professora dentro de conjunturas biográficas e contextos de transformações sociais, reformas educacionais e influências dos múltiplos processos envolvendo a formação docente. Além disso, as dimensões das identidades raciais se fazem presentes nas práticas profissionais, dentro e fora das aulas de química, promovendo cruzamentos e influências nas identidades docentes.


  • Mostrar Abstract
  • The educational space, specifically, the school environment(s), present multiple fertile
    contexts for understanding some of the social problems present and (re)produced in these
    places. Racial issues are good illustrative examples of this context, which when crossed
    with the dynamics of the teaching profession, also endowed with numerous problems,
    questions and discontent, produce affectations, violence and profound implications in the
    professional practice of teachers. This research, committed to the lives, in particular, of
    professors of chemistry, understands the importance of recording, listening and the
    multiplicity of sensations and knowledge that can emerge from the life stories of
    professors. The inspirations for the development of this research arise from my own
    professional experiences as a (black) chemistry teacher marked by (non) recognition and
    by numerous processes of professional (dis)identification. In this way, the objective of
    the research is to understand the intersections between racial identities and the teaching

    identities of teachers of chemistry working in basic education in the city of Salvador-
    Bahia. This investigation falls within the field of qualitative research, using the

    biographical-narrative method, particularly the Life Stories methodology. Considering
    the latest census data from the IBGE, according to the race/color criterion, the population
    of Salvador self-classifies itself in about 82% as black and 17% as white. Thus, we invited
    four chemistry professors, two of them self-declared as black, one male and one female,
    and two self-declared white, each male and female. Data were produced from sharing and
    listening to the life stories of these professionals, through semi-structured interviews
    carried out virtually. After these meetings, transcriptions were made and, later, with the
    aid of the thematic analysis method, the biographical data were interpreted. The results
    demonstrate that racialized bodies underlie black and white racial identities. There are
    relationships of abebelity in the ways in which black professors signify their racial
    identities and among white professors there is a reproduction of aspects of critical
    whiteness. The characteristics of teachers' identities are identified in the continuous
    process that demarcates the work and performance of teachers, which is to become a
    teacher, within biographical conjunctures and contexts of social transformations,
    educational reforms and influences of multiple processes involving teacher training. In
    addition, the dimensions of racial identities are present in professional practices, inside
    and outside chemistry classes, promoting intersections and influences on teaching
    identities.

Teses
1
  • VICTOR RAFAEL LIMEIRA DA SILVA
  • A NATURALIST AMONGST AMAZONIAN INDIGENOUS PEOPLES:
    A. R. WALLACE’S EARLY ETHNOGRAPHIC PRACTICES IN THE EMERGING BRITISH ANTHROPOLOGY

  • Orientador : JUAN MANUEL SANCHEZ ARTEAGA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JOSÉ OTÁVIO AGUIAR
  • JUAN MANUEL SANCHEZ ARTEAGA
  • LUIZ CARLOS SOARES
  • MAURIZIO ESPOSITO
  • OLIVAL FREIRE JUNIOR
  • Data: 17/02/2022

  • Mostrar Resumo
  • A pesquisa da qual esta tese resulta consistiu em três estágios principais: 1) um detalhado
    estudo combinado de literatura secundária sobre a vida científica de A. R. Wallace e os
    seguintes temas de estudo histórico: as etnografia, etnologia e antropologia britânicas do
    século XIX; história natural e ciência “racial” oitocentistas; evolucionismo; escritas de
    viagem; ciência e globalização imperial; estudos Luso-Brasileiros, Norte-Americanos, e
    Europeus sobre os povos indígenas do Brasil; relações anglo-brasileiras; e história
    sociocultural da Amazônia; 2) uma análise combinada de fontes primárias tanto da vida e
    produção científica de Wallace quanto dos estudos científicos e representações culturais
    britânicos/as da diversidade humana entre os anos 1840 e 1860, coletadas em vários arquivos
    e bibliotecas na Inglaterra e em bases de dados na internet; 3) uma terceira análise detalhada
    dos resultados dos dois estágios iniciais, combinando-os na elaboração do seis artigoscapítulos que constituem a presente monografia. Nesta tese, eu argumento que práticas
    etnográficas de observação e estudos da diversidade humana estavam no centro da vocação
    científica de Wallace, e que estando continuamente interessado em entender a espécie
    humana, ele se dedicou a contribuir significativamente para o desenvolvimento da etnologia e
    antropologia, solidificando um legado antropológico duradouro no Reino Unido e em outros
    países. Sendo esta tese uma combinação de biografia científica temática e história disciplinar,
    o/a leitor/a seguirá o processo de construção das ideas socio-científicas de Wallace sobre a
    diversidade humana e de seu perfil vocacional como observador de campo enquanto realizava
    observações etnográficas de comunidades tradicionais Galesas e povos indígenas nãoEuropeus, especialmente da Amazônia, entre os anos 1840 e 1850. Nesse ínterim, o/a leitor/a
    também terá a possibilidade de olhar para o desenvolvimento da etnologia e antropologia
    britânicas em panorama. As experiências observacionais e os estudos de Wallace serão
    continuamente combinados e contrastados com o contexto de pesquisadores da diversidade
    humana importantes de seu tempo, tanto aqueles os quais ele leu ou com os quais ele
    interagiu, compartilhou e divergiu em ideias. Sequencialmente, o/a leitor/a será conduzido por
    uma discussão das primeiras repostas ao trabalho etnográfico de Wallace na Amazônia e aos
    seus esforços para ser visto como um observador mais sofisticado da diversidade humana
    in
    situ
    . Finalmente, apresentarei ao leitor quão cruciais as primeiras experiências etnográficas de
    Wallace foram para o melhoramento do potencial observacional e teórico de suas
    investigações na Ásia anos depois, bem como para o estabelecimento de sua autoridade em
    círculos de estudo da humanidade. O/a leitor/a, portanto, entenderá como Wallace conseguiu
    posicionar-se, na condição de um naturalista autodidata, entre estudiosos reputados que
    estavam batalhado entre si pelo controle e consolidação científica da “ciência do homem”.
    Partindo de prévios estudos sobre a antropologia Vitoriana, esta tese oferece uma nova
    ilustração do desenvolvimento gradual do pensamento e práticas de observação
    antropológico/as por meio da trajetória inicial de um eminente etnógrafo e antropólogo
    autodidata.


  • Mostrar Abstract
  • The research which resulted in this thesis consisted of three main steps: 1) a combined minute
    study of the secondary literature on A. R. Wallace’s scientific life and the following historical
    topics of study: Victorian ethnography, ethnology and anthropology; general nineteenthcentury natural history and “race science”; evolutionism; travel writing; science and imperial
    globalisation; eighteenth- and nineteenth-century Luso-Brazilian, Noth-American, and
    Continental European studies of Brazilian Indigenous peoples; Anglo-Brazilian relations; and
    history of the Amazon; 2) a combined analysis of primary sources concerning both Wallace’s
    life and science and the British scientific studies and cultural representations of human
    diversity between the 1840s and 1860s, collected in archives and libraries of various
    institutions in England and in online database; 3) a third combined perusal of the results of the
    two initial steps, merging them into the elaboration of the six article-like chapters constituting
    the monograph. In this thesis, I argue that ethnographic observational practices and studies of
    human diversity were two of the forefronts on Wallace’s scientific vocation, and that being
    enduringly interested in understanding the human species, he dedicated himself to contribute
    significantly to the development of ethnology and anthropology, solidifying a lasting
    anthropological legacy in Britain and elsewhere. Being this monograph a combination of
    thematic scientific biography and disciplinary history, the reader will follow the construction
    of Wallace’s social-scientific ideas about human diversity and vocational profile as a field
    observer while undertaking ethnographic observational practices amongst Welsh folk and
    extra-European Indigenous peoples, notably of the Amazon, between the 1840s and 1850s. In
    this process, the reader will also have the opportunity to take a look at the development of
    British ethnology and anthropology in a big picture. Wallace’s observational experiences and
    studies will be continually merged into and contrasted against the milieu of significant
    researchers of human diversity of his time, either those he read, interacted/shared ideas with
    or diverged. Sequentially, the reader will be taken through an analysis of the first responses to
    Wallace’s Amazonian ethnographic work and efforts to be seen as a sophisticated field
    observer of human diversity. Finally, I will present to the reader how crucial Wallace’s early
    ethnographic experiences were to the refinement of the observational theoretical potential of
    his later investigations in Asia, as well as to the establishment of his authority in learned
    circles of the study of humankind. The reader will therefore understand how Wallace was able
    to position himself, in the condition of formally uneducated naturalist, amongst reputed
    scholars struggling for the control and scientific consolidation of the “science of man”.
    Building upon previous studies of Victorian anthropology, this thesis provides a new
    illustration of the gradual development of anthropological thought and practices of
    observation in the 1800s through the initial trajectory of an eminent self-taught ethnographer
    and anthropologist

2
  • ISMAEL MENDES ANDRADE
  • O CENTRO DE REFERÊNCIA EM LEISHMANIOSE DO BAIXO SUL DA BAHIA (1986 – 2017): UMA GENEALOGIA DA GEOGRAFIA MÉDICA BRASILEIRA

  • Orientador : BARBARA CARINE SOARES PINHEIRO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • BARBARA CARINE SOARES PINHEIRO
  • GEORGE MARIANE SOARES SANTANA
  • INDIANARA LIMA SILVA
  • PALOMA NASCIMENTO DOS SANTOS
  • ROZILDA VIEIRA OLIVEIRA
  • SANDRA NOEMI CUCURULLO DE CAPONI
  • Data: 14/03/2022

  • Mostrar Resumo
  • O Centro de Referência em Leishmaniose do Baixo Sul da Bahia, fundado em 1986, atualmente é uma unidade do Sistema Único de Saúde (SUS) em parceria com Universidade Federal da Bahia e Associação da União dos Moradores do Povoado de Corte de Pedra do município de Presidente Tancredo Neves. Portanto, o objetivo deste trabalho é apresentar uma genealogia da Geografia Médica a partir do Centro de Referência em Leishmaniose do Baixo Sul da Bahia no período de 1986 a 2017. Esta pesquisa consta das etapas: pesquisa histórica documental, entrevista, e referenciais teóricos. A pesquisa histórica baseada em análise de documentos do Centro de Referência em Leishmaniose e referenciais teóricos sobre a Geografia Médica, sob o ponto de vista da genealogia de Foucault. No levantamento documental, foi identificada a ata de fundação da União de Moradores do Distrito de Corte de Pedra e o Estatuto do Centro de Referência. Nas entrevistas, evidenciou-se a importância do CRL e sua relação com a Geografia Médica Brasileira, a partir de estudos iniciados por pesquisadores médicos da Universidade de Brasília (UnB) em 1983. Esses profissionais vieram desbravar a área endêmica da Leishmaniose Tegumentar ao entorno do Distrito de Corte de Pedra para pesquisa de seus trabalhos de conclusão de curso (dissertação e tese), e que, posteriormente, orientaram a comunidade e participaram efetivamente do movimento e da organização da associação para implantação do CRL que possibilitou atender à população acometida pela Leishmaniose; a época em que o SUS nem existia e as pessoas aclamavam por atendimento integral à saúde.


  • Mostrar Abstract
  • The Leishmaniasis Reference Center of Baixo Sul da Bahia, founded in 1986, is currently a unit of the Unified Health System (SUS) in partnership with Federal University of Bahia and Association of the Union of Residents of the Village of Stone Court in the municipality of Presidente Tancredo Neves. Therefore, the objective of this work is to present a genealogy of Medical Geography from the Center of Reference in Leishmaniasis in the Southern Bahia Lowlands from 1986 to 2017. This research consists of the steps: historical documentary research, interview, and theoretical references. Historical research based on document analysis of the Leishmaniasis Reference Center and theoretical references on Geography Medical, from the point of view of Foucault's genealogy. in the survey document, the founding act of the Union of Residents of the District of Corte de Pedra and the Reference Center Statute. In the interviews, it was evident the importance of the CRL and its relationship with Brazilian Medical Geography, based on studies initiated by medical researchers at the University of Brasília (UnB) in 1983. These professionals came to explore the endemic area of Leishmaniasis Integumentary to the surroundings of the District of Corte de Pedra for research of its works course conclusion (dissertation and thesis), and which later guided the community and effectively participated in the movement and organization of association for the implementation of the CRL that made it possible to serve the affected population by Leishmaniasis; the time when the SUS did not even exist and people cheered for comprehensive health care.
3
  • ERIKA APARECIDA DE PAULA SILVA LIMA
  • Árvore velha, raízes profundas e os frutos?

    As Ciências da Natureza e Matemática no Novo Ensino Médio à Luz da Pedagogia Histórico Critica

  • Orientador : BARBARA CARINE SOARES PINHEIRO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • BARBARA CARINE SOARES PINHEIRO
  • HELIO DA SILVA MESSEDER NETO
  • ANA MARIA DANTAS SOARES
  • ABRAAO FELIX DA PENHA
  • ERIVANILDO LOPES DA SILVA
  • Data: 20/04/2022

  • Mostrar Resumo
  • O presente trabalho propõe-se a apresentar uma análise crítica do Novo Ensino Médio nas questões concernentes a Ciência da Natureza e Matemática.

    A luz do referencial teórico alicerçado na Pedagogia Histórico-Crítica, desenvolvemos essa pesquisa de acordo com os fundamentos filosóficos do materialismo histórico-dialético. Consideramos a abordagem histórico-crítica para a educação como uma lente teórica importantíssima para nossa compreensão das questões mercantis, neoliberais e reducionistas da criação do Novo Ensino Médio e seus desdobramentos. Nos detemos como recorte de pesquisa nas 10 Competências Gerais da BNCC e as especificidades das competências das Ciências da Natureza e da Matemática e suas tecnologias. A pesquisa foi estruturada para responder os objetivos da Tese, para isso o caminho metodológico escolhido foi a pesquisa documental. Fizemos um denso percurso histórico analisando as Legislações, Pareceres, PNE, Diretrizes de Políticas Curriculares e Documentos que foram sancionados para normatização do Ensino Médio no Brasil e os encaminhamentos da Reforma do mesmo. Essa investigação documental alicerçou-se na  metodologia fundada no materialismo histórico-dialético sob a concepção da Pedagogia Histórico-Crítica e suas abordagens sobre a importância do conhecimento para a libertação do ser histórico social.  A luz dos procedimentos metodológicos escolhidos, compreendemos que a analise critica nos possibilitou compreender a importância dos conteúdos clássicos na educação escolar para o desenvolvimento dos indivíduos. Este processo de intepretação da realidade gerou meta textos analíticos que estão compondo os contextos interpretativos das 3 competências propostas pela BNCC em Ciências da Natureza e das 5 Competências de Matemática e suas tecnologias. Compreendemos que a pedagogia histórico crítica não dá à educação o poder de transformação social direta, por isso ela é mediadora e não redentora das mazelas da sociedade, não possuindo uma operacionalidade autônoma e independente das estruturas sociais. evidenciamos na pesquisa que a educação deve se comprometer com a elevação da consciência como parte fundamental da transformação social e apesar de falácias de renovação há  muitos pontos controversos, antigos desde a LDB 5692/71 que voltaram a tona. Isto, especialmente na flexibilidade, autonomia e pedagogia das competência.  Um dos pontos mais controversos dessa reforma diz respeito à organização curricular e itinerários formativos, atendendo os órgãos de controle e aferição de resultados. Temos em voga uma educação simplificada a um processo de treinamento e aligeiramento de formação para atender  a estruturação do capital. Há pouco comprometimento com a efetivação e intencionalidade do ato educativo. A arvore é velha, as raízes profundas e os frutos  gerados pelo NEM parecem grandes, viçosos, mas foram amadurecidos com carbureto em 52 dias de um Governo Ilegítimo e alguns se tornaram amargos. Mas, ainda há tempo de tirarmos as ervas daninhas da velha e linda árvore!


  • Mostrar Abstract
  • The present work proposes to present a critical analysis of the New High School in matters concerning Natural Science and Mathematics. The present work proposes to present a critical analysis of the New High School in matters concerning Natural Science and Mathematics. In the light of the theoretical framework grounded in Historical-Critical Pedagogy, we developed this research according to the philosophical foundations of historical-dialectical materialism. We consider the historical-critical approach to education as a very important theoretical lens for our understanding of the mercantile, neoliberal and reductionist issues of the creation of the New High School and its consequences. We focus as a research cut on the 10 General Competencies of the BNCC and the specificities of the competencies of Natural Sciences and Mathematics and their technologies. The research was structured to respond to the objectives of the Thesis, for which the methodological path chosen was documental research. We made a dense historical journey analyzing the Legislations, Opinions, PNE, Curriculum Policy Guidelines and Documents that were sanctioned for the regulation of High School in Brazil and the referrals of the Reform of the same. This documentary investigation was based on the methodology founded on historical-dialectical materialism under the conception of Historical-Critical Pedagogy and its approaches to the importance of knowledge for the liberation of the historical-social being.
    In the light of the methodological procedures chosen, we understand that the critical analysis enabled us to understand the importance of classic contents in school education for the development of individuals. This process of interpretation of reality generated meta-analytic texts that are composing the interpretative contexts of the 3 competences proposed by the BNCC in Natural Sciences and of the 5 Competencies of Mathematics and its technologies. We understand that historical-critical pedagogy does not give education the power of direct social transformation, so it is a mediator and not a redeemer of the ills of society, not having an autonomous and independent operation of social structures. we evidenced in the research that education must be committed to raising consciousness as a fundamental part of social transformation and despite fallacies of renewal there are many controversial points, old since LDB 5692/71 that have come back to the fore. This, especially in the flexibility, autonomy and pedagogy of competences. One of the most controversial points of this reform concerns the curricular organization and training itineraries, serving the control and measurement bodies of results. We have in vogue a simplified education with a process of training and lightening of formation to attend the structuring of the capital. There is little commitment to the effectiveness and intentionality of the educational act. The tree is old, the deep roots and the fruits generated by the NEM seem big, lush, but they were ripened with carbide in 52 days of an Illegitimate Government and some became bitter. But, there is still time to weed the old and beautiful tree!
4
  • ANETE OTILIA CARDOSO DE SANTANA CRUZ
  • ACESSIBILIDADE DIDÁTICA: PRAXEOLOGIAS MATEMÁTICAS SOBRE SEQUÊNCIAS PARA SURDOS(AS) E OUVINTES

  • Orientador : LUIZ MARCIO SANTOS FARIAS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • LUIZ MARCIO SANTOS FARIAS
  • ANDREIA MARIA PEREIRA DE OLIVEIRA
  • JANY SANTOS SOUZA GOULART
  • SADDO AG ALMOULOUD
  • CLELIA MARIA IGNATIUS NOGUEIRA
  • EDMO FERNANDES CARVALHO
  • Data: 25/04/2022

  • Mostrar Resumo
  • Esta pesquisa está inserida nos campos da formação inicial e formação continuada de professore(a)s de Matemática, situados, respectivamente, na Licenciatura em Matemática e no Ensino Médio Integrado. A investigação tem como propósito responder à indagação Como um Percurso de Estudo e Pesquisa, acessível didaticamente, pode promover a reconstrução/elaboração de praxeologias matemáticas no ensino de sequências para estudantes surdos(as) e ouvintes? Adotamos a Teoria Antropológica do Didático (TAD), de Yves Chevallard e colaboradore(a)s, como lente teórica, mas que também delineia nossa caminhada metodológica. Para tal, foi desenvolvido, de forma processual, um dispositivo-metodológico-teórico denominado de Percurso de Estudo e Pesquisa com Potencial Inclusivo para Formação de Professore(a)s, o PEPPI-FP, construído ao longo de sete sessões de estudo e pesquisa com licenciando(a)s e docentes de Matemática. O estudo trouxe como objetivos, investigar as praxeologias matemáticas elaboradas por docentes e estudantes da Licenciatura em Matemática, no ensino de sequências para estudantes surdos(as) e ouvintes, assim como reconstruir aquelas praxeologias que não eram acessíveis didaticamente, para torná-las com potencial inclusivo. Os principais resultados da pesquisa apontaram que o(a)s licenciando(a)s e docentes que participaram do processo de formação profissional, com aporte do dispositivo PEPPI-FP, identificaram aspectos que devem ser considerados quando se trata de práticas para um ensino inclusivo. Os resultados da investigação sinalizaram que tanto a formação inicial quanto a formação continuada de professore(a)s de Matemática devem contar com o incentivo de estudos com seus pares, mas também revela a importância da mudança, do se movimentar e sair do lugar de fala de que “não está preparado(a) para a inclusão”. O(a)s participantes admitiram que a preparação se dá no transcorrer e na dinâmica da vida docente, na formação contínua, nas trocas, para dar conta dos desafios diários presentes nas salas de aula.


  • Mostrar Abstract
  • This research is inserted in the fields of initial formation and continuing education of Mathematics teachers, situated, respectively, in the Mathematics Degree and in Integrated High School. The investigation aims to answer the question How can a didactically accessible Study and Research Pathway promote the reconstruction/elaboration of mathematical praxeologies in the teaching of sequences to deaf and hearing students? We adopted the Anthropological Theory of Didactics (ADT), by Yves Chevallard and collaborators, as a theoretical lens, but which also outlines our methodological path. To this end, a methodological-theoretical device called the Study and Research Pathway with Inclusive Potential for Teacher Training, the PEPPI-FP, was developed in a procedural way, built over seven study and research sessions with undergraduates and teachers. of math. The study aimed to investigate the mathematical praxeologies developed by teachers and students of the Degree in Mathematics, in the teaching of sequences for deaf and hearing students, as well as reconstruct those praxeologies that were not accessible didactically, to make them with inclusive potential. The main results of the research indicated that the undergraduates and teachers who participated in the professional training process, with the contribution of the PEPPI-FP device, identified aspects that should be considered when it comes to practices for inclusive education. The results of the investigation signaled that both the initial and continuing education of Mathematics teachers should count on the encouragement of studies with their peers, but it also reveals the importance of change, of moving and leaving the place of speech that “no is prepared for inclusion”. Participants admitted that preparation takes place in the course and dynamics of teaching life, in continuous training, in exchanges, to deal with the daily challenges present in classrooms.

5
  • ELENICE ALMEIDA CARREGOSA
  • AMBIENTALIZAÇÃO CURRICULAR NO CURSO DE PEDAGOGIA DA UESB - CAMPUS ITAPETINGA: NARRATIVAS DE FORMAÇÃO E TRAJETÓRIA PROFISSIONAL DOS/AS EGRESSOS/AS

  • Orientador : MARCO ANTONIO LEANDRO BARZANO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARCO ANTONIO LEANDRO BARZANO
  • FABIO PESSOA VIEIRA
  • REGINALDO SANTOS PEREIRA
  • ANDRÉ CARNEIRO MELO
  • LUDMILA OLIVEIRA HOLANDA CAVALCANTE
  • Data: 28/04/2022

  • Mostrar Resumo
  • Diante do quadro de (in) sustentabilidade ambiental e sociocultural vivenciado na contemporaneidade, do reconhecimento acerca dos retrocessos enfrentados nos diversos âmbitos da sociedade, em nível global e, especialmente, no contexto brasileiro, urge a necessidade de ampliar os esforços compartilhados em torno da construção de alternativas sustentáveis e de modos de vida mais equitativos, éticos e sustentáveis. Nesse contexto, as Instituições de Ensino Superior (IES) se configuram como espaços imprescindíveis ao referido processo, em virtude da responsabilidade social que lhes compete. A Educação Ambiental constitui importante dispositivo nesse sentido, possuindo um sentido estratégico na ambientalização do currículo, do ensino e, por conseguinte, da sociedade/comunidade na qual a IES está inserida. Daí o desafio das IES no sentido de assegurar o processo de Ambientalização Curricular a partir da inserção de uma perspectiva crítica de Educação Ambiental no âmbito dos currículos dos cursos que ministram. Diante do exposto, e considerando a responsabilidade da UESB, Campus de Itapetinga/BA, no que tange à formação socioambiental dos egressos, em um contexto historicamente marcado por um modelo de desenvolvimento (in)sustentável do ponto de vista socioambiental, decorrente da monocultura da pecuária bovina extensiva e impactante e, por conseguinte, do êxodo rural e da concentração urbana; da intensidade do desmatamento, da utilização constante das queimadas, dentre outros desafios e respectivas consequências socioambientais e culturais, julgamos imprescindível o desenvolvimento da presente investigação no âmbito do curso de Licenciatura em Pedagogia desta Instituição. A pesquisa partiu de algumas questões norteadoras, tais como: Qual a visão dos/as egressos/as acerca do Meio Ambiente e da EA? Como os/as egressos/as concebem a presença da Educação Ambiental no currículo do curso de Pedagogia? Quais as atividades de Educação Ambiental vivenciadas pelos/as discentes no decorrer do curso? Qual o reflexo da experiência formativa em EA para o campo profissional do egresso? Diante dessas questões, foram definidos como Objetivo Geral: Compreender, a partir das narrativas dos/as egressos/as, o modo como a ambientalização curricular foi sendo potencializada no curso de Pedagogia da UESB e a possível contribuição desse processo formativo para o campo profissional do/a Pedagogo/a. Como Objetivos Específicos: Conhecer a percepção de Meio Ambiente e Educação Ambiental dos/as egressos/as; Compreender como os/as egressos/as concebem a presença da Educação Ambiental no currículo do curso de Pedagogia; Identificar as atividades de Educação Ambiental vivenciadas pelos discentes no decorrer do curso; Analisar o reflexo da experiência formativa em EA para o campo profissional do egresso. A pesquisa é de cunho qualitativo e caracteriza-se pelo desenvolvimento de um estudo empírico, tendo o percurso metodológico embasado na pesquisa (auto) biográfica, utilizando-se de cartas epistolares como meio de obtenção de informações. Assim, a partir da análise dos dados foi possível concluir que o curso de Pedagogia da UESB, em sua primeira década de existência, foi atravessado por um processo de ambientalização curricular, favorecido pela sinergia dos mediadores sociais que contribuíram com a história do movimento socioambiental no Município, alcançando assim o seu objetivo no sentido de contribuir par a formação socioambiental dos egressos.


  • Mostrar Abstract
  • In view of the context of environmental and sociocultural (in) sustainability experienced in contemporary times, the recognition of the setbacks faced in the various spheres of society, at a global level and, especially, in the Brazilian context, there is an urgent need to expand the shared efforts around the construction sustainable alternatives and more equitable, ethical and sustainable ways of life. In this context, Higher Education Institutions (HEIs) are essential spaces for the aforementioned process, due to their social responsibility. Environmental Education constitutes an important device in this sense, having a strategic sense in the environmentalization of the curriculum, of teaching and, therefore, of the society/community in which the HEI is inserted. Hence the challenge of HEIs in the sense of ensuring the process of Curricular Environmentalization from the insertion of a critical perspective of Environmental Education within the curricula of the courses they teach. In view of the above, and considering the responsibility of UESB, Campus de Itapetinga/BA, with regard to the socio-environmental training of graduates, in a context historically marked by a (un)sustainable development model from the socio-environmental point of view, resulting from the monoculture of extensive and impactful cattle ranching and, consequently, the rural exodus and urban concentration; the intensity of deforestation, the constant use of fires, among other challenges and their respective socio-environmental and cultural consequences, we believe that the development of this investigation is essential within the scope of the Degree in Pedagogy of this Institution. The research started from some guiding questions, such as: What is the view of the graduates about the Environment and EE? How do graduates conceive the presence of Environmental Education in the curriculum of the Pedagogy course? What are the Environmental Education activities experienced by the students during the course? What is the reflection of the training experience in EE for the professional field of the graduate? In view of these questions, the General Objective was defined: To understand, based on the narratives of the graduates, the way in which curricular environmentalization was being enhanced in the Pedagogy course at UESB and the possible contribution of this training process to the professional field of /a Pedagogue. As Specific Objectives: To know the perception of the Environment and Environmental Education of the graduates; Understand how the graduates conceive the presence of Environmental Education in the curriculum of the Pedagogy course; Identify the Environmental Education activities experienced by the students during the course; To analyze the reflection of the training experience in EE for the professional field of the graduate. The research is of a qualitative nature and is characterized by the development of an empirical study, with the methodological course based on (auto)biographical research, using epistolary letters as a means of obtaining information. Thus, from the data analysis, it was possible to conclude that the Pedagogy course at UESB, in its first decade of existence, was crossed by a process of curricular environmentalization, favored by the synergy of social mediators who contributed to the history of the socio-environmental movement in the Municipality, thus achieving its objective of contributing to the socio-environmental training of graduates.

6
  • OSNILDO ANDRADE CARVALHO
  • A noção de limite: um estudo da organização didática de um percurso formativo digital.

  • Orientador : LUIZ MARCIO SANTOS FARIAS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CHEICK OUMAR DOUMBIA
  • ELEAZAR GERARDO MADRIZ LOZADA
  • HELIO DA SILVA MESSEDER NETO
  • ITAMAR MIRANDA DA SILVA
  • LUIZ MARCIO SANTOS FARIAS
  • LYNN ROSALINA GAMA ALVES
  • RENATO BORGES GUERRA
  • Data: 29/04/2022

  • Mostrar Resumo
  • O corrente trabalho está inserido no campo da Educação Matemática, mais especificamente na área da Didática da Matemática e possui como objeto do saber as noções de limite de uma função de uma variável real. No curso de Cálculo Diferencial e Integral, as noções de limite têm sua importância, pois implicam numa melhor compreensão das ideias de outros conceitos ligados a esse objeto de estudo como, por exemplo, derivadas, integrais, convergência de séries, dentre outros. A pesquisa teve como problemática as dificuldades que os estudantes possuem na relação institucional com as noções de limites e na desarticulação entre a noção intuitiva e a definição (e, d) de limite. Além disso, normalmente, na organização didática existe uma naturalidade e automatização no processo de ensino (por parte dos professores de Matemática no nosso contexto) que, muitas das vezes, apenas sinaliza o não acerto do estudante nas tarefas propostas, deixando de promover uma reflexão e análise de tais erros ou equívocos, não evidenciando, assim, os motivos da não aprendizagem para que o estudante possa progredir nos seus estudos. Nosso objetivo é investigar como as praxeologias didáticas contribuem para o ensino das noções de limite de uma função real em ambientes virtuais de aprendizagem. Utilizamos a metodologia da praxeologia de pesquisa que, através do sistema herbartiano [S (x ; z; Q0) ➦ M] ➥ Re com o auxílio dos orientadores de estudo (z) (orientador e coorientador), nos permitiu criar um meio M formado pelas perguntas secundárias Qn, respostas secundárias Rm, obras consultadas Wn, entrevistas, questionários e experimentação Dp, produzindo uma resposta R(resposta esperada).EssaMetodologia contribuiu para nortear nossas ideias de modo que os capítulos e as seções conseguiram ser delineadas com nosso objeto de pesquisa. Como metodologia da experimentação, foi adotada a Engenharia Didática, pois, ao nosso ver, nos forneceu condições para alcançar os observáveis e atender a nossa pergunta de pesquisa, de modo que conseguimos observar e analisar as condições e restrições evidenciadas durante a trajetória da experimentação. Como resposta a nossa questão de pesquisa Q0, a saber: como as praxeologias didáticas contribuem para o ensino das noções de limite de funções reais de uma variável real em um Bacharelado em Ciências Exatas e Tecnológicas em ambientes virtuais de aprendizagens? temos que R: os elementos da avaliação formativa, ao serem incorporados, promovem uma dinâmica nos momentos didáticos de uma organização didática capaz de o sistema didático inicialmente instaurado desaparecer e o estudante adquirir autonomia ao final do processo de estudo. Entretanto, percebemos que existe um contrato didático estabelecido, em que os estudantes normalmente não retomam as atividades realizadas para compreender os feedbacks fornecidos pelo professor. E, para que o sistema didático desapareça com êxito, deve haver uma ruptura desse contrato didático, hora estabelecido, e enfrentar o fenômeno da naturalização e automatização do processo de avaliação, examinando as praxeologias construídas pelos estudantes. Destacamos como uma das contribuições, as reflexões em torno das praxeologias da avaliação, observando os possíveis erros nas técnicas dos estudantes, pois são seus esforços para chegar a uma técnica institucionalmente esperada. Novos trabalhos podem ser desenvolvidos relacionados ao fenômeno da automatização e da naturalidade do processo avaliativo dentro dos momentos didáticos, como também relacionados à praxeologia da avaliação. Ademais, no nosso entendimento, a avaliação para aprendizagem (formativa) está no coração do sistema didático que, muitas vezes, não é considerada dessa forma, sendo apenas vista na perspectiva de exames e provas para atender interesses externos como avaliações externas (normalmente com o intuito de o professor prestar contas). Apesar da avaliação está no cerne do sistema didático, esta possui uma estreita relação com todo o sistema didático ∑=S (x; y; φ), pois tem uma forte conexão entre o saber (φ), o estudante (x) e o orientador de estudo (y). Em suma, a avaliação não pode ser o coração da aprendizagem, mas o meio que o professor utiliza para avaliar as praxeologias construídas pelos estudantes, mudar a direção do ensino se necessário, não se restringindo apenas à pressão institucional por resultados.


  • Mostrar Abstract
  •   The current work is inserted in the field of Mathematics Education, more specifically in the area of Didactics of Mathematics and has as its object of knowledge the notions of limit of a function of a real variable. In the Differential and Integral Calculus course, the notions of limit are important, as they imply a better understanding of the ideas of other concepts related to this object of study, such as derivatives, integrals, convergence of series, among others. The research had as a problem the difficulties that students have in the institutional relationship with the notions of limits and in the disarticulation between the intuitive notion and the definition (e, d) of limit. In addition, normally, in the didactic organization there is a naturalness and automation in the teaching process (on the part of Mathematics teachers in our context) which, many times, only signals the student's failure to do the proposed tasks, failing to promote reflection. and analysis of such errors or mistakes, thus not showing the reasons for not learning so that the student can progress in his studies. Our objective is to investigate how didactic praxeologies contribute to the teaching of notions of limits of a real function in virtual learning environments. We used the methodology of research praxeology that, through the herbartian system [S (x ; z; Q0) ➦ M] ➥ R and with the help of the study supervisors (z) (supervisor and co-supervisor), allowed us to create a M formed by the secondary questions Qn, secondary answers Rm, consulted works Wn, interviews, questionnaires and experimentation Dp, producing an answer R (expected answer). This Methodology contributed to guide our ideas so that the chapters and sections were able to be delineated with our research object. As a methodology for experimentation, Didactic Engineering was adopted, because, in our view, it provided us with conditions to reach the observables and answer our research question, so that we were able to observe and analyze the conditions and restrictions evidenced during the trajectory of experimentation. As an answer to our research question Q0, namely: how do didactic praxeologies contribute to the teaching of notions of limits of real functions of a real variable in a Bachelor's Degree in Exact and Technological Sciences in virtual learning environments? we have to R: the elements of formative assessment, when incorporated, promote a dynamic in the didactic moments of a didactic organization capable of the didactic system initially established disappearing and the student acquiring autonomy at the end of the study process. However, we noticed that there is a didactic contract established, in which students usually do not resume the activities carried out to understand the feedback provided by the teacher. And, for the didactic system to disappear successfully, there must be a rupture of this didactic contract, established time, and face the phenomenon of naturalization and automation of the evaluation process, examining the praxeologies constructed by the students. We highlight as one of the contributions, the reflections around the praxeologies of evaluation, observing the possible errors in the students' techniques, as they are their efforts to arrive at an institutionally expected technique. New works can be developed related to the phenomenon of automation and the naturalness of the evaluation process within the didactic moments, as well as related to the praxeology of evaluation. Furthermore, in our understanding, assessment for (formative) learning is at the heart of the didactic system, which is often not considered in this way, being only seen from the perspective of exams and tests to meet external interests such as external assessments (usually with the in order for the teacher to be accountable). Although assessment is at the heart of the didactic system, it has a close relationship with the entire didactic system ∑=S (x; y; φ), as it has a strong connection between knowledge (φ), the student (x) and the study advisor (y). In short, assessment cannot be the heart of learning, but the means that the teacher uses to evaluate the praxeologies constructed by the students, changing the direction of teaching if necessary, not being restricted only to the institutional pressure for results. 

7
  • SILVIA CARLA CERQUEIRA PORTO
  • AS ESTRATÉGIAS DOS ESTUDANTES PARA O CÁLCULO DA

    GRAVIDADE EM ATIVIDADES TRADICIONAIS E INVESTIGATIVAS

    REALIZADAS EM AMBIENTE MATERIAL E VIRTUAL

  • Orientador : AMANDA AMANTES NEIVA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • AMANDA AMANTES NEIVA
  • ELDER SALES TEIXEIRA
  • ELRISMAR AUXILIADORA GOMES OLIVEIRA
  • GEIDE ROSA COELHO
  • KATEMARI DIOGO DA ROSA
  • Data: 05/05/2022

  • Mostrar Resumo
  • Essa tese apresenta uma investigação sobre as estratégias utilizadas pelos estudantes para resolver uma prática experimental sobre conteúdos formais (Pêndulo Simples), quando apresentada de natureza tradicional (tarefas) e investigativa (desafios) em dois ambientes distintos: material e virtual. O método de análise utilizado foi fundamentalmente misto (qualitativos e quantitativos), pautados em análise exploratória, testes estatísticos, bem como na classificação das estratégias a partir de um sistema categórico de habilidades e da Taxonomia SOLO. Tivemos a participação de cerca de 341 estudantes de 12 turmas do Ensino Médio Integrado de uma escola pública federal, em dois campus. A tese é em formato multipaper e contêm quatro artigos. O primeiro artigo tem como objetivo investigar quais foram as estratégias utilizadas pelos estudantes ao realizarem a prática experimental, quando apresentada de natureza tradicional e investigativa. Os resultados mostraram que habilidades de duas naturezas foram mobilizadas pelos estudantes no momento de resolução da tarefa/desafio: procedimental e interpretativa. Para a habilidade procedimental identificamos cinco tipos específicos de categorias, inferidas a partir das respostas dos estudantes: habilidade em executar medidas(EXM); habilidade em fazer cálculo de média(FCM); habilidade em resolver equações matemáticas(EQM); habilidade em aplicar regras matemáticas(ARM) e a categoria própria da atividade investigativa habilidade em propor a solução do problema(PSP). para a interpretativa identificamos a categoria habilidade de verificar(examinar) a validade da resposta encontrada (VRE). Os resultados apontam que a habilidade procedimental para a amostra geral de respondentes é significativamente diferente da habilidade interpretativa, sendo maior essa última. Quando realizamos a análise de acordo com a natureza da atividade respondida, identificamos que a atividade tradicional demandou habilidades do tipo procedimental e interpretativa de maneira equilibrada. Já a atividade investigativa demandou mais a mobilização das habilidades procedimentais EQM e EXM e a habilidade interpretativa VRE. Testes estatísticos mostraram que existem diferenças significativas entre as habilidades mobilizadas pela atividade tradicional e a atividade investigativa. O segundo artigo teve como objetivo investigar quais as estratégias utilizadas pelos estudantes ao realizarem a prática experimental, quando apresentada de natureza tradicional e investigativa em dois ambientes distintos: material/virtual. Dessa forma fizemos a comparação geral em relação ao ambiente em que a atividade foi realizada. Testes estatísticos mostraram que o ambiente material mobilizou mais habilidades associadas ao momento em que o estudante coloca seu conhecimento em ação para realizar a parte procedimental, e o ambiente virtual mobilizou mais a habilidade de natureza interpretativa. Quando analisamos se o fator ambiente (material/virtual), atuou de maneira diferente no momento em que foram aplicadas as atividades tradicional e investigativa, verificamos que: tanto o ambiente material como o virtual promoveram a mobilização de habilidades específicas de maneira diferenciada quando foi aplicada a atividade investigativa; quando foi aplicada a atividade tradicional apenas o ambiente material promoveu a mobilização de habilidades específicas. O terceiro artigo investigou o grau de profundidades em que as habilidades do tipo procedimental e interpretativa se apresentaram inferidas nas respostas à tarefa/desafio. Construímos uma ferramenta metodológica para investigarmos aspectos do emprego de diferentes habilidades, nos seus distintos níveis de complexidade em atividades de natureza experimental mas com características distintas, tanto em termos de abordagem como em termos de ambiente de aplicação. Verificamos que ao aplicarmos as atividades tradicionais e investigativas nos ambientes de ensino material e virtual houve a explicitação de habilidades de planejamento, execução e avaliação para ambos os ambientes em diferentes graus de profundidade a depender de sua natureza. Quando levamos em consideração o aspecto ambiente e natureza da atividade utilizada, verificamos que a habilidade procedimental associada ao uso da ferramenta matemática foi a que apresentou maior nível de complexidade. O quarto artigo teve como objetivo investigar a existência de possíveis preditores de aprendizagem que podem exercer influência no momento em que os estudantes utilizam as estratégias de aprendizagem para resolver a atividade tradicional/investigativa no ambiente de ensino material/virtual. Através de uma análise exploratória verificamos que três preditores atuaram: gênero, curso e instituição. Ao consideramos a natureza da atividade e o tipo de ambiente de ensino em que a prática experimental foi realizada, verificamos que a influência dos preditores se deu em habilidades específicas a depender da natureza da atividade resolvida e do tipo de intervenção aplicada.


