PGMICRO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM MICROBIOLOGIA (PGMICRO) INSTITUTO DE BIOLOGIA Telefone/Ramal: Não informado

Banca de DEFESA: LARISSA AMORIM TOURINHO DE VASCONCELOS

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : LARISSA AMORIM TOURINHO DE VASCONCELOS
DATA : 27/11/2020
HORA: 14:00
LOCAL: Salvador, Bahia (Conferência Web RNP)
TÍTULO:

ANÁLISE GENÔMICA DA SINALIZAÇÃO MEDIADA POR c-di-GMP EM BIOFILME DE Leptospira biflexa



PALAVRAS-CHAVES:

mensageiro secundário, diguanilato ciclase, fosfodiesterase, efetor, TetR, leptospirose.


PÁGINAS: 106
RESUMO:

Leptospira forma biofilmes in vitro e em ambientes naturais. A formação de biofilmes é induzida por sistemas de sinalização e, entre as moléculas sinalizatórias, di-GMP cíclico (c- di-GMP) é um importante mensageiro secundário envolvido na formação de biofilmes. Estudos de sinalização celular em biofilmes de Leptospira são escassos e pouco se sabe sobre a via de sinalização de c-di-GMP durante a formação de biofilmes Neste trabalho, realizamos um amplo estudo genômico no sistema de sinalização de c-di-GMP em Leptospira biflexa. Executamos buscas de similaridade e acessamos bases de dados para identificar genes relacionados ao c-di-GMP, predizemos funções enzimáticas e de ligação ao c-di-GMP, e investigamos a expressão dos genes identificados com base no conjunto de dados do transcriptoma de biofilmes de L. biflexa. Identificamos 22 genes codificantes de diguanilato ciclases (DGCs), fosfodiesterases (PDEs) e proteínas híbridas putativas. Destas, 16 genes são potencialmente funcionais. Dois genes codificando a DGC LEPBI_I2876 e a PDE LEPBI_I0099 apresentaram níveis de expressão que sugerem que estas proteínas modulam as concentrações de c-di-GMP durante o desenvolvimento de biofilme. Também detectamos nove genes efetores putativos, incluindo um ortólogo de pnp que é mais expresso em biofilmes maduros e quatro genes que apresentam domínios PilZ potencialmente funcionais. Nós também mostramos que csrA, bolA, hfq e fliA, reguladores de c-di-GMP conhecidos, foram expressos em biofilmes de L. biflexa. Adicionalmente, encontramos cinco genes da família TetR que são mais expressos durante a dispersão de biofilmes em L. biflexa, e sugerimos que esses genes podem induzir a dispersão de biofilmes através da repressão da sinalização de c-di-GMP. Ademais, propomos que Pnp, FliA e a DGC LEPBI_I2876 atuem de forma coordenada durante o desenvolvimento de biofilmes em L. biflexa. O presente trabalho, conduzido na espécie saprofítica L. biflexa, aponta componentes de uma via de sinalização de c-di-GMP que está em seus estágios iniciais de estudo em Leptospira.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1879071 - PAULA CARVALHAL LAGE VON BUETTNER RISTOW
Externo ao Programa - 3177471 - PABLO RAFAEL SILVEIRA OLIVEIRA
Externo à Instituição - CRISTIANE RODRIGUES GUZZO CARVALHO - USP
Externo à Instituição - MARCOS VICENTE DE ALBUQUERQUE SALLES NAVARRO - USP
Externo à Instituição - PABLO IVAN PEREIRA RAMOS - Fiocruz-Ba
Notícia cadastrada em: 16/11/2020 16:58
SIGAA | STI/SUPAC - - | Copyright © 2006-2022 - UFBA