Banca de DEFESA: JULIA MITCHELL LANDAU

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : JULIA MITCHELL LANDAU
DATA : 13/06/2022
HORA: 09:00
LOCAL: UFBA via Online
TÍTULO:

“Oxe I have finished de hoje”: o papel da primeira língua no desenvolvimento do biletramento de crianças


PALAVRAS-CHAVES:

Biletramento. Translanguaging. Educação Bilíngue. Primeira Língua.


PÁGINAS: 167
RESUMO:

Com o crescimento da área de educação bilíngue no Brasil, questões de teoria e prática ganharam importante proeminência. Uma das pautas recorrentes ao discutir a aprendizagem de uma língua adicional ou na língua adicional é a da primeira língua e seu lugar na sala de aula. Enquanto algumas abordagens tratam a primeira língua como obstáculo, compreendendo sua presença na língua adicional como erro, outras perspectivas sugerem o acolhimento de L1 como recurso, essencial para enxergar os avanços dos estudantes. Esta pesquisa, situada no contexto de salas de aula virtuais do primeiro ano de um programa bilíngue durante a pandemia Covid-19, investigou o uso da língua de nascimento em relação à alfabetização na segunda língua. Utilizando atividades de escrita espontânea e gravações de aula, foi analisado o uso de Português, por estudantes e professores, para e em relação à emergência da leitura e escrita. Atenção específica foi direcionada para questões do se e como as crianças e professores aproveitaram a primeira língua ao construir conexões e reflexões metalinguísticas que favorecessem o desenvolvimento do biletramento. Ao analisar registros de atividades de escrita espontânea, foram observadas certas características da escrita de estudantes no início do desenvolvimento do bilinguismo. Nos diálogos transcritos de gravações de aula, foi observado importante aproveitamento da primeira língua, pela qual os estudantes refletiram sobre a linguagem, realizaram conexões entre as línguas e demonstraram construir uma relação positiva com o erro durante sua jornada linguística. Foi observado que os professores, ao acolher e orientar o uso de L1 por parte das crianças, promoveram um ambiente propício para as reflexões e contribuições dos estudantes. Considerando esses aspectos de forma articulada, constatou-se o favorecimento do desenvolvimento do biletramento. Partindo de uma prática pedagógica consciente da primeira língua, tal qual foi observada neste estudo, foi identificado, e ora é proposto, um elemento relevante para uma abordagem brasileira ao biletramento e educação bilíngue


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 1676797 - DOMINGOS SAVIO PIMENTEL SIQUEIRA
Interno - 1857628 - FABIANO SILVESTRE RAMOS
Externa à Instituição - ANTONIETA HEYDEN MEGALE - UNIFESP
Notícia cadastrada em: 09/06/2022 16:29
SIGAA | STI/SUPAC - - | Copyright © 2006-2022 - UFBA