  • Mostrar Abstract
  • This thesis presents an investigation about the strategies used by students to solve an experimental practice on formal content (Simple Pendulum), when presented in a traditional (tasks) and investigative (challenges) nature in two distinct environments: material and virtual. The analysis method used was fundamentally mixed (qualitative and quantitative), based on exploratory analysis, statistical tests, as well as the classification of strategies from a categorical system of skills and SOLO Taxonomy. We had the participation of about 341 students from 12 integrated high school classes of a federal public school, on two campuses. The thesis is in multipaper format and contains four articles. The first article aims to investigate which strategies were used by students when performing the experimental practice, when presented in a traditional and investigative nature. The results showed that skills of two natures were mobilized by the students at the time of task/challenge resolution: procedural and interpretative.For the procedural ability we identified five specific types of categories, inferred from the students' answers: ability to execute measures (EXM); ability to do average calculation (FCM); ability to solve mathematical equations (EQM); ability to apply mathematical rules (ARM) and the category of investigative activity ability to propose a solution to the problem (PSP). For the interpretive, we identified the category ability to verify (examine) the validity of the answer found (VRE). The results indicate that the procedural ability for the general sample of respondents is significantly different from the interpretive ability, however, the last one is more considered. When we performed the analysis according to the nature of the activity answered, we identified that the traditional activity required procedural and interpretive skills in a balanced way. On the other hand, the investigative activity required more the mobilization of the procedural skills EQM and EXM and the interpretive ability VRE. Statistical tests showed that there are significant differences between the skills mobilized by traditional activity and investigative activity. The second article aimed to investigate which strategies the students used when performing the experimental practice, when presented in a traditional and investigative nature in two different environments: material/virtual. Thus, we made the general comparison in relation to the environment in which the activity was carried out. Statistical tests showed that the material environment mobilized more skills associated with the moment when the student puts his knowledge into action to perform the procedural part, and the virtual environment mobilized more the skill of interpretive nature. When we analyzed whether the environmental factor (material/virtual) acted differently at the time when traditional and investigative activities were applied, we found that: both the material and virtual environments promoted the mobilization of specific skills differently when the investigative activity was applied; when the traditional activity was applied only the material environment promoted the mobilization of specific skills. The third article investigated the degree of depths in which procedural and interpretative skills were inferred in the responses to the task/challenge. We have built a methodological tool to investigate aspects of the use of different skills, in its different levels of complexity in experimental activities, but with distinct characteristics, both in terms of approach and in terms of application environment. We verified that when applying traditional and investigative activities in material and virtual teaching environments there was the explicitness of planning, execution and evaluation skills for both environments in different degrees of depth depending on their nature. When we took into account the environmental aspect and nature of the activity used, we verified that the procedural ability associated with the use of the mathematical tool was the one with the highest level of complexity. The fourth article aimed to investigate the existence of possible predictors of learning that can influence the moment when students use learning strategies to solve traditional/investigative activity in the material/virtual teaching environment. Through an exploratory analysis we verified that three predictors acted: gender, course and institution. When we considered the nature of the activity and the type of teaching environment in which the experimental practice was performed, we verified that the influence of the predictors occurred on specific skills depending on the nature of the activity solved and the type of intervention applied.

8
  • JOSENAIDE ALVES DA SILVA
  •  

    TRABALHO COLABORATIVO COM FUTUROS PROFESSORES: UMA ABORDAGEM COMUNICATIVA DIALÓGICA NAS AULAS DE CIÊNCIAS COM BASE NA INTERCULTURALIDADE  

  • Orientador : GEILSA COSTA SANTOS BAPTISTA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • FABIO PESSOA VIEIRA
  • FÁBIO JOSUÉ SOUZA DOS SANTOS
  • GEILSA COSTA SANTOS BAPTISTA
  • NADENKA BEATRIZ MELO BRITO
  • RAFAEL MOREIRA SIQUEIRA
  • Data: 19/05/2022

  • Mostrar Resumo
  • A presente tese trata de uma pesquisa qualitativa que objetivou analisar um trabalho colaborativo por meio da adaptação e aplicação de uma sequência didática para o desenvolvimento da abordagem comunicativa dialógica no ensino de ciências com base na interculturalidade. Participaram dois estudantes do quarto semestre do curso Licenciatura de Ciências Agrárias, do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Baiano (IF Baiano), campus Senhor do Bonfim-BA. A investigação pautou no paradigma sócio-interacionista e no Estudo de caso, em que foi possível utilizar áudios gravações, diário de campo, bem como a entrevista semiestruturada para coletar os dados investigados. As análises das informações se deram por meio da Análise de Conteúdo e das Categorias de Abordagem Comunicativa propostas por Mortimer e Scott (2020). Os resultados iniciais indicam que os futuros professores apresentavam conhecimentos superficiais sobre o trabalho colaborativo, indicando o cientificismo em uma abordagem comunicativa de autoridade. Após a formação obtida através de um trabalho colaborativo, foi possível identificar que esse modo de trabalhar possibilita uma abordagem comunicativa dialógica, a qual considera os contextos culturais dos estudantes por meio de seus saberes prévios e a cultura científica a partir do conteúdo curricular, lhes preparando para atuar na Educação científica que tenha por meta a interculturalidade. É perceptível que esses sujeitos estabeleceram uma comunicação dialógica com os estudantes nas aulas de ciências, com a finalidade de possibilitar um ensino com sentidos contextuais. Acredita-se que esta produção contribui para o desenvolvimento de novos estudos e a formação inicial docente. Particularmente, para a reflexão sobre e na ação pedagógica de cada realidade escolar e sujeitos e, por conseguinte, para práticas de ciências envolvendo diálogos.


  • Mostrar Abstract
  • This thesis approaches qualitative research that aimed to analyse a collaborative work through the adaptation and application of a didactical sequence to the development of a communicative dialogic approach in science teaching based on interculturality. Two students of fourth semester participated from the undergraduate program of agrarian sciences of the Bahian Federal Institute of Education, Science and Technology (IF Baiano), campus Senhor do Bonfim-BA. The research was developed on the socio-interactionist paradigm and the case study, in which was possible use voice recordings, field notebook, as well as semi structured interview to the data collect. Analysis was developed by content analysis and using the communicative approach categories proposed by Mortimer and Scott (2020). The partial results shows that future teachers presented superficial knowledge about collaborative work, pointing out the scientifist science by an authoritative communicative approach. After the formation through collaborative work, it was possible to identify that these work manners allow a communicative dialogic approach which consider cultural contexts of the students by means of their previous knowledge and scientific culture since the curricular content, preparing them to act into the scientific education that has for goal the interculturality. It is perceptible that those subjects established a dialogic communication with their students into the science classrooms, with the objective of allow a teaching with contextual senses. We believe that this production contributes to novel studies and the pre-service teacher training. Particularly, the reflection about-and-in pedagogical action of each scholar and student reality, then, to science practices involving dialogue.     

9
  • DANIELLE FELIX SANTOS
  • EDUCAÇÃO AMBIENTAL CRÍTICA E PEDAGOGIA HISTÓRICO-CRÍTICA NO ENSINO DE QUÍMICA: POSSIBILIDADES E LIMITES NO ENSINO MÉDIO

  • Orientador : BARBARA CARINE SOARES PINHEIRO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • BARBARA CARINE SOARES PINHEIRO
  • EDILSON FORTUNA DE MORADILLO
  • MAYARA SOARES DE MELO
  • ADRIANA APARECIDA SOUZA VALE
  • MAGNO DA CONCEIÇÃO PENELUC
  • Data: 13/07/2022

  • Mostrar Resumo
  • A presente pesquisa buscou investigar como os estudantes desenvolvem uma consciência ambiental crítica e transformadora, utilizando a Pedagogia Histórico-Crítica como base teórica e indicando as possibilidades e as limitações de trabalhar essa teoria pedagógica no ensino médio. O desenvolvimento desse estudo seguiu o paradigma direcionador da Teoria Marxista que fornece o aporte para a Pedagogia Histórico-Crítica (PHC), baseada no Materialismo Histórico-Dialético, que se inspira na concepção dialética e na crítica a sociedade capitalista. Para alcançar esse objetivo foi aplicada uma intervenção didática com o tema Cinética Química e o Lixo em uma turma de 16 estudantes do 3º ano do curso técnico em Biocombustíveis integrado ao ensino médio do IFBA. Os dados foram obtidos através dos procedimentos de observação, produção de documentos, gravação das aulas, transcrição dos áudios, seguido da análise documental. A intervenção didática foi delineada seguindo os cinco momentos propostos pela PHC, iniciando a  prática social com o tema do lixo, buscou-se identificar qual era o entendimento dos (as) estudantes acerca dos problemas sociais e ambientais, como eles compreendiam o sistema atual de consumo de produtos e descarte do lixo, para em seguida, trabalhar com textos, problematizar e discutir sobre o tema. Durante a instrumentalização trabalhamos com o conteúdo de Cinética Química e fizemos uma visita ao lixão da cidade de Porto Seguro. Foi perceptível a mudança de olhar dos (as) estudantes após esse momento, pela forma como compreenderam a dimensão do problema e pela decisão coletiva de estudar as leis que regem a política de resíduos sólidos e de produzir um documentário sobre os subempregos gerados a partir do lixão de Porto Seguro - BA.  Diante dos resultados obtidos, podemos compreender que os (as) estudante, em sua maioria, conseguiram apropriar-se dos conteúdos propostos e caminharam para a finalidade a que se destina esse processo educativo dentro da perspectiva crítica, que é a de emancipação, que visa a transformação de nosso modo de vida, a liberdade para conhecer e gerar cultura tornando-os autônomos em nossas escolhas. Também ficou evidente que o ambiente educativo propício para o desenvolvimento de uma educação ambiental em seu caráter crítico não se basta dentro dos muros de uma escola. Assim, trazer a realidade de fora da escola para dentro é o pressuposto de uma abordagem que tem como meta contribuir para a construção do conhecimento integrado ao mundo em que vivemos. Esta pesquisa também mostrou que o tempo para aplicação da proposta, pode ser um fator limitante e apontou para necessidade de repensar sobre o currículo no sentido de problematizar o que realmente deve ser ensinado na escola e sobre quais são os conteúdos prioritários. Dentre as possibilidades, esse estudo indicou sobre trabalhar no campo da interdisciplinaridade, tendo em vista, a complexidade da questão ambiental, o seu caráter crítico, político, contínuo e permanente, e para tanto, apontamos para a necessidade de investir em cursos de formação de professores em Educação Ambiental Crítica.


  • Mostrar Abstract
  • The present research sought to investigate how students develop a critical and transformative environmental awareness, using Historical-Critical Pedagogy as a theoretical basis and indicating the possibilities and limitations of working this pedagogical theory in high school. The development of this study followed the guiding paradigm of Marxist Theory that provides the contribution to Historical-Critical Pedagogy (PHC), based on Historical-Dialectical Materialism, which is inspired by the dialectical conception and criticism of capitalist society. To achieve this objective, a didactic intervention was applied with the theme Chemical Kinetics and Garbage in a class of 16 students from the 3rd year of the technical course in Biofuels integrated into the IFBA high school. Data were obtained through observation procedures, production of documents, recording of classes, transcription of audios, followed by document analysis. The didactic intervention was designed following the five moments proposed by the PHC, starting the social practice with the theme of garbage, it was sought to identify what was the understanding of the students about social and environmental problems, how they understood the current system of consumption of products and disposal of garbage, to then work with texts, problematize and discuss the theme. During the instrumentation, we worked with the Chemical Kinetics content and made a visit to the landfill in the city of Porto Seguro. It was noticeable the change of view of the students after that moment, by the way they understood the dimension of the problem and by the collective decision to study the laws that govern the solid waste policy and to produce a documentary about the underemployment generated from the landfill in Porto Seguro - BA. In view of the results obtained, we can understand that the students, for the most part, managed to appropriate the proposed theoretical and practical contents and walked towards the purpose for which this educational process is intended within the critical perspective, which is that of emancipation, which it aims at transforming our way of life, the freedom to know and generate culture, making them autonomous in our choices. It was also evident that the educational environment conducive to the development of an environmental education in its critical character is not enough within the walls of a school and that bringing reality from outside the school to the inside is the presupposition of an approach that aims to contribute for the construction of knowledge integrated to the world in which we live. This research also showed that the time for application of the proposal can be a limiting factor and pointed to the need to rethink about the curriculum in order to problematize what really should be taught at school and what are the priority contents. Among the possibilities, this study indicated about working in the field of interdisciplinarity, in view of the complexity of the environmental issue, its critical, political, continuous and permanent character, and for that, we point to the need to invest in training courses for teachers in Critical Environmental Education.

10
  • CLAUDIANE LIMA
  • A SISTEMATIZAÇÃO DOS CONCEITOS ÁCIDO-BASE E SUAS IMPLICAÇÕES PARA O PROCESSO DE ENSINO-APRENDIZAGEM EM QUÍMICA

  • Orientador : EDILSON FORTUNA DE MORADILLO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • EDILSON FORTUNA DE MORADILLO
  • JOSE LUIS DE PAULA BARROS SILVA
  • JOSE VIEIRA DO NASCIMENTO JUNIOR
  • MARIA BERNADETE DE MELO CUNHA
  • MARICLEIDE PEREIRA DE LIMA MENDES
  • Data: 04/08/2022

  • Mostrar Resumo
  • O objetivo geral deste trabalho é contribuir para o processo de ensino-aprendizagem dos conceitos ácido-base a partir de uma proposta de sistematização desses conceitos, de forma a minimizar possíveis confusões que podem ocorrer em torno deles. Considerou-se como as principais confusões teórica-conceituais: (1) Ácido, base, sal e óxido: funções da química inorgânica?; (2) Regras desarticuladas de classificação; (3) Desarticulação entre as teorias ácido-base ou ausência de teoria ácido-base; (4) Reação química generalizada: ácido + base → sal + água; e por fim, (5) Falta de contextualização. Nessa tese, busco argumentar que as confusões aqui identificadas não são apenas problemas que foram identificados a partir dos trabalhos investigados; trata-se de um problema histórico, ou seja, os conceitos ácido-base atravessam a história de maneira que sua compreensão se confunde com a própria origem da Química. Acredito, que talvez o maior problema seja a dogmatização do conhecimento científico, ou seja, os conceitos ácido-base são, de certo modo, transferidos sem a apresentação de suas origens, sem o seu desenvolvimento – em resumo, sem a sua construção ou elaboração e de forma confusa. A compreensão para o processo de ensino-aprendizagem dos conceitos ácido-base contribui para a sistematização da Química, uma vez que eles se relacionam e influenciam outros conceitos conforme sustenta a História da Química, o foco da sistematização do pensamento químico. Considerou-se que sistematizar envolve organizar um conceito em relação a outro, ou seja, por natureza, um conceito pressupõe a existência de um determinado sistema de conceitos. Esta pesquisa utiliza o método teórico-reflexivo. Nesse sentido, destacou-se que a educação escolar tem um papel crucial na apropriação do conhecimento sistematizado: possibilitar a socialização e apropriação do saber sistemático relevante produzido pela Química.


  • Mostrar Abstract
  • The general objective of this work is to contribute to the teaching-learning process of the acid-base concepts from a proposal of systematization of these concepts, in order to minimize possible confusions that may occur around them. The main theoreticalconceptual confusions were: (1) Acid, base, salt, and oxide: functions of inorganic chemistry?; (2) Disjointed classification rules; (3) Disjointness between acid-base theories or absence of acid-base theory; (4) Generalized chemical reaction: acid + base → salt + water; and finally, (5) Lack of contextualization. In this thesis, I seek to argue that the confusions identified here are not just problems that were identified from the papers investigated; it is a historical problem, that is, the acid-base concepts go through history in such a way that their understanding is confused with the very origin of Chemistry. I believe that perhaps the biggest problem is the dogmatization of scientific knowledge, that is, the acid-base concepts are, in a way, transferred without the presentation of their origins, without their development - in short, without their construction or elaboration and in a confusing manner. The understanding for the teaching-learning process of acid-base concepts contributes to the systematization of chemistry, since they relate to and influence other concepts as supported by the History of Chemistry, the focus of the systematization of chemical thought. It was considered that systematizing involves organizing one concept in relation to another, that is, by nature, a concept presupposes the existence of a certain system of concepts. This research uses the reflective-theoretical method. In this sense, it was emphasized that school education has a crucial role in the appropriation of systematized knowledge: to enable the socialization and appropriation of relevant systematic knowledge produced by chemistry.

11
  • JOHN ERLITON SIMAO DOS SANTOS
  • HISTÓRIAS DE VIDA: EXPERIÊNCIAS, MEMÓRIA E VOZ DE TRÊS PROFESSORAS, PIONEIRAS NO CURSO DE BIOLOGIA DA UEFS.

  • Orientador : JUAN MANUEL SANCHEZ ARTEAGA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CLAUDIA DE ALENCAR SERRA E SEPULVEDA
  • INDIANARA LIMA SILVA
  • IOLE MACEDO VANIN
  • JUAN MANUEL SANCHEZ ARTEAGA
  • KATEMARI DIOGO DA ROSA
  • MARCO ANTONIO LEANDRO BARZANO
  • MURILENA PINHEIRO DE ALMEIDA
  • Data: 07/10/2022

  • Mostrar Resumo
  • Esta tese parte das inquietações diante da longa trajetória de dominação do espaço científico pelo homem, branco, cisgênero, heterossexual e as consequências acometidas, ainda hoje, por este processo, como a presença majoritária da figura masculina na História da Ciência, tanto como narradores, quanto personagens das histórias narradas. E nesse sentido, se constitui da necessidade de fortalecer narrativas de grupos que foram historicamente silenciados e desautorizados, no sentido epistêmico, como as mulheres. O trabalho se constitui na elaboração de documentos textuais, que revelam a trajetória, nas Ciências Biológicas, de três professoras pioneiras do Curso de Biologia da Universidade Estadual de Feira de Santana- UEFS. Corroborando com a rede de divulgação e visibilidade das histórias de mulheres na Ciência, através de narrativas relacionadas com o ato de partilhar mecanismos de resistência e colocar em evidência seus legados, lutas e enfretamentos ao sexismo, que tende a ser invisibilizados ao longo do processo histórico do curso e da universidade. Portanto, foram construídos textos, a partir de informações coletadas durante as entrevistas, que apresentam informações sobre a inserção das professoras na Biologia e suas contribuições na produção intelectual, assim como na administração de diversos setores da UEFS, desde seu nascedouro, tendo como suporte teórico/metodológico a História Oral e os procedimentos propostos por Meihy (2005) e Meihy e Holanda (2011). Após a construção dos documentos textuais, foi produzida a segunda parte da tese, onde busquei nas narrativas das professoras as características comuns e o conjunto de questões uniformes que atravessam suas histórias, por meio de uma análise coletiva de suas vidas, tendo como suporte metodológico a Prosopografia Sociológica ou Biografia Coletiva inspirado em (STONE, 2011). Com isso, foi colocado em discussão os imperativos que as motivaram e as conduziram para a biologia, assim como o contexto da formação acadêmica e a trajetória de pioneirismo no curso de biologia da UEFS. Para a interpretação e análise das histórias, me apoio em (MELO, 2009) que indica o olhar para as narrativas das professoras pensando também nas possíveis ferramentas de poder, implícitas em suas falas, que as moldam e apoiam seus discursos.  Por esse caminho, é posto em discussão os enfrentamentos de gênero vivenciados pelas três educadoras, em diálogo com a literatura que favorece a análises de estruturas históricas que ainda perpassam a vida das mulheres na Ciência, como naturalizações das relações hierárquicas masculinas.


     


  • Mostrar Abstract
  • This work is based upon concerns over the long trajectory of the scientific space prevalence of men, white, cisgender, heterosexual, and the currently affected consequences by this process such as the majoritary presence of male figure in Sicence History,  as much narrators as narrative characters. Consequently, it is essential to strength statements of groups historically silencied and unaccredited, in an epistemic sense, like women. This thesis is a textual document preparation, that reveal the trajectory, in Biological Sciences, of three pioneer professors of the Biology degree at Universidade Estadual de Feira de Santana – UEFS. Ratifying the dissemination and visibility network of women's stories in Science, through related narratives of sharing tolerance mechanisms actions and putting in evidence the legacy, struggle and coping with sexism, that were unattanable throughout the historical process of both the degree and university. Therefore, contents were constructed from data collected during interviews, which presented knowledge about the introduction of professors in Biology and their contribution to intellectual property as well as to several administration sectors at UEFS, since its establishment, being the proposed procedures by Meihy (2005) and Meihy e Holanda (2011) the theoretical and methodological support. After the construction of the textual documents, the second part of the thesis was produced, where I sought in the teachers' narratives the common characteristics and the set of uniform questions that cross their stories, through a collective analysis of their lives, having as methodological support the Sociological Prosopography or Collective Biography inspired by (STONE, 2011). With this, the imperatives that motivated and led them to biology were discussed, as well as the context of academic training and the pioneering trajectory in the biology course at UEFS. For the interpretation and analysis of the stories, I relied on (MELO, 2009) who indicates the look at the teachers' narratives, also thinking about the possible tools of power, implicit in their speeches, which shaped and supported their speeches. In this way, the gender confrontations experienced by the three educators are discussed, in dialogue with the literature, which favors the analysis of historical structures that still permeate the lives of women in science, as naturalizations of male hierarchical relationships

12
  • ÍTALO NASCIMENTO DE CARVALHO
  • CONTRIBUIÇÕES DAS TEORIAS DE ORGANISMOS PARA O CURRÍCULO DE BIOLOGIA DO ENSINO MÉDIO

  • Orientador : NEI DE FREITAS NUNES NETO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CHARBEL NINO EL HANI
  • CLAUDIO RICARDO MARTINS DOS REIS
  • DALIA MELISSA CONRADO
  • DANIELA LOPES SCARPA
  • GUSTAVO RODRIGUES ROCHA
  • NEI DE FREITAS NUNES NETO
  • Data: 27/10/2022

  • Mostrar Resumo
  • A presente tese tem por objetivo derivar implicações das teorias do organismo para o currículo de Biologia do ensino médio. Estruturada no formato multipaper, ela é composta por dois artigos. O primeiro artigo é intitulado “Como tratar do organismo no ensino médio de biologia: implicações para o currículo” e se insere num esforço mais amplo de estabelecer critérios para seleção de conteúdos conceituais para o currículo de Biologia. Nele, mostramos como os currículos atuais tratam os organismos de forma fragmentada, enfatizando as diferenças entre os grupos filogenéticos e trazendo um grande número de conceitos muito específicos. Argumentamos que, se queremos um ensino interdisciplinar de Biologia que não a reduza à Química e à Física e que permita uma compreensão integrada dos organismos e do que todos eles têm em comum, devemos buscar nas teorias do organismo recursos para reformular os currículos. Analisamos então a teoria geral do organismo proposta por Zamer e Scheiner e a teoria do grupo ORGANISM, identificando os conceitos estruturantes destas teorias, e propomos com base neles quatro objetivos de aprendizagem que podem servir de base para estruturar parcialmente o currículo de Biologia em torno do conceito de organismo. O segundo artigo, intitulado “A Teoria da Autonomia e a descontinuidade conceitual entre sistemas e linhagens: uma primeira aproximação” é uma contribuição original à Teoria da Autonomia (integrante do esforço do grupo ORGANISM) no âmbito da filosofia da biologia. Analisamos aspectos da teoria do ponto de vista da descontinuidade conceitual entre a Biologia de sistemas e a Biologia de linhagens apontada por Caponi. Mostramos como a descontinuidade traz problemas à concepção de variação adotada pela teoria e como o tratamento unificado das funções intrageracionais e das funções intergeracionais significa tratar das funções (e, por extensão, das restrições) como classes. Neste segundo caso, o status ontológico da organização como regime causal não redutível às partes de um sistema ficaria ameaçado. Sendo um trabalho de filosofia da Biologia, a contribuição para o ensino se dá de maneira indireta ao contribuir para tornar a Teoria da Autonomia mais robusta, além de esclarecer alguns de seus fundamentos e conceitos principais, o que contribui para que ela seja didaticamente transposta.


  • Mostrar Abstract
  • The aim of this thesis is deriving implications from theories of organism to high school Biology curriculum. It is a multipaper work composed by two papers. The first one, whose title is “How to treat the organism in high school Biology: implications for curriculum”, is part of an bigger effort to establish criteria for selection of conceptual contents for Biology curriculum. In this paper, we show how current curricula give organisms a fragmentary approach, emphasizing the diferences among phylogenetic groups and listing a big number of very specific concepts. We argue that, if we want a interdisciplinar Biology teaching that does not reduces it to Chemistry and
    Physics and allows students tow understand organisms as integrated wholes, as well as what they all have in common, we should tap into the theories of organisms for resources to reformulate curricula. We then analyse the general theory of organism proposed by Zamer and Scheiner and the theory proposed by the ORGANISM group, identifying the structuring concepts of the theories. Based on them, we propose four learning aims that can be the foundation for a partial organization of Biology curriculum around the concept of organism. The second paper, titled “The Theory of Autonomy and the conceptual discontinuity between systems and lineages: a first approach”, is an original contribution to the Theory of Autonomy (part of the effort of the ORGANISM group) inthe context of philosophy of Biology. We analysed some aspects of the theory in light of the conceptual discontinuity between system Biology and lineage Biology set by Caponi. We show how the discontinuity poses problems to the concept of variation adopted by the theory and how the unified treatment of cross-generation and intra-generation functions means considering functions (and, in extension, constraints) as classes. In this second matter, the ontological status of organization as a causal regimen non-reducible to the parts of the system would be questioned. Being this paper a work in philosophy of Biology, its contribution to Biology teaching is collateral by contributing to turn the Theory of Autonomy more robust and by making some of its foundations and concepts more clear, what contributes to its didatic transposition.

13
  • THIAGO LEANDRO DA SILVA DIAS
  • ENSINO DE EVOLUÇÃO HUMANA, QUESTÕES SOCIOCIENTÍFICAS
    E EDUCAÇÃO ANTIRRACISTA:
    INVESTIGANDO PRINCÍPIOS E
    PROTÓTIPOS EDUCACIONAIS

  • Orientador : JUAN MANUEL SANCHEZ ARTEAGA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • BARBARA CARINE SOARES PINHEIRO
  • CLAUDIA DE ALENCAR SERRA E SEPULVEDA
  • DOUGLAS VERRANGIA
  • JUAN MANUEL SANCHEZ ARTEAGA
  • LIA MIDORI MEYER NASCIMENTO
  • MARCO ANTONIO LEANDRO BARZANO
  • Data: 01/12/2022

  • Mostrar Resumo
  • Considerando a demanda social inscrita em termos legais para implementação de ações
    educativas de combate ao racismo em todo currículo escolar, os problemas e controvérsias
    relacionadas ao ensino de evolução humana e da sua vinculação às relações étnico-raciais
    históricas e contemporâneas, assim como os impactos decorrentes no ensino e aprendizagem
    de conteúdos biológicos e socialmente relevantes, buscamos com este trabalho investigar a
    formulação de práticas educativas voltadas para as relações étnico-raciais no ensino de
    evolução biológica humana. A partir da Pesquisa em Design Educacional como quadro
    teórico e metodológico e com base nos pressupostos da educação antirracista, na abordagem
    histórica do pensamento evolutivo no ensino de ciência e no uso de questões sociocientíficas
    (QSC), este estudo objetiva investigar princípios de design de uma Sequência Didática (SD)
    sobre origem e evolução humana concebida com o propósito de promover educação das
    relações étnico-raciais por meio do uso de QSC no contexto do Ensino Médio de Biologia.
    Destarte, objetivamos (1) analisar abordagens de evolução humana propostas para o Ensino
    Médio - e as possíveis vinculações com a educação das relações étnico-raciais - por meio de
    uma revisão sistemática das experiências didáticas relatadas nas dissertações e teses
    publicadas nacionalmente; (2) investigar os saberes docentes emersos de uma experiência
    colaborativa de ensino-aprendizagem sobre evolução humana como fonte para interlocuções
    com a educação das relações étnico-raciais no planejamento de inovações educacionais; (3)
    elaborar um quadro teórico e a sistematização de princípios de design usados como
    fundamentos para a construção de uma SD e dos seus materiais educativos de apoio; (4)
    analisar as potencialidades e limites dos princípios de design testados empiricamente a partir
    da investigação de dois protótipos em salas de aula; e (5) elaborar um material curricular
    educativo (MCE) a partir do uso de QSC conducentes à ação sociopolítica antirracista no
    ensino de evolução humana. Cada objetivo específico orienta, respectivamente, a construção
    de um dos capítulos dessa tese que apresenta-se em formato de coleção de artigos
    (multipaper), os quais dialogam entre si desde a pergunta, fundamento e modalidade da
    pesquisa. Com foco na fase preliminar da Pesquisa em Design, procedemos a análise do
    contexto e das necessidades, o desenvolvimento de um quadro conceitual baseado na
    literatura e nos saberes docente, tendo como produto a sistematização de quatro princípios de
    design. Desenvolvemos também a fase de prototipagem que contemplou o desenho da
    intervenção didática e a investigação de dois princípios de design testados empiricamente no
    contexto real de sala de aula do Ensino Médio. Em função da pesquisa ter sido atravessada
    pela pandemia de covid-19, investigamos dois protótipos da SD nos contextos de ensino
    remoto/híbrido e presencial, em turmas de terceiro ano do Centro Territorial de Educação
    Profissional da Bacia do Jacuípe II (Riachão do Jacuípe, Bahia). Com base nos resultados
    empíricos que subsidiaram a validação de dois princípios de design, propomos um MCE e um
    conjunto de QSC para o Ensino de Evolução Humana. Esperançamos que a nossa pesquisa
    contribua para o alicerce de inovações educacionais que consigam articular objetivos para
    educação das relações étnico-raciais com conteúdos específicos de evolução humana,
    modalidades e estratégias pedagógicas próprias de uma educação científica contextualizada,
    problematizadora e antirracista.


  • Mostrar Abstract
  • Considering the social demand registered in legal terms for the implementation of educational
    actions to combat racism throughout the school curriculum, the problems and controversies
    related to the teaching of human evolution and its link to historical and contemporary ethnicracial relations, as well as the resulting impacts in the teaching and learning of biological and
    socially relevant content, with this work we seek to investigate the formulation of educational
    practices focused on ethnic-racial relations in the teaching of human biological evolution.
    Based on Educational Design Research as a theoretical and methodological framework and
    based on the assumptions of anti-racist education, on the historical approach of evolutionary
    thinking in science teaching and on the use of socio-scientific issues (QSC), this study aims to
    investigate design principles of a Didactic Sequence (SD) on human origin and evolution
    conceived with the purpose of promoting education of ethnic-racial relations through the use
    of QSC in the context of Biology High School. Thus, we aim to (1) analyze Human Evolution
    approaches proposed for High School - and the possible links with the education of ethnicracial relations - through a systematic review of the didactic experiences reported in nationally
    published dissertations and theses; (2) investigate the teaching knowledge emerged from a
    collaborative teaching-learning experience on human evolution as sources for dialogues with
    the education of ethnic-racial relations in the planning of educational innovations; (3) develop
    a theoretical framework and systematization of design principles used as foundations for the
    construction of an SD and its supporting educational materials; (4) analyze the strengths and
    limits of empirically tested design principles from the investigation of two prototypes in
    classrooms; and (5) to elaborate an educational curriculum material (ECM) from the use of
    QSC conducive to anti-racist sociopolitical action in the Teaching of Human Evolution. Each
    specific objective guides, respectively, the construction of one of the chapters of this thesis
    that is presented in the format of a collection of articles (multipaper), which dialogue with
    each other from the question, foundation and modality of the research. Focusing on the
    preliminary stage of the Research in Design, we proceeded to the analysis of the context and
    needs, the development of a conceptual framework based on literature and teaching
    knowledge, having as a product the systematization of four design principles. We also
    developed the prototyping phase that included the design of the didactic intervention and the
    investigation of two design principles empirically tested in the real context of a high school
    classroom. Due to the fact that this research was crossed by the covid-19 pandemic, we
    investigated two prototypes of SD in the contexts of remote/hybrid and face-to-face teaching,
    in third-year classes at the Territorial Center for Professional Education of the Jacuípe II
    Basin (Riachão do Jacuípe, Bahia). Based on the empirical results that supported the
    validation of two design principles, we propose an MCE and a set of QSC for the Teaching of
    Human Evolution. We hope that our research contributes to the foundation of educational
    innovations that manage to articulate objectives for the education of ethnic-racial relations
    with specific contents of human evolution, modalities and pedagogical strategies proper to a
    contextualized, problematizing and anti-racist scientific education.

14
  • NEIMA ALICE MENEZES EVANGELISTA
  • Novas tecnologias genéticas: atitudes de jovens adultos brasileiros e
    abordagem em sala de aula através de questão sóciocientífica

  • Orientador : CHARBEL NINO EL HANI
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIA JÚLIA CORAZZA
  • CHARBEL NINO EL HANI
  • CLAUDIO RICARDO MARTINS DOS REIS
  • FABIO PESSOA VIEIRA
  • ROSILEIA OLIVEIRA DE ALMEIDA
  • Data: 15/12/2022

  • Mostrar Resumo
  • O Projeto Genoma Humano (PGH) aproximou ainda mais o campo da genética da sociedade em geral e trouxe consigo a expectativa de que, desvendando-se a sequência do DNA, teríamos supostamente decifrado o código da vida. Porém, o que descobrimos foi a complexidade das interações dentro do sistema genético e do sistema genético com outros sistemas orgânicos e com o ambiente até a formação de um organismo, com todas as suas características. A partir desse impacto, pesquisas em saúde e medicina humana fazendo uso do conhecimento genômico ganharam força, trazendo consigo a ideia inicial do PGH de que os genes seriam responsáveis, se não exclusivamente, ao menos de maneira principal, pela determinação de muitos traços dos organismos, o que favoreceu uma visão determinista genética. Um desafio importante a esta visão decorre, contudo, dos limites que os desdobramentos do próprio PGH mostraram para a tentativa de entender as características humanas (e de outros organismos) somente com base no genoma. Coloca-se, assim, o desafio igualmente importante de incorporar na educação básica e superior uma compreensão do importante papel e dos limites da informação genômica no entendimento da saúde e medicina humana, o que se mostra especialmente importante diante da disponibilidade de tecnologias genéticas para uso pelas pessoas. A expansão das tecnologias genéticas possibilita que parte da população comece a ter acesso à sua utilização, trazendo a decisão do seu uso ou não para discussões da vida em sociedade. A presente tese busca investigar dois aspectos relacionados a esse campo, de um lado, perguntando-se quais as atitudes de jovens adultos brasileiros diante das tecnologias genéticas, e, de outro, realizando um estudo de desenvolvimento de uma proposta para abordagem em sala de aula das possibilidades e dos limites da informação genômica ao lidar com questões de saúde. Utilizamos o questionário PUGGS (Entendimento Público e Atitudes Acerca de Genética e Genômica, em tradução livre) para investigarmos as atitudes de jovens adultos brasileiros a respeito do uso de quatro novas tecnologias gênicas relacionadas à saúde humana: terapia gênica, testes genéticos, testes genéticos pré-natais, e medicina personalizada e farmacogenômica. Concluímos que esse grupo tem atitudes positivas em
    relação ao uso e às aplicações dessas tecnologias, especialmente quando usadas para fins de saúde e quando há histórico de doenças na família. Esse achado nos levou a considerar a tendência desses jovens de aprovar o uso dessas tecnologias e até mesmo de submeterem-se a elas, por vezes sem nem mesmo ter ciência do que elas são e de quais possibilidades e limites trazem. Isso fez com que nos engajássemos num estudo de desenvolvimento de uma sequência didática sobre essas tecnologias, direcionada para aplicação para estudantes do Ensino Médio. Esta sequência é baseada em uma questão sociocientífica, usando como exemplo o caso da atriz Angelina Jolie, que se submeteu a um teste genético cujo resultado a levou a fazer uma dupla mastectomia. Provocamos, assim, discussões sobre tecnologias genéticas, aliadas a alternativas ao pensamento determinista genético, buscando capacitar estudantes para que entendam que o surgimento de características depende de complexas interações entre o sistema genético e ambientes em diferentes níveis (desde o interior da célula até os ambientes externos ao corpo humano). Aproximamos o caso da atriz à realidade da saúde brasileira, tornando a resolução do problema mais próxima ao contexto em que os/as estudantes estão inseridos, a fim de mobilizar conhecimentos científicos, filosóficos, éticos, culturais, políticos, econômicos que incidem sobre a tomada de decisões por esses cidadãos.


  • Mostrar Abstract
  • The Human Genome Project (HGP) brought the field of genetics even closer to lay society, and entailed the expectation that, by decoding the DNA sequence, we would have supposedly decoded the code of life. But what we discovered was the complexity of the interactions within the genetic system and from the genetic system with other organic systems and the environment up to formation of an organism, with all its characteristics. From that impact, research on human health and medicine making use of genomic knowledge grew in strength, bringing with it the initial idea in the HGP that genes would be responsible, if not exclusively, at least mainly, for determining many traits of organisms, what favored a genetic deterministic view. An important challenge to this view follows, however,m from the limits shown by the very unfoldings of the HGP in relation to the attempt to understand human (and other organisms’) traits based only on the genome. It emerges, thus, the equally important challenge of incorporating in basic and higher education an understanding of the important role and limitations of genomic information in the understanding of human health and medicine. This is especially important in view of the availability of genetic technologies for people to use. The expansion of genetic technologies makes it possible that part of the population begins to have access to its use, bringing the decision about their use or not into discussions within life in society. We used the PUGGS questionnaire (Public Understanding and Attitudes towards Genetics and Genomics) to investigate the attitudes of young Brazilian adults regarding the use of four new gene technologies related to human health: gene therapy, genetic tests, prenatal genetic tests, and personalized medicine and pharmacogenomics. We concluded that this group has positive attitudes towards the use and applications of these technologies, especially when they are used for health purposes and when there is a history of illness in the family. This finding led us to consider the tendency of these young adults to approve the use of these technologies and even to submit themselves to them, sometimes without even being aware of what they are about and what possibilities and limits they bring. This made us engage in a development study of a teaching sequence about these technologies directed to high school students. This sequence is based on a socioscientific question, using
    as an example the case of Angelina Jolie, who realized a genetic test the results of which led her to undergo a double mastectomy. Thus, we prompt discussions about genetic technologies, allied to alternatives to genetic deterministic thinking, expecting to enable the students to understand that the emergence of characteristics depends on complex interactions between the genetic system and environments at different levels (from inside the cell to the environments outside the human body). We brought the case of the actress closer to the reality of Brazilian health, putting the resolution of the problem more into the context in which the Brazilian students are embedded, in order to mobilize scientific, philosophical, ethical, cultural, political and economic knowledge that affects decision-making by these citizens.

