PEI-P PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA INDUSTRIAL (PEI-P) ESCOLA POLITÉCNICA Telefone/Ramal: Não informado

Banca de DEFESA: BRUNO PERMINIO TENORIO SANTOS

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : BRUNO PERMINIO TENORIO SANTOS
DATA : 24/02/2021
HORA: 09:30
LOCAL: videoconferência na plataforma RNP (sala PEI-UFBA)
TÍTULO:

CONTROLE ESTATÍSTICO DE PROCESSO APLICADO À INDÚSTRIA DE ALIMENTOS 


PALAVRAS-CHAVES:

Controle Estatístico de Processos (CEP), Carta de Controle Multivariada e Indústria de Alimentos.


PÁGINAS: 103
RESUMO:

A indústria de alimentos, mais precisamente as fabricantes de biscoitos, estão inseridas em um mercado que movimentou 136 bilhões de dólares em vendas e cresceu 9,68% em 2018. As empresas deste ramo precisam adotar métodos que possibilitem otimizar ou melhorar seus processos, de tal forma a se manterem competitivas no mercado. Uma das estratégias utilizadas para atender a esse objetivo é o Controle Estatístico de Processos (CEP), utilizada para diminuir a variabilidade de um processo com base em análises estatísticas. O objetivo principal desta pesquisa foi implementar o controle estatístico de processo para o monitoramento do processo de fabricação de biscoitos, elaborando gráficos de controle univariada e multivariada. A linha de produção de biscoitos foi analisada em três pontos de coleta utilizando dois tipos de moldes (A e B), com o objetivo de se avaliar a correlação, os impactados do ponto de coleta das amostras e o efeito das cinco variáveis do processo: peso cru, peso assado, espessura, comprimento e largura. Foram evidenciadas diferenças estatisticamente significativas entre os pontos de coleta quando se utilizou o molde A, recomendando-se a coleta de amostras no ponto de coleta MEIO. Essa mesma diferença não foi evidenciada utilizando-se o molde B. O teste de Anderson-Darling foi usado para avaliar a normalidade das variáveis do estudo. As variáveis gravimétricas (peso cru e peso assado) não apresentaram aderência significativa, enquanto as variáveis dimensionais (espessura, comprimento e largura) apresentaram aderência a normalidade. Um melhor controle de processos permitiu a redução de perdas de qualidade. Antes de iniciar os trabalhos as perdas de qualidade estavam em 10,37%, ao finalizar o desenvolvimento desta pesquisa o processo apresentou 7,52% do mesmo indicador, uma redução de 27,48%.


MEMBROS DA BANCA:
Externo(a) ao Programa - 1429447 - ANGELO MARCIO OLIVEIRA SANT ANNA
Externo(a) à Instituição - DIEGO DE CASTRO FETTERMANN
Interno(a) - 1220619 - FRANCISCO GAUDENCIO MENDONCA FREIRES
Presidente - 1675191 - MARCIO LUIS FERREIRA NASCIMENTO
Notícia cadastrada em: 16/02/2021 17:49
SIGAA | STI/SUPAC - - | Copyright © 2006-2022 - UFBA