15
  • LISANDRO BACELAR DA SILVA
  • RAZÃO E DIALÉTICA: UMA COMPREENSÃO DA EPISTEMOLOGIA QUÍMICA BACHELARDIANA E SUAS IMPLICAÇÕES PARA A EDUCAÇÃO

  • Orientador : EDILSON FORTUNA DE MORADILLO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • Gustavo Bertoche
  • GABRIEL KAFURE DA ROCHA
  • EDILSON FORTUNA DE MORADILLO
  • FREDY GARAY GARAY
  • LETICIA DOS SANTOS PEREIRA
  • Data: 20/12/2022

  • Mostrar Resumo
  • Inserindo-se na linha de pesquisa da Filosofia da Química "Os clássicos da Filosofia e a Química”, este trabalho apresenta como tese principal a afirmação de que se encontra no pensamento bachelardiano uma original, porquanto dialética, Epistemologia Química. Dialogando com a grande área da Educação Química, esta pesquisa também aponta contribuições da obra de Bachelard para a formação metaquímica e autonomia epistêmico-social dos diversos atores que integram aquela área. Assim, em primeiro lugar, contemplando, essencialmente, obras como A Filosofia do Não, O Novo Espírito Científico, Materialismo Racional, esboçamos reflexões sobre categorias centrais de sua Epistemologia, tais como Razão, Dialética e Númeno. Em seguida, concebendo-a no quadro de um original pensamento dialético, abordamos a sua Epistemologia Química, analisando como o filósofo perscruta as dimensões da práxis química. Reservamos também um breve espaço para discutirmos sua original interpretação do materialismo químico. Posteriormente, apresentamos algumas das formas pelas quais categorias de seu pensamento vêm sendo apropriadas por pesquisadores da Educação Química; em seguida, analisamos como a categoria Educação se apresenta em Bachelard, no quadro de sua Pedagogia da Razão, refletindo, especialmente, sobre a concepção bachelardiana de Formação. Por fim, destacamos a relevância do pensamento bachelardiano, notadamente no que remete à sua concepção epistemológica enaltecedora da libertária, dinâmica e polêmica racionalidade humana. Vale ressaltar que as análises desenvolvidas neste trabalho foram fundamentalmente amparadas por categorias epistemológicas caras ao filósofo francês, como Dialética, Númeno, Razão, Racionalismo Aplicado, Real, Matéria, Materialismo, Construção, Objetivação, Trabalho, Retificações, Rupturas Epistemológicas, Perfis Epistemológicos, e Obstáculos Epistemológicos.


  • Mostrar Abstract
  • Inserting itself in the line of research of the Philosophy of Chemistry "The classics of Philosophy and Chemistry", this work presents as its main thesis the affirmation that an original, because dialectic, chemical epistemology is found in bachelardian thought. Dialoguing  with the largue area of Chemistry Education, this research also points out contributions of Bachelard's work to the metachemical formation and epistemic-social autonomy of the diverse actors that integrate that area scientific. Thus, in the first place, essentially contemplating works such as Rational Materialism, the Philosophy of No, The New Scientific Spirit, we outline reflections on central categories of his Epistemology, such as Reason, Dialectic and Numeno. Then, conceiving it within the framework of an original dialectical thought, we approach his Chemical Epistemology, analyzing how the philosopher scrutinizes the dimensions of chemical praxis. We also reserve a brief space to discuss his original interpretation of chemical materialism. Subsequently, we present some of the ways in which categories of his thought have been appropriated by researchers in Chemical Education; then, we analyze how the Education category is presented in Bachelard, within the framework of his Pedagogy of Reason, reflecting, especially, on Bachelard's conception of Formation. Finally, we highlight the relevance of Bachelardian thought, notably in what refers to his epistemological conception that exalts libertarian, dynamic and controversial human rationality. It is worth mentioning that the analyzes developed in this work were fundamentally supported by epistemological categories dear to the french philosopher, such as Dialectic, Númeno, Reason, Applied Rationalism, Real, Matter, Materialism, Construction, Objectification, Work, Rectifications, Epistemological Ruptures, Epistemological Profiles, and Epistemological Obstacles.

2021
Dissertações
1
  • CAIO DE SOUZA SILVA
  • “Professor, o que são esses traços no quadro?”: princípios histórico-críticos para o ensino de representações estruturais de compostos orgânicos.

  • Orientador : HELIO DA SILVA MESSEDER NETO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • HELIO DA SILVA MESSEDER NETO
  • JOSE LUIS DE PAULA BARROS SILVA
  • LUCIANA MASSI
  • Data: 23/03/2021

  • Mostrar Resumo
  • As pesquisas em ensino de química apontam para a dificuldade dos alunos em compreender fenômenos da realidade que cabe ao campo desta ciência. Um dos aspectos levantados nessa problemática perpassa pelo obstáculo da apreensão da linguagem química. Dentro desse espectro, levantou-se que no campo da química orgânica o ensino pautado principalmente na memorização de fórmulas, na operacionalização de dar nomes às moléculas, na falta de relação entre a prática social e teorias científicas e na desvinculação das teorias da química orgânica com os outros campos da química, podem ser alguns dos fatores decisivos no baixo entendimento dos alunos sobre os fenômenos. Em vista disso, este trabalho tem como objetivo sistematizar princípios didáticos para orientar o trabalho pedagógico dos professores, quando forem ensinar sobre as representações estruturais de compostos orgânicos. Trata-se de uma pesquisa teórica fundamentada filosoficamente no materialismo histórico-dialético, além de tomar como embasamento a psicologia histórico-cultural, em termos psicológicos do desenvolvimento humano, e a pedagogia histórico-crítica, no que tange os aspectos teóricopedagógicos. Princípios didáticos são proposituras que possibilitam a (re)organização e a orientação do trabalho do professor em sala de aula. Compreende-se, então, que a partir da análise da dinâmica histórica da elaboração das representações estruturais, apontando as necessidades históricas, e a partir dos fundamentos teóricos adotados, podem-se formular propostas daquilo que é essencial para um ensino comprometido com o verdadeiro desenvolvimento do indivíduo nas máximas possibilidades que as condições reais proporcionem. Desse modo, formularam-se três princípios didáticos. O primeiro diz respeito ao ensino da representação estrutural dos compostos orgânicos como unidade entre os níveis macroscópico e submicroscópico da realidade e do conhecimento químico. Nessa perspectiva, as representações se configuram como signo e possuem, dentre outros, o papel mediador da compreensão do fenômeno quando sintetiza os dois níveis numa unidade. O segundo propõe que os professores estruturem o ensino das representações a partir das necessidades históricas. Ou seja, coloca o motivo pelo qual a humanidade se mobilizou para criar esses signos que possibilitou a compreensão da realidade. Esse caminho evidencia para o aluno uma ciência que se desenvolve a partir de contradições, de embates de ideias, de problemas e de necessidades que seres humanos reais encontravam na sua prática social. Já o terceiro princípio lança como preposição, que as representações estruturais sejam ensinadas na sua multiplicidade e com transições conscientes. Nesse sentido, deixa-se evidente que foram necessárias representações distintas para o mesmo ente químico, quando havia a necessidade de compreender novos fenômenos e um único tipo de representação não dava conta de explicá-los. Isto é, dependendo da necessidade de compreensão do fenômeno, utiliza-se de diferentes modos de representações. Esses princípios, por sua vez, não se configuram como uma receita “do que fazer” em sala de aula, visto que em cada situação específica de ensino devem-se levar em consideração as condições reais, no entanto podem servir como norteadores no trabalho pedagógico.


  • Mostrar Abstract
  • Research in teaching chemistry points to the difficulty of students in understanding phenomena of reality that belongs to the field of this science. One of the aspects raised in this problem goes through the obstacle of the apprehension of chemical language. Within this spectrum, it was found that in the field of organic chemistry, teaching based mainly on the memorization of formulas, on the operationalization of naming molecules, on the lack of relationship between social practice and scientific theories and on the organic chemistry theories unlinked with the other fields of chemistry may be some of the decisive factors in students' low understanding of phenomena. In view of that, this work aims to systematize didactic principles to guide the pedagogical work of teachers, when they are going to teach about the structural representations of organic compounds. It is a theoretical research grounded philosophically in Dialectical & Historical Materialism, in addition to taking Cultural-historical Psychology as a basis, in psychological terms of human development, and Historical-critical Pedagogy, in terms of theoretical-pedagogical aspects. Didactic principles are propositions that enable the (re)organization and orientation of the teacher's work in the classroom. In that understanding, then, that from the analysis of the historical dynamics of the elaboration of structural representations, pointing out the historical needs, and from the theoretical foundations adopted, proposals can be formulated of what is essential for a teaching committed to the true development of the individual in the maximum possibilities that the real conditions provide. In this way, three didactic principles were formulated. The first concerns the teaching of the structural representation of organic compounds as a unit between the macroscopic and submicroscopic levels of reality and chemical knowledge. In this perspective, the representations are configured as a sign and have, among others, the mediating role of understanding the phenomenon when synthesizing the two levels in a unit. The second proposes that teachers structure the teaching of representations based on historical needs. In other words, it puts the reason why humanity mobilized to create these signs that enabled the understanding of reality. This path shows the student a science that develops from contradictions, clashes of ideas, problems and needs that real human beings encountered in their social practice. The third principle launches as preposition that structural representations should be taught in their multiplicity and with conscious transitions. In this sense, it is evident that different representations were necessary for the same chemical entity, when there was a need to understand new phenomena and a single type of representation was not able to explain them. In other words, depending on the need to understand the phenomenon, different modes of representations are used. These principles, for its part, are not a recipe for “what to do” in the classroom, since in each specific teaching situation, real conditions must be taken into account, however they can serve as guidelines in pedagogical work

2
  • ANGELA DE OLIVEIRA PINHEIRO TORRES
  • LÁPIS COR DE PELE – DE QUE CORPO HUMANO FALAMOS

  • Orientador : KATEMARI DIOGO DA ROSA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • KATEMARI DIOGO DA ROSA
  • CLAUDIA DE ALENCAR SERRA E SEPULVEDA
  • PALOMA NASCIMENTO DOS SANTOS
  • Data: 30/03/2021

  • Mostrar Resumo
  • Compreender a complexidade que perpassa o processo de construção da autoimagem parece tarefa difícil. Vários fatores contribuem para que o autoconceito seja estabelecido de forma íntegra ou não. Neste sentido, devemos considerar todos os constituintes simbólicos, e biológicos que ajudam nesta construção. O corpo biológico negro, por sua estigmatização histórica, se constituiu como um ideal de imagem socialmente rejeitado; Pertencê-lo significou, por anos, carregar o fardo da inferioridade do ser. Esta desumanização, nas décadas passadas, foi recorrentemente evidenciada dentro dos livros didáticos que reproduziam ideias perversas de uma sociedade racista. Em meados de 1990, o Ministério da Educação passou a se preocupar também com o conteúdo trazido nos livros didáticos de forma a corroborar com o estabelecimento de algumas mudanças que versavam sobre a qualidade deste material didático; Mas que mudanças foram essas e para que serviram? A presente pesquisa busca analisar como o corpo negro, enquanto categoria de corpo humano, é representado nos livros didáticos de ciências do Ensino Fundamental I. Nossa pesquisa é qualitativa, aportada na análise documental. A partir da análise imagética, percebemos que se por um lado os livros didáticos evitam reproduzir esteriótipos depreciativos, agora não aceitáveis pela comunidade negra, por outro, ele força um apagamento do negro em suas páginas. A pouca utilização de sua imagem, ou a representação de um rosto que compõe uma homogeneidade entre brancos e negros, fomentam a sensação do não pertencimento; de uma invisibilidade que insiste em nos fazer reféns da violência do racismo.


  • Mostrar Abstract
  • Understanding the complexity that goes through the process of building the individual's self-image seems to be a difficult task. Several factors contribute to the self-concept to be fully established or not. In this sense, we must consider all the symbolic and biological constituents that help in this construction. The black biological body, due to its historical stigmatization, constituted itself as an ideal of socially rejected image. Belonging to this body meant, for years, carrying the burden of being inferior. This dehumanization, in the past decades, has been repeatedly evidenced within textbooks that reproduced perverse ideas of a racist society. In the mid-1990s, the Ministry of Education also became concerned with the content brought in textbooks in order to corroborate the establishment of some changes that dealt with the quality of this didactic material. However, what were these changes, and what were they for? This research seeks to analyze how the black body, as a category of the human body, is represented in the science textbooks of Elementary School I. Our research is qualitative, based on the documentary analysis. From the imagery analysis, we realize that if, on the one hand, textbooks avoid reproducing derogatory stereotypes, not acceptable to the black community, on the other hand, it forces an obliteration of the black image on its pages. The little use of this image, or the representation of a face that composes a homogeneity between whites and blacks, promotes the feeling of not belonging, invisibility that insists on taking us hostage to the violence of racism.

3
  • Carolina Queiroz Santana
  • GÊNERO, CIÊNCIA E HISTÓRIA: REFLEXÕES PARA ESCRITA DE HISTÓRIA DE MULHERES NAS CIÊNCIAS

  • Orientador : INDIANARA LIMA SILVA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • INDIANARA LIMA SILVA
  • LETICIA DOS SANTOS PEREIRA
  • MARIA MARGARET LOPES
  • OLIVAL FREIRE JUNIOR
  • Data: 31/05/2021

  • Mostrar Resumo
  • A história das mulheres nas ciências vem se desenvolvendo como uma área de estudo bastante
    complexa. Objetos, modelos, métodos e epistemologias das ciências passaram a ser
    questionados com o advento das teorias feministas no ambiente acadêmico. Nesse trabalho,
    buscamos explorar aspectos relacionados às implicações de tais questionamentos na
    historiografia das ciências, refletindo assim sobre a escrita de histórias de mulheres nas ciências.
    Para isso, esta pesquisa se divide em dois estudos paralelos: no primeiro deles apresentamos
    uma revisão das contribuições historiográficas oriundas da História e História das Ciências para
    a escrita de histórias de mulheres nas ciências; e no segundo investigamos como as experiências
    de biógrafas que escreveram histórias de vidas de mulheres cientistas, bem como a repercussão
    pública de tais biografias pode colaborar teoricamente para os estudos sobre biografias de
    mulheres nas ciências. Para atender a estes objetivos, revisamos os principais estudos
    historiográficos referentes à escrita de história das mulheres, perpassando por pesquisas da
    história, da história das ciências e das teorias feministas. Além disso, para atender ao segundo
    estudo, analisamos também três casos de experiências biográficas: A biografia da geneticista
    Barbara McClintock, de Evelyn Fox Keller (1983); A biografia da bioquímica Dorothy
    Hodgkin, de Georgina Ferry (1998); e a biografia de Marie Curie, de Barbara Goldsmith (2005).
    Por fim, esperamos que esta pesquisa contribua no sentido de instrumentalizar historiadoras/es
    das ciências interessados (ou não) em escrever histórias e biografias de mulheres cientistas,
    proporcionando reflexões em seus processos de escrita.



  • Mostrar Abstract
  • The history of women in the sciences has become a very complex area of study. Objects,
    models, methods, and epistemologies of science came to be questioned with the advent of
    feminist theories in the academic environment. In this work, we explore implications of this
    field in the historiography of the sciences, thus reflecting on the writing of women's stories in
    the sciences. For this, this research is divided into two parallel studies: in the first one, we
    present a review of the historiographic contributions from History and History of Sciences for
    the writing of women's stories in science; and in the second, we investigate how the experiences
    of biographers who wrote life histories of women scientists, as well as the public repercussion
    of such biographies, can theoretically contribute to studies on the biographies of women in the
    sciences. To meet these objectives, we reviewed the primary historiographic studies referring
    to the writing of women's history, going through historical research, the history of sciences, and
    feminist theories. Besides, to attend the second study, we also analyzed three cases of
    biographical experiences: The biography of geneticist Barbara McClintock, by Evelyn Fox
    Keller (1983); The biography of biochemist Dorothy Hodgkin, by Georgina Ferry (1998); and
    the biography of Marie Curie, by Barbara Goldsmith (2005). Finally, we hope that this research
    will contribute towards equipping historians of the sciences interested (or not) in writing stories
    and biographies of women scientists, providing reflections in their writing processes.


4
  • JULIANA DE OLIVEIRA FONSECA
  • “PESCANDO MUDANÇAS”: EMBARCAÇÕES, ARTES DE PESCA E EDUCAÇÃO INTERCULTURAL NA COMUNIDADE DAS POÇAS, CONDE-BA

  • Orientador : CHARBEL NINO EL HANI
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CHARBEL NINO EL HANI
  • BARBARA CARINE SOARES PINHEIRO
  • MARCO TROMBONI DE SOUZA NASCIMENTO
  • Data: 20/07/2021

  • Mostrar Resumo
  • O Brasil possui dimensão continental e abriga comunidades plurais, com modos
    diversos de se relacionar com o ambiente e com as mudanças ao longo do tempo
    em seus territórios. Esta diversidade, no entanto, é frequentemente desvalorizada
    no processo de educação escolar e ainda se encontra na literatura e na prática do
    ensino de Ciências a perspectiva de que os conhecimentos que os estudantes
    compartilham em sala de aula devem ser substituídos por conceitos científicos no
    processo de ensino. Todavia, os conhecimentos compartilhados pelos estudantes na
    escola estão, em parte, profundamente ligados aos seus contextos socioculturais de
    origem, sendo importante compreender as especificidades de cada localidade em
    que a escola está inserida, de modo a construir um ensino mais próximo da
    realidade dos estudantes, dos professores e das professoras, dos familiares e dos
    demais membros das comunidades, bem como atribuir o valor devido à maneira
    como entendem e se situam no mundo. Na medida em que ajudam a compreender
    os conhecimentos culturalmente situados que estudantes trazem para a sala de
    aula, estudos etnográficos, antropológicos e etnobiológicos trazem contribuições
    para a pesquisa e a prática no ensino de Ciências. No presente estudo, buscamos
    compreender as mudanças ao longo do tempo na cultura pesqueira da comunidade
    das Poças (Conde-BA) - principalmente aquelas ocorridas com as embarcações e
    artes de pesca. Delimitamos o tema central da pesquisa a partir de diálogos com os
    moradores da comunidade sobre quais aspectos da cultura local deveriam estar
    presentes, por sua importância, em nossas pesquisas e em nosso trabalho
    colaborativo com as professoras da escola local. Para a construção da presente
    pesquisa, utilizamos diferentes narrativas, como a audiovisual, a fotoetnografia e a
    escrita, e métodos qualitativos, como entrevistas semi-estruturadas, observações
    participantes, anotações no caderno de campo e gravações de áudio, sempre com o
    consentimento informado de cada participante. A partir da análise dos dados, foi
    possível perceber que o processo de captura das imagens esteve, na maioria das
    vezes, restrito à equipe de pesquisa. Por isso, elaboramos a proposta “Olhares
    plurais: produções audiovisuais e fotográficas em espaços educativos”, na qual as
    pescadoras, os pescadores, as professoras e os estudantes possam ser agentes de
    todas as etapas de construção dessas narrativas. Embora a pesquisa que
    realizamos tenha sido crucial para compreendermos como se modificaram as
    embarcações e as artes de pesca na comunidade ao longo do tempo, será
    importante que as narrativas aqui apresentadas sirvam também como inspiração
    para a realização de estudos futuros em que os moradores das comunidades
    pesqueiras sejam os protagonistas de todo o processo.


  • Mostrar Abstract
  • Brazil has a continental size and harbors plural communities, with diverse ways of
    relating with the environment and the changes in their territories along time. This
    diversity, however, is often devalued in school educational processes and one still
    finds in science education literature and practice the idea that the knowledge
    students share in the classroom should be replaced by scientific concepts in the
    teaching process. Nevertheless, the knowledge shared by students in the school are
    in part deeply linked to their original sociocultural contexts. Thus, it is important to
    understand the specificities of each place in which schools are embedded, in order
    to build a teaching that is closer to the realities of students, teachers, families and
    other community members. It is equally important to ascribe the due value to the way
    they understand the world and situate themselves in it. To the extent that they help
    us understand the culturally situated knowledge that students bring to the classroom,
    ethnographic, anthropological, and ethnobiological studies bring contributions to
    science education practice and research. In the present study, we aimed at
    understanding the changes that took place along time in the fishing culture of the
    community of Poças (Conde-BA), specially those related to vessels and fishing arts.
    We delimited the central theme of the research based on dialogues with community
    dwellers about which aspects of the local culture should be present in our research
    and collaborative work with the local school teachers, due to their importance. To
    elaborate the present research, we used different narratives, such as the
    audiovisual, photoethnography, and writing, and qualitative methods, such as
    semistructured interviews, participant observations, field notes, and audio
    recordings, always with the informed consent of each participant. Based on the data
    analysis, it was possible to perceive that the capture of images was mostly restricted
    to the research team. We elaborated, then, the proposal “Plural looks: audiovisual
    and photographic productions in educational spaces”, in which fisherwomen,
    fishermen, teachers and students can be agents in all steps of building these
    narratives. Even though the research we carried out was crucial to our
    understanding of how vessels and fishing arts changed in the community along time,
    it will be important that the narratives presented here also serve as inspiration for
    carrying out future studies in which the fishing communities’ dwellers be protagonists
    of all the process.

5
  • TANESCA SANTANA CAL
  • O LUGAR DA MULHER NEGRA NAS CIÊNCIAS: IMPLEMENTAÇÃO DAS AÇÕES AFIRMATIVAS NA PÓS GRADUAÇÃO DO INSTITUTO DE FÍSICA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA (IF-UFBA)

  • Orientador : KATEMARI DIOGO DA ROSA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • BARBARA CARINE SOARES PINHEIRO
  • DYANE BRITO REIS SANTOS
  • INDIANARA LIMA SILVA
  • KATEMARI DIOGO DA ROSA
  • Data: 25/08/2021

  • Mostrar Resumo
  • Neste trabalho discorre-se, através da História das Ciências, a virada das Ações Afirmativas (AA) para a inclusão e promoção da diversidade na carreira científica. Os capítulos dividem-se em dois, organizados a partir dos objetivos propostos na pesquisa. Relata-se inicialmente, As Yabás: mulheres negras na história das ciências,
    com o objetivo de demonstrar mini biográficos contribuindo, assim, na superação do discurso meritocrático. No primeiro capítulo, apresentam-se os obstáculos enfrentados nas trajetórias da carreira científica. Esses oferecem entendimento sobre a relevância das Ações Afirmativas na pós-graduação. O segundo capítulo explora a implementação das Ações Afirmativas nos programas de pós-graduação vinculados ao Instituto de Física da Universidade Federal da Bahia (IF-UFBA). Ainda no segundo capítulo situa os Sistemas de Barragens atuando como obstrução e entrave dos grupos sociais pressionados pela dominação-opressão. Ações Afirmativas na pós-graduação são válvulas de entradas destes excluídos. Pesquisa-se a promoção da equidade e políticas públicas específicas como Ações Afirmativas, com o objetivo de investigar a implementação das Ações Afirmativas no Instituto de Física da UFBA no período entre 2017 a 2020. Para isso realizou-se pesquisa exploratória, levantamentos dos editais de alunos regulares do mestrado e doutorado. A História Oral das conferências institucionais e de seus agentes neste trabalho foi recurso metodológico fundamental ante as limitações que o contexto pandêmico do COVID-19. A contribuição do trabalho é delinear as variáveis relacionadas à carreira científica das mulheres negras e a AA pós-graduação com política pública atuando nas exclusões de raça e gênero . Apresenta-se entendimento dos demarcadores, indicadores e argumentos relativos às Ações Afirmativas na pós-graduação, cuja carreira científica contempla a diversidade e inclusão nos espaços de pesquisas.


  • Mostrar Abstract
  • This paper discusses, through the History of Sciences, the turn of Affirmative Actions (AA) towards the inclusion and promotion of diversity in the scientific career. The chapters are divided into two, organized according to the objectives proposed in the research. Initially, As Yabás: black women in the history of science is reported, with
    the aim of demonstrating mini biographies, thus contributing to the overcoming of meritocratic discourse. In the first chapter, the obstacles faced in the trajectories of a scientific career are presented. These offer an understanding of the relevance of Affirmative Actions in graduate studies. The second chapter explores the
    implementation of Affirmative Actions in graduate programs linked to the Physics Institute of the Federal University of Bahia (IF-UFBA). Also in the second chapter, he situates the Dam Systems acting as an obstruction and hindrance of social groups pressured by domination-oppression. Affirmative Actions in graduate studies are
    valves for those excluded. The promotion of equity and specific public policies such as Affirmative Actions is researched, with the aim of investigating the implementation of Affirmative Actions at the UFBA Institute of Physics in the period between 2017 and 2020. For this, exploratory research was carried out, surveying the public notices for regular master's and doctoral students. Oral History of the institutional conferences
    and their agents in this work was a fundamental methodological resource given the limitations of the COVID-19 pandemic context. The contribution of the work is to outline the variables related to the scientific career of black women and the postgraduate AA with public policy acting on the exclusions of race and gender. An understanding of the demarcation, indicators and arguments related to Affirmative Actions in graduate
    studies is presented, whose scientific career includes diversity and inclusion in research spaces.

6
  • Erica Larusa Oliveira Mascarenhas
  • PRODUÇÃO CIENTÍFICA AFRICANA E AFROCENTRICIDADE: BELEZA, SAÚDE, CURA E A NATUREZA HOLÍSTICA DA CIÊNCIA AFRICANA

  • Orientador : BARBARA CARINE SOARES PINHEIRO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • BARBARA CARINE SOARES PINHEIRO
  • KATEMARI DIOGO DA ROSA
  • MARCO ANTONIO LEANDRO BARZANO
  • KLEYSON ROSARIO ASSIS
  • Data: 16/12/2021

  • Mostrar Resumo
  • Os povos africanos desenvolveram ao longo da história diferentes formas de produzir conhecimento, porém o modelo europeu é hegemônico no mundo e aceito como universal. Desse modo, nós de comunidades africanas no mundo sofremos ainda hoje com a falta de referências históricas que nos permita construir uma auto imagem positiva. Por isso a identidade negra precisa ser estudada, para que possamos reconhecer as importantes contribuições africanas para o desenvolvimento da Ciência. Neste projeto, me proponho a investigar a produção e utilização de remédios/cosméticos na África antiga, fazer correlações possíveis entre estas produções e minha experiência enquanto africana em diáspora, filha da cidade de Salvador, química, cosmetóloga, aromaterapeuta e Omo Orixá (filha de Orixá). Assim, trago conhecimentos que aprendi na tradição oral da diáspora brasileira no município de Salvador, sobre a manipulação dos reinos vegetal e animal para a produção de remédios/cosméticos. Pretendo também, fazer algumas considerações acerca da natureza holística da ciência africana e afro diaspórica. Percebendo o holismo a partir da perspectiva africana de interconexão entre todas as coisas e desta forma, diferente da compreensão holística superficial que tem sido propagada no ocidente. Suportado pelo paradigma da Afrocentricidade e na afro perspectiva, este trabalho, tem grande interesse em contribuir com uma discussão já em curso sobre a ciência africana e afro diaspórica e


  • Mostrar Abstract
  • Throughout history, African people have developed different ways of producing knowledge, but the European model is hegemonic in the world and accepted as universal. Therefore, us from African communities around the world still suffer from the lack of historical references that allow us to build a positive self-image nowadays. Thus, black identity needs to be studied, so that we can recognize important African contributions to the development of science. In this project, I propose to investigate the production and use of medicines/cosmetics in ancient Africa, to make possible correlations between these productions and my experience as an African in diaspora, daughter of Salvador city, chemist, cosmetologist, aromatherapist and Omo Orixá (Orixá’s daughter). Thus, I bring knowledge that I have learned in the oral tradition of the Brazilian diaspora in the Salvador city, about the manipulation of vegetal and animal kingdoms to produce medicines/cosmetics. I also intend to make some considerations about the holistic nature of African and Afro diasporic science, seeing the holism from the African perspective of interconnection between all things and, in this way, as different from the superficial holistic understanding that has been widespread in the Western. Supported by the Afrocentricity paradigm and in the afroperspective, this work is very interested in contributing to an ongoing discussion on African and Afro diasporic scien

Teses
1
  • UARISON RODRIGUES BARRETO
  •  

     Ensino de Ciências, Desacordos e Autonomia Intelectual 

  • Orientador : WALDOMIRO JOSE DA SILVA FILHO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • EDILSON FORTUNA DE MORADILLO
  • FELIPE ROCHA LIMA SANTOS
  • MARTIN GABRIEL LABARCA
  • OSVALDO FROTA PESSOA JUNIOR
  • WALDOMIRO JOSE DA SILVA FILHO
  • Data: 03/02/2021

  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho tem como objetivo central apresentar a discussão em torno do problema do objetivo do ensino de ciências à luz de uma abordagem epistemológica, com o intuito de verificar como este debate reverbera no ensino de Química. Diante dessa discussão, onde se defendem diferentes teses, argumento a favor da tese que considera que um dos objetivos do ensino de ciências é a formação de um cidadão crítico com autonomia intelectual. Considerou-se um sujeito crítico como aquele que busca discutir as razões envolvidas em uma disputa submetendo-as ao crivo da razão. Aqui, a ação crítico-reflexiva é essencial para a formação de um agente epistêmico responsável. E, nesse sentido, responsabilidade implica em autonomia. Neste trabalho, a autonomia é entendida como virtude ou uma qualidade. Quando considero que um aluno (como agente epistêmico) tem uma virtude, eu quero dizer que ele tem uma disposição a ser motivado de certa maneira e a agir de uma dada forma em circunstâncias relevantes, e, além disso, ele é bem-sucedido em alcançar o fim de seu motivo virtuoso. Para ilustrar a ideia de autonomia, foi utilizado como exemplo um tema central do ensino de Química: o “desacordo” sobre o conceito estrutura molecular. Apresenta-se o problema do desacordo como um tema central do escopo da Epistemologia Social. Cabe enfatizar, que não buscarei formular uma caracterização única de “epistemologia” ou “social.” Meu intuito, é considerar que epistemologia envolve a avaliação de uma perspectiva epistêmica de várias “decisões” ou “escolhas” por agentes epistêmicos, ou, no caso da abordagem sistêmica, a avaliação de sistemas sociais alternativos a partir de uma abordagem epistêmica.Para tanto, foi proposto um cenário em que a reflexão é importante e tem valor epistêmico: o estatuto ontológico da estrutura molecular – redutível ou não redutível a teoria quântica? Frente as visões dos autores, verificou-se que alguns adotam a perspectiva reducionista os quais defendem a reconstrução do conceito dentro da estrutura quântica de átomos em moléculas. Outros, embora reconhecendo a descontinuidade conceitual entre a mecânica quântica e a química molecular, mantêm viva a esperança de redução. De uma posição explicitamente não-reducionista, autores concebem a estrutura molecular como um fenômeno emergente.Nesse cenário, a reflexão foi entendida como uma performance, uma atividade a partir da qual o aluno examina as razões, as provas, o conteúdo envolvido, a confiabilidade das suas próprias crenças e, diante do desacordo proposto, decide o que é epistemicamente confiável acreditar ou não. Vale considerar, que essa é uma perspectiva normativa. Tal perspectiva refere-se a razões prescritivas, ou seja, elas sugerem algo sobre o que poderia ou deveria ser. Trata-se de uma pesquisa teórico-reflexiva, por seu valor e normatividade, baseada na análise e revisão da literatura. Todo o caminho argumentativo desta tese buscou explorar razões para que o objetivo do ensino de ciências contemple algo como a autonomia, que não envolve necessariamente mudança de crença, mas uma atitude ou atividade investigativa do agente.


  • Mostrar Abstract
  • This work has as central objective to present the discussion around the problem of the objective of science teaching in the light of an epistemological approach, in order to verify how this debate reverberated in the teaching of chemistry. Faced with this discussion, where different theses are defended, I argue in favor of the thesis that considers that one of the objectives of science teaching is the formation of a critical citizen with intellectual autonomy. A critical subject is considered to be one who seeks to discuss the reasons involved in a dispute by submitting them to the sieve of reason. Here, critical-reflexive action is essential for the formation of a responsible epistemic agent. And, in this sense, responsibility implies autonomy. In this work, autonomy is understood as a virtue or a quality. When I consider that a student (as an epistemic agent) has a virtue, I mean that he has a disposition to be motivated in a certain way and to act in a certain way in relevant circumstances, and, moreover, he is successful in reaching the end of his virtuous motive. To illustrate the idea of autonomy, a central theme of chemistry teaching was used as an example: the "disagreement" on the concept of molecular structure. The problem of disagreement is presented as a central theme in the scope of Social Epistemology. It should be emphasized that I will not seek to formulate a single characterization of "epistemology" or "social". My intention is to consider that epistemology involves the evaluation from an epistemic perspective of various "decisions" or "choices" by epistemic agents, or, in the case of the systemic approach, the evaluation of alternative social systems from an epistemic approach. For this purpose, a scenario in which reflection is important and has epistemic value was proposed: the ontological status of the molecular structure - reducible or non-reducible to quantum theory? Faced with the views of the authors, it was verified that some adopt the reductionist perspective which defends the reconstruction of the concept within the quantum structure of atoms in molecules. Others, while recognizing the conceptual discontinuity between quantum mechanics and molecular chemistry, keep alive the hope of reduction. From an explicitly non-reductionist position, authors conceive the molecular structure as an emerging phenomenon. In this scenario, reflection was understood as a performance, an activity from which the student examines the reasons, the evidence, the content involved, the reliability of their own beliefs and, in the face of the proposed disagreement, decides what is epistemically reliable to believe or not. It is worth considering, that this is a normative perspective. Such a perspective refers to prescriptive reasons, that is, they suggest something about what could or should be. It is a theoretical-reflexive research, for its value and normativeness, based on the analysis and review of literature. The whole argumentative path of this thesis sought to explore reasons so that the objective of science teaching contemplates something like autonomy, which does not necessarily involve a change of belief, but an attitude or investigative activity of the agent.

2
  • ADRIANA APARECIDA SOUZA VALE
  • Formação inicial de professoras (es) no curso de Licenciatura em Química no IFBA: contradições e possibilidades entre o projeto político pedagógico institucional e o projeto pedagógico do curso de licenciatura em química

  • Orientador : EDILSON FORTUNA DE MORADILLO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • EDILSON FORTUNA DE MORADILLO
  • HELIO DA SILVA MESSEDER NETO
  • RAFAEL MOREIRA SIQUEIRA
  • Kátia Silva Santos
  • MARIANA FERNANDES DOS SANTOS
  • Data: 04/02/2021

  • Mostrar Resumo
  • O Curso de licenciatura em química do Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia da Bahia-IFBA, campus Porto Seguro teve seu início no ano de 2010. O curso está funcionando há dez anos e já entregou à sociedade de Porto Seguro e região mais de cinquenta licenciados em química. Os cursos de licenciatura têm uma importância central para a sociedade, uma vez que, formam docentes que contribuem para a formação de profissionais de todas as áreas. Em meio a todas as disciplinas do ensino básico, destacam-se as ciências da natureza. Dentro dessas, a química proporciona a compreensão de fenômenos físico-químicos naturais e artificiais, desenvolve habilidades científicas e aguça o senso crítico dos estudantes. Professores de química podem ser formados através de várias correntes pedagógicas e dentre elas se destaca a Pedagogia Histórico Crítica, que orienta o Projeto Pedagógico da Instituição. Diante disso, o presente estudo teve como objetivo analisar o Projeto Pedagógico Institucional do IFBA e verificar seu alinhamento com o Projeto Pedagógico do curso de Licenciatura em Química do IFBA, campus Porto Seguro. Isso possibilitou a investigação de lacunas nos projetos pedagógico institucional e projeto pedagógicos do curso e os possíveis impactos na formação do aluno de licenciatura em química do IFBA. A pesquisa poderá contribuir para a compreensão do papel da Pedagogia histórico-crítica no Projeto Político da Instituição e na formação dos licenciandos, além de propiciar aos futuros docentes o entendimento da sua real importância na sociedade como ativadores da consciência nos jovens e suas famílias, por meio dos conhecimentos científicos, em particular da química, vinculados a uma concepção de mundo materialista e dialética. A finalidade é despertar essas famílias para deixarem de ser massas dominadas e tomarem percepção em relação ao papel da atividade educativa na luta de classes. A pesquisa mostrou a relevância de formar um aluno crítico na perspectiva sócio-histórica e de se trabalhar os conteúdos nas suas formas mais desenvolvidas, tendo por base a ciência, filosofia e a arte, o que possibilita uma verdadeira mudança com relação à concepção de mundo. Todo esse trabalho proporcionará um conhecimento da realidade como ela realmente é, nas suas múltiplas determinações sociais, tornando possível a tomada de decisões para agir e alterá-la. O estudo ainda possibilitará que a instituição faça ajustes e adequações em seus documentos contribuindo  para a otimização do uso da Pedagogia histórico-crítica entre os docentes, assim como na formação dos estudantes da instituição.


  • Mostrar Abstract
  • The chemistry teacher education program at the Bahia Federal Institute of Education, Science and Technology - IFBA, Porto Seguro campus, began in 2010. This degree program has been in operation for over ten years and has already placed into the society of Porto Seguro and its surroundings more than fifty graduates in chemistry. Teacher education degree programs are of key importance to society, as they train teachers who, in turn, will contribute to the training of professionals in all areas. Among all the subjects of elementary education, natural science stands out. This branch of chemistry provides an understanding of natural and artificial physical-chemical phenomena, develops scientific skills and sharpens students' critical thinking. Chemistry teachers can be trainedthrough various educational methods, among which the Critical Historical Educationstands out, and it is also the one guiding the Educational Project of the Institution. In view of that, the present study aimed to analyze the Educational Project of IFBA and verify its alignment with the Educational Project of the Chemistry Teacher Education program at IFBA, in the Porto Segurocampus. This enabled the investigation of gaps in the educational projects of the institution and of theprogram, as well as itspossible impacts on the training of studentsgraduating in chemistry fromIFBA. The research may contribute to the understanding of the role of historical-critical Education in the Political Project of the Institutionand in the training of teacher education graduates, in addition to providing future teachers with an understanding of their real importance in society as activators of awareness in young people and their families, through scientific knowledge, speciallythrough chemistry, linked to a materialistic and dialectical world view.The purpose is to awaken these families to stop being dominated masses and become more aware of the role of educational activity in the class struggle. The research showed the relevance of training a critical student from a social and historical perspective and of working on the contents in their most developed forms, based on science, philosophy and art, which will enable a real change in relation to the world concept. This work will provide a knowledge of reality as it really is, in its multiple social determinations, encouraging the decision making to act towards and change it. The study will also enable the institution to make adjustments and adaptations to its documents, contributing to the optimization of the use of historical-critical Education among teachers, as well as in the training of students at the institution.

3
  • LUIZA RENATA FÉLIX DE CARVALHO LIMA
  • A LUDICIDADE NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE QUÍMICA: PRINCÍPIOS PARA UMA PERSPECTIVA CRÍTICA

  • Orientador : HELIO DA SILVA MESSEDER NETO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ABRAAO FELIX DA PENHA
  • EDILSON FORTUNA DE MORADILLO
  • HELIO DA SILVA MESSEDER NETO
  • JOAQUIM FERNANDO MENDES DA SILVA
  • LYNN ROSALINA GAMA ALVES
  • MARIA ELVIRA BELLO
  • Data: 04/03/2021

  • Mostrar Resumo
  • A ludicidade tem se consolidado como um campo de estudo em constante ascensão no ensino de Química. Entretanto, tais estudos nem sempre apresentam uma fundamentação teórica que subsidie as atividades lúdicas no contexto escolar, levando em consideração, especificamente, o ensino e aprendizagem dos conhecimentos químicos, tampouco uma formação que possibilite ao professor atuar nesse sentido. É justamente por compreender a necessidade da fundamentação no campo da ludicidade que a presente tese de doutoramento tem como objetivo propor princípios para orientar a formação de professores para o lúdico, a partir dos fundamentos da psicologia histórico-cultural.  Trata-se de uma pesquisa teórica que se debruça na compreensão do processo formativo do professor de Química para atuar de forma crítica no campo da ludicidade. Como pressuposto teórico, tem-se a psicologia histórico-cultural e o materialismo histórico-dialético defendido por Lév Vigotski e demais colaboradores, que assume a dialética no processo de ensino e aprendizagem, de modo a contribuir com o desenvolvimento das funções psíquicas superiores nos alunos, tendo em vista que os instrumentos pedagógicos no ensino de Química possuem uma forte influência das bases hegemônicas – o que implica em um esvaziamento teórico e pedagógico. Nesse sentido, formar o professor para o lúdico em uma perspectiva crítica é justamente um caminho para superação do esvaziamento posto. Foi exatamente pensando na superação da hegemonia difundida no processo formativo para o lúdico que os princípios elencados nesse estudo se constituíram como possíveis norteadores do trabalho pedagógico, no sentido de formar o professor para o lúdico para que, por meio dessa formação, as atividades lúdicas sejam utilizadas de modo consciente e em suas máximas potencialidades. Na tese, a partir das análises tecidas, foi possível evidenciar que as atividades lúdicas se dão como uma forma entre tantas outras que podem ser trabalhadas no contexto educacional. Também foi possível elucidar que as atividades lúdicas em si não têm uma teoria pedagógica, uma vez que elas podem ser trabalhadas em diferentes teorias, fato que implica na necessidade de superação da associação destas diretamente com as pedagogias hegemônicas. No que se compete à organização das atividades lúdicas, apresentamos a problemática que julgamos imprescindível nesse processo, que consiste na compreensão da dialética existente entre a cultura lúdica do professor e a cultura lúdica do estudante. Por fim, evidenciamos os elementos políticos implícitos e explícitos na atividade lúdica. Defendemos que, por meio da compreensão dos princípios postos, seja possível se pensar em uma fundamentação da formação do professor para o lúdico em uma perspectiva crítica, especialmente, no ensino de Química


  • Mostrar Abstract
  • Playfulness has consolidated itself as a field of study in constant growth in the teaching of Chemistry. However, such studies do not always present a theoretical foundation that subsidizes ludic activities in the school context, taking into account, specifically, the teaching and learning of chemical knowledge, nor a training that allows the teacher to act in this direction. It is precisely by understanding the need for reasoning in the field of playfulness that the present doctoral thesis aims to propose principles to guide the training of teachers towards playfulness, based on the foundations of historical-cultural psychology.It is a theoretical research that focuses on understanding the formation process of the Chemistry teacher to act critically in the field of playfulness. As a theoretical assumption, there is the historical-cultural psychology and the historical-dialectical materialism defended by Lév Vigotski and other collaborators, who assume the dialectic in the teaching and learning process, in order to contribute to the development of higher psychic functions in students , considering that the pedagogical instruments in the teaching of Chemistry have a strong influence of the hegemonic bases - which implies a theoretical and pedagogical emptying. In this sense, training the teacher for playfulness in a critical perspective is precisely a way to overcome the void. It was exactly thinking about overcoming the hegemony spread in the formative process for the playful one that the principles listed in this study were constituted as possible guiding of the pedagogical work, in the sense of training the teacher for the playful one so that, through this formation, the playful activities are used consciously and to their maximum potential. In the thesis, from the woven analyzes, it was possible to show that recreational activities take place as one form among many others that can be worked in the educational context. It was also possible to clarify that the play activities themselves do not have a pedagogical theory, since they can be worked on different theories, a fact that implies the need to overcome their association directly with the hegemonic pedagogies. In what concerns the organization of playful activities, we present the problem that we consider essential in this process, which consists of understanding the dialectic between the playful culture of the teacher and the playful culture of the student. Finally, we highlight the political elements implicit and explicit in the ludic activity. We argue that, through the understanding of the principles put forward, it is possible to think of a foundation for teacher training for playfulness in a critical perspective, especially in the teaching of Chemistry.

4
  • MARIA LAURA SOUZA SILVA
  • Narrativas de naturalistas europeus e seus contributos para o ensino de biologia contextualizado: um olhar no Brasil do século XIX. 2019

  • Orientador : GEILSA COSTA SANTOS BAPTISTA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • GEILSA COSTA SANTOS BAPTISTA
  • JUAN MANUEL SANCHEZ ARTEAGA
  • ROSILEIA OLIVEIRA DE ALMEIDA
  • RUY HERMANN ARAÚJO MEDEIROS
  • Frederik Moreira dos Santos
  • Data: 04/03/2021

  • Mostrar Resumo
  • Os naturalistas europeus Johann Baptist Ritter von Spix e Carl Friedrich Philipp von Martius
    realizaram uma viagem ao Brasil que foi registrada num diário composto por três volumes,
    intitulado
    “Reise in Brasilien”. No presente trabalho, organizado no formato multipaper,
    apresentamos e discutimos os resultados de uma pesquisa qualitativa cujo objetivo geral foi
    analisar e propor contribuições para o ensino de biologia a partir dos relatos dos
    naturalistas Spix e Martius.
    O estudo é fundamentado no paradigma Interpretativista,
    tratando-se de uma pesquisa documental e bibliográfica, com seleção, categorização e análise
    de conteúdo (BARDIN, 1979). A fonte para coleta de dados foi o segundo volume da “
    Reise in
    Brasilien
    ” (Viagem pelo Brasil), intitulado “Através da Bahia” (edição de 1938), o qual
    registra a passagem de Spix e Martius pela Bahia, em 1818. Também foram consultados
    trabalhos de diversos autores que analisaram a viagem de Spix e Martius ao Brasil, entre os
    anos de 1917 e 1920, acompanhando a comitiva que trazia a princesa Leopodina para o
    casamento com o príncipe Pedro de Alcântara. A Missão Austríaca trouxe diversos cientistas e
    artistas europeus motivados pelo conhecimento da natureza tropical e da população local, além
    dos costumes e do potencial econômico das terras brasileiras. A análise do contexto da viagem
    e da época dos naturalistas europeus possibilitou a organização de um quadro explicativo do
    cenário científico e hitórico que influenciou Spix e Martius no século XIX. Esse conhecimento
    pode contribuir para um ensino de biologia contextualizado e guiado pela história da ciência. A
    análise da obra “
    Através da Bahia” identificou diversas passagens que poderão ser usadas no
    ensino de biologia, atendendo a algumas de suas subdivisões: botânica, zoologia, ecologia e
    etnobiologia, além de outras, como microbiologia e paleontologia, que poderão ser objeto de
    outros estudos futuros. A análise dessa obra e de outras vinculadas a essa expedição ao Brasil
    também possibilitou a produção de um recurso didático (um E-book), que servirá de suporte
    para uma sequência de atividades sugeridas para o ensino de biologia, abordando diversos
    conteúdos. Finalmente, a partir de informações a respeito dos conhecimentos tradionais da
    época dos naturalistas e de suas aplicações no ensino de biologia, foi possível refletir sobre a
    formação de professores sensíveis à diversidade cultural tão presente nas salas de aula.


  • Mostrar Abstract
  • European naturalists Johann Baptist Ritter von Spix and Carl Friedrich Philipp von
    Martius made a trip to Brazil that was recorded in a diary composed of three volumes, entitled
    “Reise in Brasilien”. In the present work, organized in multipaper format, we present and
    discuss the results of a qualitative research whose general objective was to analyze and propose
    contributions to the teaching of biology from the reports of naturalists Spix and Martius. The
    study is based on the Interpretativist paradigm, dealing with documentary and bibliographic
    research, with selection, categorization and content analysis (BARDIN, 1979). The source for
    data collection was the second volume of the
    “Reise in Brasilien” (Viagem pelo Brasil), entitled
    “Através da Bahia” (1938 edition), which records the passage of Spix and Martius through
    Bahia, in 1818. Several other works about Spix and Martius's trip to Brazil, which occurred
    between 1917 and 1920, were analyzed, accompanying the expedition that brought Princess
    Leopodina to her wedding with Prince Pedro de Alcântara. The Austrian Mission brought
    several European scientists and artists motivated by the curiosity about tropical nature and local
    population, in addition to the habits and the economic potential of Brazilian lands. The analysis
    of the context of travel and the time of European naturalists made it possible to organize an
    explanatory table of the scientific and historical scenario that influenced Spix and Martius in
    the 19th century. This knowledge can contribute to a contextualized teaching of biology guided
    by the history of science. The analysis of the work
    “Através da Bahia” identified several
    passages that could be used in the teaching of biology, thinking of some of its subdivisions:
    botany, zoology, ecology and ethnobiology, in addition to others, such as microbiology and
    paleontology, which may be the object of other future studies. The analysis of this work and
    others linked to that expedition to Brazil also enabled the production of a didactic resource (an
    E-book), which will support a sequence of various-content activities suggested for biology
    teaching. Finally, based on information about the traditional knowledge of the time of the
    naturalists and its applications in the teaching of biology, it was possible to reflect on the
    formation of teachers sensitive to cultural diversity, which is so present in the classrooms.


5
  • ALUSKA DA SILVA MATIAS
  • A FORMAÇÃO DO PROFESSOR DE CIÊNCIAS SENSÍVEL À DIVERSIDADE CULTURAL E O ESTÁGIO
    CURRICULAR SUPERVISIONADO:
    POSSIBILIDADES E LIMITAÇÕES DESSA TRAJETÓRIA

  • Orientador : GEILSA COSTA SANTOS BAPTISTA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ALICE ALEXANDRE PAGAN
  • ANA PAULA MIRANDA GUIMARÃES
  • GEILSA COSTA SANTOS BAPTISTA
  • ROBERTA SMANIA MARQUES
  • ROSILEIA OLIVEIRA DE ALMEIDA
  • Data: 07/05/2021

  • Mostrar Resumo
  • A consolidação da educação científica corresponde a uma trajetória histórica que se estabelece em campos de disputas arraigados de variados interesses e contextos políticos, culturais e sociais. Ao longo das últimas décadas discussões têm direcionado para movimentos que convidam à reflexão crítica acerca das contribuições dos constructos científicos e suas implicações no ensino de ciências. Essas demandas têm resultado em importantes modificações no modo de compreender as relações culturais estabelecidas no processo de ensino-aprendizagem nas aulas de ciências, de modo que as novas tendências de educação científica adquirem um caráter intercultural. Além disso, o compromisso e respeito com a diversidade cultural passaram a compor o princípio da educação e integrar os currículos de ciências. Isto posto, algumas questões se voltam a propor transformações na formação de professores de ciências e biologia capazes de ofertar uma educação científica com vistas à promoção de profissionais culturalmente sensíveis. Vislumbrando apontar algumas alternativas para potencializar a formação
    nessa perspectiva, dadas as suas especificardes, construímos à luz de uma multirreferencialidade teórica o perfil de um professor de ciências sensível à diversidade cultural com vistas a contribuir nas reflexões para formação desses profissionais. Conduzidos pelas políticas de formação de professores e as mudanças nos currículos das
    licenciaturas a partir das determinações exigidas a partir das DCN aprovadas em 2015, adotamos a abordagem do ciclo de políticas de Stephen Ball a fim de identificar a consolidação de políticas que se alinhem com a perspectiva formativa proposta. Aliado ao conjunto de aspectos discutidos, elegemos os estágios curriculares supervisionados
    como potencializadores desse processo formativo. Diante dessas questões o presente trabalho teve como objetivo investigar e refletir acerca da contribuição do estágio curricular supervisionado na formação professores de ciências sensíveis à diversidade cultural. Os resultados e caminhos teóricos e metodológicos são discutidos ao longo de quatro capítulos.



  • Mostrar Abstract
  • he consolidation of scientific education corresponds to a historical trajectory that is established in fields of deep-seated disputes of varied interests and political, cultural and social contexts. Over the past few decades, discussions have led to movements that invite critical reflection about the contributions of scientific constructs
    and their implications for science education. These demands have resulted in important changes in the way of understanding the cultural relationships established in the teachinglearning process in science classes, so that the new trends in science education acquire an intercultural character. In addition, the commitment and respect for cultural diversity became part of the principle of education and integrated science curricula. That said, some
    questions turn to propose transformations in the training of science and biology teachers capable of offering scientific education with a view to promoting culturally sensitive professionals. Looking to point out some alternatives to enhance training in this perspective, given its specifics, we built in the light of a theoretical multi-referentiality the profile of a science teacher sensitive to cultural diversity in order to contribute to the
    reflections for the training of these professionals. Driven by teacher training policies and changes in undergraduate curricula based on the determinations required from the DCN approved in 2015, we adopted Stephen Ball's policy cycle approach in order to identify policy consolidation that aligns with the proposed formative perspective. Allied to the set of discussed aspects, we chose the supervised curricular internships as potentializers of this formative process. In view of these issues, the present study aimed to investigate and
    reflect on the contribution of the supervised curricular internship in the formation of science teachers sensitive to cultural diversity. Theoretical and methodological results and paths are discussed over four chapters.
    Supervised Internship; Teacher Sensitive to Cultural Diversity; Science
    teaching; Teacher training.


6
  • MARTA CAIRES DE SOUSA
  • CONCEPÇÕES DE SAÚDE NO ENSINO DE CIÊNCIAS: CONHECIMENTOS, VALORES E PRÁTICAS

  • Orientador : ANA PAULA MIRANDA GUIMARÃES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • AMANDA AMANTES NEIVA
  • ANA PAULA MIRANDA GUIMARÃES
  • Maria da Graça Ferreira Simões de Carvalho
  • NAOMAR MONTEIRO DE ALMEIDA FILHO
  • NEI DE FREITAS NUNES NETO
  • ROSILEIA OLIVEIRA DE ALMEIDA
  • Data: 19/05/2021

  • Mostrar Resumo
  • A saúde é um tema polissêmico e multifacetado para o qual convergem diversas concepções. É uma temática de ensino e de aprendizagem presente em diferentes disciplinas da educação básica, especialmente, as que compõem a área Ciências da Natureza. As concepções sobre saúde podem ser situadas a partir de distintos aspectos, dentre eles, através da análise das interações entre os conhecimentos, os valores e as práticas sociais. Neste sentido, o objetivo deste estudo foi identificar e caracterizar as concepções de saúde presentes no ensino das Ciências da Natureza, considerando os conhecimentos científicos, os valores e as práticas sociais expressos em documentos curriculares e por docentes que atuam no ensino básico. Trata-se de uma pesquisa empírica, de método misto, sequencial e com distintos procedimentos de coleta e de análises dos dados, dentre os quais foi construído e validado um questionário de pesquisa para identificar as concepções de saúde dos docentes. Os resultados das distintas análises indicam que no currículo a saúde é apresentada de forma limitada, os conhecimentos sobre privilegiem os aspectos biológicos do corpo humano, os valores dizem respeito à autonomia dos sujeitos para manter a sua saúde e as práticas indicadas tem um caráter individualizado, com foco na prevenção de doenças e agravos, portanto, uma concepção de saúde com tendência biomédica. Os docentes apresentaram uma concepção de saúde numa perspectiva mais ampla, valorizando conceitos ampliados de saúde, formas de cuidados para além do objeto doença e saúde enquanto um direito social. Entretanto, o tema saúde foi declarado como pouco frequentes nas práticas de ensino destes profissionais. Diante destes resultados, a partir de uma experiência concreta, apresentamos possibilidades de inserção do tema saúde no contexto do ensino de ciências, com abordagens inter e disciplinares em que a saúde pode ser apresentada considerando a sua complexidade e enfatizando o seu aspecto como direito e como política pública. Ressaltamos sobre a importância de o tema saúde está presente em todas as disciplinas e áreas de conhecimento do ensino básico, nos processos formativos dos docentes, além disso, que a sua inserção nos materiais de apoio pedagógico possa contemplar abordagens amplas, considerando os conhecimentos, valores e práticas em torno do tema, tendo em vista que saúde, assim como doença, são quesitos com implicações cientificas, culturais, sociais e políticas.


  • Mostrar Abstract
  • Health is a polysemic and multifaceted theme for which different concepts converge. It is a teaching and learning theme present in different basic education disciplines, especially those that make up the area of Natural Sciences. Conceptions about health can be situated from different aspects, among them, through the analysis of the interactions between knowledge, values and social practices. In this sense, the objective of this study was to identify and characterize the health concepts present in the teaching of Natural Sciences, considering the scientific knowledge, values and social practices expressed in curricular documents and by teachers working in basic education. It is an empirical research, of mixed method, sequential and with different procedures of data collection and analysis, among which a research questionnaire was built and validated to identify teachers' health concepts. The results of the different analyzes indicate that in the curriculum health is presented in a limited way, the knowledge about privileging the biological aspects of the human body, the values refer to the subjects' autonomy to maintain their health and the practices indicated have an individualized character, focusing on the prevention of diseases and injuries, therefore, a conception of health with a biomedical tendency. Teachers presented a concept of health in a broader perspective, valuing broad concepts of health, forms of care beyond the object of disease and health as a social right. However, the health theme was declared as uncommon in the teaching practices of these professionals. In view of these results, from a concrete experience, we present possibilities of insertion of the health theme in the context of science teaching, with inter and disciplinary approaches in which health can be presented considering its complexity and emphasizing its aspect as a right and as public policy. We emphasize the importance of the theme of health being present in all disciplines and areas of knowledge of basic education, in the training processes of teachers, in addition, that its insertion in the pedagogical support materials may include broad approaches, considering the knowledge, values and practices around the theme, considering that health, as well as disease, are issues with scientific, cultural, social and political implications.

7
  • JANY SANTOS SOUZA GOULART
  •  

    UMA ENGENHARIA DIDÁTICA INTERMEDIADA POR UM AMBIENTE HÍBRIDO DE APRENDIZAGEM PARA O ENSINO DA ÁLGEBRA VETORIAL

  • Orientador : LUIZ MARCIO SANTOS FARIAS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • LUIZ MARCIO SANTOS FARIAS
  • ANDRE LUIS MATTEDI DIAS
  • EDILSON FORTUNA DE MORADILLO
  • AVENILDE ROMO VÁZQUEZ
  • HAMID CHAACHOUA
  • MARILENA BITTAR
  • Data: 11/06/2021

  • Mostrar Resumo
  • A pesquisa se concentra no ensino e na aprendizagem da Álgebra Vetorial, no domínio do Curso de Licenciatura em Matemática da Universidade Estadual de Feira de Santana, denotado por nós como CLM - UEFS, a qual se alicerça nos pilares da Teoria Antropológica do Didático – TAD e se respalda em estudos pertencentes ao âmbito da Didática da Matemática, os quais têm revelado peculiaridades que configuram a noção vetorial como um conceito que obstaculiza a aprendizagem. A partir dessas ideias preliminares, nosso interesse de pesquisa trilhou caminhos que nos direcionaram ao objeto matemático vetor e sua estrutura institucional pertencente ao CLM – UEFS, sob a perspectiva de dois aspectos: o primeiro, refere-se à empregabilidade e relevância institucional dos vetores e o segundo, está relacionado a multiplicidade conceitual dos mesmos que podem se vincular aos obstáculos detectados no contexto matemático e didático repercutido no processo de ensino e aprendizagem deste ente matemático. Frente a esta problemática, admite-se a existência e funcionamento de Sistemas Didáticos – SDs, regidos por um conjunto de condições, restrições. Assim, emergiu a premência de analisar as produções e interlocuções dos discentes em relação a esse saber, em termos dos Caminhos de Práticas Pessoais – CPP, no âmbito das tarefas vetoriais a partir das técnicas produzidas no domínio de um Modelo Praxeológico de Referência –MPR, materializado por meio do Ambiente Híbrido de Aprendizagem – AHA, sob uma vertente de desenvolvimento estruturada no quadro de referência didática T4TEL. Dito de outra forma, como mobilizar recombinações praxeológicas, pautadas por condições e restrições, que promovam mediações entre as relações pessoais e institucionais no contexto dos Sistemas Didáticos - SDs subjacente ao saber vetorial no CLM-UEFS? No que tange ao suporte metodológico, a Engenharia Didática – ED, foi implementada para testar as hipóteses, delinear as possíveis recombinações praxeológicas, enquanto mapeamento de rotas e alcance das técnicas no seio de cada Dispositivo Didático - DD que “vive” em AHA, além de permitir a imersão nas descrições do complexo de praxeologias pessoais produzidas pelos protagonistas deste cenário. No que compete aos resultados apontamos para a susceptibilidade de diálogos que contribuam para o rompimento de obstruções inerentes as escolhas dominantes, amplamente cristalizadas, no funcionamento dos Sistemas Didáticos no cenário do CLM-UEFS. A qual se une a emergência de um repertório de Dispositivos Didáticos direcionados ao ensino e aprendizagem vetorial.


  • Mostrar Abstract
  • This research discusses Vector Algebra teaching and learning in the Mathematics Teaching Course at Universidade Estadual de Feira de Santana (Feira de Santana Federal University, in free translation), which will be called CLM – UEFS in this text. It is based on the pillars provided by the Anthropological Theory of the Didactic (ATD) and on studies developed in the scope of Didactics of Mathematics, which have shown peculiarities that categorize vector notion as a concept that makes learning harder. Starting from those preliminary ideas, our research followed a path that led us to vectors as a mathematical object and to their institutional structure in CLM – UEFS, according to two aspects: the first one refers to the application and institutional relevance of vectors, while the second aspect is related to the conceptual multiplicity of vectors, which can be linked to the obstacles detected in the didactical-mathematical context observed in the teaching and learning processes of such mathematical element. In this setting, we admit the existence and functioning of Didactical Systems (DS), coordinated by a set of conditions and restrictions. Therefore, there was the need to analyze students’ productions and interactions regarding vector knowledge in terms of Personal Practice Paths (PPP) in the scope of vector tasks, which were based on techniques produced in a Praxeological Reference Model (PRM), materialized through a Hybrid Learning Environment (HLE) – a form of development centered on the didactical reference framework T4TEL. In other words, there is the question “How to harness praxeological recombinations – guided by conditions and restrictions – which can mediate personal and institutional interactions in the DS related to vector knowledge in CLM – UEFS?”  With regard to methodological support, Didactical Engineering (DE) was implemented in order to test hypotheses and outline possible praxeological recombinations – path mapping and the reach of the techniques in each Didactical Device (DD) that “lives” in the HLE –, in addition to enabling an immersion into the descriptions of the personal praxeological complex produced by the players in this setting. Regarding results, we point to the susceptibility of dialogues that might contribute to removing obstacles related to choices that are dominant and widely crystalized in the functioning of DS in CLM – UEFS. Moreover, there is the emergence of a Didactical Device repertoire aimed at vector teaching and learning.

8
  • GRAÇA REGINA ARMOND MATIAS FERREIRA
  • EDUCAÇÃO AMBIENTAL NO ENSINO
    MÉDIO COM INTERMEDIAÇÃO
    TECNOLÓGICA DIGITAL: NARRATIVAS
    COM/DO/NO CONTEXTO EMITEC

  • Orientador : MARCO ANTONIO LEANDRO BARZANO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARCO ANTONIO LEANDRO BARZANO
  • ECIVALDO DE SOUZA MATOS
  • FABIO PESSOA VIEIRA
  • EDMEA OLIVEIRA DOS SANTOS
  • MONICA MOREIRA DE OLIVEIRA
  • Data: 14/06/2021

  • Mostrar Resumo
  • No cenário contemporâneo, o uso das tecnologias digitais está cada vez mais presente
    nos cotidianos escolares e, neste sentido, aliar esses artefatos com estudos em educação
    ambiental, em uma perspectiva decolonial é pensar em dispositivos de sustentabilidade que
    enfoquem a pluralidade de saberes dos alunos campesinos. Neste contexto, esta pesquisa
    objetivou compreender as narrativas dos estudantes do Ensino Médio com Intermediação
    Tecnológica (EMITec), acerca da percepção ambiental do cotidiano curricular da área de
    ciências da natureza. Tratou-se de uma pesquisa narrativa, com bricolagem metodológica dos
    dispositivos pedagógico/ comunicacionais (AVA, Chat, Facebook e WhatsApp), trazendo
    elementos de etnografia virtual, conversas, questionários, diários de campo online e estratégias
    digitais, de modo a operar a potencialidade das narrativas dos sujeitos da pesquisa: alunos do
    EMITec da localidade de Sempre Viva, Conde-BA. Para isso, buscou-se dialogar com os
    estudos do/no/com cotidiano por meio de conversas, no contexto da cibercultura, partindo dos
    estudos desse diálogo no ciberespaço. Buscamos com os usos desses dispositivos, cartografar
    os sentidos, afetos e percepções sobre meio ambiente, utilizando a multirreferencialidade, tão
    próprio de pesquisas em educação e percepção ambiental pós-moderna, ampliado no contexto
    digital. Os resultados encontrados demonstraram as possibilidades e a potência da inserção das
    tecnologias digitais e as redes sociais para tratar de questões ambientais, compartilhando
    videoimagensnarrativas, que se constituem em memórias digitais, permitindo assim, conhecer
    e divulgar os saberes da comunidade pensando em um diálogo mais dinâmico e reforçando a
    relação de pertencimento local, protagonismo juvenil e os cuidados com o ambiente, de forma
    integrada ao currículo escolar, permitindo um diálogo eternizado e a visibilidade dos saberes
    compartilhados e ampliado de forma potente com o uso as tecnologias digitais de forma original
    no/do/com os alunos do EMITec.


  • Mostrar Abstract
  • In the contemporary scenario, the use of digital technologies is increasingly present in

    school life; in this sense, combining these artifacts with studies in environmental education, in
    a decolonial perspective, is thinking about sustainability devices that focus on the plurality of
    knowledge of rural students. In this context, this research aims to understand the narratives of
    High School students with Technological Intermediation, about the environmental perception
    of the curricular routine in the area of natural sciences. It is a narrative research, with
    methodological bricolage of pedagogical / communicational devices (AVA, Chat, Facebook
    and WhatsApp), bringing elements of virtual ethnography, conversations, questionnaires and
    online field diaries and digital strategies, in order to operate the potential of the narratives of
    the research subjects: EMITec students from Semper Viva, Conde-BA. For this, it sought to
    dialogue with the studies of / in / with everyday life through conversations, as well as about the
    context of cyberculture, through the studies of this dialogue in cyberspace, seeking, with these

    devices, to map the senses, affects and perceptions about the environment, using multi-
    referentiality, so characteristic of postmodern Education and Environmental Perception

    research. The results found demonstrate the possibilities and the power of the insertion of
    technologies to deal with environmental issues, making it possible to know and disseminate the
    knowledge of the community, thinking about a more dynamic dialogue and reinforcing the
    relationship of local belonging and care for the environment, in an integrated way the school
    curriculum, allowing an eternalized and expanded dialogue with the use of digital technologies
    in an original way from / with EMITec students.

9
  • MARITZA MATEUS VARGAS
  • CONCEPÇÕES DOS PROFESSORES DA FORMAÇÃO INICIAL SOBRE A CLASSIFICAÇÃO DOS SERES VIVOS NA PERSPECTIVA DESCOLONIAL: O CASO DO CURSO DE BACHARELADO EM BIOLOGIA DA UNIVERSIDADE DISTRITAL FRANCISCO JOSÉ DE CALDAS E DA UNIVERSIDADE PEDAGÓGICA NACIONAL (BOGOTÁ)
  • Orientador : BARBARA CARINE SOARES PINHEIRO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ADELA MOLINA ANDRADE
  • BARBARA CARINE SOARES PINHEIRO
  • Eraldo Medeiros Costa Neto
  • JUAN MANUEL SANCHEZ ARTEAGA
  • LILIANA VALLADARES
  • ROSILEIA OLIVEIRA DE ALMEIDA
  • Data: 15/06/2021

  • Mostrar Resumo
  • Esta pesquisa tem como foco a exposição da perspectiva decolonial presente nas concepções de professores em formação inicial de biologia de duas universidades públicas da cidade de Bogotá, para determinar que visões os alunos têm em relação a outras formas de conhecimento diferentes das epistemologias europeias. A questão central desta pesquisa é a classificação dos seres vivos, por se tratar de uma construção conceitual, o que a torna um exemplo claro da influência cultural na sua formação como conhecimento. Diversas culturas criam diferentes formas de nomear e organizar organismos com base em suas observações, o que nos permite mostrar as diferenças entre as construções tradicionais e ocidentais. O primeiro capítulo apresenta o contexto, objetivos e modalidade de pesquisa, além da trajetória da pesquisadora principal e a introdução teórica dos temas que serão abordados nos capítulos subsequentes. O segundo e terceiro capítulos apresentam as abordagens teóricas e campos relacionados aos temas da descolonização e classificação dos seres vivos, extraídos da leitura e análise de artigos selecionados por meio de buscadores textuais, essas abordagens e campos temáticos serão os principais referenciais teóricos dos capítulos posteriores. No quarto capítulo estão as dimensões, construídas a partir das entrevistas realizadas com três profissionais das áreas da biologia e da educação, que permitiram a construção de um instrumento destinado aos alunos de licenciatura em biologia. O quinto capítulo apresenta as características descritas nas concepções dos professores de biologia em formação inicial, isto por meio da análise das respostas obtidas na amostra populacional que participou por meio do questionário de ponderação múltipla do tipo Likert. O sexto capítulo mostra as conclusões construídas a partir dos capítulos anteriores.


  • Mostrar Abstract
  • This research focuses on the exposure of the decolonial perspective present in the conceptions of undergraduate students in biology from two public universities in the city of Bogotá, to determine what visions students have in relation to other forms of knowledge different from epistemologies European. The central question of this research is the classification of living beings, as it is a conceptual construction, which makes it a clear example of the cultural influence in its formation as knowledge. different cultures create different ways of naming and organizing organisms based on their observations, this allows us to show the differences between traditional and western constructs. The first chapter presents the context, objectives, and research modality, as well as the trajectory of the main researcher and the theoretical introduction of the topics that will be addressed in subsequent chapters. The second and third chapters show the theoretical approaches and fields related to the themes of decolonization and classification of living beings, extracted from the reading and analysis of articles selected through textual search engines, those approaches, and thematic fields will be the main theoretical references of the later chapters. In the fourth chapter are the dimensions constructed from the interviews carried out with three professionals in the areas of biology and education, which allowed the creation of an instrument aimed at undergraduate students in biology. The fifth chapter shows the characteristics presented in the conceptions of the biology teachers in initial training, this through the analysis of the responses obtained from the population sample that participated through the Likert-type multiple weighting questionnaire. The sixth chapter shows the conclusions built from the previous chapters.

10
  • INDMAN RUANA LIMA QUEIROZ
  • PRÁTICA COMO COMPONENTE CURRICULAR NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE QUÍMICA: REPENSANDO CAMINHOS PARA UMA PRÁXIS REFLEXIVA

  • Orientador : JOSE LUIS DE PAULA BARROS SILVA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ELISA PRESTES MASSENA
  • JOSE LUIS DE PAULA BARROS SILVA
  • LUISA DIAS BRITO
  • MARCO ANTONIO LEANDRO BARZANO
  • NYUARA ARAÚJO DA SILVA MESQUITA
  • ROSILDA ARRUDA FERREIRA
  • Data: 01/07/2021

  • Mostrar Resumo
  • A prática é reconhecida como um componente necessário à formação de professores a cerca de 20 anos e, seu exercício nos cursos de licenciatura brasileiros tem acontecido na forma de Prática como Componente Curricular (PCC), com 400 horas para sua realização. Apesar deste componente ser considerado propício para a promoção da reflexão crítica e sistematização teórica, muitos contextos apresentam dificuldades de realizá-la de modo mais adequado, a exemplo do curso de Licenciatura em Química da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC). A partir da compreensão do professor como um intelectual transformador, realizamos esta investigação com o objetivo de identificar possibilidades de realização da PCC, em cursos de licenciatura em Química, de modo a contribuir para uma práxis reflexiva. A fim de alcançar este objetivo, realizamos a análise documental das Diretrizes Curriculares Nacionais (DCN) para a formação de professores e do Projeto Acadêmico-Curricular (PAC), além de um grupo focal com discentes do curso supracitado. Estes dados foram submetidos à Análise Textual Discursiva (ATD), que possibilitou a construção de sete categorias, sendo cinco delas a priori: Concepções de PCC, Relações da PCC com a teoria, Distribuição da PCC, Atividades da PCC e Contribuições da PCC, e duas emergentes: Problemas da PCC, Necessidades da PCC. Nessa análise identificamos que as DCN não têm subsidiado a PCC para sua realização enquanto práxis reflexiva. Consequentemente, as concepções de PCC no curso analisado, ora não explicitam sua relação com a teoria, ora são inadequadas. Nesse sentido, as relações da PCC com a teoria têm sido frágeis ou inconscientes. Apesar da carga horária de PCC ser alocada nas diversas disciplinas, ela não tem sido realizada de modo articulado com a teoria, logo não têm contribuído para a formação de professores. Para que tais problemas sejam minimizados é preciso que medidas como a adoção de uma perspectiva crítica por parte do corpo docente e discente, mudanças no planejamento e realização do componente e formação do corpo docente. Finalmente, apresentamos as possibilidades para uma PCC como práxis reflexiva, condicionadas a encaminhamentos tais como: a formação de um grupo de professores do Ensino de Química que pense criticamente e sua forte atuação no curso; a promoção do planejamento e realização coletivamente da PCC utilizando o contexto da semana de planejamento pedagógico; a delimitação de um espaço próprio para a PCC a partir da redistribuição de sua carga horária; e, o incentivo à institucionalização da formação continuada.


  • Mostrar Abstract
  • Practice has been recognized as a necessary component for teacher education for about 20 years and its practice in Brazilian undergraduate courses has been carried out in the form of Practice as a Curricular Component (PCC), with 400 hours for its realization. Although this component is considered propitious for the promotion of critical reflection and theoretical systematization, many contexts present difficulties in carrying it out in a more adequate way, as is the case of the undergraduate Chemistry course at the Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC). Based on an understanding of the teacher as an intellectual transformer, we conducted this investigation with the objective of identifying possibilities of carrying out the PCC, in undergraduate courses in Chemistry, in order to contribute to a reflective praxis. In order to achieve this objective, we conducted a documentary analysis of the National Curriculum Guidelines (NCG) for teacher education and of the Academic-Curricular Project (ACP), as well as a focus group with students of the aforementioned course. These data were submitted to Textual Discourse Analysis (TDA), which allowed the construction of seven categories, five of them a priori: Conceptions of PCC, Relationships of PCC with theory, Distribution of PCC, Activities of PCC and Contributions of PCC, and two emerging: PCC Problems, PCC Needs. In this analysis we identified that the NCGs have not subsidized PCC for its realization as a reflective praxis. Consequently, the conceptions of PCC in the analyzed course are sometimes inadequate, sometimes not explicit about its relationship with theory. In this sense, the relationships between PCC and theory has been fragile or unconscious. Although the PCC workload is allocated in several disciplines, it has not been done in a way articulated with theory, and thus has not contributed at all to teacher education. For these problems to be minimized, it is necessary that that measures such as the adoption of a critical perspective by the faculty and students, changes in the planning and realization of the component, and training of the teaching staff are taken. Finally, we present the possibilities for a PCC as a reflexive praxis, conditioned to directions such as: the formation of a group of teachers of Chemistry Teaching who think critically and their strong performance in the course; the promotion of the planning and realization of PCC collectively using the context of the week of pedagogical planning; the delimitation of a proper space for PCC from the redistribution of its workload; and, the incentive to the institutionalization of continued formation

11
  • LUIS ANDRES SOLANO VEGA
  • ABORDAGENS DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL NAS AULAS DE QUÍMICA NA ESCOLA EDUARDO UMAÑA LUNA DE BOGOTÁ: UM ENFOQUE NA CONTEXTUALIZAÇÃO

  • Orientador : MARCO ANTONIO LEANDRO BARZANO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ZULLY CUÈLLAR LÒPEZ
  • FREDY GARAY GARAY
  • BARBARA CARINE SOARES PINHEIRO
  • FABIO PESSOA VIEIRA
  • MARCO ANTONIO LEANDRO BARZANO
  • MARIA INÊZ OLIVEIRA ARAUJO
  • Data: 09/07/2021

  • Mostrar Resumo
  • A tese analisa as abordagens de Educação Ambiental (EA) nas aulas de química do ensino médio à luz do Projeto Ambiental Escolar (PRAE) na escola pública Eduardo Umaña Luna (EUL) de Bogotá. Realizou-se a análise dos propósitos e estrutura de documentos oficiais dos planos, projetos e programas de EA a nível nacional, local e escolar. No caso de Bogotá, as políticas distritais de EA apresentam linearidade e concordância com as políticas nacionais, indicando os contextos e as situações de cada localidade e a organização do território de acordo com características ambientais. No nível escolar, se planeja, desenvolve e ajusta o PRAE ano a ano, apresentando abordagens formativa e recursista, mas concluímos que as problemáticas propostas e finalidades do PRAE não consideram a atual realidade local. Com o intuito de identificar as experiências relacionadas com a EA que foram marcantes no cotidiano dos estudantes, através de entrevista e questionário, foram analisadas as experiências dos estudantes do ensino médio, que participam do cotidiano das salas de aula de química. Ao constatar os propósitos das experiências que os alunos nomearam, reafirma-se duas abordagens mencionadas anteriormente: com aspectos da abordagem da ambientalização curricular e na perspectiva articulada entre a química e a biologia. Partindo da concepção do meio ambiente como lugar percebido (REIGOTA, 1995), em que os elementos naturais e sociais estão em relações dinâmicas e em interação, identificou-se a seguinte tipologia das representações: naturalista, antropocêntrica e globalizante que, para esta pesquisa se tornaram as referências fundamentais. Finalmente, conclui-se que a EA na escola pesquisada precisa estar voltada na formação na resolução dos problemas ambientais locais e globais, levando em consideração a relação que existe entre as pessoas e o meio ambiente, que não limite o meio ambiente como o espaço físico com componentes isolados onde ocorre determinado comportamento.


  • Mostrar Abstract
  • This thesis analyzes the approaches of Environmental Education (EA) in Chemistry classes in secondary education, in the light of the School Environmental Project (PRAE) of the Eduardo Umaña Luna public school in Bogotá, analyzing the purposes and structure of official documents of EA plans, projects and programs at the national, local and school levels; In the case of Bogotá, district EA policies show linearity and concordance with national policies, indicating the contexts and situations of each locality, and the organization of the territory according to environmental characteristics; at the school level, the PRAE is planned, developed and adjusted annually; which presents formative and resourceful approaches; but we conclude that the proposed problems and purposes of the PRAE do not consider the updated local reality. In order to identify the experiences related to EA that were impactful in their daily school life, through interviews and questions, the experiences of the students in the daily life of school and chemistry classes were analyzed, when they saw the purposes of the experiences that the students named, the presence of the two approaches named above is reaffirmed, with aspects of the curricular greening approach, in the perspective articulated with chemistry and biology. Contemplating the conception of the environment as a perceived place (REIGOTA, 1995), where the natural and social elements are in dynamic relationships and in interaction, the following typologies of representations were identified: naturalistic, anthropocentric and globalizing, which were fundamental referents for this research. Finally, it is concluded that Environmental Education in the investigated school should be focused on proposing solutions to local and global environmental problems, taking into account the relationship that exists between people and the environment, which is not limited to considering the environment such as physical space, with isolated components where a certain behavior occurs.

12
  • PEDRO NASCIMENTO MELO
  • AVALIAÇÃO DE UMA SEQUÊNCIA DIDÁTICA COM QUESTÃO SOCIOCIENTÍFICA NA EDUCAÇÃO CTSA, SOB A PERSPECTIVA DA PEDAGOGIA LIBERTADORA DE PAULO FREIRE PARA O ENSINO DE BIOLOGIA DO NÍVEL MÉDIO

  • Orientador : NEI DE FREITAS NUNES NETO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • LEILA CRISTINA AOYAMA BARBOSA
  • DALIA MELISSA CONRADO
  • FABIANA ROBERTA GONCALVES E SILVA HUSSEIN
  • NEI DE FREITAS NUNES NETO
  • ROSILEIA OLIVEIRA DE ALMEIDA
  • Simoni Tormohlen Gehlen
  • Data: 19/07/2021

  • Mostrar Resumo
  • No presente estudo, assume-se que uma concepção de educação científica fundamentada na proposta problematizadora e libertadora de Paulo Freire e que dialoga com a perspectiva CTSA e o ensino baseado em QSC tem potencial para a formação de cidadãos/cidadãs autônomos/autônomas, capacitados/capacitadas a tomarem decisões informadas sobre questões sociopolíticas e socioambientais e participarem ativamente de uma sociedade democrática e pluralista. A pesquisa, da qual resultou a presente tese, teve como objetivo avaliar o potencial de uma sequência didática (SD) para tal formação, a partir do tema foi a relação entre o consumo de alimentos pelos seres humanos e a sobrevivência das populações de abelhas. Elaborada sob a perspectiva da pedagogia libertadora de Paulo Freire em diálogo com o ensino baseado em QSC e com a educação CTSA, a SD teve como objetivo promover o aparecimento de posicionamentos críticos em estudantes do nível médio, a mobilização para ações sociopolíticas e socioambientais e seu desenvolvimento ético-moral. Trata-se de um estudo de abordagem qualitativa, orientada pela perspectiva teórico-metodológica design research, durante o qual foram utilizados os tipos bibliográfico e empírico de pesquisa. A pesquisa empírica teve como objetivo submeter a SD à análise e à avaliação de professores/professoras e/ou pesquisadores/pesquisadoras da área do ensino das Ciências para que estes/estas verificassem o seu potencial para a promoção do aparecimento de posicionamentos críticos nos/nas estudantes. Aos/Às participantes foram enviados por e-mail um questionário para avaliação da SD, o Termo de Consentimento Livre e Esclarecido (TCLE) e o Plano da Sequência Didática (PSD). De acordo com a avaliação dos/das participantes, a SD tem potencial para a promoção do aparecimento de posicionamentos críticos no comportamento dos/das estudantes sobre a relação entre o consumo de alimentos pelos seres humanos e a sobrevivência das populações de abelhas, apresentando as seguintes características: permite a mobilização de várias áreas do conhecimento humano na abordagem da temática da QSC utilizada; descentraliza o processo de ensino-aprendizagem da figura do/da professor/professora; favorece o diálogo e a socialização entre os sujeitos; promove o desenvolvimento de competências no campo do desenvolvimento individual e no campo das relações interpessoais; promove o engajamento crítico dos/das estudantes na resolução de problemas relacionados às relações entre os domínios CTSA e amplia o poder de percepção de um determinado problema.


  • Mostrar Abstract
  • In the present study, it is assumed that a conception of scientific education based on the problematizing and liberating proposal of Paulo Freire and that dialogues with the STSE perspective and a SSI based-teaching has the potential for the formation of empowered autonomous citizens, skilled to make informed decisions on socio-political and socio-environmental issues and to actively participate in a democratic and pluralistic society. The research of this PhD thesis aimed to evaluate the potential of a didactic sequence (SD) for such training, approaching the relationship between food consumption by human beings and the survival of bee populations. Elaborated from the perspective of Paulo Freire's liberating pedagogy in dialogue with a SSI based-teaching and with STSE education, the SD aimed to promote the emergence of critical positions in high school students, the mobilization for socio-political and socio-environmental actions and their ethical-moral development. This is a study with a qualitative approach, guided by the theoretical-methodological perspective of design research, during which the bibliographic and empirical types of research were used. The empirical research aimed to submit the SD to the analysis and evaluation of teachers or researchers in the field of science teaching so that they could verify its potential to promote the emergence of critical positions in students. A questionnaire to assess the SD, the Informed Consent Form and the Didactic Sequence Plan (PSD) were sent to the participants by e-mail. According to the evaluation of the participants, the SD has the potential to promote the emergence of critical positions in the behavior of students on the relationship between food consumption by human beings and the survival of bee populations, presenting the following features: it allows the mobilization of various areas of human knowledge in the approach to the theme of the SSI discussed; decentralizes the teaching-learning processes from the figure of the teacher; favors dialogue and socialization between subjects; promotes the development of competences in the field of individual development and in the field of interpersonal relationships; it promotes the critical engagement of students in solving problems related to the relationships between the STSE domains and increases the power of perception of a given problem.

13
  • JOSÉ ALVES DE OLIVEIRA NETO
  • Três Estudos Sobre o Discurso de Limite: uma abordagem comunicacional 

  • Orientador : JONEI CERQUEIRA BARBOSA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • GRACA LUZIA DOMINGUEZ SANTOS
  • JOAO CLAUDIO BRANDEMBERG QUARESMA
  • JONEI CERQUEIRA BARBOSA
  • LUIZ MARCIO SANTOS FARIAS
  • MÁRCIA MARIA FUSARO PINTO
  • Data: 04/08/2021

  • Mostrar Resumo
  • Nesse trabalho, desenvolvemos um macro projeto de pesquisa sobre os processos discursivos

    desencadeados no ensino e aprendizagem do conceito de limite, o qual foi executado por meio

    da realização de três estudos, que em conjunto, a despeito de seus objetivos particulares, visa

    ampliar o entendimento sobre as complexidades em torno do discurso de limite e contribuir

    com a agenda de investigação deste tema. Para a consecução dos estudos, foram realizadas:

    uma análise documental com artigos científicos sobre os conflitos discursivos na comunicação

    do conceito de limite; uma análise documental com artigos científicos sobre as realizações do

    conceito de limite; e uma análise documental com duas coleções de livros didáticos sobre

    rotinas matemáticas. O primeiro estudo, revelou a existência dos seguinte conflitos discursivos:

    o conflito do limite como aproximação; o conflito processo-objeto do limite; o conflito da

    continuidade do limite; o conflito da dualidade processo-objeto do símbolo 𝑙𝑖𝑚 𝑓(𝑥) = 𝐿; e o 𝑥→𝑎

    conflito da inversibilidade dos discursos x para y e y para x da definição formal de limite. No segundo estudo, construímos um modelo teórico de matemática para o ensino do conceito de limite, a partir das realizações da noção de limite documentadas em artigos científicos que investigam o ensino e a aprendizagem deste conceito. O modelo foi estruturado em quatro cenários: limite como aproximação; limite como modelo para investigar o infinito; limite como taxa de variação instantânea; e limite como objeto matemático formal. Para o terceiro estudo, foram examinadas duas coleções de livros didáticos de matemática da educação básica, visando identificar rotinas matemáticas potencialmente úteis para a exploração da noção de limite neste nível de ensino. A análise identificou dez rotinas potenciais, as quais foram categorizadas em limite aritmético, limite algébrico e limite geométrico, com base nas quais foram desenvolvidas três imaginações pedagógicas, uma de cada categoria. Em conjunto, estes três estudos fornecem uma visão ampla sobre o discurso de limite, podendo contribuir nos campos da produção científica, na formação de professores e na produção de materiais de instrução voltados ao ensino de limite. 


  • Mostrar Abstract
  • In this research work, we have developed a macro project on the discursive processes triggered

    in the teaching and learning of the concept of limit, which was carried out through the

    realization of three studies with particular objectives, which aim to broaden the understanding

    about the complexities surrounding the discourse on limit and contribute to the research agenda

    of this theme. In order to develop the studies, the following actions were carried out: a document

    analysis with scientific articles on discursive conflicts in the understanding of the concept of

    limit; a documentary analysis with scientific articles on the realizations of the concept of limit;

    and a documentary analysis of two textbooks collections on mathematical routines. The first

    study revealed the existence of the following discursive conflicts: the conflict of limit as an

    approximation; the process-object conflict of limit; the conflict of continuity of limit; the

    conflict of process-object duality of the symbol 𝑙𝑖𝑚𝑓(𝑥)=𝐿; and the conflict of the 𝑥→𝑎

    inversibility of discourses x to y and y to x of the formal definition of limit. In the second study, we constructed a theoretical model of mathematics for the teaching of the concept of limit, based on the realizations on notion of limit which were documented in scientific articles which investigate the teaching and learning of this concept. The model was structured in four scenarios: limit as approximation; limit as a model to investigate infinity; limit as instantaneous rate of change; and limit as a formal mathematical object. For the third study, we analyzed two collections of mathematics textbooks of basic education in order to identify potentially useful mathematical routines in order to exploring the notion of limit at this level of education. It was identified ten potential routines, which were categorized as archethretic limit, algebraic limit and geometric limit. They developed three pedagogical imaginations based on the routines, one of each category. Taken together, these three studies provide a broad view on discourse of limits and can contribute in the fields of scientific production, teacher training and in the production of instructional materials aimed at teaching limits. 

14
  • MOISÉS DA CRUZ SILVA
  • PROGRAMAS INSTITUCIONAIS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA: CONTRIBUIÇÕES PARA ATITUDE FRENTE À CIÊNCIA E ENGAJAMENTO ESCOLAR

  • Orientador : AMANDA AMANTES NEIVA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • GEIDE ROSA COELHO
  • ALEXANDRA SOUZA DE CARVALHO
  • AMANDA AMANTES NEIVA
  • ANA PAULA MIRANDA GUIMARÃES
  • ELDER SALES TEIXEIRA
  • OLIVAL FREIRE JUNIOR
  • Data: 13/08/2021

  • Mostrar Resumo
  • A pesquisa investiga a relação entre a atitude para a ciência e engajamento escolar (para universitários dos cursos de Ciências da Natureza) tendo em vista a participação em Programas de Iniciação Científica e Tecnológica(PICT).São empregadostanto o método qualitativo, mediante revisão de literatura, construção de instrumentos de medida e modelo estrutural, quanto o método quantitativo, com tratamento estatístico clássico e modelagem Rasch (através da linguagem de programação R) para os dados coletados. Os instrumentos de coleta (questionários em escala Likert) foram construídos buscando atender tanto a definição dos traços latentes quando suas correlações estabelecidas no modelo estrutural, elaborado para atitude e engajamento. A etapa de validação contou com 14 juízes na fase pareada e 655 estudantes do Ensino Médio na fase amostral, dos cursos Técnico e Superior. Na análise (mediante análise fatorial exploratória e confirmatória) destacamos a avaliação da dimensionalidade, adequação dos itens e consistência interna dos instrumentos. A pesquisa efetiva contou com a participação de 1427 universitários dos cursos de Biologia, Física e Química, na qual realizamos a modelagem Rasch contemplando análise das estimativas da medida dos sujeitos, utilizadas para avaliar as correlações que deram margem para interpretar as relações entre engajamento e atitude, tendo como parâmetro a participação nos cursos. Como resultados destacamos a diferença encontrada para estudantes que participam dos programas de iniciação científica em relação aos demais, tanto para a atitude quanto para o engajamento, indicando a importância desses programas na aprendizagem de conhecimentos científicos, na sua formação acadêmica como um todo e possivelmente na carreira profissional. Não encontramos, contudo, uma relação de dependência linear entre os traços latentes, sugerindo análise a partir de outros métodos em investigação futura. Outro resultado relevante diz respeito as variáveis do Modelo de Regressão Múltipla para descrever os traços atitude e engajamento, cujos modelos apresentaram, com maior destaque, indícios da importância dos preditores tempo de participação em PICT e sexo para descrição dos referidos traços latentes. Por fim ressaltamos as contribuições do trabalho do ponto de vista metodológico (instrumentos e escala validada), acadêmico (conhecimento gerado pela definição de atitude do ponto de vista de modelo estrutural), escolar (implicações para políticas públicas de implementação de PIC).


  • Mostrar Abstract
  • The research investigates the relationship between the attitude towards science and school engagement (for university students of the Natural Sciences courses) regarding Scientific and Technological Initiation Programs (PICT) participation. Qualitative and Quantitative methods were applied in order to construct assessment tools, to evaluate structural model and validate attitude an engagement scales.Classical statistics and Rasch model (through the R programming language) were employed into analysis.Questionnaires (Likert scale ) were designed to meet both the definition of latent traits and their structural model correlations. Validation was performed using answers of 14 judges in the paired phase and 655 high school students in the sampling phase, from the Technical and Higher Education courses. Exploratory and confirmatory factor analysis were performed in order to evaluate dimensionality, items adequacy and internal consistency of the instruments. The effective research had the participation of 1427 university students from Biology, Physics and Chemistry courses. Data were analyzed by Rasch modeling, which provided item and subjects' measurements, used to perform other statistic analysis, as correlations and multiple linear regression. As results, we highlight the difference for students who participate in scientific initiation programs in relation to others, both for attitude and engagement, indicating the importance of these programs in learning scientific knowledge, in their academic training as a whole and possibly in a professional career. We did not find, however, a linear dependence relationship between the latent traits, suggesting an analysis based on other methods for future investigation. Another relevant result concerns the Multiple Regression Model variables to describe the attitude and engagement traits, whose models showed, with greater emphasis, evidence of the importance of the predictors of time of participation in PICT and sex for the description of these latent traits. Finally, we emphasize the contributions of the work from the methodological point of view (instruments and validated scale), academic (knowledge generated by the definition of attitude from the point of view of a structural model), school (implications for public policies for the implementation of PIC).

15
  • EIDER DE SOUZA SILVA
  • ARGUMENTAÇÃO NO ENSINO DE FÍSICA: ANÁLISE DE UMA PROPOSTA DIDÁTICA

  • Orientador : ELDER SALES TEIXEIRA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • Sidnei Percia da Penha
  • CLIMERIO PAULO DA SILVA NETO
  • DIELSON PEREIRA HOHENFELD
  • ELDER SALES TEIXEIRA
  • JOSE LUIS DE PAULA BARROS SILVA
  • Data: 18/08/2021

  • Mostrar Resumo
  • O objetivo deste trabalho é investigar como uma proposta didática, caracterizada
    pelo ensino explícito da argumentação e pelo uso didático da argumentação, pode
    contribuir para o desenvolvimento da habilidade de construir argumentos sobre a
    terceira lei de Newton e para sua aprendizagem, assim como para o processo de
    construção de um argumento coletivo sobre a Gravitação Universal de Newton, dos
    estudantes de Licenciatura em Física de uma universidade pública baiana. Dessa
    forma, almejamos contribuir com a área de ensino de ciências, em especial com o
    ensino de Física, ao produzir conhecimentos, de natureza teórica e prática, sobre a
    interface que envolve o uso da argumentação na formação inicial de professores.
    Por consequência, gerar resultados capazes de colaborar para a elaboração de um
    panorama sobre os efeitos dessa interface no ambiente de sala de aula. A tese é
    apresentada no formato multipaper e a metodologia adotada para a pesquisa é
    qualitativa, sendo baseada em algumas características da Design Research, que
    consiste na realização de etapas ou fases cíclicas compostas por reflexões e
    análises sistemáticas, capazes de garantir, ao final do processo, certo conhecimento
    e afirmações teóricas e práticas sobre a proposta didática. O padrão de argumento
    de Toulmin (2006) foi adotado como referencial teórico de análise e como modelo de
    argumentação. A proposta didática foi aplicada na disciplina de História da Física e
    Ensino I, do curso de Licenciatura em Física de uma universidade pública baiana.
    Os dados foram coletados por meio da gravação em vídeo das interações entre os
    estudantes durante atividades em pequenos grupos, das discussões entre os grupos
    com mediação do professor, do pré-teste e dos argumentos escritos produzidos, de
    maneira individual e coletiva, pelos estudantes. A coleta também ocorreu a partir do
    registro em diário de bordo das descrições e reflexões das atividades realizadas ao
    longo da proposta didática. Para a análise dos argumentos dos alunos, foi realizada
    a transcrição dos vídeos das discussões. Para analisar os argumentos,
    desenvolvemos critérios de análise e adaptamos outros da ferramenta analítica
    desenvolvida por Penha e Carvalho (2015). A partir da análise dos argumentos
    verificamos que: (1) os futuros professores de Física construíram argumentos de boa
    qualidade a partir da mobilização conhecimento científico específico para apoiar a
    conclusão; (2) existem indícios que as atividades em pequenos grupos e entre
    grupos com mediação do professor contribuiram para o processo de aprendizagem
    da terceira lei de Newton; (3) o texto de natureza histórica forneceu elementos para
    que os alunos se envolvessem em interações discursivas durante o processo de
    construção coletiva de um argumento para explicar a causa da manutenção da
    órbita dos planetas


  • Mostrar Abstract
  • The objective of this work is to investigate how a didactic proposal, characterized
    by the explicit teaching of argumentation and by the didactic use of argumentation, it can
    contribute to the development of the ability to build arguments about the
    Newton's third law and for its learning, as well as for the process of
    construction of a collective argument about Newton's Universal Gravitation, from
    Degree students in Physics from a public university in Bahia. Of that
    In this way, we aim to contribute to the area of science education, in particular with the
    teaching Physics, by producing theoretical and practical knowledge about the
    interface that involves the use of argumentation in initial teacher education.
    Consequently, generating results capable of collaborating with the elaboration of a
    overview of the effects of this interface in the classroom environment. the thesis is
    presented in multipaper format and the methodology adopted for the research is
    qualitative, being based on some characteristics of Design Research, which
    consists of carrying out cyclical steps or phases composed of reflections and
    systematic analyses, capable of guaranteeing, at the end of the process, certain knowledge
    and theoretical and practical statements about the didactic proposal. The argument pattern
    de Toulmin (2006) was adopted as a theoretical framework for analysis and as a model of
    argumentation. The didactic proposal was applied in the discipline of History of Physics and
    Teaching I, of the Licentiate Degree in Physics at a public university in Bahia.
    Data were collected through video recording of interactions between the
    students during activities in small groups, discussions between groups
    with the mediation of the teacher, the pre-test and the written arguments produced, of
    individual and collective way, by the students. The collection also took place from the
    logbook record of descriptions and reflections of the activities carried out by the
    throughout the didactic proposal. For the analysis of the students' arguments,
    the transcript of the videos of the discussions. To analyze the arguments,
    we developed analysis criteria and adapted others from the analytical tool
    developed by Penha and Carvalho (2015). From the analysis of the arguments
    we found that: (1) future physics teachers built good arguments.
    quality from the mobilization of specific scientific knowledge to support the
    conclusion; (2) there is evidence that activities in small groups and between
    groups mediated by the teacher contributed to the learning process
    Newton's third law; (3) the text of a historical nature provided elements for
    that students engage in discursive interactions during the process of
    collective construction of an argument to explain the cause of the maintenance of
    orbit of the planets.

16
  • PAULO ROBERTO NOVAIS SOARES DE QUADROS
  • PARQUES CIENTÍFICOS E TECNOLÓGICOS: UMA HISTÓRIA DE 40 ANOS DA CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO, ENTRE ACERTOS E DESACERTOS, NO BRASIL (1981-2020).

  • Orientador : AMILCAR BAIARDI
  • MEMBROS DA BANCA :
  • AMILCAR BAIARDI
  • MOEMA DE REZENDE VERGARA
  • ELIAS RAMOS DE SOUZA
  • HORACIO NELSON HASTENREITER FILHO
  • ALEX VIEIRA DOS SANTOS
  • Data: 30/08/2021

  • Mostrar Resumo
  • As iniciativas de Parques Científicos e Tecnológicos (PqCT) e afins completaram 40 anos, desde a sua gênese, a partir da criação de Núcleos de Inovação Tecnológica, em 1981, no Brasil. Mas aqueles ainda se revestem como uma temática controversa, em face dos vultosos investimentos públicos federais que vêm recebendo ao longo dos anos. Isso porque, segundo especialistas internacionais presentes no Seminário Internacional de Parques Tecnológicos (1987), o Governo Federal, em particular, não deveria se envolver em nenhuma das etapas (projeto, implantação ou operação) dos Parques, pois estes são, por natureza, instituições do setor privado “capitalista”, de impacto local, em face do output prometido: produtos inovadores ao mercado consumidor. Para fundamentar a minha tese, que questionou os resultados proporcionados pelos PqCT à sociedade que os financiam, através do pagamento de impostos, propus aspectos metodológicos qualitativos menos presentes na literatura nacional. Para facilitar a compreensão do leitor interessado pelo objeto estudado, em especial daquele não especializado, fiz uso de uma linguagem menos formal, mas ainda assim aderente aos preceitos acadêmicos. Inicialmente, contextualizei o surgimento de dois paradigmas da inovação (Stanford Industrial Park e “Vale do Silício”), a partir da dinâmica empreendedora estadunidense na criação de uma universidade privada (em contraste com as universidades públicas brasileiras), das oportunidades criadas pela 2ª Grande Guerra/Guerra Fria e da atuação diferenciada de um professor/gestor inspirador. Depois debati a visão latino-americana da inovação como mecanismo para o desenvolvimento da região. Em relação ao Brasil, descrevi as primeiras ações relacionadas aos Parques, em especial aos anais do Seminário supracitado, como central para demonstrar que já se sabia, àquela época, que o nosso país, bem como outras nações da América Latina, não possuía os pressupostos para que iniciativas de Parques obtivessem êxito. Mesmo assim, percebeu-se novos e vultosos investimentos, do Governo Central, envolvendo a ação de atores da Academia e Governo, nas suas diversas instâncias, próximos às multinacionais e grandes empresas públicas, contudo afastados do setor privado que, por sua vez, não manifestou interesse na aproximação com aquela, para realizarem P&D cooperados e gerar produtos inovadores, a partir de pesquisas sobre C&T, por conflito de interesses históricos, ainda não superados. Realizei uma análise quantitativa básica de 110 T&D, obtendo indicadores reveladores e inéditos, que contribuiu na melhor compreensão dessa instituição multifacetada, com inúmeras possibilidades de enfrentamentos e interpretações. Eu concretizei, através desta tese, uma dessas combinações. Ainda identifiquei diversas inconsistências em pesquisas governamentais conduzidas, em parceria, com universidades e organização da sociedade civil, com grande interesse no sucesso dos Parques nacionais, bem como de organismos de financiamento dos Parques, com severas críticas aos seus resultados. Por fim, apresentei um recorte longitudinal do PqCT mais referenciado pelos autores das T&D, revelando diversos aspectos relevantes à minha pesquisa. Nas considerações finais teci alguns comentários e destaquei que meu olhar crítico, em todas as etapas da tese, foi sempre no intuito de construir “uma história”, entre tantas, a partir da minha percepção, me atendo a dados e fatos objetivos, ciente de que outros deverão contestá-los ou confirmá-los. Assim evolui a ciência brasileira.

    OBS.: RESUMO RETIFICADO.


  • Mostrar Abstract
  • The initiatives of Scientific and Technological Parks (PqCT) have completed 40 years, since its genesis, by the creation of Centers for Technological Innovation (1981) in Brazil. But those are still a controversial issue, due to huge federal public investments they have been receiving over the years. According to international experts present at the International Seminar on Technological Parks (1987), the Federal Government should not be involved in any of the stages (design, implementation, or operation) of the Parks, because these are, by nature, institutions of the private sector with local impact, due to its promised output: innovative products to the consumer market. To support my thesis, which questioned the results provided by the PqCT to society that finances them, through the payment of taxes, I proposed qualitative methodological aspects less present in the national literature. To facilitate the understanding of the reader interested in the studied object, especially the non-specialized one, I made use of a less formal language, but still adherent to the academic precepts. Initially, I contextualized the emergence of two paradigms of innovation (Stanford Industrial Park and "Silicon Valley"), as a result of the American entrepreneurial dynamics in the creation of a private university (in contrast to Brazilian public universities), the opportunities created by the 2nd World War/Cold War and the differentiated performance of an inspiring professor/manager. Then I debated the Latin American vision of innovation as a mechanism for the development of the region. In relation to Brazil, I described the first actions related to the Parks, especially the aforementioned seminar, as central to demonstrate that it was already known, at that time, that our country, as well as other Latin American nations, did not have the presuppositions for Parks initiatives to succeed. Even so, new, and large investments were noticed by the Central Government, involving the action of academy and government actors, in their various instances, close to multinationals and large public companies, yet away from the private sector, which, in turn, showed no interest in bringing it closer to it, to perform cooperative R&D and generate innovative products, based on Research on C&T, by conflict of historical interests, not yet overcome. I performed a basic quantitative analysis of 110 T&D, obtaining revealing and unpublished indicators, which contributed to the better understanding of this multifaceted institution, with numerous possibilities of confrontations and interpretations. I realized, through this thesis, one of these combinations. I also identified several inconsistencies in government research conducted, in partnership with universities and civil society organization, with great interest in the success of national Parks, as well as Parks funding agencies, with severe criticism of their results. Finally, I presented a longitudinal section of the PqCT most referenced by the authors of T&D, revealing several aspects relevant to my research. In the final considerations I made some comments and highlighted that my critical look, at all stages of the thesis, was always to build "a story", among many, from my perception, based on data and objective facts, aware that others should contest them or confirm them in the future. This is how Brazilian science evolves.

17
  • FÁBIO HENRIQUE DE ALENCAR FREITAS
  • Leggett, Descoerência, Estilo

  • Orientador : OLIVAL FREIRE JUNIOR
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CHRISTOPH LEHNER
  • CLIMERIO PAULO DA SILVA NETO
  • JOAO CARLOS SALLES PIRES DA SILVA
  • OLIVAL FREIRE JUNIOR
  • OSVALDO FROTA PESSOA JUNIOR
  • Data: 01/10/2021

  • Mostrar Resumo
  • A descoerência é um dos mais importantes temas da pesquisa

    contemporânea em fundamentos da mecânica quântica, porém se

    conhece muito pouco sobre como esse processo se desenvolveu e, além

    disso, como se tornou um fenômeno. Esse trabalho se dedica a responder

    esse problema ao focar no trabalho de Anthony Leggett e em como ele

    tentava desafiar a mecânica quântica. Sua pesquisa estava

    principalmente dedicada a encontrar situações concretas nas quais a

    mecânica quântica falharia, mas ele terminou comprovando a teoria mais

    profundamente, levando-a a novas direções, incluindo o que viria a ser

    conhecido como descoerência. Todo esse trabalho contribuiu fortemente

    para o desenvolvimento da física, o que o agraciou com o prêmio Nobel,

    mas o deixou fora de sintonia com outros pesquisadores em

    fundamentos da mecânica quântica. Ao mesmo tempo, enquanto a

    maioria dos pesquisadores em fundamentos enfrentou problemas em

    suas carreiras, Leggett nunca teve um desafio semelhante. Para dar conta

    disso, nós usamos a ideia de estilo de pesquisa e como ela condiciona a

    recepção do trabalho de Leggett. Como estilo é um conceito que vem

    originalmente do campo das artes, nós examinamos a controvérsia sobre

    ele dentro da estética para permitir uma reflexão e encontrar uma noção

    adequada para o nosso uso. O resultado foi a identificação de estilo como

    uma característica individual que é tanto intencional como controlável


  • Mostrar Abstract
  • Decoherence is one of the most important subjects in contemporary

    research about foundations of quantum mechanics, but very little is

    known about how it became so and, even further, how it became a

    phenomenon. This work goes in the direction of answering the problem

    by focusing on the work of Anthony Leggett and how he was trying to

    challenge quantum mechanics. His research was mainly directed to

    finding concrete situations in which quantum mechanics would break

    down, but he ended up confirming even further the theory to new

    directions, including what would later be known as decoherence. All this

    confirmation heavily contributed to the development of physics, which

    awarded him the Nobel prize, but left him out of tune with other

    researchers on foundations of quantum mechanics. At the same time,

    while the majority of researchers on foundations faced problems in their

    careers, Leggett never faced any at all. To account for this, we use the

    idea of style of research and how this shaped the reception of Leggett’s

    work. As style is a concept that is originally from the field of art, we

    examined the controversy about it in aesthetics in order to reflect about

    it and find a suitable notion for our use. The result was the identification

    of style as an individual trait that is both intentional and controllable

18
  • LÍDIA CABRAL MOREIRA
  • INVESTIGANDO CARACTERÍSTICA DE UMA INTERVENÇÃO EDUCACIONAL PARA O ENSINO DE FISIOLOGIA HUMANA A PARTIR DE UMA ABORDAGEM RELACIONAL

  • Orientador : AMANDA AMANTES NEIVA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • AMANDA AMANTES NEIVA
  • ANA PAULA MIRANDA GUIMARÃES
  • CHARBEL NINO EL HANI
  • JORDELINA LAGE MARTINS WYKROTA
  • AYANE DE SOUZA PAIVA
  • WANDERLEY PAULO GONÇALVES JÚNIOR
  • GABRIEL RIBEIRO
  • Data: 20/10/2021

  • Mostrar Resumo
  • Esta tese parte de uma crítica ao ensino conteudista, memorístico e fragmentado, que histórica e tradicionalmente é praticado na abordagem de conteúdos de fisiologia humana no Ensino Médio. Essa abordagem se restringe ao conhecimento dos componentes dos sistemas e suas funções, sem estabelecer relações entre eles ou relacioná-los a processos fisiológicos mais amplos. Isso acarreta uma série de problemas para compreensão dos estudantes sobre a complexidade do corpo humano. O objetivo geral desta tese é investigar princípios de design de uma intervenção educacional para promover entendimento de fisiologia humana numa perspectiva relacional. Primeiramente, apresentamos e discutimos um levantamento bibliográfico sobre o ensino de fisiologia humana na literatura brasileira. Em seguida, construímos uma estrutura conceitual para abordagem relacional da fisiologia humana – estrutura CMF e argumentamos sobre os critérios dessa estruturação e forma de aplicação. Posteriormente, elaboramos e validamos uma intervenção educacional com abordagem relacional para ensinar fisiologia humana no Ensino Médio e utilizamos o referencial teórico da Pesquisa de Design Educacional para elaborar três princípios de design para a intervenção. No terceiro momento aplicamos essa intervenção no contexto real da sala de aula do 3º ano, abordando os conteúdos de sistema digestório, respiratório e circulatório, para validar os princípios de design e analisamos os resultados dessa validação. Para coletar os dados que compõem essa tese utilizamos diversos instrumentos de coleta de dados, como, livros e artigos disponíveis na Web, questionário de validação pelos pares, testes de validação e os instrumentos para coletar os dados de aprendizagem dos estudantes (Testes de conhecimento e Resolução de questões da QSC). Os resultados dão uma série de indicativos que apontam que os princípios de design foram validados a partir do alcance das nossas expectativas de ensino para cada um dele, como o princípio de uso didático de uma QSC e abordagem relacional da fisiologia humana. O princípio de trabalho cooperativo foi razoavelmente validado e fazemos apontamentos de melhoria para aplicação em estudos futuros. Esperamos que este estudo contribua para outras pesquisas que pretendem investigar características de intervenções educacionais no âmbito do ensino de Ciências, sendo seus resultados parâmetros para gerar insights sobre a utilização da QSC e da abordagem relacional no ensino de fisiologia humana.


  • Mostrar Abstract
  • This thesis starts from a critique of content, memoiristic and fragmented teaching, which is historically and traditionally practiced in the approach to human physiology contents in high school. This approach is restricted to knowledge of the components of systems and their functions, without establishing relationships between them or relating them to broader physiological processes. This poses a series of problems for students' understanding of the complexity of the human body. The general objective of this thesis is to investigate design principles of an educational intervention on human physiology to promote relational understanding of physiological processes by high school students. First, we present and discuss a bibliographical survey on the teaching of human physiology in Brazilian literature. Then, we build a conceptual framework for a relational approach to human physiology – CMF framework and argue about the criteria for this structuring and application form. Subsequently, we developed and validated an educational intervention with a relational approach to teach human physiology in high school and used the theoretical framework of Educational Design Research to elaborate three design principles for the intervention. In the third moment, we apply this intervention in the real context of the 3rd year classroom, addressing the contents of the digestive, respiratory and circulatory systems, to validate the design principles and analyze the results of this validation. To collect the data that make up this thesis, we use several data collection instruments, such as books and articles available on the Web, peer validation questionnaires, validation tests, and instruments to collect student learning data (knowledge tests and Resolution of QSC issues). The results give a series of indications that indicate that the design principles were validated based on the achievement of our teaching expectations for each one of them, such as the principle of didactic use of a QSC and relational approach to human physiology. The cooperative work principle has been reasonably validated and we make suggestions for improvement for application in future studies. We hope that this study will contribute to other research that intends to investigate characteristics of educational interventions in the field of Science teaching, and its results are parameters to generate insights about the use of QSC and the relational approach in the teaching of human physiology.

19
  • HELAINE DA SILVA SOUZA
  • O PERCURSO HISTÓRICO DO INSTITUTO ANÍSIO TEIXEIRA NA EDUCAÇÃO BAIANA: MEMÓRIAS DOS PROFESSORES DA REDE ESTADUAL DE ENSINO

  • Orientador : GUSTAVO RODRIGUES ROCHA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • GUSTAVO RODRIGUES ROCHA
  • RAFAEL MOREIRA SIQUEIRA
  • LETICIA DOS SANTOS PEREIRA
  • DIOGO FRANCO RIOS
  • JOUBERT LIMA FERREIRA
  • Data: 21/10/2021

  • Mostrar Resumo
  • Durante o século XX, alguns nomes representaram mudanças na história educacional brasileira e baiana; dentre eles, podemos citar Anísio Teixeira e suas iniciativas para a institucionalização da pesquisa educacional, através de projetos e centros de pesquisas espalhados pelo território nacional. Nesse contexto, trazemos para o estado da Bahia, por meio da história recente, a significativa atuação do INEP-Bahia e o legado que deixou, dentre tantos nomes que compactuaram com suas ações e atividades, durante a sua vigência. É senso comum que a pesquisa educacional se mostra como indispensável na promoção de melhoria nessa área e, em algumas regiões do Brasil, apresentaram-se de forma tardia. Esta investigação tem a proposta de focalizar os antecedentes históricos que influenciaram a Criação do Instituto Anísio Teixeira, em 1983, vinculado à Secretaria de Educação, como órgão responsável por estudos e pesquisas educacionais, apontando suas iniciativas para a educação baiana e sua atuação com respeito aos problemas educacionais identificados. E, nessa perspectiva, almeja-se visitar historicamente as iniciativas realizadas para a etapa do Ensino Médio, com um olhar especialmente para as disciplinas de Matemática e Física, na cidade de Salvador. Tomando como aporte teórico, documentos em bibliotecas, memoriais, relatórios, revistas e documentos pessoais, foi construída uma linha histórica do Instituto Anísio Teixeira, desde a sua criação, com recorte até o ano 2000. Foi realizado o acréscimo do recurso das fontes orais para o resgate das narrativas e memórias dos professores do Ensino Médio que participaram das atividades com as disciplinas de Matemática e Física dessa época, lançando luz sobre a forma como esses problemas impactavam em sua prática docente. A tese é organizada no formato multipaper, composta de um capítulo de introdução, cinco artigos científicos e um capítulo com as reflexões finais. Os resultados da pesquisa indicam que os processos tardios de iniciativas políticas e financeiras, na educação básica baiana, representaram um considerável atraso na consideração dos problemas educacionais voltados para o Ensino Médio, o que se traduziu em uma sucessão lacunar para a educação pública presente na atualidade.


  • Mostrar Abstract
  • During the 20th century, a few names represented changes in Brazil and Bahia’s educational history; among them, we can mention Anísio Teixeira and his initiatives to the institutionalization of the educational research, through projects and research centers throughout national territory. In this context, we bring to the state of Bahia, through recent history, the significant role of INEP-Bahia and the legacy it left behind, among many names that agreed with its actions and activities, during its term. It is common sense that the educational research proves to be indispensable in promoting improvement in this area and, in some regions of Brazil, it has been presented late. This investigation aims to focus on the historical background that influenced the creation of the Anísio Teixeira Institute, in 1983, linked to the Department of Education as the body responsible for educational studies and research, pointing out its initiatives to Bahia’s education and its performance regarding the educational problems identified. And, in this perspective, the aim is to visit historically the initiatives carried out for the stage of Secondary School, with a special look to the disciplines of Mathematics and Physics in the city of Salvador. Taking as theoretical support library documents, memorials, reports, magazines and personal documents, a historical line of the Anísio Teixeira Institute was built since its creation, with a cutout until the year 2000. The use of oral sources was added to rescue the narratives and memories of Secondary School teachers who participated in activities with the disciplines of Mathematics and Physics at that time, shed light on how these problems impacted their teaching practice. The thesis is organized in multipaper format, consisting on an introductory chapter, five scientific articles and a chapter with the final reflections. The results of the research indicate that the late processes of political and financial initiatives, in Bahia’s basic education, represented a considerable delay inconsidering the educational problems related to Secondary School, which translated into a lack of public education present today.

20
  • IVANISE GOMES ARCANJO DINIZ
  • HISTÓRIA DOS CURSOS TÉCNICOS DOS CENTROS INTEGRADOS DE EDUCAÇÃO NA BAHIA: MATEMÁTICA, SABERES E PRÁTICAS DOCENTES (1970 – 1982)

  • Orientador : GUSTAVO RODRIGUES ROCHA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • GUSTAVO RODRIGUES ROCHA
  • ANDRE LUIS MATTEDI DIAS
  • RAFAEL MOREIRA SIQUEIRA
  • ELIENE BARBOSA LIMA
  • JANICE CASSIA LANDO
  • Data: 27/10/2021

  • Mostrar Resumo
  • Esta pesquisa tem por objetivo investigar historicamente a constituição dos saberes docentes de professores que ensinaram Matemática, nos cursos técnicos dos Centros Integrados de Educação (CIEs), na Bahia, entre os anos de 1970, ano dcriação dos cursos técnicos dos CIEs, e 1982, referente à implantação da Lei no 7.044/82, que desobrigava as instituições escolares de ofertar apenas cursos técnicos no 2o grau, flexibilizando a ampliação de horas-aula de disciplinas do núcleo comum, como Matemática, nas matrizes curriculares dos cursos técnicos. Os CIEs foram escolas públicas estaduais implantadas inicialmente em cinco municípios baianos, os quais contavam com diferentes níveis de ensino, desde o primário (antecedendo o ginásio) até o secundário (antecedendo o ensino superior) – com a inserção de cursos técnicos e/ou científico. Para se analisar os processos e dinâmicas da constituição dos saberes docentes envolvidos na formação de professores e no ensino ministrado no período em estudo, recorreu- se aos registros das fontes identificadas nesta investigação localizados nos acervos escolares dos CIEs, nas entrevistas e nos documentos escolares e pessoais dos ex-professores e ex-alunos, em possíveis diálogos com as políticas educacionais, no período em estudo. Buscou-se responder à seguinte questão de pesquisa: como se constituíram os saberes docentes de professores que ensinaram Matemática, nos cursos técnicos dos Centros Integrados de Educação na Bahia? Como resultados deste estudo, considera-se que, nesse período, ocorreram processos de construção e transformação de saberes docentes de professores que ensinaram Matemática, nos cursos técnicos dos CIEs, os quais estão relacionados ao ensino dessa disciplina, como a sistematização de elementos da Matemática moderna, a formação geral dos técnicos e a intensificação de uma matéria mais aplicada à formação específica desses técnicos, com elementos de sua versão moderna. Dessa forma, conclui-se que a constituição desses saberes docentes, mobilizados pelo processo de formação inicial e continuada de professores que lecionaram Matemática nos CIEs, diferenciava-se pela formação desses docentes, pelas escolhas dos livros didáticos, mas estabeleciam aproximações de uma Matemática atribuída a cada curso técnico.


  • Mostrar Abstract
  • This research aims to historically investigate the constitution of the teaching knowledge of teachers who taught Mathematics, in the technical courses of the Integrated Education Centers (CIEs), in Bahia, between the 1970s, the year of creation of the CIEs’ technical courses, and 1982 , referring to the implementation of Law No. 7,044/82, which released school institutions from offering only high school technical courses, making the expansion of class hours of common core subjects, such as Mathematics, in the curriculum of technical courses more flexible. The CIEs were state public schools initially implemented in five municipalities in Bahia, which had different levels of education, from primary (preceding high school) to secondary (preceding higher education) - with the inclusion of technical and/or scientific courses . To analyze the processes and dynamics of the constitution of teaching knowledge involved in teacher education and teaching during the period under study, we used the records of the sources identified in this investigation located in the school collections of the CIEs, in interviews and in school and personal documents of former teachers and former students, in possible dialogues with educational policies, in the period under study. We sought to answer the following research question: how was the teaching knowledge of teachers who taught Mathematics constituted in the technical courses of the Integrated Education Centers in Bahia? As a result of this study, it is considered that, in this period, there were processes of construction and transformation of teaching knowledge of teachers who taught Mathematics, in the technical courses of the CIEs, which are related to the teaching of this discipline, such as the systematization of elements of modern Mathematics, the general training of technicians and the intensification of a subject more applied to the specific training of these technicians, with elements of its modern version. Thus, it is concluded that the constitution of this teaching knowledge, mobilized by the process of initial and continuing education of teachers who taught Mathematics in CIEs, differed in the training of these teachers, in the choices of textbooks, but established approaches to an assigned Mathematics to each technical course.

21
  • JAIRO ROBLES PINEROS
  • Etnoecologia, Formação de professores de ciências e Letramento Ecológico: Desenvolvendo um perfil culturalmente sensível.

  • Orientador : GEILSA COSTA SANTOS BAPTISTA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ADELA MOLINA-ANDRADE
  • DANILO SEITHI KATO
  • FABIO PEDRO SOUZA DE FERREIRA BANDEIRA
  • GEILSA COSTA SANTOS BAPTISTA
  • NADENKA BEATRIZ MELO BRITO
  • Data: 29/10/2021

  • Mostrar Resumo
  • A educação científica intercultural requer de negociações entre sistemas de conhecimento e as tensões que possam surgir entre eles. Sobre a base do trabalho de campo etnobiológico, intervenções educacionais e trabalho colaborativo entre diferentes atores do processo, explorou-se o potencial da educação científica intercultural e do desenvolvimento de um perfil culturalmente sensível em professoras de ciências para mediar entre o conhecimento ecológico tradicional (CET) e o acadêmico (CEA) nas práticas de ensino de ecologia. O objetivo deste trabalho, de natureza qualitativa, foi dar continuidade a uma pesquisa de mestrado desenvolvida nos anos 2015-2016 no Município de Coração de Maria (Bahia, Brasil), visando ampliar o processo de investigação sobre abordagens etnoecológicas no processo de formação continuada de professoras de ciências das escolas participantes, no intuito de descrever e desenvolver um perfil culturalmente sensível no processo de ensino de ciências (ecologia) encaminhado ao letramento ecológico e tomada de decisões por parte dos estudantes no que se refere às relações ecológicas e insetos de importância agrícola.

    Para isto, foi desenvolvido um trabalho colaborativo a partir da perspectiva metodológica da pesquisa transdisciplinar e uma colaboração e coprodução de conhecimento entre universidade, comunidade e escola (Pesquisador-Professor-Comunidade); propor um modelo teórico-metodológico para tentar relacionar o conhecimento ecológico acadêmico (CEA) com o conhecimento ecológico tradicional (CET) sobre os insetos, os métodos de cultivo das duas comunidades agrícolas as quais pertencem os estudantes; buscando com isto i). Possibilidades para o diálogo intercultural (interepistémico e interontológico) no processo educativo; ii). Concretizar o desenvolvimento de recurso didático em forma de quadrinhos baseado no diálogo intercultural para a abordagem da ecologia; iii). Desenvolver um re-design didático para propor uma sequência de ensino intercultural; e iv). Contribuir na formação continuada das 4 professoras participantes no que tange ao desenvolvimento de um perfil culturalmente sensível no ensino da biologia.

    Desta forma, desenvolver uma postura crítica frente ao etnocentrismo e a superioridade epistêmica no ensino de ciências, e guiar atividades dentro de uma educação científica intercultural que dialogue não só com os compromissos epistêmicos dos participantes senão que reconhece e negocia com os compromissos ontológicos no processo. Essas duas ações, entendidas como um processo educacional sensível à diversidade cultural, especificamente em relação ao ensino da biologia (ecologia). Em conclusão, é preciso fomentar a formação (inicial e continua) de docentes-pesquisadores capazes de reconhecer e valorar as diferencias culturais e negociar entre sistemas de conhecimento. Esse trabalho considera-se uma contribuição em ambos os campos, em primeiro lugar, focado no processo de formação de professores de ciências para o desenvolvimento de um perfil culturalmente sensível; e em segundo lugar para discutir contribuições teórico-empíricas na consolidação de uma educação científica intercultural.


  • Mostrar Abstract
  • Intercultural scientific education requires negotiations among the knowledge systems and the tensions that could emerge between them. On the basis of ethnobiological fieldwork, educational interventions and collaborative work between different actors of the process, was explored the potential of intercultural science education and the development of a culturally sensitive profile in science teachers to mediate between Traditional Ecological Knowledge (TEK) and Academic (AEK) in teaching practices. The objective of this work, qualitative nature was to continue with a master degree research developed in the years of 2015 to 2016 in the Village of Coração de Maria (Bahia, Brazil), seeking to enlarge the research process about ethnoecological approaches to in-service science teachers from participant schools, with the idea of describe and develop a culturally sensitive profile in science education (ecology) aiming at ecological literacy and decision making by students towards ecological relationships and insects with agricultural relevance.

    For this, was developed a collaborative work since a transdisciplinary methodological perspective and a collaboration and knowledge co-production between, university, community and school (researcher-teachers-community); and then, to propose a theoretical-methodological model to relate the Academic Ecological Knowledge (AEK) with Traditional Ecological Knowledge (TEK) about insects, crop methods form the two villages which students belongs; seeking with these i). Possibilities to intercultural dialogue (interepistemical and interontological) into the educative process; ii). To concrete the development of a didactical resource in comic format based on intercultural dialogue to ecology approaching; iii). Develop a didactical re-design to propose an intercultural teaching-learning sequence; and iv). To contribute in the continued training of the 4 participant teachers towards the development of a culturally sensitive profile sensitive to cultural diversity in biology teaching.

    Thus, to develop a critics standing toward ethnocentrism and epistemic superiority in science teaching, and to guide activities into intercultural science education process that dialogues not only with epistemic commitments of the participants, but recognize and negotiate the ontological commitments in the process also. These two actions, understood as an educational process sensitive to cultural diversity, specifically related with biology teaching (ecology). In conclusion, it is precise fostering the teacher-researcher (pre and in-service) training capable to recognize and valuing cultural differences and negotiate between knowledge systems. This work is considered a contribution in both fields, first, focused in science teacher training to the development of a culturally sensitive profile, and second, to discuss theoretical-empirical contributions in an intercultural science education consolidation.

22
  • ROBERTA GONDIM BRITTO
  • Um estudo inspirado na sociologia fenomenológica das trajetórias de professores/as que ensinam computação

  • Orientador : ANDREIA MARIA PEREIRA DE OLIVEIRA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANDREIA MARIA PEREIRA DE OLIVEIRA
  • ECIVALDO DE SOUZA MATOS
  • JONEI CERQUEIRA BARBOSA
  • PATRICIA PETITINGA SILVA
  • ROSEMEIRE DE FÁTIMA BATISTELA
  • Data: 29/10/2021

  • Mostrar Resumo
  • Este estudo tem como tema geral o desenvolvimento profissional docente de professores/as de Computação não licenciados/as que atuam em cursos de licenciatura na área. O relatório de pesquisa está organizado em formato multipaper e visa compreender as percepções desses/as docentes sobre suas escolhas, ações, perspectivas e trajetórias vivenciadas a partir de três momentos: anterior ao ingresso na docência, imediatamente posterior ao ingresso na docência no curso de licenciatura em Computação e momento presente. Para tanto, três objetivos orientaram o estudo: (i) identificar, descrever e analisar as circunstâncias de ingresso que levaram esses/as profissionais à carreira docente; (ii) identificar, descrever e analisar as experiências que esses/as professores/as têm (ou tiveram) sobre a prática docente nos três primeiros anos de exercício docente no curso de licenciatura em Computação; e, por fim, (iii) identificar, descrever e analisar transformações percebidas por esses/as docentes formadores/as de futuros/as professores/as de Computação. Trata-se de uma pesquisa qualitativa, que procura contribuir com os estudos da profissionalidade e do desenvolvimento profissional docente de professores/as que ensinam Computação, tendo como inspiração as concepções teóricas da fenomenologia social de Alfred Schutz sobre mundo da vida, intersubjetividade, ação e motivação. O material empírico foi produzido por meio de entrevistas narrativas, e os procedimentos de análise estão fundamentados em estruturas fenomenológicas de análise e variações interpretativas. Os resultados apontaram tipos ideais de formadores/as de futuros/as professores/as de Computação e nos mostraram que professores/as de Computação não licenciados/as compreendem o trabalho docente na dimensão do contexto de vida experienciado por eles/as, não se orientando em concepções teóricas e/ou pedagógicas, e que o convívio com o/a outro/a, a maturidade e as formações continuadas podem ser vistos como episódios que impulsionam o desenvolvimento profissional docente dos/as professores/as que ensinam Computação. Os resultados ainda indicaram que esses/as profissionais percebem seu desenvolvimento docente por meio de suas forma-ações e de seus anseios, de modo que aquelas requerem responsabilidade e disposição para ensinar e aprender, e estes, realização e satisfação com a profissão. Como implicação, esses resultados sugerem que o desenvolvimento profissional docente de professores/as de Computação não licenciados/as pode ser estimulado por formações e/ou complementações pedagógicas, além de nos mostrar o desenvolvimento profissional desses/as professores/as como um campo novo e aberto para pesquisas que busquem investigar o ensino, os currículos e a formação docente dos/as professores/as que ensinam Computação. Assim, compreender os anseios e modos de agir dos/as docentes da área durante suas trajetórias profissionais implicou também contribuir com as pesquisas sobre a profissionalidade e o desenvolvimento profissional docente, em especial no desenvolvimento de competências e habilidades tanto do ato de ensinar quanto do ato de formar futuros/as professores/as da área.


  • Mostrar Abstract
  • This study has as its general theme the professional development of computing professors with bachelor or technologist degrees who teaching in the computing graduation. The research report is organized in a multipaper format and aims to understand the perceptions of these professors about their choices, actions, perspectives and trajectories experienced from three moments: before entering teaching, immediately after entering teaching in the computing graduation and present moment. For such, three objectives guided the study: (i) identify, describe and analyze the circumstances of entry that led these professionals to the teaching career; (ii) identify, describe and analyze the experiences these professors have (or had) about teaching practice in the first three years of teaching in the computing graduation; and, finally, (iii) identify, describe and analyze transformations perceived by these computing professors. This is a qualitative research, which seeks to contribute to the studies of professionality and professional development of professors who teach computing, taking as inspiration the theoretical conceptions of Alfred Schutz's social phenomenology about the world of life, intersubjectivity, action and motivation. The empirical material was produced through narrative interviews, and the analysis procedures are based on phenomenological structures of analysis and interpretive variations. The results pointed out ideal types of computing professors and showed us that these professors understand the teaching work in the dimension of the life context experienced by them, not orienting themselves in theoretical and/or pedagogical conceptions, and that the interaction with the other, maturity and continuing education can be seen as episodes that boost the professional development of professors who teach computing. The results also indicated that these professionals perceive their teacher development through their form-actions and their wishes. Those require responsibility and willingness to teach and learn, and these, fulfillment and satisfaction with the profession. As an implication, these results suggest that the professional development of Computer teachers can be stimulated by pedagogical training and/or complementation’s, besides showing us the professional development of these teachers as a new and open field for research that seeks to investigate the teaching, curricula and teacher training of professors who teach Computing. Thus, understanding the wishes and ways of acting of professors in the area during their professional trajectories also implied contributing to research on professionality and professional development of professors, especially in the development of skills and abilities both in the act of teaching and in the act of training. future teachers in the area.

23
  • ANA CAROLINE SANTOS BITTENCOURT
  • A morte nos vivos: pequenas histórias de vida e morte

  • Orientador : ANDRE LUIS MATTEDI DIAS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANDRE LUIS MATTEDI DIAS
  • JONEI CERQUEIRA BARBOSA
  • JOÃO LUÍS ANZANELLO CARRASCOZA
  • MARCO ANTONIO LEANDRO BARZANO
  • MARIA JÚLIA KOVACS
  • SUELY AIRES PONTES
  • Data: 07/12/2021

  • Mostrar Resumo
  • Por que evitamos pensar em nossa própria morte e na morte de quem amamos? Por que a morte
    nos causa tanto pavor? Por que fingimos que a morte está morta? Quando estas perguntas
    passaram a fazer parte das minhas reflexões íntimas e cotidianas, este trabalho começou a viver.
    Na busca por possíveis respostas, fui encontrando outras perguntas: Por que eu, professora de
    duas disciplinas [Ciências e Biologia] dedicadas ao estudo da vida e das várias formas como
    ela se apresenta, não discutia, em minhas aulas, aspectos relacionados à morte humana? Como
    falar sobre a morte em sala de aula? É possível uma Educação para a Morte? Os textos que
    compõem esta tese refletem as incertezas e possibilidades que atravessam estas perguntas: 1.
    No texto de abertura – A morte está morta? – é possível encontrar a fundamentação teórico-
    metodológica que norteou o desenvolvimento desta pesquisa; 2. A Parte I – Revivendo a vida
    na morte – retrata algumas das minhas experiências íntimas relacionadas à morte e ao processo
    de morrer e, talvez, a leitura destas histórias possam ajudar na compreensão de como cheguei
    até aqui; 3. A Parte II – Revivendo a morte na vida dos outros – pode ser lida como o resultado
    do meu trabalho de campo, que buscou responder à seguinte questão: Quais os significados que
    estudantes do Ensino Fundamental (anos finais) atribuem à morte e ao processo de morrer? Em
    busca desses significados, observei, escutei e li um conjunto de relatos de experiências vividas
    e compartilhadas pelos meninos e meninas que participaram deste estudo. A
    análise/interpretação desses relatos será apresentada através de pequenas histórias de vivos e
    histórias vivas de mortos; 4. Por fim, cada leitor ainda poderá debruçar-se sobre um breve
    posfácio ou transitórias considerações finais. Espero que esse conjunto de textos possa abrir
    espaço, em alguma consciência, para diálogos íntimos sobre a morte e, quem sabe, conversando
    e meditando sobre a morte, possamos ouvir melhor as inquietações das nossas próprias vidas.
    Todas as histórias, aqui reunidas, são histórias vividas, sentidas, reinventadas e imaginadas. São
    histórias que refletem não a morte, mas, sim, o que podemos interpretar e arriscar a discutir: A
    morte nos vivos.


  • Mostrar Abstract
  • Why do we avoid thinking about our own death and the death of those we love? Why does
    death frighten us so much? Why do we pretend that death is dead? When these questions
    became part of my intimate and daily reflections, this work started to live. In the search for
    possible answers, I came across other questions: Why did I, a teacher of two subjects [Science
    and Biology] dedicated to the study of life and the multiple ways in which it presents itself, had
    never discussed, in my classes, aspects related to human death? How does one talk about death
    in a classroom? Is a Death Education possible? The texts that constitute this thesis reflect the
    uncertainties and possibilities that go through these questions: 1. In the opening text - Is death
    dead? - it is possible to find the theoretical-methodological foundation that guided the
    development of this research; 2. Part I - Reliving life in death - portrays some of my intimate
    experiences related to death and the process of dying and, maybe, the reading of these stories
    may help in understanding how I got here; 3. Part II – Reliving death in another’s life – can be
    read as my field work’s result, which focused on answering the following question: What
    meanings do Elementary Students (last years) give to death itself and the process of dying?
    Looking for these meanings, I observed, listened to and read a set of accounts of experiences
    lived and shared by the boys and girls who were a part of this study. The analysis/interpretation
    of these accounts will be presented through short stories about living people and living stories
    about the dead; 4. Finally, each reader can still lean on a brief afterword or transitory final
    remarks. I hope that this set of texts may open space, in some awareness, for more intimate
    dialogs about death, and, who knows, talking and meditating about death we can better hear the
    concerns of our lives. All stories gathered here are lived, felt, reinvented, and imagined. These
    are stories that reflect not only death, but what we can perceive and risk discussing: Death in
    the living.

24
  • ANNA CASSIA DE HOLANDA SARMENTO
  • Ensinando sobre aquecimento global por meio de uma abordagem contextualizada pelas relações entre Ciência-Tecnologia-Sociedade-Ambiente no ensino médio de biologia

  • Orientador : NEI DE FREITAS NUNES NETO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANA PAULA MIRANDA GUIMARÃES
  • CHARBEL NINO EL HANI
  • DALIA MELISSA CONRADO
  • FABIANA ROBERTA GONCALVES E SILVA HUSSEIN
  • NEI DE FREITAS NUNES NETO
  • PEDRO GUILHERME ROCHA DOS REIS
  • Data: 07/12/2021

  • Mostrar Resumo
  • Muitas propostas educacionais têm sido conduzidas no ensino de ciências com a perspectiva de promover uma educação científica contextualizada por aspectos históricos, filosóficos e sociais a fim de, desconstruir as concepções hegemônicas acerca do consumismo e da degradação ambiental. Sabemos que vivemos um momento de crise ambiental, diretamente relacionada à forma como utilizamos ou nos relacionamos com a natureza. Para enfrentar esse desafio e mitigar seus efeitos é imprescindível modificar as relações de exploração entre os indivíduos e os recursos do planeta, sendo uma transformação profundamente ética. Para tanto, buscamos investigar uma abordagem de ensino baseada em questões sociocientíficas (QSC), uma vez que permite contextualizar as ciências escolares, em termos históricos, filosóficos, epistemológicos, éticos, políticos, sociais e ambientais e proporciona um tratamento inter- ou transdisciplinar do tema. Essa abordagem aponta um caminho promissor para a mudança de atitude em busca de justiça social e sustentabilidade ambiental. Diante do exposto, o presente trabalho tem o objetivo de investigar, por meio de uma pesquisa situada na sala de aula, as características de uma sequência didática (SD) sobre aquecimento global no ensino de biologia que tenham o potencial de fomentar as dimensões conceituais, procedimentais e atitudinais (CPA) dos conteúdos científicos para ações sociopolíticas em estudantes da primeira série do ensino médio. Nossa pesquisa é baseada no marco de referência da pesquisa de design educacional, bem como em outros referenciais teóricos das seguintes áreas: história e filosofia da ciência (HFC), ciência, tecnologia, sociedade e ambiente (CTSA), ensino baseado em QSC e ensino de ética. Além disso, a abordagem pedagógica usada no nosso trabalho teve o modelo STEPWISE como inspiração. O primeiro capítulo apresenta a introdução, o problema de pesquisa e os objetivos. O segundo capítulo apresenta o referencial teórico-metodológico que apoiou o estudo e o percurso metodológico que seguimos. O terceiro e quarto capítulos apresentam, respectivamente, a fase de pesquisa preliminar com os resultados do estudo do contexto e a construção do quadro teórico a partir do diálogo da literatura pertinente com o conhecimento docente. O quarto capítulo apresenta, como resultados, a sistematização dos princípios de design e a construção do primeiro protótipo da SD. O quinto capítulo apresenta os resultados do primeiro ciclo da fase de prototipagem, a partir de uma validação dialógica que possibilitou o refinamento e construção do segundo protótipo da SD. O capítulo seis apresenta os resultados do segundo ciclo de validação da fase de prototipagem no contexto real de ensino. Os resultados apresentados no capítulo seis serviram para construir o material curricular educativo apresentado no capítulo sete. A validação dos princípios de design produz as respostas para a pergunta de pesquisa que orientou o presente trabalho: quais características uma sequência didática sobre aquecimento global, no ensino médio de biologia, deve apresentar para fomentar as dimensões conceituais, procedimentais e atitudinais (CPA) dos conteúdos científicos para ações sociopolíticas em estudantes da primeira série do ensino médio? A pesquisa foi desenhada para validar, no contexto de ensino, apenas dois dos princípios de design que orientaram o planejamento e a investigação da inovação educacional. Para a validação do princípio de design que tem como característica um enfoque sobre ética, incorporando uma abordagem que considera as diferentes perspectivas acerca da ontologia moral, foram usados os resultados das análises de dois casos, por meio de ferramentas de análise do nível de letramento científico crítico e de análise da proposição e implementação da ação sociopolítica. Foram usados também os resultados obtidos em questionário Likert sobre atitudes. Para a validação do princípio de design que tem como característica o uso de uma abordagem integrada HFC/CTSA, foram usados também os resultados das análises dos casos, a partir dos instrumentos citados, os resultados do questionário Likert e de um questionário fechado com foco no conteúdo conceitual. As análises dos dados nos permitiram inferir que os princípios de design propostos para a construção da SD foram validados, uma vez que possibilitaram: (1) uma ampliação da consideração moral dos estudantes e a tomada de decisões informadas pela ciência e fundamentadas em princípios e argumentos éticos; e (2) a formação de cidadãos mais autônomos e críticos, capazes de tomar decisões e implementar ações sociopolíticas socialmente mais justas e ambientalmente sustentáveis. Desse modo a pergunta de pesquisa que orientou o estudo foi respondida.


  • Mostrar Abstract
  • Many educational proposals have been conducted in science teaching with the perspective of promoting a scientific education contextualized by historical, philosophical and social aspects in order to deconstruct the hegemonic conceptions about consumerism and environmental degradation. We know that we are living in a moment of environmental crisis, directly related to the way we use or relate to nature. To face this challenge and mitigate its effects, it is essential to modify the exploitation relationships between individuals and the planet's resources, which is a profoundly ethical transformation. For this, we seek to investigate a teaching approach based on socio-scientific issues (SSI), as it allows the contextualization of school science in historical, philosophical, epistemological, ethical, political, social and environmental terms and provides an inter- or transdisciplinary treatment of the theme. This approach points to a promising path for changing attitudes towards social justice and environmental sustainability. Given the above, this work aims to investigate, through a research situated in the classroom, the characteristics of a didactic sequence (DS) on global warming in the teaching of biology that have the potential to foster conceptual, procedural and attitudinal (CPA) dimensions of scientific content for sociopolitical actions in first grade high school students. Our research is based on the educational design research reference mark, as well as on other theoretical references from the following areas: history and philosophy of science (HPS), science, technology, society and environment (STSE) education, SSI-based teaching and ethics teaching. Furthermore, the pedagogical approach used in our work was inspired by the STEPWISE model. The first chapter presents the introduction, the research problem and objectives. The second chapter presents the theoretical and methodological references that supported the study and the methodological path we followed. The third and fourth chapters present, respectively, the preliminary research phase with the results of the study of the context and the construction of the theoretical framework from the dialogue of the relevant literature with the teaching knowledge. The fourth chapter presents, as results, the systematization of the design principles and the construction of the first DS prototype. The fifth chapter presents the results of the first cycle of the prototyping phase, based on a dialogic validation that enabled the refinement and construction of the second DS prototype. In turn, chapter six presents the results of the second cycle of validation of the prototyping phase in the real teaching context. The results presented in chapter six served to build the educational curriculum material presented in chapter seven. The validation of design principles produces the answers to the research question that guided this work: what characteristics a didactic sequence on global warming, in high school biology, should present to foster the conceptual, procedural and attitudinal dimensions (CPA) of the scientific contents for sociopolitical actions in first grade high school students? The research was designed to validate, in the teaching context, two of the design principles that guided the planning and investigation of educational innovation. For the validation of the design principle, which is characterized by a focus on ethics, incorporating an approach that considers the different perspectives on moral ontology, the results of the analysis of two cases were used, through analysis tools of the level of scientific literacy critical and the analysis of the proposition and implementation of sociopolitical action. The results obtained from a Likert questionnaire on attitudes were also used. For the validation of the design principle, which is characterized by the use of an integrated HPS/STSE approach, the results of the analysis of the cases were also used, from the cited instruments, the results of the Likert questionnaire and a closed questionnaire focused on the conceptual content. Data analysis allowed us to infer that the design principles proposed for the construction of DS were validated, as they enabled: (1) an expansion of students' moral consideration and decision-making informed by science and based on principles and ethical arguments; and (2) the formation of more autonomous and critical citizens, capable of taking decisions and implementing more socially just and environmentally sustainable sociopolitical actions. Thus, the research question that guided the study was answered.

25
  • LEONARDO CELIN PATINO
  • DUAS TEORIAS PEDAGÓGICAS NO ENSINO DE CIÊNCIAS, ENFOQUE CIÊNCIA, TECNOLOGIA E SOCIEDADE (CTS) E PEDAGOGIA HISTÓRICO CRÍTICA (PHC), UMA ANÁLISE CRÍTICA DESDE O MATERIALISMO DIALÉTICO. Quais as contradições e possibilidades de síntese superadora?

  • Orientador : BARBARA CARINE SOARES PINHEIRO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • BARBARA CARINE SOARES PINHEIRO
  • EDILSON FORTUNA DE MORADILLO
  • LUIZ CARLOS SOARES
  • JULIA MALANCHEN
  • ABRAAO FELIX DA PENHA
  • Data: 16/12/2021

  • Mostrar Resumo
  • A presente pesquisa pretende estabelecer um estudo teórico prático com as linhas educacionais Ciência, Tecnologia e Sociedade (CTS) e a Pedagogia Histórico Crítica (PHC), sob da perspectiva dialética materialista. O estudo proposto estabelecerá os pontos de afastamento e os pontos de encontro destas duas correntes teóricas em educação em ciências, com vistas a construir um modelo de ensino que permita a intervenção na sala de aula. Essa proposta foi testada na disciplina “O professor e o ensino de química” QUI A43. 2018.2 nas turmas da tarde e da noite. A nossa tese está fundamentada no paradigma critico-dialético e é de natureza qualitativa. Para a realização dos nossos objetivos, utilizaremos, em primeiro lugar as técnicas da pesquisa teórica, para nos aprofundar nas ontologias das linhas CTS e PHC e, em segundo lugar, procedimentos metodológicos para a pesquisa em sala de aula, a entrevista semiestruturada (individual e em grupo focal) e análise documental (trabalhos dos estudantes e questionários). Consideramos estes caminhos importantes porque permitem dialogar com duas abordagens educacionais que são complementares, mas marcham sem pontes de comunicação. No momento atual é uma necessidade engajar-nos com os problemas sociais mais gerais através de práticas educacionais locais. Refletir sobre a ciência é também refletir sobre a desigualdade social e refletir sobre a desigualdade social é também refletir sobre a ciência.


  • Mostrar Abstract
  • The present research intends to carry out a practical theoretical dialogue with the educational lines Science, Technology and Society (CTS) and Crítical Historical Pedagogy (PHC), from a materialistic dialectical perspective. The proposed dialogue will establish the points of departure and the meeting points of these two theoretical currents in education in sciences, with a view to constructing a route of intervention in the classroom that allows their interaction. This proposal will be tested in the subject "The professor and the teaching of chemistry" QUI A43. 2018.2 in the afternoon and evening classes. Our thesis is based on the paradigm of crítical theory (critico-dialectic) and is qualitative in nature. For the accomplishment of our objectives, we will use as methodológical procedures the semi-structured interview (individual and in focus group) and documentary analysis (student work and questionnaires). This thesis we consider important because it tries to dialogue two educational approaches that being complementary march without strong bridges of communication. At the present time it is a necessity to engage with the more general social problems through local educational practices. Reflecting on science is also reflecting on social inequality and reflecting on social inequality is also reflecting on science.

26
  • MARIANA RODRIGUES SEBASTIÃO DE ALMEIDA
  • Educomunicação e Educação Científica: Possibilidades e Limites do Diálogo.

  • Orientador : REJANE MARIA LIRA DA SILVA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ISMAR DE OLIVEIRA SOARES
  • DIOGO LOPES DE OLIVEIRA
  • GEILSA COSTA SANTOS BAPTISTA
  • LYNN ROSALINA GAMA ALVES
  • REJANE MARIA LIRA DA SILVA
  • SIMONE TEREZINHA BORTOLIERO
  • Data: 16/12/2021

  • Mostrar Resumo
  • Esta Pesquisa, de natureza qualitativa, teve como principal objetivo investigar potencialidades e limitações de uma intervenção pedagógica educomunicativa que estimulou o diálogo com estudantes sobre os conhecimentos científicos acerca do tema Água. Foi realizada em São Francisco do Paraguaçu, comunidade rural quilombola do Recôncavo Baiano, lugarejo que vivencia diferentes processos relacionados à água: a existência de fontes com valor histórico, a presença tímida do esgotamento sanitário, a distribuição irregular do recurso nas residências e a poluição da Baía do Iguape, que recebe as águas da Baía de Todos os Santos e do Rio Paraguaçu. Para atender ao seu objetivo central, ancorou-se em cinco objetivos específicos, a saber: compreender os processos socialmente construídos sobre água pelos comunitários; estruturar uma Agência Jovem de Notícias (AJN) como intervenção educomunicativa; analisar a construção do diálogo dos jovens com os conhecimentos científicos durante a intervenção; retroalimentar as percepções previamente compreendidas sobre a temática; e, finalmente, discutir as potencialidades e limitações do paradigma educomunicativo para o tipo de diálogo desejado. Para cada uma das fases instituídas, foram utilizados procedimentos metodológicos específicos: primeiro, para compreender os processos construídos sobre água pela comunidade, nos apropriamos de princípios da etnometodologia e as estratégias principais foram a observação participante acrescida da realização de entrevistas informais e semiestruturadas com jovens, líderes comunitários, moradores e trabalhadores da Empresa Baiana de Águas e Saneamento S.A. A implementação da AJN, por sua vez, caracterizada aqui como uma atividade de educação não-formal, seguiu o método educomunicativo como eixo vertebrador do processo, associada aos princípios de uma educação CTS (Ciência, Tecnologia e Sociedade). Seis jovens participaram dela produzindo textos jornalísticos, fotografias e vídeos sobre água e esgotamento sanitário, relacionando e refletindo informações obtidas através das pesquisas em livros, revistas, entrevistas com professores e moradores do povoado. Esta pesquisa gerou duas instâncias de análise: 1) a interpretação dos processos construídos sobre água pela comunidade; 2) A análise do planejamento e da execução da AJN. Os resultados dão conta de que, embora a realização de um trabalho desta magnitude apresente uma série de dificuldades relacionadas principalmente ao espaço escolar e ao papel do educomunicador, os ganhos levantados pela intervenção, que foi ancorada na investigação, produção, análise crítica, protagonismo estudantil e criatividade, sugerem uma nova forma de trabalhar ciências com jovens de comunidades, trazendo os conhecimentos o mais perto possível das suas realidades. Nossa Tese é que este é o caminho para uma educação científica libertadora que ajude os indivíduos a transformar a sua realidade através de ações pensadas e bem discutidas.


  • Mostrar Abstract
  • This qualitative-nature research aimed mainly to investigate potentialities and limitations of an educommunicative pedagogical intervention that encouraged dialogue with students about scientific knowledge on the topic Water. It was carried out in São Francisco do Paraguaçu, a rural Quilombola community of the Recôncavo region of Bahia state, a village that experiences different processes concerning water: the existence of historically valued springs, the timid presence of sanitary sewage system, the irregular distribution of the resource in the houses and the pollution of the Iguape Bay, which receives water from Bay of All Saints and of Paraguaçu River. To meet its main objective, this study underpinned in five specific goals, namely: to understand the processes socially built about water by the community members; to structure a Young News Agency (YNA) as an educommunicative intervention; to analyse the dialogue construction of young people with scientific knowledge during the intervention; to feedback previously understood perceptions regarding the topic; and, lastly, to discuss the potentialities and limitations of the educommunicative paradigm for the type of expected dialogue. For each of the imposed stages, specific methodological procedures were used: first, to understand the processes built about water by the community, we apprehended the ethnomethodology principles and the main strategies were participant observation in addition to carrying out informal and semi-structured interviews with young people, community leaders, inhabitans and workers from Bahia Water and Sanitation Company S.A. (business corporation). The implementation of YNA, in turn, caracterized here as a non-formal education activity, followed the educommunicative method as the process vertebral axis, associated to the principles of a STS (Science, Technology and Society) education. Six young people attended it producing jornalistic texts, photographs and videos about water and sanitary sewage system, relating and reflecting pieces of information gotten through research in books, magazines, interviews with teachers and village’s inhabitants. This research resulted in two analysis instances: 1) Interpretation of the processes built about water by the community; 2) Analysis of the planning and execution of the YNA. The results show that, although the performance of a work of such importance presents a range of difficulties related to, mainly, school environment, and the educommunicator’s role, the gains raised by the intervention, which was underpinned by investigation, production, critical analysis, student protagonism and creativity, suggest a new way of working on kinds of science with community’s young people, bringing knowledge as closer as possible to their realities. Our theory is that this is the path to a liberating scientific education that helps individuals transform their lives through thoughtful and well-discussed actions.

27
  • ROBERTO LUIZ KRUGER
  • APRENDIZAGEM BASEADA EM PROBLEMAS NA MOTIVAÇÃO DE ESTUDANTES APRENDER MECÂNICA DOS SÓLIDOS

  • Orientador : ELDER SALES TEIXEIRA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ELDER SALES TEIXEIRA
  • ANDREIA MARIA PEREIRA DE OLIVEIRA
  • JOSE FERNANDO MOURA ROCHA
  • ALESSANDRO FREDERICO DA SILVEIRA
  • MILTON SOUZA RIBEIRO
  • Data: 16/12/2021

  • Mostrar Resumo
  • A tecnologia tem mudado a forma como as pessoas interagem com a informação nas últimas décadas, mas a maioria das escolas ainda adota o método tradicional de ensino, centrado no professor. Esta disparidade entre o mundo tecnológico e o tradicional pode causar desmotivação nos alunos e um baixo nível de assimilação de conhecimentos importantes para sua formação. Neste contexto, dentre outras alternativas propostas na atualidade para mudar esta situação, há um destaque para a Aprendizagem Baseada em Problemas (ABP) como um modelo educacional centrado no aluno, que serve, não apenas para melhorar a aprendizagem, mas também para motivar os alunos. Portanto, o objetivo deste trabalho foi de investigar a possível influência da aplicação da ABP na motivação acadêmica dos estudantes da disciplina de Mecânica dos Sólidos 2 do curso de engenharia mecânica de uma instituição pública de ensino. Para avaliar o nível de motivação dos alunos, durante dois semestres letivos consecutivos foram aplicados questionários baseados em escala de motivação acadêmica e realizadas entrevistas com os alunos, antes e depois da aplicação da ABP. O trabalho também inclui uma explanação sobre o referencial teórica da ABP, que tem suas raízes fundamentadas nas filosofias progressista e construtivista da educação. Em cada semestre em que a pesquisa foi realizada, a aplicação da ABP ocorreu sobre um tópico específico com duração de quatro semanas. Todas as aulas e encontros foram realizados de forma remota devido à necessidade de distanciamento social causado pela pandemia do vírus covid 19. Os resultados obtidos apontam para um aumento discreto no nível de motivação acadêmica dos alunos após a aplicação da ABP.


  • Mostrar Abstract
  • Technology has changed the way people interact with information in recent decades, but most schools still adopt the traditional teacher-centered method of teaching. This disparity between the technological and traditional worlds can cause demotivation in students and a low level of assimilation of important knowledge for their training. In this context, among other alternatives currently proposed to change this situation, there is an emphasis on Problem-Based Learning (PBL) as a student-centered educational model that serves not only to improve learning, but also to motivate students. Therefore, the objective of this work was to investigate the possible influence of the application of PBL on the academic motivation of students in the discipline of solid mechanics in the mechanical engineering course of a public educational institution. To assess the level of motivation of students, for two consecutive academic semesters, questionnaires based on an academic motivation scale were applied and interviews were conducted with students, before and after the application of the PBL. The work also includes an explanation of the theoretical framework of the PBL, which has its roots in the progressive and constructivist philosophies of education. In each semester in which the research was carried out, the application of the PBL took place on a specific topic, lasting four weeks. All classes and meetings were held remotely due to the need for social distancing caused by the covid 19 virus pandemic. The results obtained point to a slight increase in the level of academic motivation of students after the application of the PBL.

28
  • Francisco de Assis Pinto da Silva
  • A RAZÃO MUNDANIZADA: Ciência e Teorias da Ciência nas Entrelinhas da Literatura de Massas - O caso dos métodos investigativos na Ficção Policial.

     

  • Orientador : LUIZ CARLOS SOARES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MAURO LUÍS IASI
  • BARBARA CARINE SOARES PINHEIRO
  • INDIANARA LIMA SILVA
  • JOSÉ LUIZ GOLDFARB
  • LUIZ CARLOS SOARES
  • Data: 20/12/2021

  • Mostrar Resumo

  • Projeto que visa o Doutoramento em “Ensino, História e Filosofia da Ciência” (UEFS/UFBA), 2017. O autor propõe ser possível identificar um diálogo entre cultura erudita e cultura de massas, a primeira na forma de teorias da ciência e a segunda na forma de narrativas de ficção policial, produzida a partir de 1840. O trabalho tem por objetivo identificar em seis romances policiais, representativos do gênero, elementos essenciais de teorias da ciência que tenham sido produzidas durante o período. A técnica utilizada é a análise textual (História Social e Escola de Frankfurt). Cinco escritores de ficção policial são investigados: Edgar A. Poe, Arthur C. Doyle, Agatha Christie, Dashiell Hammett e Patricia Highsmith. Dois epistemólogos são estudados: Mill e Wittgenstein.


  • Mostrar Abstract
  • Project aimed at the PhD in "Teaching, History and Philosophy of Science" (UEFS/UFBA), 2017. The author proposes that it is possible to identify a dialogue between high culture and mass culture, the first in the form of theories of science and the second in the form of detective fiction narratives, produced from 1840 onwards. The work aims to identify, in six detective novels, representative of the genre, essential elements of theories of science that have been produced during the period. The technique used is textual analysis (Social History and Frankfurt School). Five crime fiction writers are investigated: Edgar A. Poe, Arthur C. Doyle, Agatha Christie, Dashiell Hammett, and Patricia Highsmith. Two epistemologists are studied: Mill and Wittgenstein.

2020
Dissertações
1
  • CAROLINA SANTOS BONFIM
  •  Ideias de universitários cegos sobre a Natureza da Ciência (NOS)

  • Orientador : NELSON RUI RIBAS BEJARANO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • BARBARA CARINE SOARES PINHEIRO
  • ANDRE LUIS MATTEDI DIAS
  • NELSON RUI RIBAS BEJARANO
  • GERSON DE SOUZA MOL
  • ROSÁRIA DA SILVA JUSTI
  • Data: 28/01/2020

  • Mostrar Resumo
  • na presente dissertação propomos um diálogo entre Ensino de Ciências e Educação Inclusiva, tendo em vista a importância que NOS (Nature of Science, pt. Natureza da Ciência) exerce nas pesquisas da área de Ensino de Ciências e da crescente discussão acerca do Ensino Inclusivo. Nesse sentido, investigamos as ideias de universitários cegos sobre Natureza da Ciência, por meio de entrevistas semiestruturadas. Para tal fim, elaboramos e validamos um instrumento inspirado em duas das principais perspectivas, propostas por Norman Lederman e Douglas Allchin, dividido em duas partes. Essas perspectivas, a rigor, destoam entre si, mas são comparáveis. Não há um impedimento em utilizá-las, desde que reconheçamos seus limites e distinções. A visão consensual, encabeçada por Lederman, tem no VNOS o seu instrumento mais difundido, por meio do qual concepções sobre NOS são acessadas, mediante questionamentos abertos sem um contexto específico. Em contrapartida, Allchin no âmbito de suas críticas ao VNOS e às listas consensuais, apresenta como alternativa a Whole Science, tendo como característica central a contextualidade, amparada na história das ciências. Destarte, identificamos e caracterizamos as ideias de discentes cegos do Ensino Superior na ausência e na presença de contexto. O instrumento é constituído de perguntas genéricas sobre as ciências, modificadas do PISA e VNOS (ausência de contexto), um caso sobre homeopatia e um caso sobre vacinas, seguidos de perguntas (presença de contexto). Dentro do contexto, os sujeitos conseguiram alcançar aspectos da NOS com maior amplitude e profundidade, mostrando ter uma noção abrangente das ciências, elencando em seus argumentos aspectos econômicos, sociais, políticos e de saúde pública. No que se refere à ausência de contexto, constatamos carência de argumentos epistêmicos e, em certo nível, um alcance das discussões sobre NOS, relativas à inexistência de um método científico único e universal, por exemplo. Buscamos também compreender seus imaginários sobre cientistas e se/como distinguem ciências de outras formas de conhecimento.  Os sujeitos, apesar de reconhecerem a importância da visão para a produção do conhecimento científico, não a consideram essencial, pois, segundo eles, cegos podem apresentar atributos vantajosos para as ciências, como capacidade de se concentrar mais no pensamento do que na visão. 


  • Mostrar Abstract
  • In the present dissertation we propose a dialogue between Science Teaching and Inclusive Education, considering the importance that NOS (Nature of Science, pt. Nature of Science) has in the research of Science Teaching area and the growing discussion about Inclusive Education. In this sense, we investigated the ideas of blind university students about the Nature of Science, through semi-structured interviews. To this end, we designed and validated an instrument inspired by two of the main perspectives, proposed by Norman Lederman and Douglas Allchin, divided into two parts. These perspectives, in fact, differ from each other, but they are comparable. There is no impediment to using them as long as we recognize their limits and distinctions. The consensus view, headed by Lederman, has in VNOS his most widespread instrument, through which conceptions about NOS are accessed through open questions without a specific context. On the other hand, Allchin, in his criticism of VNOS and consensual lists, presents Whole Science as an alternative, having as its central characteristic the contextuality, supported by the history of the sciences. Thus, we identify and characterize the ideas of blind students of Higher Education in the absence and presence of context. The instrument consists of generic questions about science, modified from PISA and VNOS (absence of context), a case about homeopathy and a case about vaccines, followed by questions (presence of context). Within the context, the subjects were able to reach NOS aspects with greater amplitude and depth, showing to have a comprehensive notion of the sciences, listing in their arguments economic, social, political and public health aspects. With regard to the lack of context, we find a lack of epistemic arguments and, to a certain extent, a range of discussions about NOS, concerning the lack of a single and universal scientific method, for example. We also seek to understand their imaginary about scientists and whether / how they distinguish science from other forms of knowledge. The subjects, although recognizing the importance of vision for the production of scientific knowledge, do not consider it essential because, according to them, blind people may have advantageous attributes for the sciences, such as the ability to focus more on thinking than on sight.
2
  • LÍLIA FERREIRA SOUZA QUEIROZ
  • CONTRIBUIÇÕES DO PLURALISMO DE PAUL FEYERABEND PARA O ENTENDIMENTO DOS ERROS CIENTÍFICOS 

  • Orientador : GUSTAVO RODRIGUES ROCHA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • GUSTAVO RODRIGUES ROCHA
  • ANDRE LUIS MATTEDI DIAS
  • DEIVIDE GARCIA DA SILVA OLIVEIRA
  • LUIZ HENRIQUE DE LACERDA ABRAHÃO
  • Data: 13/02/2020

  • Mostrar Resumo
  • Essa dissertação objetiva compreender a relação entre os erros científicos e o pluralismo de Paul Feyerabend, com vistas a fornecer um entendimento valorativo para os erros dentro da filosofia das ciências, frente ao problema de secundarização dos erros na área. Na perspectiva de atender a esse objetivo no capítulo I analisamos a epistemologia dos erros de Gaston Bachelard, essa escolha inicial se deve ao fato de sua teoria funcionar como uma força motriz para a discussão do problema de secundarização dos erros na filosofia das ciências, uma vez que o autor debate com as concepções filosóficas anteriores de secundarização dos erros, notadamente de ideal uniformista, e ao mesmo tempo conduz sua discussão na tentativa de encontrar um lugar para os erros na construção do conhecimento científico. Entretanto, nessa análise, encontramos na perspectiva de Bachelard a mesma dificuldade de inclusão dos erros na epistemologia, a saber, uma visão transicional dos erros na investigação científica. Ou seja, os erros quando admitidos são apresentados com aspecto temporal, em apenas uma etapa da construção do conhecimento, e naturalmente superáveis. Assim sendo, demostramos a necessidade de buscar bases divergentes e plurais para a compreensão dos erros científicos. Nesse sentido, no capítulo II buscamos compreender a epistemologia pluralista enquanto perspectiva que entende os erros dentro da ciência como parte do processo inevitável para o desenvolvimento científico. E como base para o entendimento do pluralismo feyerabendiano, bem como forma de entender a escolha de sua epistemologia nesse trabalho. Dessa forma, entendemos os principais conceitos, argumentos e posições dos pluralistas. Dentro dessa perspectiva, o pluralismo do Feyerabend se destaca em relação ao seu entendimento sobre os erros científicos, colocando os erros como condição indispensável para o progresso. Diante disto,, no capítulo III buscamos compreender as bases que constituem o pluralismo feyerabendiano e qual o lugar do erro nessa perspectiva.  Assim, encontramos que o pluralismo de Feyerabend tem uma perspectiva que inclui os erros na investigação científica, como inevitável precondição para o progresso das ciências, e, portanto, uma revalorização dos erros na epistemologia e na perspectiva do aumento da criticidade na educação científica. 


  • Mostrar Abstract
  • This dissertation aims to understand the relationship between scientific errors and the pluralism of Paul Feyerabend. In order to meet this goal in Chapter I, we analyze Gaston Bachelard's epistemology of errors. This initial choice is due to the fact that his theory functions as a driving force for the discussion of the problem of error-siding in the philosophy of science. The author argues with the earlier philosophical conceptions of the secondization of errors, notably the uniformist ideal, and at the same time leads his discussion in an attempt to find a place for errors in the construction of scientific knowledge. However in this analysis we find in Bachelard's perspective the same difficulty of including errors in epistemology, namely a transitional view of errors in scientific inquiry. That is, errors when admitted are presented with a temporal aspect, in only one stage of knowledge construction, and naturally overcome. Thus, the search for divergent and plural bases for the understanding of scientific errors became necessary. In this sense, in chapter II we seek to understand pluralist epistemology as a perspective that understands errors within science as part of the inevitable process for scientific development. And as a basis for understanding Feyerabendian pluralism, as well as understanding the choice of its epistemology in this work. Thus we understand the main concepts, arguments and positions of the pluralists. Within this perspective, Feyerabend's pluralism stands out in relation to its understanding of scientific errors. In this sense, in chapter III we seek to understand the foundations that constitute the Feyerabendian pluralism and the place of the error in this perspective. Thus we find that Feyerabend's pluralism has a perspective that includes errors in scientific inquiry as an inevitable precondition for the progress of science, and a revaluation of errors in epistemology and in the perspective of increasing criticality in science education.

3
  • THAÍS SOARES SILVA
  • CONHECIMENTO TÁCITO E EDUCAÇÃO CIENTÍFICA:  A EPISTEMOLOGIA DE MICHAEL POLANYI NO ENSINO DE CIÊNCIAS

  • Orientador : NEI DE FREITAS NUNES NETO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ALEXANDRE BAGDONAS HENRIQUE
  • DEIVIDE GARCIA DA SILVA OLIVEIRA
  • GUSTAVO RODRIGUES ROCHA
  • NEI DE FREITAS NUNES NETO
  • Data: 14/02/2020

  • Mostrar Resumo
  • O objetivo dessa pesquisa é entender como a epistemologia de Michael Polanyi sobre o conhecimento tácito pode contribuir para a educação científica e o ensino de ciências, uma vez que, a educação científica possui alguns problemas advindos principalmente das imagens ingênuas da ciência e do cientista, ocasionando a chamada crise no ensino de ciências. Diversos autores afirmam que essa crise é desencadeada pela evasão dos alunos nos cursos de ciências e pelo seu desinteresse nessas áreas, sendo influenciada pela alfabetização científica, pelo mundo industrial e econômico, pelo ensino técnico e mecanizado, e também, pela formação dos professores de ciências. Diante dessas problemáticas é possível notar um aspecto que se conecta a todas elas: a ausência da utilização de um conhecimento implícito que é considerado fundamental e basal para a construção do conhecimento científico, denominado Conhecimento Tácito. As escolas atuais, em sua maioria, estão caracterizadas pela objetivação do conhecimento através de teorias explícitas e em produtos tecnológicos delas derivados. O foco dos alunos exclusivamente nas aplicações práticas de tudo o que foi aprendido na escola desvia sua atenção de perceber o que se realmente sabe para aquilo que se consegue verbalizar. Dessa forma, essa pesquisa possui como proposta de solução a utilização do Conhecimento Tácito abordado pelo considerado filósofo Michael Polanyi, que é construído através de suas experiências vividas e de seu conhecimento pessoal. Para Polanyi, a troca de conhecimento acontece através de exemplos ensinados do mestre para o aprendiz, – professor para o aluno – colocando em ênfase a bagagem cultural e histórica do indivíduo como um molde intelectual. Sendo o conhecimento tácito a origem de todo conhecimento, e maior em dimensão, faz-se importante saber como ele funciona, para que assim, consigamos estimulá-lo a fim de tornar a aprendizagem mais significativa. Nesse sentido, defendemos que essa proposta contribui para que estes indivíduos se tornem intelectualmente livres para escolher sua forma de vida e de conhecimento, colaborando para a tomada de decisões, alfabetismo científico e liberdade pessoal. Essa pesquisa é de cunho altamente teórico, alimentada por textos, livros, artigos e etc. de autores reconhecidos nacional e internacionalmente.

     


  • Mostrar Abstract
  • The aim of this research is to understand how Michael Polanyi's epistemology about knowledge can contribute to science education and science education, since a science education has some advanced problems mainly from the naive images of science and the scientist, occasionally the called crisis in science education. Several authors claim that this crisis is triggered by the dropout of students in science courses and their interest in these areas, being influenced by scientific literacy, the industrial and economic world, the technical and mechanized education and also the training of science teachers. Faced with these problems, it is possible to notice an aspect that includes all of them: the lack of use of implicit knowledge that is considered fundamental and basal for the construction of scientific knowledge, called Tactical Knowledge. Most schools today are characterized by objectification of knowledge through explicit theories and technological products of these substances. The focus of learners on the practical applications of all that has been learned at school shifts their attention from realizing what they really know to what they can verbalize. Therefore, this research has a solution proposal for the use of the knowledge approached by the philosopher Michael Polanyi, which is built using his lived experiences and his personal knowledge. For Polanyi, a knowledge exchange takes place through examples taught by the teacher for learning, - teacher to student - focusing on the individual's cultural and historical background as an intellectual mold. Since knowledge is capable of giving rise to all knowledge, and larger in size, it is important to know how it works so that you may consider stimulating it or making learning more meaningful. In this sense, define that this contribution proposal for these individuals becomes intellectually liberated to choose their way of life and knowledge, contributing to decision making, scientific literacy and personal freedom. This research is of high theoretical level, fed by texts, books, articles and etc. from nationally and internationally recognized authors.

4
  • FELIPE MENDONÇA RIBEIRO
  • ABORDAGEM CONTEXTUAL: AS EXPERIÊNCIAS DE DOCENTES DAS DISCIPLINAS CONCEITOS DE FÍSICA A, B, C E D DO CURSO DE FÍSICA DA UFBA

  • Orientador : JOSE FERNANDO MOURA ROCHA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JOSE FERNANDO MOURA ROCHA
  • ANDREIA MARIA PEREIRA DE OLIVEIRA
  • FABIO LUIS ALVES PENA
  • Data: 24/08/2020

  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho teve o objetivo de investigar como os docentes das disciplinas Conceitos de Física A, B, C e D, do Curso de Física da UFBA, ministraram esses componentes curriculares, a partir do relato de suas próprias experiências de docência. A investigação foi orientada pelo paradigma fenomenológico, tendo como estratégia prioritária de coleta de dados, as entrevistas abertas, as quais foram realizadas com quatro docentes e registradas por meio de gravações de áudio, com a análise e interpretação dos dados realizadas segundo o processo de redução fenomenológica. O trabalho foi estruturado em quatro capítulos. No primeiro, faz-se considerações gerais sobre a inserção de História e Filosofia da Ciência no Ensino de Ciências, em particular, no de Física; em seguida, discute-se o uso de abordagens contextualizadas, bem como da experimentação e da matematização no ensino de física, além de serem feitas considerações sobre a docência universitária. No segundo, são apresentados alguns aspectos históricos do desenvolvimento do Ensino de Física no Brasil, até a década de 1990, época em que foi criado o Curso de Física, Licenciatura, noturno, em cuja matriz curricular foram incluídas, como uma das inovações importantes, as Físicas Básicas I, II, III e IV, atualmente denominadas Conceitos de Física A, B, C e D; além de serem apresentadas também as características dessas disciplinas. No terceiro capítulo, apresenta-se o delineamento metodológico, onde a pesquisa foi caracterizada como de natureza qualitativa e de caráter empírico. E, finalmente, no quarto e último capítulo, foram analisados dados obtidos em resposta à pergunta norteadora da pesquisa, a partir dos quais emergiram cinco categorias de análise (Inserção de HFC, Experimentação, Matematização, Materiais ou Recursos Didáticos, Dificuldades ou Obstáculos) de onde pudemos compreender que a inclusão, em 2016, das disciplinas Conceitos de Física A, B, C e D, no Curso de Física, diurno e noturno, modalidades licenciatura e bacharelado - como extensão da experiência de ensino realizada no Curso de Física, Licenciatura, noturno, através das Físicas Básicas I, II, III e IV, a partir de 1999 - está mostrando-se, na voz de docentes que as ministraram (período de 2016 a 2019), uma experiência curricular positiva, em que pese as dificuldades enfrentadas pelos docentes para ministrá-las.


  • Mostrar Abstract
  • This work aimed to investigate how Professor’s from Physics Concepts A, B, C and D disciplines, from UFBA’s Physics Course, taught these curricular componentes, through their own teaching experiences reports. The investigation was directed by Phenomenological Paradigm, having main data collection strategy, open interviews, which were conducted with four professors and registered by audio recordings, with data analyses and interpretation carried out by phenomenological reduction process. The work was structured in four chapters. In the first one, we consider about insertion of History and Philosophy of Science in Science Education, particularly, in Physics’; after that, we discuss about using contextual approaches, as well as experiments and mathematics roles in physics teaching, besides we consider some aspects about university lecturer. In the second one, there are shown some historical aspects of Physics Education Development in Brazil, til 1990 decade, when day night Teacher Preparation Physics Program was built, in which curriculum, there were included, as curricular innovations, the Basic Physics I, II, III and IV disciplines, nowadays called Physics Concepts A, B, C and D; there are also shown those disciplines characteristics. In the third chapter, it is shown the methodological design, where the research was characterized as qualitative nature and empirical character. And, finally, in the fourth and last chapter, there were analysed data obtained in response to the resarch guiding question, from what emerged five analyses categories (HPS Insertion, Experimentation, Mathematics, Educational Material or Didatic Resource, Difficulties or Obstacles) and, as a consequence, we could comprehend that the inclusion, in 2016, Physics Concepts A, B, C and D disciplines, in Physics Course, day period and day night period, teacher training and bachelor modalities – as teaching experience extension occured in Physics Course, Techer Preparation Program, day night period, through Basic Physics I, II, III and IV, from 1999 – has being shown, through professors’ voices (from 2016 to 2019), a positive curricular experience, in spite of some difficulties faced by professors in teaching them.

5
  • ABEL DE OLIVEIRA CARNEIRO
  • ANÁLISE DAS PRAXEOLOGIAS DOS ESTUDANTES DO 1º ANO DO ENSINO MÉDIO EM UM MODELO INTERDISCIPLINAR ENVOLVENDO FUNÇÃO AFIM ENTRE MATEMÁTICA, QUÍMICA E FÍSICA

  • Orientador : LUIZ MARCIO SANTOS FARIAS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • LUIZ MARCIO SANTOS FARIAS
  • ROSILEIA OLIVEIRA DE ALMEIDA
  • SADDO AG ALMOULOUD
  • TEODORA PINHEIRO FIGUEROA
  • Data: 26/08/2020

  • Mostrar Resumo
  • Apresentamos, nestes escritos, uma proposta interdisciplinar com o objetivo de analisar as praxeologias dos estudantes do 1º ano do Ensino Médio, em “Função Afim” entre as disciplinas Matemática, Química e Física. Para tanto, propomos a criação de um espaço que proporcione um ambiente onde essa prática possa ser aflorada. O estudo deste tema possui ecologia prevista para o 9º ano do Ensino Fundamental II e funciona também como ferramenta para outras ecologias em outras instituições. Este trabalho está inserido no campo da Didática da Matemática e utiliza contribuições oriundas da Teoria Antropológica do Didático, elaborada por Chevallard, um referencial que nos fornece ferramentas indispensáveis para compreender o estado da instituição. Utilizamos as noções de relações pessoal e institucional e de praxeologia, alicerçadas na metodologia de pesquisa adotada nesta investigação, bem como a dialética dos ostensivos e não ostensivos, que servem de instrumento importante para as análises das atividades matemáticas propostas nos livros didáticos, como também as praxeologias dos professores e produção dos estudantes. Em uma linha de pesquisa de natureza qualitativa, apoiada na Engenharia do Percurso de Estudo e Pesquisa, alicerçamos este trabalho nas propostas de autores que abordam a temática da interdisciplinaridade, (Fazenda, Gusdorf, Japiassu, Lenoir, Philippi Jr e Fernandes, Castela, Romo Vázquez, dentre outros), que servem de fundamentos para atender aos interesses da reflexão sobre a ação interdisciplinar. Para analisar os efeitos deste trabalho, construímos um Percurso de Estudo e Pesquisa (PEP) capaz de revelar as relações entre os sujeitos e o saber matemático. Acreditamos que a prática da interdisciplinaridade possa ser vista como princípio norteador para reorganização e articulação do saber-fazer dos estudantes na aquisição do conhecimento interdisciplinar acerca de Função Afim, a partir da construção ou reconstrução de novas praxeologias, partindo de tarefas, técnicas associadas a uma teoria, e tecnologias conforme propõe a Teoria Antropológica do Didático. Desse modo, esperamos contribuir de forma significativa para o desenvolvimento de práticas interdisciplinares no processo de aprendizagem dos estudantes, proporcionando novas formas de aquisição do conhecimento, visto que a interdisciplinaridade busca a integração dos saberes das disciplinas envolvidas para a solução de um determinado problema complexo.


  • Mostrar Abstract
  • We present, in these writings, an interdisciplinary proposal with the objective of analyzing the studentspraxeologies of the 1st year of “Ensino Médio”, in “linear function" including the disciplines mathematics, chemistry and physics. In order to do so, we propose the creation of a space that provides an environment where this practice can be practiced. The study of this theme has ecology predicted for the 9th grade of elementary school II and also works as a tool for other ecologies in other institutions. This work is inserted in the field of didactic mathematics and uses contributions from the anthropological theory of Didactics, elaborated by Chevallard, a framework that provides us with valuable tools to understand the state of the institution. We use the notions of personal and institutional relations and praxeology, based on the research methodology adopted in this work, as well as the dialectic of the ostensives and non-ostensives, which serve as an important instrument for the analyses of Mathematical activities proposed in textbooks, besides teachers ' praxeologies and student production. In a qualitative research line, supported by the engineering of the study and research course, we support this work in the proposals of authors who discuss the theme of interdisciplinarity, (Fazenda, Gusdorf, Japiassu, Lenoir, Philippi Jr and Fernandes, Castile, Romo Vázquez, among others), which serve as foundations to meet the interests of reflection on interdisciplinary action. To analyze the effects of this work, we built a study and research course (PEP) capable of revealing the relationships between the subjects and the mathematical knowledge. We believe that the practice of interdisciplinarity can be seen as a guiding principle for the reorganization and articulation of the students ' know-how in acquiring interdisciplinary knowledge about the linear function, from the construction or Reconstruction of new praxeologies, through tasks, techniques associated with a theory, and technologies as proposed by the anthropological theory of didactic. We hope to contribute significantly to the development of interdisciplinary practices in the students learning process, providing new ways of acquiring knowledge, since Interdisciplinarity searches for Integration of the knowledge of the disciplines involved in the solution of a particular complex problem.

6
  • ANDERSON SOUZA NEVES
  • Uma proposta para o logos das praxeologias referentes ao ensino do aspecto decimal da numeração no 5º ano

  • Orientador : LUIZ MARCIO SANTOS FARIAS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • LUIZ MARCIO SANTOS FARIAS
  • LYNN ROSALINA GAMA ALVES
  • VALDIR BEZERRA DOS SANTOS JÚNIOR
  • Data: 27/08/2020

  • Mostrar Resumo
  • A noção de sistema de numeração é essencial para a compreensão de diversos saberes da Matemática. Este saber é de suma importância para o desenvolvimento dos estudantes diante das operações básicas e das relações possíveis com este saber, como os sistemas de unidades, potenciação de base 10 e operações. Em uma observação inicial, por meio das avaliações de larga escala, percebemos que os estudantes têm apresentado dificuldades/obstáculos na educação fundamental e que essas persistem ao longo da vida estudantil, impossibilitando a compreensão dos aspectos decimal e posicional do sistema de numeração. Nesse sentido, aproximamos essa pesquisa as teorias da área da Didática das Ciências, ambiente do ensino que têm interesse pela investigação e elaboração de recursos que possibilite a superação dessas dificuldades. Sendo assim, utilizaremos elementos da Teoria da Transposição Didática para compreender como o professor compreende e realiza o processo transpositivo sobre SND, da Teoria Antropológica do Didático como suporte para a construção e análise das atividades de estudo e pesquisa, da Teoria das Situações Didáticas para a elaboração de situações que aproxime o professor e estudantes desse saber e do T4TEL para a investigação das praxeologias completas e suas variações nos geradores de tarefas. Nesse sentido, a partir da confrontação da análise de um Modelo Praxeológico Dominante (MPD) com um Modelo Praxeológico de Referência (MPR), elaborado pelo pesquisador, entendemos que esta pesquisa tem por objetivo analisar o desenvolvimento de Modelo Praxeológico-Didático de referência (MDR) usando as atividade de estudo e pesquisa (AEP) sobre sistema de numeração decimal para as séries iniciais do Ensino Fundamental utilizando como recurso materiais concretos que passarão por (re)construções praxeológicas no intuito de potencializar este saber. Nesse ínterim, acreditamos ser possível identificar fenômenos didáticos, como as incompletudes da atividade institucional no que tange a atividade docente uma vez que vamos analisar a atividade do docente. Entendemos que esta proposta de investigação é de natureza qualitativa com observação direta e registros visuais e audiovisuais das praxeologias dos participantes.


  • Mostrar Abstract
  • The notion of numbering system is essential for the understanding of various mathematical knowledge. This knowledge is of utmost importance for the students' development in the face of basic operations and the possible relations with this knowledge, such as unit systems, base powering 10 and operations. In an initial observation, through large-scale assessments, we perceive that students have presented difficulties / obstacles in basic education and that these persist throughout the student life, making it impossible to understand the decimal and positional aspects of the numbering system. In this sense, we approach this research theories in the area of Didactics of Sciences, teaching environment that are interested in research and elaboration of resources that make it possible to overcome these difficulties. Thus, we will use elements of the Didactic Transposition Theory to understand how the teacher understands and realizes the transpositive process on SND, from the anthropological theory of the didactic as a support for the construction and analysis of the study and research activities, from the Theory of Didactic Situations to elaboration of situations that approximates the teacher and students of this knowledge and the T4TEL for the investigation of the complete praxeologies and their variations in the generators of tasks. In this sense, based on the analysis of a Dominant Praxeological Model (DPM) with a Praxeological Model of Reference (PMR), prepared by the researcher, we understand that this research aims to analyze the development of Praxeological-Didactic Reference Model (DRM) using the study and research Study and Research Activities (SRA) on decimal numbering system for the initial grades of Elementary School using concrete materials that will go through praxeological (re) constructions in order to potentiate this knowledge. In the meantime, we believe it is possible to identify didactic phenomena, such as the incompleteness of the institutional activity in relation to the teaching activity, once we analyze the activity of the teacher. We understand that this research proposal is qualitative in nature with direct observation and visual and audiovisual records of the participants' praxeologies.

7
  • SAIRON SANTOS RESSURREIÇÃO
  •  

    CONTRIBUIÇÕES DE JOHN WILLIAM NICHOLSON PARA O ÁTOMO DE BOHR: O PAPEL EPISTÊMICO DO ERRO CIENTÍFICO E SUAS IMPLICAÇÕES PARA O ENSINO DE CIÊNCIAS

  • Orientador : JOSE FERNANDO MOURA ROCHA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JOSE FERNANDO MOURA ROCHA
  • ELDER SALES TEIXEIRA
  • CLIMERIO PAULO DA SILVA NETO
  • Data: 14/09/2020

  • Mostrar Resumo
  • Nesta pesquisa, investigamos quais contribuições para a compreensão de aspectos da Natureza da Ciência associados ao erro científico podem emergir de uma sequência didática que discuta - a partir de dois referenciais epistemológicos, o evolucionário e o revolucionário - o papel de figuras históricas secundárias para o desenvolvimento científico. Argumentamos que o progresso da ciência pode ser coerentemente explicado tanto por uma perspectiva selecionista ou evolucionária, que identificamos com o racionalismo crítico de Karl Popper; quanto por uma epistemologia de ruptura ou revolucionária, que associamos aos trabalhos de Thomas Kuhn. Julgamos que a compreensão de aspectos epistemológicos da Natureza da Ciência pode ser beneficiada pela discussão da controvérsia entre as teorias do conhecimento dos dois autores, uma vez que esta dissonância reflete tensões tanto na filosofia da ciência (relativismo versus racionalismo) quanto na historiografia da ciência (continuísmo versus descontinuísmo). O papel epistêmico do erro científico pode ser revelado através da análise histórica das contribuições que teorias equivocadas deram para o progresso. Nesse sentido, o astrofísico inglês John William Nicholson (1881-1955) emerge como um personagem histórico que deu sólidas contribuições para a edificação do que hoje conhecemos como Antiga Teoria Quântica, particularmente para a formulação do modelo atômico de Bohr, de 1913. Ao se destacar que mesmo ideias equivocadas, como a teoria dos proto-elementos de Nicholson, podem contribuir para o desenvolvimento científico, extrai-se do erro sua vocação pedagógica, a de ilustrar uma ciência tentativa, plural e confiável. A partir dos estudos realizados, apresentados nos capítulos iniciais deste trabalho, criamos uma sequência didática centrada no estudo das contribuições dadas pelos trabalhos do astrofísico para o modelo atômico de Bohr, tendo como pano de fundo tensões conceituais entre as epistemologias evolutiva e revolucionária. Os dados desta pesquisa qualitativa foram obtidos a partir de entrevistas, gravações em áudio e vídeo das aulas, além de questionário escrito. O texto foi estruturado em quatro partes principais: na primeira, são apresentadas as bases conceituais tanto para uma epistemologia revolucionária, quanto para uma perspectiva epistemológica evolutiva; na segunda, são discutidas a visão de ciência adotada neste trabalho e a relação do erro com o ensino de ciências; na terceira parte, é desenvolvida uma narrativa da ascensão da Antiga Teoria Quântica com enfoque nas contribuições dadas pela teoria atômica de Nicholson à escrita de Sobre a Constituição de Átomos e Moléculas, de Niels Bohr; e  finalmente, na quarta e última parte, será apresentado o processo de construção e implementação da sequência didática, além de serem discutidos os resultados da proposta. A abordagem adotada apresentou considerável potencial para melhorar concepções dos discentes sobre temas como a confiabilidade da ciência e o pluralismo teórico. Para o método científico, entretanto, não foi observada evolução ­de concepções consideradas por parte da literatura como inadequadas.


  • Mostrar Abstract
  • In this research, we investigate which contributions to the understanding of aspects of the Nature of Science associated with scientific error can emerge from a didactic sequence that discusses - from two epistemological points of view, the evolutionary and the revolutionary - the role of secondary historical figures for the development of science. We argue that the progress of science can be consistently explained either from a selectionist or evolutionary perspective, which we identify with Karl Popper's critical rationalism; as for a rupture or revolutionary epistemology, which we associate with the works of Thomas Kuhn. We believe that the understanding of epistemological aspects of the Nature of Science can benefit from the discussion of the controversy between the theories of knowledge of these authors, since this dissonance reflects tensions both in the philosophy of science (relativism versus rationalism) and in the historiography of science (continuism versus discontinuism). The epistemic role of scientific error can be revealed through historical analysis of the contributions that wrong theories have made to progress. In this sense, the english astrophysicist John William Nicholson (1881-1955) emerges as a historical character who made solid contributions to the construction of what we now know as the Old Quantum Theory, particularly for the formulation of Bohr's atomic model, of 1913. When it is highlighted that even mistaken ideas, such as Nicholson's theory of proto-elements, can contribute to scientific development, it is extracted from error its pedagogical vocation, that of illustrating a tentative, plural and reliable science. From the studies carried out, presented in the initial chapters of this work, we created a didactic sequence centered on the study of the contributions made by the astrophysicist’s works to Bohr's atomic model, against the background of conceptual tensions between the evolutionary and revolutionary epistemologies. The data of this qualitative research were obtained from interviews, audio and video recordings of the classes, in addition to a written questionnaire. The text was structured in four main parts: in the first one, the conceptual basis are presented for both a revolutionary  and an evolutionary epistemological perspective; in the second one, it is discussed the view of science adopted in this work and the relationship between error and science teaching; in the third part, it is developed a narrative of the rise of the Old Quantum Theory, focusing on the contributions given by Nicholson's atomic theory to the writing of Niels Bohr's On the Constitution of Atoms and Molecules; and finally, in the fourth and last part, it is presented the process of construction and implementation of the didactic sequence, in addition to discussing the results of the proposal. The approach adopted showed considerable potential to improve students' conceptions on topics such as the reliability of science and theoretical pluralism. However, no evolution was observed for conceptions on the scientific method considered by the science teaching literature to be inadequate.

8
  • DAIANE MENEZES DAMACENA
  • ASPECTOS EMOCIONAIS, ÉTICOS E COGNITIVOS NO APRENDIZADO DA ELETROQUÍMICA: UMA ABORDAGEM VYGOTSKYANA. 

     
     
     
  • Orientador : LUCA TATEO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • João Roberto Ratis Tenório da Silva
  • LUCA TATEO
  • WALDOMIRO JOSE DA SILVA FILHO
  • Data: 13/10/2020

  • Mostrar Resumo
  • Esta pesquisa caracteriza-se como uma pesquisa qualitativa, tendo como referencial teórico a teoria histórico cultural de Vygotsky. Tem por objetivo investigar e discutir como os elementos de desenvolvimento ético, emocional e cognitivo podem contribuir para a mediação entre conhecimentos espontâneos e científicos nas aulas de química. O interesse nesta pesquisa surgiu a partir de observações feitas no decorrer da graduação, sobre o ensino, especificamente o de Química, o qual foi possível observar problemas como: aprendizagem limitada a baixos níveis cognitivos, ensino direcionado exclusivamente no professor, aulas preponderantemente expositivas. Na pesquisa bibliográfica foi possível perceber que existem poucos trabalhos que se refere aos elementos de desenvolvimento ético, emocional e cognitivo no ensino de química. De acordo com Vygotsky, o aluno desenvolve melhor as atividades quando realizadas em contribuição com outra pessoa (professor, colegas) do que quando realiza sozinho, assim, o papel do professor mediador na sala de aula é de grande importância para o desenvolvimento de habilidades como abstrair, isolar elementos, e examinar os elementos abstratos separadamente da experiência concreta de que fazem parte. Assim, as emoções implicam diretamente no processo de ensino-aprendizagem na qualidade da atenção da memorização e da motivação dos estudantes na sala de aula aspectos indispensaeis para a aprendizagem. Para alcançar o objetivo foi realizada uma pesquisa qualitativa baseada em uma sequência didática que promova um diálogo entre os conteúdos abordados e a vivência dos alunos da segunda série do ensino médio, tendo faixa etária de 15 à 17 anos de idade da cidade de Itabaiana - Sergipe. Todas as aulas foram gravadas e analisadas para identificar como os alunos se comportam diante da sequência didática e, também para notar aspectos como rejeição ou aceitação da mesma. Após a aplicação de toda a sequência os alunos foram serão convidados a participar de uma entrevista semiestruturada, está que tem o intuito identificar os indícios de indicadores de desenvolvimento a partir da fala dos discentes. Para análise dos dados obtidos na aplicação da sequência didática, foi utilizada a Análise de Conteúdo fundamentada por Bardin. Espera-se com esse estudo contribua para um ensino de química e que desfrute dos elementos de desenvolvimento ético, emocional e cognitivos bem como que considere os conhecimentos espontâneos para que ocorra a formação dos conhecimentos científicos.

     
     
     

  • Mostrar Abstract
  •  

     This research is characterized as a qualitative research, having as theoretical reference the historical cultural theory of Vygotsky. It aims to investigate and discuss how elements of ethical, emotional and cognitive development can contribute to the mediation between spontaneous and scientific knowledge in chemistry classes. The interest in this research arose from observations made during the course of graduation, about teaching, specifically Chemistry, which allowed us to observe problems such as: limited learning at low cognitive levels, teaching directed exclusively at the teacher, preponderantly expositive classes. In the bibliographical research, it was possible to perceive that there are few works that refers to the elements of ethical, emotional and cognitive development in the teaching of chemistry. According to Vygotsky, the student develops better activities when done in contribution with another person (teacher, classmates) than when performed alone, thus, the role of the mediating teacher in the classroom is of great importance for the development of skills as abstract, isolate elements, and examine the abstract elements separately from the concrete experience of which they are part. Thus, emotions directly implicate the learning-teaching process in the quality of attention, memorization and motivation of students in the classroom. In order to reach the objective, a qualitative empirical research will be carried out based on a teaching sequence that promotes a dialogue between the content addressed and the experience of the students of the second year of high school, with ages ranging from 15 to 17 years old from the city of Itabaiana - Sergipe. All classes will be recorded and analyzed to identify how students behave before the didactic sequence and to notice aspects such as rejection or acceptance of it. After the application of the whole sequence the students will be invited to participate in a semistructured interview, it is intended to identify the indicators of development indicators from the students' speech. To analyze the data obtained in the application of the didactic sequence, the Content Analysis based on Bardin will be used. It is hoped that this study will contribute to a teaching of chemistry that enjoys the elements of ethical, emotional and cognitive development as well as considering spontaneous knowledge for the formation of scientific knowledge to occur.
     
     
9
  • VICTOR FERREIRA DIAS SANTOS
  • Entre o broto e a rosa do clássico: análise histórico-crítica do movimento dos conteúdos nos livros didáticos da química

  • Orientador : HELIO DA SILVA MESSEDER NETO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • HELIO DA SILVA MESSEDER NETO
  • EDILSON FORTUNA DE MORADILLO
  • JULIANA CAMPREGHER PASQUALINI
  • Data: 19/10/2020

  • Mostrar Resumo
  • A seleção de conteúdos é uma das questões mais polêmicas na área de ensino de Química. Principalmente pelo fato da existência de poucos trabalhos que analisam o desenvolvimento histórico da consolidação desses conteúdos. Nesse sentido esse trabalho teve como objetivo investigar o processo de inserção, retirada e resistência dos conteúdos entre o período de 1827 até 2017 utilizando algumas subdivisões para executar esses procedimentos. Além disso foi executado uma discussão referente as principais ideias pedagógicas e teorias curriculares que influenciaram nesse processo. Destarte, essa pesquisa buscou esse caminho investigado com intuito de avançar no entendimento do conceito de clássico como norteador da seleção de conteúdos da pedagogia histórico-crítica, teoria na qual passa por um processo de construção coletiva de suas produções teóricas. Como metodologia de pesquisa selecionamos os livros didáticos de Química ao longo do período destacado anteriormente, verificando quais eram as manifestações de conteúdos presentes nesses materiais, pois são o principal instrumento utilizado para efetuar a seleção de conteúdos pelo professorado. Nosso estofo de análise mais geral foi a pedagogia histórico-crítica e o método materialista histórico dialético em coerência com o próprio desenvolvimento dessa teoria educacional. Buscando nesse sentido responder a seguinte pergunta: Quais conteúdos foram aparecendo e desaparecimento ao longo do processo histórico? Concluímos que os conteúdos analisados são e não são os mesmos. Cada um deles requereria um estudo especifico percebendo suas mudanças e identificando suas unidades de análise, mostrando o que permaneceu e o que desapareceu dentro desses mesmos conteúdos, abrindo novas possibilidades de pesquisa para o ensino de Química e para a pedagogia histórico-crítica. Mesmo com essas características verificamos nesse movimento de aparecimento e desaparecimento que muitos conteúdos resistiram a todo o processo histórico, apontando que mesmo com todo o esvaziamento das pedagogias do aprender a aprender e a influência construtivista, existem conteúdos que podem ser caracterizados como clássicos da pedagogia histórico crítica. Os resultados apontam que resistiram com destaque para os conceitos de substância, misturas, átomos, moléculas, modelos atômicos, equilíbrio químico, propriedades coligativas, eletrólise, noções de oxidação e redução, cinética das reações, soluções, coloides, funções orgânicas, ácidos, bases, sais e reações nucleares. 


  • Mostrar Abstract
  • Content selection is one of the most controversial issues in the area of teaching chemistry. Mainly due to the fact that there are few studies that analyze the historical development of the consolidation of these contents. In this sense, this work aimed to investigate the process of insertion, withdrawal and resistance of the contents between the period from 1827 to 2017 using some subdivisions to perform these procedures. In addition, a discussion was carried out regarding the main pedagogical ideas and curricular theories that influenced this process. Thus, this research sought this investigated path in order to advance in the understanding of the concept of classic as a guide for the selection of contents of historical-critical pedagogy, a theory in which it goes through a process of collective construction of its theoretical productions. As a research methodology, we selected the Chemistry textbooks over the period highlighted above, checking what were the manifestations of content present in these materials, as they are the main instrument used to make the selection of content by the professors. Our most general subject of analysis was the historical-critical pedagogy and the dialectical historical materialist method in coherence with the very development of this educational theory. Seeking to answer this question: What content has been appearing and disappearing throughout the historical process? We conclude that the analyzed contents are and are not the same. Each of them would require a specific study realizing their changes and identifying their units of analysis, showing what remained and what disappeared within these same contents, opening up new research possibilities for teaching Chemistry and for historical-critical pedagogy. Even with these characteristics, we see in this movement of appearance and disappearance that many contents resisted the entire historical process, pointing out that even with all the emptying of learning to learn pedagogies and the constructivist influence, there are contents that can be characterized as classics of historical pedagogy. critical. The results show that they stood out with emphasis on the concepts of substance, mixtures, atoms, molecules, atomic models, chemical equilibrium, colligative properties, electrolysis, notions of oxidation and reduction, kinetics of reactions, solutions, colloids, organic functions, acids, bases , salts and nuclear reactions.

10
  • IZADORA DOS SANTOS PIRES
  • O ENSINO DE CIÊNCIAS E A PEDAGOGIA HISTÓRICO-CRÍTICA: O QUE AS PRÁXIS EDUCATIVAS REVELAM

  • Orientador : HELIO DA SILVA MESSEDER NETO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • EDILSON FORTUNA DE MORADILLO
  • HELIO DA SILVA MESSEDER NETO
  • LUCAS ANDRÉ TEIXEIRA
  • Data: 14/12/2020

  • Mostrar Resumo
  • Esta pesquisa possui como tema de estudo a Pedagogia Histórico-Crítica. Essa pedagogia, elaborada e proposta por Dermeval Saviani, vem sendo desenvolvida de forma colaborativa com base no Materialismo Histórico-Dialético de Karl Marx. Com esse estudo, buscamos possibilitar uma maior elucidação acerca de como os pressupostos da Pedagogia Histórico-Crítica estão sendo empregados nas atividades educativas voltadas para o Ensino de Ciências. Com esse objetivo, a investigação baseia-se em uma abordagem qualitativa em educação, sendo classificada como uma pesquisa empírica, que utiliza, como corpus para sua análise, dados secundários. Dessa forma, como fonte de dados para o estudo, utilizamos os trabalhos publicados nos anais de eventos nacionais em Ensino de Ciências, eventos específicos da Pedagogia Histórico-Crítica, artigos com os Qualis A1, A2 e B1, publicações disponibilizadas no banco de dados da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior e da Biblioteca Digital Brasileira de Teses e Dissertações. Por meio da análise dos 62 trabalhos, elaboramos três categorias: a) as finalidades e os sentidos dos conteúdos nas atividades educativas; b) engendrado na atividade educativa: a composição e disposição dos recursos pedagógicos ancorados na Pedagogia Histórico-Crítica; c) conhecendo os destinatários: entre as exposições e os apagamentos. Diante dessas categorias, concluímos que as escolhas dos conteúdos sofrem influência dos currículos, da prática social, dos destinatários, da modalidade da pesquisa, entre outros. Quanto aos recursos pedagógicos utilizados, identificamos uma variedade deles e como eles são empregados na transmissão e avaliação dos conteúdos. Ademais, pôde-se perceber que os destinatários nas exposições são apresentados com caracterizações quantitativas, homogêneas e superficiais. A utilização da Pedagogia Histórico-Crítica pelos docentes faz sobressair uma perspectiva de transformação da sociedade, do currículo, dos momentos pedagógicos, bem como da história. Enfatizamos que essa pedagogia está em um movimento contínuo de construção e, portanto, é imprescindível evidenciar os problemas e avanços. Sendo assim, a nossa dissertação se constitui como um esforço para contribuir com o desenvolvimento da Pedagogia Histórico-Crítica, em especial no que se refere à sua utilização em atividades didático-pedagógicas.


  • Mostrar Abstract
  • The research topic of the present work is the Historical-Critical Pedagogy. This pedagogy, elaborated and proposed by Dermeval Saviani, was developed collaboratively based on Karl Marx's Historical-Dialectical Materialism. This study aims to provide greater clarity about how the fundamentals of Historical-Critical Pedagogy are currently used in educational activities aimed at Science Teaching. With this objective, this works utilizes a qualitative approach to education, being classified as an empirical research that uses secondary data as the corpus of its analysis. Thus, the data source used for the study consists of works published in the annals of national events in Science Education, events focusing specifically on Historical-Critical Pedagogy, other articles classified as A1, A2 and B1 within the qualis system, publications available in the database of the Coordination for Higher Education Staff Development and the Brazilian Digital Library of Theses and Dissertations. Through the analysis of the 62 works, three categories are proposed: a) the purpose and meaning of the contents in educational activities; b) engendered in the educational activity: the composition and disposition of the pedagogical resources anchored in the Historical-Critical Pedagogy; c) knowing the recipients: between exposures and deletions. Given these categories, we conclude that the content choices are influenced by the curricula, social practice, addressee, research modality, among others. As for the pedagogical resources used, we identified a variety thereof and discuss the ways in which they are used for teaching and testing. Additionally, it became clear that the addressees attending the lessons are described with quantitative, homogeneous and superficial characteristics. The use of Historical-Critical Pedagogy by teachers highlights a movement towards the transformation of the society, curriculum, pedagogical moments, and history itself. We emphasize that this pedagogy is still being continuously developed and, therefore, it is essential to highlight the current challenges it faces and advances so far achieved. Therefore, this dissertation constitutes an effort to contribute to the development of Historical-Critical Pedagogy, especially with regard to its use in didactic-pedagogical activities

11
  • LUDMILA SOARES FRANCO
  • A série CSI e suas possibilidades como estratégia de Ensino

    de Biologia.

  • Orientador : LYNN ROSALINA GAMA ALVES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • LUCAS RAVAZZANO DE MATTOS BATISTA
  • LYNN ROSALINA GAMA ALVES
  • ROSILEIA OLIVEIRA DE ALMEIDA
  • WILLIAM DE SOUZA SANTOS
  • Data: 14/12/2020

  • Mostrar Resumo
  • Esta dissertação enquanto pesquisa qualitativa exploratória têm como objetivo

    de analisar a série CSI e propor estratégias pedagógicas para mediar os

    processos de ensino-aprendizagem de biologia. As narrativas seriadas

    televisivas, que podem ser chamadas de séries, vêm crescendo em

    popularidade no Brasil, possibilitando a identificação de uma cultura das

    séries. Esse aumento no consumo pode ter sido desencadeado pelo aumento

    de canais de streaming, possibilitando que o consumidor maratone as séries e

    as consuma como e quando quiser. Esse contexto social como segmento de

    séries em crescimento demonstra como as tecnologias estão inseridas no

    cotidiano brasileiro e que elas podem fazer parte de outros segmentos da

    sociedade, como a escola, por exemplo. No campo educacional a

    reivindicação pela adoção de estratégias de ensino diversificadas não é tema

    novo, no entanto, com a aprovação e implementação da Base Nacional

    Comum Curricular (BNCC) essa pressão volta-se novamente para os

    professores que precisam reestruturar seu modo de ensinar, se adequando às

    competências e habilidades que a base traz. Inserido no campo das ciências

    naturais e suas tecnologias, o ensino de biologia enfrenta algumas

    dificuldades específicas. Dificuldades que podem ser pelo conteúdo complexo

    e abstrato que os alunos encontram em conteúdos específicos. A série CSI

    entra em cena como uma possibilidade de estratégia de ensino de biologia,

    com seu caráter investigativo e o foco principal nos cientistas forenses que

    aparecem mobilizando a ciência em prol de resolver as investigações. Seu

    papel em sala de aula pode ser como elemento pré-texto, ilustração ou

    estruturante, dependendo do tipo de estratégia que o professor escolher. Para

    traçar a estratégia é necessário analisar o objeto a ser implementado, assim a

    série foi analisada sob a lente da Análise Fílmico-Compreensiva da

    Narrativa Seriada. Dessa forma foi definido um corpus, demarcado pelos

    episódios três e quatro da temporada quinze, que primeiramente foram

    decupados e transcritos, e posteriormente recompostos. Como estratégia não

    é necessário a utilização de um episódio inteiro, muito menos de uma

    temporada, pois pode-se correr o risco de perder o foco, assim cada episódio

    foi delimitado em quatro momentos a serem analisados e recompostos

    entrelaçando-os com as competências e habilidades específicas constantes

    na BNCC. Durante o percurso de análise foram propostas estratégias de

    ensino-aprendizagem e de estratégias de avaliação. Dentre as possibilidades

    de estratégia ainda é necessário citar como a série não se encerra em si

    própria, ou seja, ela necessita da intervenção do professor para que ela

    cumpra o objetivo de correlacionar os conteúdos de biologia. Mediante as

    proposições de estratégias foi possível observar como a série CSI possui um

    amplo espectro de momentos que podem ser correlacionados às

    competências e habilidades específicas, entrelaçados com conteúdos de

    biologia, que podem tecer estratégias de ensino-aprendizagem e colocadas

    em prática em sala de aula.


  • Mostrar Abstract
  • This dissertation, as an exploratory qualitative research, has the objective to

    analyse the CSI TV series and propose pedagogical strategy to mediate the

    Biology teacher-learning processes. The television serial narratives, also

    called TV series, has been growing in popularity in Brazil, enabling the

    identification of a TV series culture. This growing might have been unleashed

    by the increase of streaming channels, granting people the possibility of chain

    watching the series and consume them how and when desired. The growing of

    the series segment demonstrates how the technologies are inserted in

    Brazilian daily life and that they can be a part of other social segments, like

    school, for example. In the educational field, the claim for diversified strategies

    is not a new topic, however, with the National Common Curricular Base

    (BNCC) sanctioned, this pressure falls on the teachers, whose need to

    restructure their teaching methods, adapting themselves to the skills and

    abilities presented in the Base. In the Natural Science and its Technologies

    field, Biology studies face some specifics difficulties. Some might be from the

    complex and abstract content of the specifics topics. The CSI Series comes as

    a strategy possibility in Biology teaching, with its investigative character and

    main focus on the forensic scientists that appear mobilizing science to solve

    the investigations. Its role in the classroom might be as a pre-text element, an

    illustration or a structuration element, depending on the kind of the strategy the

    teacher choose. To draw the strategy one needs to analyse the object that will

    be implemented, that way the series was analyzed through the lens of the

    Filmic-Comprehensive Analysis of Serialized Narrative (AFCNS). That way

    was defined a corpus, delimited by the episodes three and four of the fifteenth

    season, which initially were decoupled, transcribed and recomposed. As a

    strategy it is not necessary the use of a full episode, let alone a complete

    season, because one might lose focus. That way, each episode were

    delimitated and recomposed entwining them with the specific skills and

    abilities from BNCC. During the analysis were proposed teacher-learning and

    evaluation strategies. Besides the strategy possibilities, it is worth notice that

    the series is not a lesson in on itself, it needs the teacher intervention to fulfil

    the objective of correlating to Biology content. Upon the strategies propositions,

    it was possible to observe how CSI series has a wide spectre of moments that

    could be correlated to the specifics skills and abilities, intertwined with Biology

    content, which could weave teacher-learning strategies and could be practiced

    in the classroom.

12
  • MICHELI FERREIRA FONSECA ROCHA
  • Educação museal em um museu universitário: A teia de relações entre os animais peçonhentos, os mediadores e o público.

  • Orientador : REJANE MARIA LIRA DA SILVA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • REJANE MARIA LIRA DA SILVA
  • MOEMA DE REZENDE VERGARA
  • FERNANDA SANTANA RABELLO DE CASTRO
  • Data: 18/12/2020

  • Mostrar Resumo
  • A compreensão do processo educativo em espaços como museus de ciências, denotam possibilidades de pesquisas no âmbito da educação museal, pois são reconhecidos como ambiente propicio à construção de conhecimento. Ao longo dos anos, tanto a pesquisa quanto as práticas educacionais e comunicacionais, relacionadas a exposições e ou atividades em museus têm se intensificado, tornando-se cada vez mais um campo de produção de conhecimento científico, principalmente com relação ao público visitante. Os museus possibilitam uma interação diferenciada entre mediador, público e objeto, que denotam possibilidades de pesquisa. O Núcleo de Ofiologia e Animais Peçonhentos da Universidade Federal da Bahia (NOAP/UFBA), em 2008, foi cadastrado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) como um museu de ciências. Possui um programa de educação Museal, caracterizado por um conjunto de ações educativas denominada Rede de Zoologia Interativa (REDEZOO), um projeto de extensão universitária de produção de conhecimento, popularização da Ciência e do ensino de Zoologia, através de exposições de longa duração e itinerantes. Em 2019, a REDEZOO conduziu a exposição Salve Boitatá, a serpente de fogo!, em comemoração ao Ano Internacional das Línguas Indígenas, definido pela Organização das Nações Unidas (ONU), objeto de estudo desta pesquisa. Neste contexto, nosso objetivo foi investigar as interações entre os diversos componentes das interações da educação Museal observadas na triangulação: mediador, objeto e visitante, que se desenvolveu no âmbito no conjunto de ações educativas desta exposição, com base na proposta da Política Nacional de Educação Museal (PNEM), na divulgação científica sobre animais peçonhentos, no campo da museografia. Para atender ao objetivo desta pesquisa foram utilizados procedimentos metodológicos de cunho qualitativo através da análise documental, observação participante, entrevistas individuais e grupo focal com os mediadores e entrevista aberta com os visitantes. A triangulação dos dados permitiu a análise da dinâmica do museu a partir das relações de aprendizagem, didática e de ensino que surgem das interações nesta instituição museológica. Concluímos que a narrativa dos agentes que compõe a exposição, mediadores e público, é o ponto de partida para melhor compreender e repensar as ações educativas da REDEZOO, visando ressignificar de forma a contribuir para a educação de um tema que pode salvar vidas, especialmente as mais vulneráveis aos acidentes sobre animais peçonhentos.


  • Mostrar Abstract
  • The understanding of the educational process in spaces such as science museums, denote possibilities of research in the scope of museum education, as they are recognized as an environment conducive to the construction of knowledge. Over the years, both research and educational practices and communication practices related to exhibitions and or activities in museums have intensified, becoming more and more a field of production of scientific knowledge, mainly in relation to the visiting public. Museums allow a differentiated interaction between mediator, public and object, which denote possibilities for research. The Nucleus of Ophiology and Venemous Animals of Bahia of the Federal University of Bahia (NOAP/UFBA), in 2008, was recognized by Institute of the National Historical Patrimony (IPHAN) as a science museum, the Museal education program has a set of educational actions called Interactive Zoology Network (REDEZOO), a university extension project for knowledge production, popularization of Science and the teaching of Zoology, through long-term and itinerant exhibitions. In 2019, REDEZOO has conducted the exhibition Save Boitatá, the serpent of fire!, in commemoration of the International Year of Indigenous Languages, defined by the United Nations (ONU), object of study of this research. In this context, our objective was to investigate the interactions between the various components of Museal education interactions observed in the triangulation: mediator, object and visitor, that is developed within the scope of the educational activities of this exhibition, based on the guidelines of the National Policy for Museum Education (PNEM), in the scientific dissemination about venomous animals, in the field of museography. To meet the objective of this research, qualitative methodological procedures were used through document analysis, participant observation, individual interviews and a focus group with mediators and an open interview with visitors. The data triangulation allowed the analysis of the museum's dynamics based on the relations of learning, didactics and teaching that arise from the interactions in this museum institution. We conclude that the narrative of the agents that make up the exhibition, mediators and the public, is the starting point to better understand and rethink REDEZOO's educational actions, aiming to refine it in order to contribute to the education of a theme that can save lives, especially those most vulnerable to accidents involving venomous animals.

Teses
1
  • NADJA NÚBIA FERREIRA LEITE CARDOSO
  • “Você (não) precisa aprender inglês se quer ser pesquisador(a)?”: o inglês como língua da comunicação cientifica na visão de estudantes de pós-graduação em ensino de ciências

  • Orientador : ROSILEIA OLIVEIRA DE ALMEIDA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ROSILEIA OLIVEIRA DE ALMEIDA
  • JOSE LUIS DE PAULA BARROS SILVA
  • LUIZ MARCIO SANTOS FARIAS
  • DOMINGOS SAVIO PIMENTEL SIQUEIRA
  • LUCIELEN PORFIRIO
  • TERESA HELENA BUSCATO MARTINS
  • Data: 17/02/2020

  • Mostrar Resumo
  • Este estudo baseou-se nas reflexões e embates que envolvem o estudante pesquisador de cursos de pós-graduação stricto sensu em ensino de ciências no tocante ao conhecimento da língua inglesa como língua internacional da ciência e os desafios do universo da produção científica da sociedade mundializada. Meu objetivo é identificar e analisar a problemática do uso de línguas adicionais, de forma particular o inglês, mediante os desafios da internacionalização da ciência, e seus desdobramentos como a relação estreita entre o déficit comunicativo na divulgação científica em línguas adicionais por falta de proficiência linguística e a necessidade de produtividade e de visibilidade da produção científica brasileira, em defesa de políticas linguísticas que não contribuam para a perpetuação de uma hegemonia monolíngue. Numa primeira instância, o construto teórico da pesquisa foi estabelecido em quatro pilares: 1) o inglês como língua internacional; 2) O uso predominante do inglês na pesquisa e os desafios da produção científica que vão de encontro à perpetuação de uma hegemonia monolíngue de alcance global e local; 3) As problemáticas referentes à produção e a circulação dos conhecimentos científicos na concepção dos participantes da pesquisa em relação com o referencial teórico  e 4) a adoção de uma postura crítica do estudante pesquisador no sentido de combater o “capital linguístico” que parece querer dominar a divulgação da ciência na contemporaneidade e buscar conhecer e produzir ciência em diferentes línguas, inclusive, não hegemônicas. Este estudo caracteriza-se como uma pesquisa interpretativista de cunho qualitativo no qual busca-se investigar as reações dos estudantes quanto a sua proficiência linguística em língua inglesa e as suas proposições concernentes às políticas linguísticas no sistema educacional, principalmente as suas reações frente à anglicização da ciência. A internacionalização, no contexto da pesquisa, não equivale nem a “americanização” nem a “anglicização” do mundo acadêmico, mas a um processo de bilateralidade da cooperação e da mobilidade e de iniciativas multilaterais dos sujeitos envolvidos. Para a geração de dados, foram aplicados questionários a estudantes de 7 dos 10 programas de pós-graduação stricto senso em ensino de ciências de algumas universidades do Brasil com conceito igual ou superior a 5, obtendo a participação de 87 discentes. Também foram aplicados questionários abertos e algumas entrevistas aos coordenadores dos programas envolvidos, dos quais participaram 5 coordenações. Após análise dos resultados, ficou evidente que há pouca publicação em inglês. O passo seguinte foi selecionar os estudantes do PPGEFHC que já haviam publicado em língua inglesa e fazer um grupo focal para dialogar sobre a temática. A escolha por este programa é porque, além de ser bem conceituado pela CAPES, foi o que obteve maior número de participações nas respostas dos questionários, em um total de 39 pessoas, das quais 8 declararam haver publicações em inglês e dessas, 4 aceitaram participar do grupo focal. Na triangulação desses dados foi incluída a entrevista com a coordenadora do programa, a professora Drª Andréia Maria Pereira Oliveira e com o seu fundador e pró-reitor, o professor Dr. Olival Freire Júnior. Os resultados e as constatações mostraram-se úteis e de fundamental relevância para o avanço das discussões político-ideológicas inerentes às políticas linguísticas relacionadas ao processo de internacionalização da ciência  na atualidade, mas, em especial, para aprofundar a reflexão sobre aspectos que encorajem a valorização de línguas não hegemônicas, decoloniais, nas quais a língua portuguesa e outras línguas se inserem poderosamente de forma a atrair muito mais pesquisadores em função da qualidade de suas pesquisas. 


  • Mostrar Abstract
  • This study was based on the reflections and clashes involving the stricto sensu graduate student researcher in science teaching regarding the knowledge of the English language as an international language of science and the challenges of the universe of scientific production in the globalized society. The objective is to identify and analyze the problem of the use of additional languages, particularly English, through the challenges of the internationalization of science, and its consequences as the close relationship between the communicative deficit in scientific dissemination in additional languages due to lack of language proficiency and the need for productivity and visibility of the Brazilian scientific production, in defense of language policies that do not contribute to the perpetuation of a monolingual hegemony. In the first instance, the theoretical construct of the research was established in four pillars: 1) English as an international language; 2) The predominant use of English in research and the challenges of scientific production that meet the perpetuation of a monolingual hegemony of global and local reach; 3) The problems related to the production and circulation of scientific knowledge in the conception of the research participants in relation to the theoretical framework and 4) the adoption of a critical stance of the research student in order to supress the “linguistic capital” that seems to want to dominate the dissemination of science in contemporary times and seek to know and produce science in different languages, including non-hegemonic. This study is characterized as a qualitative interpretative research in which seeks to investigate students' reactions to their English language proficiency and their propositions concerning language policies in the educational system, especially their reactions to the anglicization of science. Internationalization, in the context of research, is neither the “Americanization” nor the “Anglicization” of the academic world, but a bilateral process of cooperation and mobility and multilateral initiatives of the subjects involved. For data generation, questionnaires were applied to students from 7 of the 10 stricto sensu postgraduate programs in science education with a concept equal to or greater than 5, and 87 students participated. Open questionnaires and interviews were also given to the coordinators of the programs involved, in which 5 coordinators participated. After analyzing the results, it was evident that there is little publication in English. The next step was to select the PPGEFHC students who had already published in English and a focus group was made to talk about the theme, who commented that the choice for the PPGEFHC program was because it was well regarded by CAPES, and that the program was made up of 39 people, of whom only 8 stated to have publications in English and of these, 4 agreed to participate in the focus group. The choice for this program is because, in addition to being well regarded by CAPES, was the one that obtained the largest number of participations, in a total of 39 people, 8 of whom reported having English publications and 4 agreed to participate in the focus group. The triangulation of these data included the interview with the program coordinator and its founder and dean, Professor Dr. Olival Freire Júnior. The results and findings proved to be useful and of fundamental relevance for the advancement of the political-ideological discussions inherent in the language policies related to the process of internationalization of science today, but, in particular, to deepen the reflection on aspects that encourage the valorization,  non-hegemonic, decolonial languages, in which Portuguese and other languages are powerfully inserted in order to attract many more researchers due to the quality of their research.

2
  • NADJA NÚBIA FERREIRA LEITE CARDOSO
  • “Você (não) precisa aprender inglês se quer ser pesquisador(a)?”: o inglês como língua da comunicação cientifica na visão de estudantes de pós-graduação em ensino de ciências

  • Orientador : ROSILEIA OLIVEIRA DE ALMEIDA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ROSILEIA OLIVEIRA DE ALMEIDA
  • JOSE LUIS DE PAULA BARROS SILVA
  • LUIZ MARCIO SANTOS FARIAS
  • LUCIELEN PORFIRIO
  • DOMINGOS SAVIO PIMENTEL SIQUEIRA
  • TERESA HELENA BUSCATO MARTINS
  • Data: 17/02/2020

  • Mostrar Resumo
  • Este estudo baseou-se nas reflexões e embates que envolvem o estudante pesquisador de cursos de pós-graduação stricto sensu em ensino de ciências no tocante ao conhecimento da língua inglesa como língua internacional da ciência e os desafios do universo da produção científica da sociedade mundializada. Meu objetivo é identificar e analisar a problemática do uso de línguas adicionais, de forma particular o inglês, mediante os desafios da internacionalização da ciência, e seus desdobramentos como a relação estreita entre o déficit comunicativo na divulgação científica em línguas adicionais por falta de proficiência linguística e a necessidade de produtividade e de visibilidade da produção científica brasileira, em defesa de políticas linguísticas que não contribuam para a perpetuação de uma hegemonia monolíngue. Numa primeira instância, o construto teórico da pesquisa foi estabelecido em quatro pilares: 1) o inglês como língua internacional; 2) O uso predominante do inglês na pesquisa e os desafios da produção científica que vão de encontro à perpetuação de uma hegemonia monolíngue de alcance global e local; 3) As problemáticas referentes à produção e a circulação dos conhecimentos científicos na concepção dos participantes da pesquisa em relação com o referencial teórico  e 4) a adoção de uma postura crítica do estudante pesquisador no sentido de combater o “capital linguístico” que parece querer dominar a divulgação da ciência na contemporaneidade e buscar conhecer e produzir ciência em diferentes línguas, inclusive, não hegemônicas. Este estudo caracteriza-se como uma pesquisa interpretativista de cunho qualitativo no qual busca-se investigar as reações dos estudantes quanto a sua proficiência linguística em língua inglesa e as suas proposições concernentes às políticas linguísticas no sistema educacional, principalmente as suas reações frente à anglicização da ciência. A internacionalização, no contexto da pesquisa, não equivale nem a “americanização” nem a “anglicização” do mundo acadêmico, mas a um processo de bilateralidade da cooperação e da mobilidade e de iniciativas multilaterais dos sujeitos envolvidos. Para a geração de dados, foram aplicados questionários a estudantes de 7 dos 10 programas de pós-graduação stricto senso em ensino de ciências de algumas universidades do Brasil com conceito igual ou superior a 5, obtendo a participação de 87 discentes. Também foram aplicados questionários abertos e algumas entrevistas aos coordenadores dos programas envolvidos, dos quais participaram 5 coordenações. Após análise dos resultados, ficou evidente que há pouca publicação em inglês. O passo seguinte foi selecionar os estudantes do PPGEFHC que já haviam publicado em língua inglesa e fazer um grupo focal para dialogar sobre a temática. A escolha por este programa é porque, além de ser bem conceituado pela CAPES, foi o que obteve maior número de participações nas respostas dos questionários, em um total de 39 pessoas, das quais 8 declararam haver publicações em inglês e dessas, 4 aceitaram participar do grupo focal. Na triangulação desses dados foi incluída a entrevista com a coordenadora do programa, a professora Drª Andréia Maria Pereira Oliveira e com o seu fundador e pró-reitor, o professor Dr. Olival Freire Júnior. Os resultados e as constatações mostraram-se úteis e de fundamental relevância para o avanço das discussões político-ideológicas inerentes às políticas linguísticas relacionadas ao processo de internacionalização da ciência  na atualidade, mas, em especial, para aprofundar a reflexão sobre aspectos que encorajem a valorização de línguas não hegemônicas, decoloniais, nas quais a língua portuguesa e outras línguas se inserem poderosamente de forma a atrair muito mais pesquisadores em função da qualidade de suas pesquisas. 


  • Mostrar Abstract
  • This study was based on the reflections and clashes involving the stricto sensu graduate student researcher in science teaching regarding the knowledge of the English language as an international language of science and the challenges of the universe of scientific production in the globalized society. The objective is to identify and analyze the problem of the use of additional languages, particularly English, through the challenges of the internationalization of science, and its consequences as the close relationship between the communicative deficit in scientific dissemination in additional languages due to lack of language proficiency and the need for productivity and visibility of the Brazilian scientific production, in defense of language policies that do not contribute to the perpetuation of a monolingual hegemony. In the first instance, the theoretical construct of the research was established in four pillars: 1) English as an international language; 2) The predominant use of English in research and the challenges of scientific production that meet the perpetuation of a monolingual hegemony of global and local reach; 3) The problems related to the production and circulation of scientific knowledge in the conception of the research participants in relation to the theoretical framework and 4) the adoption of a critical stance of the research student in order to supress the “linguistic capital” that seems to want to dominate the dissemination of science in contemporary times and seek to know and produce science in different languages, including non-hegemonic. This study is characterized as a qualitative interpretative research in which seeks to investigate students' reactions to their English language proficiency and their propositions concerning language policies in the educational system, especially their reactions to the anglicization of science. Internationalization, in the context of research, is neither the “Americanization” nor the “Anglicization” of the academic world, but a bilateral process of cooperation and mobility and multilateral initiatives of the subjects involved. For data generation, questionnaires were applied to students from 7 of the 10 stricto sensu postgraduate programs in science education with a concept equal to or greater than 5, and 87 students participated. Open questionnaires and interviews were also given to the coordinators of the programs involved, in which 5 coordinators participated. After analyzing the results, it was evident that there is little publication in English. The next step was to select the PPGEFHC students who had already published in English and a focus group was made to talk about the theme, who commented that the choice for the PPGEFHC program was because it was well regarded by CAPES, and that the program was made up of 39 people, of whom only 8 stated to have publications in English and of these, 4 agreed to participate in the focus group. The choice for this program is because, in addition to being well regarded by CAPES, was the one that obtained the largest number of participations, in a total of 39 people, 8 of whom reported having English publications and 4 agreed to participate in the focus group. The triangulation of these data included the interview with the program coordinator and its founder and dean, Professor Dr. Olival Freire Júnior. The results and findings proved to be useful and of fundamental relevance for the advancement of the political-ideological discussions inherent in the language policies related to the process of internationalization of science today, but, in particular, to deepen the reflection on aspects that encourage the valorization,  non-hegemonic, decolonial languages, in which Portuguese and other languages are powerfully inserted in order to attract many more researchers due to the quality of their research.

3
  • DANIELA CONTELLI XAVIER
  • Questões Sociocientíficas e o Ensino de Administração: Reflexões para uma Formação Acadêmica e Profissional Integral

  • Orientador : NEI DE FREITAS NUNES NETO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • GEILSA COSTA SANTOS BAPTISTA
  • NEI DE FREITAS NUNES NETO
  • TIAGO ALFREDO DA SILVA FERREIRA
  • DALIA MELISSA CONRADO
  • DEISE DANIELLE NEVES DIAS PIAU
  • LIZIANE MARTINS
  • Data: 16/03/2020

  • Mostrar Resumo
  • A Questão Sociocientífica (QSC) trabalha os conceitos científicos associados à prática social, contextualizando os conhecimentos científicos e tecnológicos à realidade do discente. Assim, a QSC constitui-se em um excelente modelo para a Educação CTSA (Ciência, Tecnologia, Sociedade e Ambiente), contribuindo para a superação da Pedagogia Tradicional e Tecnicista, ainda muito presente no ensino científico. Como contraponto à Educação Tradicional, nos respaldamos na Teoria Crítica devido a capacidade de suscitar dúvidas a respeito do status quo da sociedade e de propor alternativas ao convencionado. Nesse contexto, o ensino CTSA, em associação a Teoria Crítica, mostra-se como possibilidade de desenvolvimento de uma educação promotora de justiça socioambiental. Diante da crescente utilização de QSC, interessamos em estudar a contribuição da aplicação de QSC para a disciplina de Administração, visto a necessidade de contextualização dos valores científicos presentes na sociedade. Valores esses, que permeiam as decisões no âmbito social e ambiental, pois os casos utilizados no ensino de Administração sugerem simulação e reprodução de fatos, em atendimento às exigências do sistema econômico, sem preocupações com temas socioambientais contemporâneos. Desenvolvemos, para esta tese, duas sequências didáticas. A análise e interpretação dos dados empíricos referentes a cada sequência encontra-se dividida por capítulos.  A proposta de aplicação de duas sequências didáticas buscou favorecer a mobilização das dimensões conceituais, procedimentais e atitudinais dos conteúdos de administração, de trabalho, de meio ambiente (descarte de resíduos eletroeletrônicos) e social (consumo), visando a formação de cidadãos socioambientalmente responsáveis, capazes de tomar decisões e ações no cotidiano. Para isso, trabalhamos o processo argumentativo, por acreditarmos que saber argumentar proporciona segurança na defesa de ideias, como também na apresentação de opinião com razões. Percebemos que no ensino da disciplina de administração ainda configuram temas conservadores, contrastando com apelos a aspectos coletivos e comunitários. Assim, propomos a utilização de QSC no ensino de disciplinas de administração para promoção do letramento científico crítico, capaz de proporcionar a formação de profissionais reflexivos e conscientes do seu papel social de superação da lógica do capitalismo e injustiça social. Ansiamos que essa tese possa contribuir para avanços em pesquisas sobre a utilização de QSC no ensino de administração. 


  • Mostrar Abstract
  • The Sociocientific Question (QSC) works the scientific concepts associated with social practice, contextualizing scientific and technological knowledge to the student's reality. Thus, QSC is an excellent model for CTSA Education (Science, Technology, Society and Environment), helping to overcome Traditional and Technicist Pedagogy, which is still very present in scientific education. As a counterpoint to Traditional Education, we rely on Critical Theory due to the ability to raise doubts about the status quo of society and to propose alternatives to the agreement. In this context, CTSA teaching, in association with Critical Theory, shows itself as a possibility for the development of an education that promotes socio-environmental justice. In view of the increasing use of QSC, we are interested in studying the contribution of the application of QSC to the discipline of Administration, given the need to contextualize the scientific values present in society. These values, which permeate decisions in the social and environmental sphere, as the cases used in the teaching of Administration suggest simulation and reproduction of facts, in compliance with the requirements of the economic system, without concern with contemporary socio-environmental themes. We developed, for this thesis, two didactic sequences. The analysis and interpretation of the empirical data for each sequence is divided by chapters. The proposed application of two didactic sequences sought to favor the mobilization of conceptual, procedural and attitudinal dimensions of the contents of administration, work, environment (disposal of electronic waste) and social (consumption), aiming at the formation of socially and environmentally responsible citizens, able to make decisions and actions in daily life. For this, we work on the argumentative process, because we believe that knowing how to argue provides security in the defense of ideas, as well as in presenting opinions with reasons. We realize that in the teaching of the discipline of administration they still constitute conservative themes, contrasting with appeals to collective and community aspects. Thus, we propose the use of QSC in the teaching of management disciplines to promote critical scientific literacy, capable of providing the training of reflective professionals aware of their social role in overcoming the logic of capitalism and social injustice. We hope that this thesis can contribute to advances in research on the use of QSC in business education.

4
  • CHEICK OUMAR DOUMBIA
  • CONSTRUÇÃO DE UM MODELO DIDÁTICO DE REFERÊNCIA PARA CONSTRUÇÃO DE SABERES E ATUALIZAÇAO DE CONHECIMENTOS SOBRE O CONCEITO DE LIMITE NO MALI

  • Orientador : LUIZ MARCIO SANTOS FARIAS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • LUIZ MARCIO SANTOS FARIAS
  • ANDRE LUIS MATTEDI DIAS
  • ROSILEIA OLIVEIRA DE ALMEIDA
  • JOSÉ MESSILDO VIANA NUNES
  • HAMID CHAACHOUA
  • MAMADOU SOULEYMANE SANGARÉ
  • PIERRE JOB
  • SADDO AG ALMOULOUD
  • JOSÉ LUIZ MAGALHÃES DE FREITAS
  • Data: 15/05/2020

  • Mostrar Resumo
  • Estamos interessados no estudo do conceito de limite de função, mais particularmente nos aspectos epistemológicos e didáticos deste conceito matemático. Seu ensino é essencialmente baseado em quadros algébrico e numérico. Muitas pesquisas mostraram que a noção de limite é uma noção complexa para os alunos. Soluções preliminares foram desenvolvidas, mas ainda assim, as dificuldades persistem para os alunos. A noção de limite é uma noção fundamental de análise matematica. O objetivo do nosso estudo é ajudar futuros professores a construir situações de ensino que permitam aos alunos dar um significado matemático à noção do limite de uma função numérica de uma variável real em um ponto e do uso para mostrar que um dado real é o limite de uma função em um determinado ponto. Mais especificamente, propomos responder às seguintes questões: Quais saberes / conhecimentos sobre o conceito de limite são construídos pelos alunos, durante articulações e interações, no caso de um Modelo Didático de Referência construído com base em dimensões epistemológica, ecológica e econômico-institucional do objeto matemático em estudo? E subquestões como: é possível reduzir a distância entre o saber acadêmico e o saber ensinado? É possível fazer funcionar a definição formalizada? Não há confusão entre o cálculo do limite em um ponto e o estudo da continuidade neste ponto? Como no Mali foi a evolução do ensino da noção de limite? E por quais razões? Que compreensão os estudantes e professores têm atualmente da definição do limite? Quais conhecimentos são necessários para entender a definição formal do limite? Quais são as diferentes técnicas utilizadas? Qual é a importância de levar em consideração o domínio de definição no cálculo do limite? Em que níveis de educação deve surgir a definição formalizada? Qual é a importância da definição formal? Muitos estudos mostraram as profundas dificuldades dos alunos (e estudantes) na conceituação da noção de limite. Alguns deles atribuem algumas dessas dificuldades a obstáculos epistemológicos (concepção do limite como intransponível e inalcançável ou concepção do limite como um processo algébrico "finito", por exemplo) Cornu (1983). Outros apontam o duplo estatutos operacional e estrutural da noção ou os problemas relacionados à sua progressiva formalização Artigue (1996) e Bkouche (1997). Os resultados mostram que é a definição intuitiva que emerge e se torna um obstáculo para a compreensão da definição formal precisa, os professores que tenham sido objeto da nossa investigação tem todos uma concepção dinâmica do limite, é necessário incluem a história da matemática no currículo para futuros professores, a definição formal do limite não é inacessível para os alunos, a manipulação permite que os alunos para atualizar varios conhecimentos que estão a ela relacionadas, como a noção de intervalo, desigualdades com valor absoluto, distância, composição e decomposição de funções, ordem em  etc. a definição formal precisa permite corrigir obstáculos como o limite pode ser alcançado ou não, a supressão dos quantificadores, a confusão entre o limite e a continuidade, tendo em conta o conjunto de definição.


  • Mostrar Abstract
  • We are interested in the study of the concept of limit of function, more particularly to the epistemological and didactic aspects of this mathematical concept. His teaching is essentially based on algebraic and numerical frameworks. Much research has shown that the notion of limit is a complex notion for learners. Draft solutions have been developed, but still, the difficulties persist for learners. The notion of limit is a fundamental notion of analysis. The purpose of our study is to help future teachers participating in our research project to build teaching situations allowing students to give a mathematical meaning to the notion of limit of a numerical function of a variable real at a point and use it to show that a given real is the limit of a function at a given point. We propose more specifically to answer the following questions: What knowing / knowledge about the concept of limit, are built by students, during articulations and interactions, in the case of a Reference Didactic Model built in relying on the epistemological, eco-logical and economic-institutional dimensions of the mathematical object under study? And sub-questions such as: Does this model make it possible to reduce the gap between scholarly knowledge and the knowledge taught? Does it allow the formalized definition to work? Is there no confusion between calculating the limit at one point and studying continuity at this point? How has the notion of limit evolved in the Malian education system? And why? What understanding do students and teachers currently have of the definition of the limit? What knowledge is needed to understand the formal definition of the limit? What are the different techniques used? What is the importance of taking into account the domain of definition in the calculation of the limit? At what levels of education should the formalized definition emerge? How important is the formal definition? Many studies have shown the profound difficulties of students (and students) in the conceptualization of the notion of limit. Some of them attribute some of these difficulties to epistemological obstacles (conception of the limit as impassable and unreachable or conception of the limit as a "finite" algebraic process, for example) Cornu (1983), d. others point to the dual operational and structural status of the notion or the problems associated with its progressive formalization Artigue (1996) and Bkouche (1997). The results show that it is the intuitive definition that emerges and stands as an obstacle to the understanding of the precise formal definition, the teachers who were the subject of our survey have a dynamic conception of the limit, it is necessary to include the history of mathematics in the curriculum of future teachers, the formalized definition of the limit is not inaccessible to students, its manipulation allows students to update a lot of knowledge-it is related such as the notion of interval, inequalities with absolute value, distance, composition, decomposition of order function in R etc. the precise formal definition makes it possible to correct obstacles such as the limit reached or not reached, the elimination of quantifiers, the confusion between the limit and the continuity, the taking into account of the set-definition in the calculating the limit, it marks the passage from algebra to analysis.

5
  • JOSÉLIA FRANÇA DE HOLANDA CAVALCANTI
  • DIALÉTICA OSTENSIVA E NÃO OSTENSIVA NO ENSINO ATRAVÉS DE SITUAÇÕES PROBLEMAS OU PROBLEMAS ABERTOS: uma engenharia didática para circuitos elétricos



  • Orientador : LUIZ MARCIO SANTOS FARIAS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • LUIZ MARCIO SANTOS FARIAS
  • GEILSA COSTA SANTOS BAPTISTA
  • HELIO DA SILVA MESSEDER NETO
  • JOSÉ VALÉRIO GOMES DA SILVA
  • ITAMAR MIRANDA DA SILVA
  • Data: 19/06/2020

  • Mostrar Resumo
  • A disciplina “Circuitos Elétricos I” utiliza as inter-relações matemática e física para construção de seus conceitos. Considerando que matemática e física são disciplinas ministradas separadamente antes do estudo em Circuitos Elétricos I, são necessários dispositivos didáticos para compreender as restrições de ensino e criar condições no processo de ensino e aprendizagem. A pesquisa foi desenvolvida com alunos do 5º semestre do curso de Engenharia Industrial Elétrica, do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia, campus Salvador.  Os conhecimentos matemáticos e físicos requeridos e desenvolvidos durante os trabalhos em Circuitos Elétricos I vêm sinalizando por uma mudança no processo de ensino e aprendizagem na tentativa de aquisição de novos conceitos. O objetivo deste trabalho, enquanto um estudo alicerçado nos princípios da Didática da Matemática, em particular da Engenharia Didática, é de forma geral analisar, constituir, experimentar e apresentar sequências didáticas através da disciplina Circuitos Elétricos I que considerem as inter-relações da matemática e da física, bem como fornecer elementos empíricos encontrados no trabalho dos estudantes na aprendizagem de circuitos elétricos com resistor e capacitor, resistor e indutor e resistor indutor e capacitor em regime de corrente contínua. Especificamente investigamos as inter-relações entre matemática e física evocadas através das praxeologias em jogo na construção dos conceitos de indutores e capacitores presentes nos circuitos em estudo. A pesquisa tem uma abordagem qualitativa por possibilitar o conhecimento de características, situações e comportamentos desconhecidos ou pouco conhecidos de determinado grupo dentro de uma conjuntura social. A análise das atividades didáticas realizadas pelos sujeitos da pesquisa ocorreu conforme os pressupostos da Teoria Antropológica do Didático, originária dos pensamentos teóricos de Yves Chevallard, Marianna Bosch, Josep Gascón e Berta Barquero; nos estudos em Didática das Ciências, presente nos trabalhos de Jean Pierre Astolfi, António Cachapuz, Michel Develay, Daniel Gil-Pérez, Áttico Chassot. Como metodologia utilizamos a Engenharia Didática clássica ou de 1a geração, e nossa escolha parte da concepção de que tal proposta metodológica se constitui em organizar pesquisas a partir da construção de uma sequência de aulas planejadas com a finalidade de obter informações que permitam interpretar processos de ensino e aprendizagem.Conforme os pressupostos teóricos estudados, constatou-se a necessidade da participação do estudante no processo de ensino e aprendizagem para aquisição de novos conceitos. É necessário que o processo de ensino e aprendizagem através do desenvolvimento de organizações didáticas novas, permita a participação do estudante na construção do conhecimento.


  • Mostrar Abstract
  • The course “Electrical Circuits I” uses mathematical and physical interrelations to construct its concepts. Since mathematics and physics are subjects taught separately before studying in Electrical Circuits I, didactic devices are required to understand teaching constraints and create conditions in the teaching and learning process. The research was developed with students from the 5th semester of the Industrial Electrical Engineering course, from the Federal Institute of Education, Science and Technology of Bahia, Salvador campus. The mathematical and physical knowledge required and developed during the work in Electrical Circuits have been signaling a change in the teaching and learning process in the attempt to acquire new concepts. The aim of this paper, as a study based on the principles of Mathematics Didactics, in particular Didactic Engineering, is to analyze, constitute, experiment and present didactic sequences through the subject Electrical Circuits I that consider the interrelationships of mathematics and of physics, as well as providing empirical elements found in the work of the students in learning of electrical circuits with resistor and capacitor, resistor and inductor and inductor and capacitor resistor in direct current regime. Specifically we investigate the interrelationships between mathematics and physics evoked through the praxeologies involved in the construction of the concepts of inductors and capacitors present in the circuits under study. The research has a qualitative approach by allowing the knowledge of characteristics, situations and behaviors unknown or little known of a particular group within a social co